Redação Pragmatismo
Compartilhar
Homofobia 25/Nov/2014 às 13:51
31
Comentários

Defensor da 'cura gay' se casa com outro homem

Ex-líder de grupo que dizia que a homossexualidade era um pecado e defendia que os gays eram 'curáveis' acaba de se casar com um homem. Assim que deixou o grupo, John Smid se desculpou por ter prejudicado "adolescentes que já estavam em uma situação delicada na vida"

john smid cura gay homofobia
John Smid (esq) liderou durante 18 anos um grupo que pregava a ‘cura gay’. Ele se casou essa semana com o seu parceiro Larry McQueen (divulgação)

O ex-ativista anti-gay John Smid desistiu de lutar contra a homossexualidade, e após 18 anos de militância resolveu assumir sua orientação sexual e se casar com um homem.

Entre 1990 e 2008, Smid liderou o grupo “Love in Action”, que apoiava a “cura gay” em crianças e adolescentes. O ex-líder dizia que os homossexuais eram “pecadores” e pedia orações para que os gays se distanciassem. As informações são do Daily Mail.

Assim que deixou o grupo, Smid se declarou homossexual e disse que nunca conheceu nenhum “ex-gay”. Já em 2010, o ex-ativista se desculpou por ter prejudicado “adolescentes que já estavam em uma situação delicada na vida”. Na última semana, John anunciou a oficialização da união com o namorado, Larry McQueen.

“Eu tinha fé de que algo iria acontecer (conseguir mudar a orientação sexual), mas isso nunca aconteceu. Agora, na minha idade, já não tenho muitos anos restantes, não posso viver mais assim pelo resto da minha vida. Então, eu pensei que não, eu não estou disposto a continuar empurrando algo que não vai ocorrer”, desabafou.

“Conheci McQueen gradualmente, até que chegou um momento em que descobrimos que queríamos conhecer melhor um ao outro por meio de uma relação amorosa. Conforme saíamos, compartilhávamos as mesmas expectativas de vida, filosofias pessoais e nossos valores de fé. Encontramos uma compatibilidade que era confortável e emocionante”, escreveu ele ao lado da foto do namorado.

VEJA TAMBÉM: Jovem gay submetido a sessão de ‘cura’ em igreja foi eletrocutado, queimado e perfurado

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Mallu Postado em 25/Nov/2014 às 14:16

    Tinha que ter valores cristãos no meio desse discurso de "pecado". Até quando o povo será manipulado pelas religiões, imagine o estrago que esse cara fez nas vidas das crianças, adolescentes e suas famílias que foram vítimas dessa "cura", como se ser gay, ou qualquer outra coisa que fuja dos "padrões" sociais fosse doença e precisasse de cura. Ignorância sim, é uma doença e mata.

    • Guilherme Postado em 25/Nov/2014 às 14:22

      Parabéns Mallu pelo comentário! Precisamos de mais seres humanos como você.

    • Rodrigo Postado em 25/Nov/2014 às 15:38

      (Outro Rodrigo) "Coitado" de Jesus, tendo suas palavras distorcidas, quando de sua aplicação, causando danos a tantos e, assim, sendo alvo de ojeriza, por parte de tantos outros. O valor cristão em muito difere do "valor cristão", tal qual os ideais partidários em muito diferem dos "ideais partidários" - à frente de uma instituição/organização, infelizmente, muitos homens deturpam textos, ideais, valores, a fim de que sirvam aos seus interesses, mas não ao seu fim próprio.

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 18:59

      Na verdade Mallu, a história e a bíblia não são contra os homossexuais, a cultura judaica é contra o coito infértil pelo sêmen ser sagrado. Por isso a Bíblia não era lida por todos, essa interpretação radical e literal da Bíblia é nova e errada.

      • Eduardo Postado em 25/Nov/2014 às 20:02

        A fé cega, cega as atitudes das pessoas.

      • Flávio Loureiro Postado em 26/Nov/2014 às 00:10

        Samael, louvável sua tentativa de defender a tal da bíblia, mas não cola. O antigo testamento possui regras atrozes e absurdas. Aceita a escravidão e trata homossexuais como "abominações". Além disso, Jesus pronunciou claramente que "não veio para mudar a lei" (lei, no caso, a tal bíblia). O mais saudável mesmo seria não acreditar em seres invisíveis e mitológicos, mas aparentemente o mundo não está pronto para isso.

      • Michelle Postado em 06/Apr/2015 às 23:42

        E qto as partes da bíblia - tanto no AT qto no NT - que condena homossexuais à morte e sofrimento eterno?

    • Eduardo Postado em 25/Nov/2014 às 19:59

      concordo Mallu, interessante as pessoas acharem que as outras tem manuais de instrução para que possamos controla-las e gerir suas vidas.... não tem e cada um sabe de si.... e nenhum de nós pode ir contra as designações de Deus.... o Livre Arbítrio.

      • Paulo Roberto Postado em 03/Nov/2015 às 07:55

        Flavio Loureiro, tudo/ ou quase tudo na vida `e uma questao de INTERPRETACAO, depende e muito de como cada pessoa compreende o que ve/le/escuta. JESUS CRISTO, realmente nao veio mudar as leis, mas sim, a consciencia dos homens de BOA VONTADE. Quando JESUS foi questionado sobre os impostos que o povo deveria pagar a Cesar ( questionamento esse com um fundo malicioso), ele respondendo com uma famosa metafora; A Cesar o que `e de Cesar, a DEUS o que `e de DEUS. agora cada um, "agasalha-se" de acordo com o frio que sente.

  2. ULISSES BARBOSA Postado em 25/Nov/2014 às 14:31

    Queria ver a cara do Malafaia rs.

    • Leandro Ramos Benfatti Postado em 25/Nov/2014 às 18:40

      Eu tbm kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • Eduardo Postado em 25/Nov/2014 às 20:03

        eu do Feliz anus.....devem estar muito chateado por perder um adepto.

  3. Kika Postado em 25/Nov/2014 às 15:09

    desculpe Malu, mas a postura é dele e nao de toda uma comunidade cristã. quem o segui é cego e intolerante. sou cristão e nao sou intolerante ou quero curar ninguem. tenho muitos amigos cristaos, um grupo comunitario até bem conservador e nenhum de nos, nem nossos guias, nem papa Francisco propoem curar ninguem! entao , não generalize, pode ser um grande equivoco. assim como achar que quem é ateu é livre de preconceito ou de intolerancia! abraço!

    • Mallu Postado em 25/Nov/2014 às 16:15

      sim sim Kika, eu conheço alguns poucos cristãos que não são intolerantes (deixo claro o pouco, pois não significa que seja regra, apenas eu pessoalmente conheço poucos deste tipo, podem haver vários fora do meu conhecimento), inclusive seu exemplo do papa foi pontual, concordo. Eu estou ciente de que ele não representa toda a comunidade cristã nem todas as religiões ou qualquer coisa do tipo, eu quis dizer que ele usou da maneira mais negativa dos valores cristãos, e igual a ele tem muitos, não só na comunidade cristã. E me referi ao manipulado pontualmente também, pois sei que existem pessoas com pensamento livre dentro das religiões, e que essa manipulação causa danos imensos, inclusive na sociedade como um todo. Muitos usam da religião com propósitos obscuros, envolvendo massas de pessoas e alienando-as, isso o que eu procurei explanar com o até quando.Concordo com sua colocação sobre os ateus, é muita inocência achar que existe algum "grupo" onde todos os seus componentes possam ser generalizados. Abraços

    • Alexandre Postado em 25/Nov/2014 às 18:36

      Você que não é uma verdadeira cristã. A Bíblia ordena, tanto no Novo quanto no Velho Testamento a segregação dos gays. Estou sendo provocativo, pois a grande maioria das pessoas que se dizem cristãs não segue a maioria das prescrições bíblicas, apenas aquilo que for conveniente e compatível com uma vida secular. Então porque não abandonar de uma vez a loucura bíblica e adotar uma ética secular de uma vez por todas?

      • Cesar Postado em 26/Nov/2014 às 17:30

        Não, Alexandre, a Bíblia não manda segregar os gays, pelo contrário, o amor ao próximo é uma das ordenanças, a questão é bem outra - é o que se pratica - o erro em si, isso é condenável, mesmo assim, fica a cargo de Deus o julgamento nos fins dos tempos, não aos homens porque este um ser decaído e não tem poder para tal. A convivência pacífica entre as pessoas devem ser natural e tolerante, o que não se pode é julgar radicalmente o que elas praticam, por isso é que os que são semelhantes estão sempre juntos e isso também incomodam os que não fazem partes do meio, e as criticam. Para vivermos cotidianamente juntos devemos aceitar as diferenças no dia a dia, entretanto, cada um, por outro lado, fazem parte de outras grupos de acordo com o seu ponto de vista político, social e semelhanças. e se por acaso não aceitamos, buscamos outros grupos e sociedades para convivermos, isso é normal, assim é o ser humano. A questão religiosa engloba nesse tema - o cristão jamais aceitará o que está se passando pelo mundo secular, mas a Bíblia diz que ele deve agir apenas com o seu "Sim, sim", "Não, não" e dando exemplo de vida (testemunho) sem atritos com o próximo. Que não deveria estar acontecendo e vem ocorrendo, com aqueles que são mais radicais, causando mais atritos por causa do seu ponto de vista fanáticos. Ora, a questão moral cristã pertence ao seu meio e não aos outros que não pertencem ou praticam a mesma fé, e nem se deve impor os seus princípios éticos cristãos a estes ou aquele grupo, senão como viveremos em sociedade no nosso dia a dia desrespeitando ao próximo? Os padrões de vidas devem ser respeitados, mas não impostos e alterados para sermos aceitos em sociedades, o que não podemos é impor o que pensamos, mas o direito de defender aquilo que pensamos quando afrontado e cerceados, isso sim, é dado ao direito de discutir, contudo, sem radicalização que não chegará a lugar nenhum. O que o Sr. Malafaia faz é o mesmo que o Sr Gilmar Mendes faz, extrapolam a discrição das suas esferas, por que as autoridades e religiosos não o faz, porque conhecem os seus limites, e por causa de um desacreditam o resto.

  4. Alfredo Postado em 25/Nov/2014 às 15:47

    Ainda veremos o casamento do Levy Fidelix com o Jair Bolsonaro realizado pelo pastor Everaldo com a Marina Silva de testemunha.

    • Leandro Ramos Benfatti Postado em 25/Nov/2014 às 18:44

      Verdade! Concordo com vc Alfredo! kkkkkkkkkkkkkkkkkkk Ainda eu viverei pra ver isso!!!

  5. Priscila Postado em 25/Nov/2014 às 16:22

    "Cura gay" é uma causa (se é que podemos chamar de causa) muito ridícula, sem fundamento algum... Precisamos de cura pra racistas, homofóbicos e xenofóbicos, afinal de contas essa doença está espalhando rapidamente e mata!!

  6. Mark Ramone Postado em 25/Nov/2014 às 16:37

    Se liga, Feliciano!

  7. Stella Postado em 25/Nov/2014 às 17:30

    Próximos da lista: Malafaia, Feliciano e Bolsonaro. Que sejam felizes, rsrsrsrs.

    • Eduardo Postado em 25/Nov/2014 às 20:05

      meu amigo dava um enredo de Escola de Samba.... se Adoniran fosse vivo virava samba....

  8. Samael Postado em 25/Nov/2014 às 18:36

    Po Stella! Roubou minha piada. Mas falando sério, aquele "Felicianus", aquele da pinta q queima.

  9. vilmar Postado em 25/Nov/2014 às 18:50

    quem já viu falar no ditado?: quem critica dimais quer comprar. ai esta a prova...!

  10. Ronald Postado em 25/Nov/2014 às 19:39

    Acho que o cara tem que orar para ser curado. Se não for, é porque é a vontade de deus. " Em tudo dai graças, por que esta é a vontade de deus. haushaushuashuahsuh

  11. Carla Postado em 25/Nov/2014 às 19:46

    A bíblia é clara quanto ao homossexualiamo, Deus abomina tal prática. É fato. Deus ama o homem porém destesta o pecado, coitado desse homem que se casou cm outro, o fim é triste.

    • Rodrigo Lima Postado em 26/Nov/2014 às 11:26

      E porque tanto interesse no que o outro faz ou deixa de fazer com outro homem, a vida é dele, cada um tem que cuidar da sua e esquecer a vida dos outros. Se você faz tudo certo perante deus e está salva e feliz, parabéns. Agora deixe o outro ser feliz, mesmo sendo o que é, e sendo pecador. Se ele é feliz pecando(ao seu ver), o problema é dele e não seu.

    • poliana Postado em 26/Nov/2014 às 11:50

      Carla, vc eh a prova de q a inteligência tem limites, A IGNORÂNCIA NÃO!

  12. silvia Postado em 25/Nov/2014 às 21:53

    Isso mesmo, case com quem vc ama, se deus existe ñ tem pq ele ñ te 'perdoar' se ñ cai uma folha da árvore sem a vontade de deus, certo? Sejam tds felizes!!!

  13. Rodrigo Postado em 26/Nov/2014 às 17:40

    (Outro Rodrigo) E me causa espécie que, muitos dos comentários, supostamente contrários à homofobia, recorrem à troça com a homossexualidade, a fim de ridicularizar o outro.

  14. Marco Postado em 03/Nov/2015 às 18:13

    Todo homofóbico é um gay enrustido, um indivíduo lutando com seus demônios internos.