Redação Pragmatismo
Compartilhar
Racismo não 25/Nov/2014 às 19:01
89
Comentários

A Câmara Municipal que decretou feriado pela ‘Consciência Branca’

Presidente da Câmara da cidade de Sertãozinho justificou medida porque um primo se diz vítima de preconceito por ser branco. “Tenho um primo que chamam de maisena, de tão branco que ele é, e ele mesmo me cobrou, se tem pelos negros também deveria existir dos brancos, porque existe preconceito contra branco também”

consciência branca sertãozinho
Rogério Magrini, presidente da Câmara Municipal de Sertãozinho (SP)

O presidente da Câmara de Sertãozinho (SP), Rogério Magrini dos Santos (PTB), decretou ponto facultativo na última sexta-feira (21) em “Homenagem à Consciência Branca”. A medida foi tomada no mesmo decreto que validou ponto facultativo para o Legislativo local pelo Dia da Consciência Negra, comemorado na quinta-feira (20).

O presidente da Câmara, também conhecido como Zezinho Atrapalhado, justificou a “homenagem” porque um primo se diz vítima de preconceito por ter pele de cor branca. “Tenho um primo que chamam de maisena, de tão branco que ele é, e ele mesmo me cobrou, se tem pelos negros também deveria existir dos brancos, porque existe preconceito contra branco também”, diz.

A “homenagem” gerou polêmica e críticas de instituições que combatem o preconceito. Uma ONG que atua na cidade contra a discriminação racial considerou a atitude “inaceitável”.

“Por uma questão histórica, este decreto é um absurdo e um ato de preconceito”, afirmou Luís Honório, presidente da ONG Cabeça Di Nego de Sertãozinho. Honório considera ainda entrar no Ministério Público contra o decreto.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Felipe Peters Berchielli Postado em 25/Nov/2014 às 19:14

    MAISENA AHUAEHUEAHUAEHUAEHUAEHUAEHUAEHEAHUHEAUEAHEAUHAEHUAEEUEAHUAEHUAEHUAEHUAEHUAEHUAEHUAEHAEUEAHUAEHUAEHUAEUHHAUHUAEHAEAEHUAEHUAEHUAEAEHAEHUAEUHAEHUAEHUAEHUAEHUAEHUAEHAEAEHUAEHUAHUAAHEUAHUAEHUAEHHEUAEHUAEUHAEHUHAEUAEHUAEHUAEHUAE

    • j Wilson Postado em 25/Nov/2014 às 19:54

      É só ele devolver GRAFITE

      • Fred Postado em 26/Nov/2014 às 08:17

        A luta deve ser para que tenhamos tantos "Grafites" quanto "Maisenas" nas faculdades, consultórios médicos, como engenheiros, etc. Quando isto acontecer estes termos serão apenas apelidos.

      • Guilherme Postado em 26/Nov/2014 às 08:24

        Como você concluiu que os que chamam o primo do vereador de maisena são negros? O racismo está impregnado em sua cabeça infantilizada. Isto aqui não é bate boca de meninos.

  2. Samael Postado em 25/Nov/2014 às 19:16

    É. .. , isso rende debates acalorados, porque o que significa igualdade racial? Uma vez uma amiga viu minha mão e falou "nossa, como vc é branco!" Eu virei pra um amigo negro do meu lado e perguntei, "vc ia gostar q alguem falasse pra vc 'Nossa, como vc é negro.'

    • J Wilson Postado em 25/Nov/2014 às 19:34

      Nós negros, ao menos a maioria, não tem problema em ser chamado de NEGRO. O Grande problema é que o termo vem sempre pejorativamente. Carregado de reticencias e associados ao : ESCURO, SUJO, ACOMODADO, BURRO, IRRACIONAL, SUBALTERNO... “negro fio da peste”, “nego safado” “Nego preguiçoso” “Nego retinto” nego betume” etc, etc etc. Nós gosta que chega goza quando é: Nego chocolate Nego bom Meu pretim Nego café com leite Nego toco de baraúna Nego “jegue” Tendeu ? kkkkkkkkkkkkk

      • Gehardt Postado em 25/Nov/2014 às 19:58

        VC se sente assim? Se sente, talvez seja o caso de procurar tratamento. Meu apelido é Alemão e nem por isso associo a alcunha a termos perjorativos como "nazista", "assassino de judeus" e coisas do gênero. Tendeu??????

      • lucia goulart Postado em 26/Nov/2014 às 00:02

        O dia da consciência negra é justamente comemorado no dia em que morreu Zumbi dos Palmares, lembrando que desde do séc XVII os negros resistiam e lutavam contra a imposição, a escravização, a subalternização imposta pelo branco, europeu. Esse pensamento eurocentralizado do dia da consciência branca é ridícula, não temos uma identidade branca, ainda que a cor da pele seja mais clara, temos em nossa constituição como sociedade brasileira uma miscigenação rica, de índios, negros, e brancos. Nos países "Nórdicos", europeus somos conhecidos como "Não brancos". E o dia da consciência negra é dia de resistência e luta, dia de mostrar que existe o racismo disfarçado, que as oportunidades entre negros e os de pele "não negra", são desiguais, e que racismo é CRIME, e ninguém precisa de tratamento quando se sente ofendido por ser chamado de forma pejorativa associada a raça negra, quem precisa é de um processo é quem faz essas piadas politicamente incorretas, chamar alguém de alemão em nossa cultura de síndrome de "vira-lata" para muitos é um elogio enorme, faz pensar que é um "europeu", um ser "superior" na mente dos europerizados. Para esse aconselho aulas de História Medieval que irá explicar que não existe a pureza que os europeus pensam ter e ser, que a África teve um papel central na Historia, e todos os homens nasceram da Mama África, temos todos o mesmo DNA.

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 09:41

        Meu apelido é "turca" e nem por isso me sinto chamada de terrorrista nem de fundamentalista. O insulto só é mais bem sucedido onde mais existe um problema de autoimagem.

      • Comentário burro Postado em 26/Nov/2014 às 12:02

        Ser chamado de turca e alemão não tem o mesmo peso do que ser negro, por favor. Qual foi a última vez que você ouviu uma piada sobre alemão nazista no Brasil? E o turco é no máximo associado a ser pão duro, e é sempre uma piadinha leve. Já pra ouvir negro macaco e fedido ou serviço de preto basta ir ao ponto de ônibus mais próximo. Eu sou descendente de italiano e nunca ouvi piada sobre Mussolini, então os negros é que têm auto-estima baixa? Fala sério.

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:42

        Fala sério vc que vive não sei em que planeta. Vai dizer que, por exemplo "árabe terrorista" e "alemão nazista" que são proferidos neste país o tempo inteiro são piadas levinhas? Terrorista e nazista comete genocidio. Isso agora é menos grave do que ser ou parecer "macaco"? Sua comparação revela e ratifica o problema da autoimagem no qual ando insistindo aqui, que superdimensiona o pejorativo. E sabe mais do que? Bem feito ! Cada um tem a autoestima que merece ! Uma coisa é ativismo antiracismo e outra é criação de caso vingancista.

    • ralfh Postado em 25/Nov/2014 às 19:42

      que comparação fraca, muito irrelevante!!!

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 21:09

        É ralfh, acho q foi muito imparcial e bem relevante, o 100% negro pode, o contrario é preconceito.

    • José Ruiz Postado em 27/Nov/2014 às 11:45

      Samuel, vc é um imbecil de carteirinha, devia ser condenado a estudar história por toda a eternidade, talvez aprendesse alguma coisa..

  3. Ana Black Postado em 25/Nov/2014 às 19:17

    Só pode ser zueira do Sensacionalista.

  4. Almir Sater Postado em 25/Nov/2014 às 19:26

    Legalmente o racismo é uma moeda de dois lados, mas culturalmente, bem, nós sabemos que racismo inverso ao menos culturalmente é algo que não existe, afinal, não é o cabelo do branco que é chamado de cabelo ruim e nem o jovem branco que é associado com a bandidagem.

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 21:11

      Ai q vc se engana. Vc só não tem contato com o racismo contra brancos, porque as piadas são so entre os grupos.

      • Felipe Peters Berchielli Postado em 25/Nov/2014 às 22:58

        É mesmo? Diga-me,qual cultura secreta segrega os brancos e os tratam como cidadãos de segunda classe por serem brancos?

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:44

        MAS ESSA CULTURA NÃO EXISTE POR IMPOSSIBILIDADE OU POR FALTA DE VONTADE DOS NÃO BRANCOS?.

    • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 09:42

      MAS É O BRANCO QUE É ASSOCIADO AO RACISMO MESMO QUE NÃO SE TRATE DE UM BRANCO RACISTA.

  5. fernando eduardo Postado em 25/Nov/2014 às 19:28

    O dia da consciência branca pode ser simplesmente chamado de COTIDIANO. Sugiro um pouquinho de leitura de história para esse cara que me fez sentir asco. A ignorância nesse caso não é uma bencão. Consciência negra não é para tentar fazer com que o negro seja melhor que ninguém, mas um dia de reflexão, de rupturas de culturas ancestrais, de memória histórica, de lutas, de gente morta por ser de uma cor diferente da sua.

    • Magnum Postado em 25/Nov/2014 às 21:15

      Perfeito! Não é uma luta por "algo a mais". É uma luta pela igualdade cerceada, no Brasil, há cinco séculos.

  6. BIANCA Postado em 25/Nov/2014 às 19:34

    acho que e o se defende é que negros e brancos são iguais então por lógica também deveria existir da da consciência branca sim

    • ricardo Postado em 25/Nov/2014 às 19:50

      Sim. E é hilariante uma ONG que combate preconceito processar eles...

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 19:52

        É Ricardo, "Tem branco no samba."

      • Johnny Postado em 25/Nov/2014 às 20:09

        O dia da Consciência negra não é apenas uma festividade em homenagem aos negros, muito menos um dia para diferenciar negros de brancos, o dia da consciência negra é além de tudo, um dia importante para refletirmos sobre tudo que é desigual entre as etnias, e não cito só atualmente, cito historicamente, vindo desde a escravização dos africanos e outros povos negros e indígenas, até o momento atual em que a maior parte da miséria mundial se concentra em países de etnia negra ou indígena, onde a população carcerária em sua maioria é constituída de pessoas da etnia negra, então não me venham com este discurso de " igualdade de direitos " porque a história comprova que não existe igualdade entre as etnias em questão. Poderia citar aqui mil exemplos, mas não é o caso !

    • Carlos Postado em 25/Nov/2014 às 20:04

      Como deveria haver o Dia do Ogulho Hétero, o Dia da Mulher Feminina, o Dia da Classe Média que paga Impostos, o Dia do Pobre Branco que não tem Direito a Cotas e assim por diante. Se é pra ter igualdade, que seja pra todo mundo.

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 20:16

        Então Johnny, deveria ter o dia do povo judeu, mesmo q agora eles estão assassinando um monte, historicamente nenhum povo sofreu tanto quanto eles.

      • Paulo Postado em 25/Nov/2014 às 20:47

        Dia do corrupto, dia do assassino, dia do ladrão, dia do pedófilo...se é pra ser genérico, alguém me explica pq a cidade de São Paulo (a CIDADE, que não tem mar), tem o dia do surfista? Esses "dias", em sua maioria, são criados por vereadores para "justificar" o pouco que fazem nas câmaras pelo povo. Criar "dias" e dar nome à ruas. Enquanto isso, votar uma reforma política vai ficando cada vez mais difícil...

      • Tiago Silva Postado em 25/Nov/2014 às 21:44

        Apenas retificando.... quem paga imposto no Brasil são os pobres, já que os empresários repassam seus impostos (muitas vezes a totalidade por não haver concorrência) para os produtos que todos consomem, mas que o pobre paga numa proporção absurda. Por isso o sistema tributário brasileiro é considerado regressivo e está longe dos melhores sistemas do mundo (OCDE). Ahhh isso sem falar que o Brasil é um dos poucos países que não se tributa lucro distribuído e que o rico que sonega nunca é preso por causa de uma extinção de punibilidade (medidas promovidas por FHC e que continua até hoje)! Antes de falar asneiras... vai estudar!

      • Pedro Postado em 25/Nov/2014 às 21:48

        Se é pra ter igualdade é pra ter justiça também, certo? Então esclareço: O pobre branco tem direito a cotas sim, meu amigo Carlos, Cota Social, basta ter estudado em escola pública.

      • Thiago Lopes Postado em 25/Nov/2014 às 23:32

        Deveria haver um grupo de Orgulho Carlos, porque não? Um dia por Carlos e sua invejável inteligencia, visão política, pensamento e raciocínio. Dia do Carlos, que pode ser conhecido também como dia da inteligência.

    • Rafaela Postado em 25/Nov/2014 às 22:21

      Sim, porque Brancos tem sofrido muito ao longo da História, tadinhos. Vamos nos conscientizar disso, não é mesmo? ah que dó

    • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 09:45

      Eu é que não vou nunca precisar de um feriado desses. Meu feriado vai continuar sendo primeiro de maio.

      • Felipe Rosa Postado em 26/Nov/2014 às 10:18

        Os negros escravos trabalhavam sábados, domingos e feriados, inclusive no dia 1º de maio.

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:44

        Então eu já fui escrava lá no início de minha vida laboral. kkkkkkkkkkkkkk

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:45

        Só mais uma coisinha: os escravos trabalhavam de graça o tempo todo, mas não pra mim.

  7. Fabio Rosa Postado em 25/Nov/2014 às 19:47

    Os termos pejorativos históricos percorrem sobre a população preta, fazendo desprezo pela sua condição social. Esse é o problema. Vejamos um exemplo, por uma piada que ouvi muito na infância: "Quando um preto vai ao shopping? Para construir." Já não ouvimos tais coisas sobre brancos.

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 20:57

      Já ouvi muito "tem branco no samba" que é uma giria que falam quando o pagode ou o samba ta ruim, e já ouvi muitas brincadeiras de negros falando de brancos. O teor ou tom da piada não alivia nem piora o preconceito

  8. Joao Paulo Postado em 25/Nov/2014 às 19:48

    Se o 20/11 se chamasse Dia da Luta pela Igualdade Racial, esse tipo de asneira não existiria. Devia haver mesmo era um dia da Consciência Humana.

    • Thiago Lopes Postado em 25/Nov/2014 às 23:35

      Olha, antes eu achava que esse tipo de cometário era dado por gente da direita. mas com o tempo, vou notando que não é direita coisa nenhuma - acho que a pessoa nem abe o que é isso - fui notando que o caso é de burrice mesmo.

      • Thiago Teixeira Postado em 26/Nov/2014 às 15:54

        Comentário de coxinha sem noção, isso sim. Banalização do racismo é a prova que ele existe.

    • eu daqui Postado em 27/Nov/2014 às 13:39

      Prefiro "justiça racial".

  9. fernando Postado em 25/Nov/2014 às 19:49

    Quanta bobagem! O dia da consciência branca pode ser simplesmente chamado de COTIDIANO. Sugiro um pouquinho de leitura de história para esse cara que me fez sentir asco. A ignorância nesse caso não é uma bencão. Consciência negra não é para tentar fazer com que o negro seja melhor que ninguém, mas um dia de reflexão, de rupturas de culturas ancestrais, de memória histórica, de lutas, de gente morta por ser de uma cor diferente da sua.

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 20:59

      É só os negros sofreram com a desigualdade racial?

      • fernando Postado em 25/Nov/2014 às 21:24

        não vou lhe ensinar o que a escola não o ensinou. procure conhecimento, procure a luz.

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 21:48

        Então Fernando, ou et bilu, eu conheço bastante pra saber que o q os negros sofreram, os brancos, os judeu, todos os povos foram oprimidos e foram opressores. A luz só tem o que se quer saber e ouvir, e nas trevas q se encontram as histórias que todos querem esconder.

      • fernando Postado em 26/Nov/2014 às 01:43

        rs seu humor é incrível, judeu sofreu, as religioes africanas sofrem, a mulher sempre sofreu.. mas não se aplica... (Sdds aulas de antropologia) O branco sofre mesmo no brasil, o branco pobre. Mas aí dizer que são oprimidos, quero saber que brasil é esse que vc vive. O precoceito que vc sofreu por ser um branco no samba(ou seja vc é um prego no samba) não se compara com preconceitos reais e muito mais duros, como as estatisticas de abordagens policias e mortes entre pessoas que perante a lei são iguais, mas na prática é outra quem é dizimado e encarcerado contuma sendo o mesmo de sempre. Não que isso seja justificativa para o preconceito, mas essa é a arma que eles usam(errada, mas numa proporção ínfima do real preconceito) perante ao quadradão que não tem a ginga no samba, no caso vc. Agora pense nesse sentimento elevado a 10a potencia, pronto é isso.

      • eu daqui Postado em 27/Nov/2014 às 13:43

        Todas as raças e povos já sofreram discriminação violenta em algum momento de sua história. A forma de reagir, o caminho da superação, a luta por justiça é que define um futuro compensador, e não vitimismo vingancista que é bem diferente de tudo isso e diferente pra pior. A HISTÓRIA DIRÁ SE ESSE NAZICOITADISMO BRAZUCA É O MEIO REALMENTE PRODUTIVO.

  10. fernando Postado em 25/Nov/2014 às 19:54

    Aff! O dia da consciência branca pode ser simplesmente chamado de COTIDIANO. Sugiro um pouquinho de leitura de história para esse cara que me fez sentir asco. A ignorância nesse caso não é uma bencão. É suja e aliena, vide os comentários. O merecido dia da Consciência negra não é para tentar fazer com que o negro seja melhor que ninguém, mas um dia de reflexão, de rupturas de culturas ancestrais, de memória histórica, de lutas, de gente morta por ser de uma cor diferente da sua. Está além. Muito além.

  11. Guilhermo Postado em 25/Nov/2014 às 20:04

    Claro que os negros historicamente sofreram muito mais aqui no Brasil. No entanto, não há problema algum em haver o dia da consciência branca também.

    • João Almeida Postado em 25/Nov/2014 às 20:20

      Há um grande problema de interpretação do dia. O Dia da Consciência Negra não é uma festividade, e sim um dia de reflexão sobre como o tratamento de pessoas de etnias diferentes é muito desigual no Brasil. É um dia para todos refletirem sobre o racismo contra as populações negras que é enraizado no nosso país.

      • Guilhermo Postado em 25/Nov/2014 às 20:30

        Eu sei disso João Almeida. Acontece que no dia da consciência negra, as pessoas não param para refletir nada. Apenas comemoram pelo fato de que em algumas regiões do país, nesse dia, não precisarem trabalhar. O mesmo acontece com outros feriados também.

      • Paulo Postado em 25/Nov/2014 às 20:52

        Concordo, João. Do jeito que vão as coisas, vai ter gente pedindo um dia pra "comemorar" o dia do golpe de 64...refletir é sempre bom, para destros e canhotos.

  12. fernando Postado em 25/Nov/2014 às 20:05

    O dia da consciência branca pode ser simplesmente chamado de COTIDIANO. Sugiro um pouquinho de leitura de história para esse cara que me fez sentir asco. A ignorância nesse caso não é uma bencão.... É constrangedora e alienante, vide os comentários "embasados" aqui. Consciência negra não é para tentar fazer com que o negro seja melhor que ninguém, mas um dia de reflexão, de rupturas de culturas ancestrais, de memória histórica, de lutas, de gente morta por ser de uma cor diferente da sua. Está além desse discurso raso de igualdade entre os iguais.

  13. mauricio augusto martins Postado em 25/Nov/2014 às 20:08

    Tai a "base" eleitoral do desgovernador de Sum Pablo, onde a Ignorância abunda, e a Estupidez prospera, não à toa tomam água com m..., meu apelido na Escola era Lombriga, mas nunca vivi na água(de Sampa)...maumau

  14. fernando Postado em 25/Nov/2014 às 20:08

    O dia da consciência branca pode ser simplesmente chamado de COTIDIANO. Sugiro um pouquinho de leitura de história para esse cara que me fez sentir asco. A ignorância nesse caso não é uma bencão.... É constrangedora e alienante, vide os comentários "embasados" aqui. Consciência negra não é para tentar fazer com que o negro seja melhor que ninguém, mas um dia de reflexão, de rupturas de culturas ancestrais, de memória histórica, de lutas, de gente morta por ser de uma cor diferente da sua. Está além desse discurso raso de igualdade entre os iguais. Coêrencia

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 21:02

      Fernando, seu ódio racial não se justifica, porque vc pode xingar um branco a vontade, já o contrário da cadeia sem fiança.

      • fernando Postado em 25/Nov/2014 às 21:20

        Ué, ódio? Estou justificando no campo das ideias. Seus argumentos são tão rasos que nem xingar ninguém eu xinguei... Nem branco, nem negro. Quem está buscando debates aqui é vc SAMAEL, desde o inicio , com essa premissa de igualdade entre os iguais, propagando esse pensamento inato que o opressor é a vítima do oprimido. O dia é da consciência do que houve com o negro aqui nesse país e o que ainda acontece de um modo a brasileira, como vc bem o faz: de um modo velado, dizendo que não há preconceito, mas sendo. Mas bater palma pra louco não é comigo. Tenha um bom dia do Branco.

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 22:13

        Ta bom fernando, pra vc o negro brasileiro sempre vai ser oprimido por todos os brancos, o que sera q a humanidade(brancos) sera obrigada a fazer para saldar esse erro eterno. O difícil e soltar as muletas.

      • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 22:15

        Meus argumentos "rasos" nunca vão chegar ao seu cerebro, eu não falo o q vc quer ler. Por isso vc não entendi.

      • fernando Postado em 26/Nov/2014 às 01:18

        Nunca, mas seu argumento é intectualmente desonesto.Você generaliza. Mas há a história pra provar que isso ocorreu e ainda acontece, com pequenos e grandes poderes. Fico feliz em poder contra argumentar com um "cientista social" tão cheio de razão como vc. É inegável a lacuna e a vergonha imensa causada pela escravidào no Brasil e quando libertos, não significou que foram ACEITOS, tiveram que lutar e morrer muito pra se adequar a sociedade que sempre os deixou a margem(sem educação e os direitos básicos) e muitos(até hj) querem "embranquecer" tanto na aparência por ter uma TV que impõe um padrão de beleza branco europeu, ou culturalmente esquecendo suas raízes .Ainda bem que isso está mudando, mas ainda é pouco e um dia da consciência branca(sic) é uma "facada do baço"(essa expressão vc deve conhecer, certeza) da história e dos respeitos aos direitos humanos. Vá estudar SAMAEL.

  15. Paulo Maluche Postado em 25/Nov/2014 às 20:21

    Uma amiga viajou para o caribe de navio onde a maioria dos passageiros eram negros americanos. Ela nunca tinha visto tanto racismo contra os brancos que eram passageiros também.

  16. Josi Postado em 25/Nov/2014 às 20:26

    Gente, existe o dia da "Consciência Negra" para homenagear os negros por tudo que sofreram na escravidão e pelo preconceito que sofrem até hoje. Portanto "brancos" deem graças a Deus que não existe o dia da consciência branca, pois, por traz desse dia poderia vir um passado muito triste!

    • Samael Postado em 25/Nov/2014 às 20:31

      Josi, ai q vc se engana, as tribos africanas também escravizavam mulheres, homens e crianças das tribos derrotadas. Ta vendo, ai começa o pré conceito, achando q isso é coisa de branco. Todos povos tem seu passado... sombrio.

      • klaus Postado em 25/Nov/2014 às 20:47

        Qual o passado sombrio dos brancos Samuel?

      • Jose Postado em 26/Nov/2014 às 12:09

        Achei que este post fosse sobre os negros no Brasil

    • Paulo Postado em 25/Nov/2014 às 20:54

      Salve, Josi...espero que tenha sido entendida!!! Senão, em breve, vai ter gente questionando pq o Natal é Natal e não São Paulo. Ou Judas...

  17. Sargento Postado em 25/Nov/2014 às 20:34

    O ser humano não merece nenhuma homenagem.Há alguns que passaram nessa vida que nem deveriam ser considerados gente como os escravocratas,nazistas,os industrias que roubam as riquezas da áfrica e instalam uma fábrica para que crianças trabalhem e,com isso perca-se a juventude e não estudem e etc.

  18. klaus Postado em 25/Nov/2014 às 20:44

    Ainda bem que não tem o dia do ignorante para não homenagear essas pessoas que postam tantas besteiras por falta de conhecimento. Procurem entender do assunto antes de postarem opiniões.

  19. Daniel Postado em 25/Nov/2014 às 22:58

    Eu sempre fui muito branco. Quando criança, era o mais branco da minha turma, disparadamente. Bem, sofri um bocado por isso. Na realidade, eu tinha grande dificuldade de me impor, e não permitir ofensas, mas minha personalidade retraída, na infância, impediu que eu o fizesse. Macarrão sem molho, branquelo, lagartixa, leite azedo e várias outras denominações pejorativas fizeram minha infância ser um inferno por um bom tempo. Mas não acredito que isso seja propriamente um caso de racismo. Quer dizer, nos termos da lei isso não é, por constituir a chamada injúria racial. Acredito que o racismo exista apenas naqueles contextos em que é um tentativa de hegemonizar determinado grupo social, que se identifica por traços étnicos e culturais. Por isso pra mim é difícil aceitar o termo "racismo contra brancos", pq ele é historicamente inviável. No entanto, práticas racistas, ofensas que fazem uso de características físicas, e outras formas de opressão, tem uma mesma causa: a falta de respeito. E essa, ah, deve ser cultivada, se queremos mesmo concretizar o sonho da igualdade.

  20. Deisi Postado em 26/Nov/2014 às 07:28

    Meu Deus pare o mundo que quero descer, dia da consciência branca, só pode ser piada. os brancos foram escravizados por 300 anos, são considerados seres inferiores, em uma vaga de emprego onde existe um negro e um branco com mesmo curriculum o negro consegue a vaga. O racismo disfarçado no Brasil é algo irritante, negar que não existe e desumano e fata de conhecimento histórico. Graças as Deus hoje existe lei, para punir racismo, apesar de muitos acharem que é a mesma coisa chamar um de maisena e um negro de macaco. Tanto evolução tecnológica, mas à humanidade é do tempo da cavernas.

    • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 09:43

      Branco foi escravizado sim, como toda e qualquer raça ao longo da História. Vc quer dizer que branco não foi escravizado no Brasil.

      • Thiago Teixeira Postado em 26/Nov/2014 às 10:20

        Mina, por favor, não se trata de escravidão, veja os descendentes de italianos que viram trabalhar nas plantações de café e os afrodescendentes libertos. Ficaram na mesma situação de tratamento ao longo dos anos? E hoje? Estão no mesmo patamar? Não é vitimismo, é fato.

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 14:23

        E quem está negando fato? Ao contrário: estou lembrando de alguns outros fatos que as vezes são varridos para sob o tapete a fim de atender a interesses políticos privados. Mas entendo quando vc fala dos italianos: não deixa de ser uma forma de escravidão. Hoje a forma mais contemporanea chama-se: servidão voluntária, o combustível do assédio moral.

      • EU DAQUI Postado em 26/Nov/2014 às 15:49

        Os italianos vieram em regime de servidão. Não é totalmente igual a escravidão. Semelhante sim, mas não igual. A propósito, foram os ítalos que trouxeram o sindicalismo.

    • Thiago Teixeira Postado em 26/Nov/2014 às 10:17

      Há o dia do consciência negra, e 364 dias da supremacia branca. Acho que o primo do amigo do vizinho desse vereador não sabe disso.

      • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:49

        E nenhum dia da supremacia do trabalhador: isso pra mim é o pior.

      • Thiago Teixeira Postado em 26/Nov/2014 às 15:57

        Ai sim!

      • EU DAQUI Postado em 27/Nov/2014 às 13:45

        Essa supremacia branca daqui dessa m de país deve ser mais a supremacia do branco bandido.

  21. George Postado em 26/Nov/2014 às 08:54

    mais um desconhecedor de história. Por isso que Reforma Política é importante, tem muito gestor com esse nível burro pelo Brasil afora.

    • Bruno Postado em 26/Nov/2014 às 11:18

      Ou seja, quando o eleito é o que você quer e a alguém protesta é porque é o ódio, é o mimimi de não aceitar a democracia. Mas mudando o lado, quando é uma pessoa que você não gosta, temos quer ter uma reforma política, isso é um caso grave.

  22. Luiz Postado em 26/Nov/2014 às 10:10

    Se o nobre vereador se sentiu compelido a atender ao apelo de um ente querido, deveria também colocar o Maisena na igualdade de assassinatos que os negros vem sofrendo. As estatísticas demonstram que em um país majoritariamente mestiço, os brancos, são tratados de modo diferenciado quando o assunto é matar o outro. Isso não deveria ter preconceito também.

  23. Carlos Postado em 26/Nov/2014 às 10:24

    O continente do mundo com mais escravos é a Africa, isso ninguém fala.

  24. Priscila Postado em 26/Nov/2014 às 12:43

    Quanta asneira nestes comentários... O dia da consciência negra foi criado justamente pq as pessoas não tem bom senso de lembrar a história da escravidão e tudo que os negros passaram e passam. Infelizmente é preciso criar um dia pra isso, pq consciência falta muito! veja os comentários racistas que tem aqui!!

  25. Deisi Postado em 26/Nov/2014 às 13:10

    Concordo Priscila, negar o racismo no Brasil me causa repugnância.

  26. Cristiane Carvalho Postado em 26/Nov/2014 às 13:48

    Qual o tamanho da ignorância histórica de quem acha que deve existir o "Dia da Consciência Branca"?

    • eu daqui Postado em 26/Nov/2014 às 15:50

      Desocupados........bota pra trabalhar..........

  27. Ramon Gregório Postado em 26/Nov/2014 às 14:20

    Sinceramente, é uma coisa tão jocosa que nem deve ser lavada em conta, no meu entendimento não houve nenhuma conotação racista e sim total falta de conhecimento do que é o dia da consciência negra, que a propósito muita gente defende e pouca gente sabe o que é. enfim, "prafrentemente Sucupira". Só por curiosidade e sem levantar nenhuma celeuma, dúvida ou pré julgamento: quantos negros trabalham na redação Pragmatismo Político? Abraços.