Redação Pragmatismo
Compartilhar
São Paulo 22/Oct/2014 às 12:26
7
Comentários

ONU culpa governo de SP por falta d'água; Alckmin se irrita

Alckmin exige que ONU corrija diagnóstico sobre escassez da água em São Paulo. Órgão internacional criticou o governo paulista pela crise hídrica

alckmin ONU água são paulo
Alckmin ataca ONU por crise da água em São Paulo (divulgação)

SpressoSP

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), pode estar perdendo o bom senso, em sua busca desenfreada por culpados pela crise hídrica em São Paulo. Dessa vez, o tucano enviou uma carta com tom elevado para a ONU, criticado o órgão internacional pela visita da relatora portuguesa Catarina de Albuquerque, que criticou o governo paulista pela escassez de água. As informações são do blogueiro do UOL, Fernando Rodrigues.

“Ela visitou São Paulo em agosto último de forma não oficial e acusou abertamente o governo de São Paulo pelos problemas de abastecimento de água que o estado vem enfrentando. Na nossa avaliação, sua Excelência, essa é uma violação do código de conduta de uma oficial das Nações Unidas”, afirmou o governador, sobre Catarina, que é relatora especial das Nações Unidas para o direito à Água e Saneamento.

Alckmin chega a questionar o conhecimento e capacidade da ONU para organizar um evento que trate de mudanças climáticas, se referindo a Cúpula do Clima, organizada em Nova Iorque no último dia 23 de setembro de 2014.

O documento foi enviado no último dia 09 de setembro, mas só se tornou conhecido nesta terça-feira (21). Na carta, Alckmin ameaça não participar da Cúpula do Clima, que aconteceria duas semanas depois, caso a ONU não recuasse nas críticas feitas ao governo paulista pela crise hídrica. O tucano não compareceu ao evento. Porém, o Palácio dos Bandeirantes alega que o governador cumpriu agenda e não pode ir à Nova Iorque.

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. Salomon Postado em 22/Oct/2014 às 13:04

    Como diz o verso de um conhecido samba do Martinho da Vila: "eu quero me esconder debaixo dessa sua saia, pra fugir do mundo ...eu quero ser exorcizado pela água benta desse olhar infindo...vem logo, vem curar seu nego que chegou de porre lá da boemia ....."

  2. KARINA BB Postado em 22/Oct/2014 às 13:51

    Ele ja tentou empurrar a culpa pro governo federal,pra sao pedro,pro el ninho,mas querem saber.....isso nao me surpreende,é tipico dos tucanos,alem de nao assumirem seus erros,ainda tentam jogar a culpa pra cima de alguem ,e nesse caso,é logico pro Gov Federal,da vontade de colocar essa raça nojenta de safados numa cadeia ,sem direito a nada,somente a um prato de comida azeda por dia,e um banho por mês,REVOLTANTE ,,,,é como dizem sobre os tucanalhas,eles roubam e gritam " pega ladrão" !!!!!!!!!

  3. Dinha Postado em 22/Oct/2014 às 13:54

    Ihhhhh, sobrou até para ONU...rs

  4. poliana Postado em 22/Oct/2014 às 14:09

    ah, sério q ele ficou irritadinho??? q chato isso! n pirracem o alckmin gente..ele é um anjinho!

  5. Rodrigo Postado em 23/Oct/2014 às 12:56

    O picolé, vê se toma vergonha. Gostei desta, roubam e gritam: "Pega ladrão!". Este grito ecoa por toda a mídia safada, retrógrada e reacionária.

  6. walter p de sousa Postado em 26/Oct/2014 às 09:47

    O governo de São Paulo não tem dinheiro para solucionar a falta de água. Mais tem dinheiro para compra 5 mil assinatura da veja.

  7. LIAN Postado em 06/Nov/2014 às 19:55

    Enquanto a minha vaquinha tiver o couro e osso. E agora PSDB? - Partido da Seca Dos Bandeirantes