Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 16/Sep/2014 às 20:49
10
Comentários

Ibope: Dilma tem 36%, Marina 30% e Aécio 19%

Dilma tem 36%, Marina, 30%, e Aécio, 19%, aponta pesquisa Ibope. No segundo turno, Marina e Dilma estão tecnicamente empatadas, com vantagem para a candidata do PSB

pesquisa ibope dilma marina aécio
Ibope: Dilma 36%, Marina 30%, Aécio 19% (Edição: Pragmatismo Político)

O Ibope divulgou a mais nova pesquisa para a eleição presidencial. Dilma Rousseff (PT) oscilou dois pontos para baixo em relação ao último levantamento e tem 36%, Marina Silva (PSB) oscilou um ponto negativamente e aparece com 30%, já Aécio Neves (PSDB) cresceu 4 pontos e agora tem 19%.

SEGUNDO TURNO

Cenário 1
Marina Silva (43%)
Dilma Rousseff (40%)

Cenário 2
Dilma Rousseff (44%)
Aécio Neves (37%)

Cenário 3
Marina Silva (48%)
Aécio Neves (30%)

ESPONTÂNEA

A modalidade espontânea é aquela em que os nomes dos candidatos não são apresentados aos entrevistados. De acordo com especialistas, trata-se do método que retrata a verdadeira fidelização do eleitor.

Dilma Rousseff (31%)
Marina Silva (24%)
Aécio Neves (15%)

Outros: 1%
Branco/nulo: 10%
Não sabe/não respondeu: 18%

REJEIÇÃO

Dilma Rousseff (32%)
Aécio Neves (19%)
Marina Silva (14%)

O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 204 municípios do país entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Recomendados para você

Comentários

  1. Natália Postado em 16/Sep/2014 às 21:43

    Aécio sobe 4%. Hummmm... Sei, sei... Os cantores globais estão fazendo milagres... Sabe de nada inocentes!

    • João Grillo Postado em 17/Sep/2014 às 07:12

      Não teremos só o fim do PSDB e o descrédito total da mídia velha, estes institutos" vão pro esgoto também... Estes números parecem de outro país, não o que eu vivo. Mas o propósito é este: desestimular as militâncias e acreditar nos novo eleitores - juro como já escutei no ônibus uma jovem dizer pra colega de que "ia votar no Aécio, mas agora vou votar na Marina porque o Aécio já era!"...

  2. Natália Postado em 16/Sep/2014 às 22:10

    Já sei: Dilma caiu 3 pontos, Marina caiu 1 ponto, ou seja,3+ 1=4 e 4 é o número de pontos que Aécio subiu.. Essa Globo é um crânio... Affff

    • poliana Postado em 16/Sep/2014 às 22:42

      Kkkkkkkkkkkk... Para Natália. Melhor evitarmos "polêmicas". Huahuahua

  3. José Ferreira Postado em 17/Sep/2014 às 00:30

    Mas a Marina está na frente no segundo turno. Isso é o que interessa.

    • Julio Cesar Montenegro Postado em 17/Sep/2014 às 09:36

      Interessa principalmente aos intere$$es PATROCINADOS... já para quem acostumou-se a matar a fome sob odiados (PELA ELITE) governos POPULISTAS... neca!

  4. Jonas Schlesinger Postado em 17/Sep/2014 às 01:20

    Enfim queria dizer que qualquer mulher que ganhar a presidência, vai servir de inspiração nos EUA. Queria que uma mulher fosse presidente lá. Quem sabe né..

  5. Vanderlei Postado em 17/Sep/2014 às 01:57

    Alguém poderia me dizer que 37% da pesquisa diz o governo é bom e excelente, mas só 36% são os que votariam na Dilma, qual é a lógica disto?

  6. Deisi Postado em 17/Sep/2014 às 08:02

    Melhor é não tentar entender, isso é coisa de louco, só o PIG pode explicar esse balaio de gato, mas não é isso que eles querem, querem sim manipular para atender seus interesses.

  7. Ademar Postado em 17/Sep/2014 às 10:53

    Por mais se sejam questionadas, as pesquisas eleitorais melhoram muito Brasil, nas ultimas eleições os números das pesquisas ficaram muito próximos dos resultados das urnas, as discrepâncias exageradas que haviam há 10 , 15 anos , foram muito reduzidas, hoje os resultados são razoáveis, acredito estarem mais próximos da realidade, exigir que das pesquisa que acerte na "mosca" acho que é tarefa impossível, não há metodologia tão eficaz que consiga obter um resultado de 110 , 120 milhões de votos numa amostragem de 3 a 4 mil de intenções de voto. Acho estranho muitos comemorarem a liderança de Dilma nas pesquisas, porém em todas as simulações de 2 turno Marina aparece ligeiramente na frente, esta tendência não se reverteu apesar de Dilma ter melhorado um pouco a diferença para Marina no 1 turno. Segundo turno é que decide a eleição.