Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mulheres violadas 08/Sep/2014 às 20:01
17
Comentários

Bailarina do Faustão desabafa após agressão

Bailarina do Faustão agredida pelo namorado [que é lutador] diz já ter sido vítima de diversos golpes e que ele usa em casa o que aprende no ringue

bailarina faustão agredida namorado yuri

Após ser agredida pelo ex-BBB Yuri Fernandes, Angela Sousa desabafou em sua conta em uma rede social e mostrou hematomas no rosto. “Aprendi com esse episódio que um aperto mais forte ou um esbarrão proposital também é agressão”, escreveu a bailarina do Faustão. Segundo Angela, Yuri usava o que aprendeu no ringue em casa, tendo ela sido vítima de um chute frontal do lutador.

“A diferença de força entre um homem e uma mulher é óbvia. Principalmente vinda de uma lutador que usa o que aprendeu no ringue em casa. E só quem está sentindo as dores por ter sido surpreendida com um chute “frontal” na barriga ao levantar da cama, sou eu. Mesmo sendo em menor intensidade”, publicou Angela no Instagram.

“Contudo, não sinto mágoa, raiva, pena. Anulei automaticamente parte dos meus sentimentos. Exaltei o amor próprio (mesmo que tardio)”, completou.

“Ninguém imagina quando vai acontecer, ninguém está livre de acontecimentos inesperados, tampouco vindo de partes que você ‘confia’. Precisei passar por tudo para aprender, mas aprendi”, completou.

A briga entre os dois ocorreu na madrugada desta sexta em um hotel em Maceió, onde o casal passava férias.

Yuri Fernandes deixou a Delegacia da Mulher algemado, na tarde desta sexta-feira. Após exame de corpo de delito no IML, o ex-BBB foi encaminhado à Casa de Custódia de Maceió onde passou a noite preso em uma cela lotada, com mais dez presos, segundo um funcionário da prisão.

As agressões

As agressões físicas começaram no quarto do Hotel. “Ele segurou o meu braço. Pedi para ele não encostar em mim porque tinha me xingado na frente de nossos amigos. Entrei para tomar banho e ele ficou descontrolado. Entrou no banheiro e me jogou no chão. Quanto estava de joelhos chorando, me deu um soco por trás”, detalha Angela, que imediatamente caiu no chão quando ele a empurrou para dentro da banheira, debaixo do chuveiro. Enquanto ela tentava se levantar, Yuri puxava suas pernas, fazendo-a cair repetidamente:

“Foi horrível. Preferi ficar trancada no banheiro. Mas ele ficou esperando do lado de fora. Isso eram quase três de manhã. Lá pelas cinco da manhã, resolvi sair porque vi que ele estava dormindo no chão, bem perto do banheiro. Queria pegar minha mala e ir embora”.

Mas, segundo Angela, nessa hora Yuri acordou e a confusão começou de novo. “Desta vez foi pior. Ele me deu um chute na barriga e nas costas. Fiquei jogada no chão e ele ficou me pisando. Comecei a gritar por socorro. Pedi para ele parar de me bater. Fiquei com muito medo de morrer”, afirma ela, que tentou ligar para a recepção e pedir ajuda, mas neste momento Yuri arrancou o telefone da parede de forma violenta.

Angela continuou: “Vivi cenas de terror e achei que ia morrer. Consegui ligar do telefone do quarto para recepção e pedi ajuda, que estava sendo agredida. Graças a Deus eles vieram muito rápido e conseguiram conter o Yuri. Na recepção do hotel, ele ligou para mãe e disse: ‘Olha o que ela está fazendo comigo. Está inventando que eu agredi ela’. A mãe dele gritava e falou que ia destruir a minha vida. Fiquei com medo e foi por isso que a delegada resolveu mantê-lo preso até – pelo menos – eu voltar para o Rio. Fiquei como cliente oculta e com seguranças do hotel. Eles viram a situação e me ajudaram a ficar mais tranquila. Não consegui dormir ainda”.

O Dia

Recomendados para você

Comentários

  1. Jonas Schlesinger Postado em 08/Sep/2014 às 20:14

    E só pensar que existe um cacho de mulheres loucas por este cidadão. O que ele foi? Um Marlon Brando da vida ou ficou sub famoso por causa de um reality que essa mesma massa feminina anelava? Sinceramente tem mulher que não se valoriza. Agora vão procurar a mãe Hera e a Xena pra combater o carrasco que elas mesmas ostentaram. A exemplo desta moça (sub celebridade tbm) que deve ter se apaixonado depois que o canastrão pôs as botinas pra fora da casa mais imoral do brasil. De um Apollo à todas vcs.

    • Jonas Schlesinger Postado em 08/Sep/2014 às 20:47

      Essa Angela Sousa vai pensar duas vezes antes de ir se agarrando ao primeiro ex-bbb que vier pela frente. Mas não vou culpá-la pq ela foi vítima. Mas faltou um detalhe, UM ÚNICO DETALHE na vida dela para que ela tivesse sido feliz...

  2. Leandro Rodrigues Postado em 08/Sep/2014 às 21:31

    Eu acabei rindo quando li a parte em que ele se faz de vítima pra mãe e ela acredita nele.Ele é literalmente um filho da puta.Eu lamento o fato de que essas mulheres precisam ter a cara espancada pra só depois perceber o quanto são imbecis.Procurem conteúdo,e não apenas rostinhos e corpinhos bonitinhos.

  3. UFCBOXECHINES Postado em 08/Sep/2014 às 22:14

    Desculpem, sou lutador, e lhes digo... Um soco de um lutador, "um apenas", deixaria o rosto dela todo deformado e ela fala que recebeu vários. Pesquisem a atriz porno que apanhou do namorado lutador e vejam como a cara dela ficou deformada... os socos inclusive quebraram a costela dela. Ele Yure ficou pior que ela... Não parece que ela foi agredida, e sim "CONTIDA".

    • Thiago Teixeira Postado em 09/Sep/2014 às 10:45

      Mas concorda que uma "CONTIDA" de um lutador pode machucar uma mulher? E tem mais, um verdadeiro machão aguenta firme e forte os tapinhas histéricos de uma mulher, um homem nunca deve reagir, pois a reação pode prolongar a luta corporal e ambos podem se machucar!!

    • Marcelo MMa Postado em 09/Sep/2014 às 12:37

      Não fale asneiras! Eu luto jiujitsu e digo que o cara que é malandro e quer bater 'suave' bate!

    • Helen-direito Postado em 09/Sep/2014 às 14:27

      Bom como ela mesmo disse: "E só quem está sentindo as dores por ter sido surpreendida com um chute “frontal” na barriga ao levantar da cama, sou eu. Mesmo sendo em menor intensidade”. Ela mesmo afirma ter sido em menor intensidade, a diferença de força entre os dois é obvia. Acredito que mesmo ele moderando a força tenha sido algo bem doloroso, pois mesmo um chute ou qualquer tipo de agressão de um homem mesmo que não seja lutador, faz sérios estragos em uma mulher.

    • raphael_subversivo Postado em 10/Sep/2014 às 07:34

      HAHAHAHA ai eles trocam uns socos e ve quem fica mais roxo...mas depois acaba tudo em amor, perfeito né?!

  4. GabrielG Postado em 09/Sep/2014 às 04:17

    Quando esse babaca tentou estuprar aquela menina lá dentro do BBB, abusar dela enquanto ela estava bêbada. Um monte de falso moralista veio em defesa do mesmo. E agora esses mesmos hipócritas estão dizendo que na verdade foi a moça que o atacou, neste caso os papéis são invertidos, ele é a "vítima". Ridículo. Esse marginal deveria ficar mais tempo preso.

  5. Thiago Teixeira Postado em 09/Sep/2014 às 08:39

    Somente um cara muito burro, boçal, provavelmente ele deva ser homossexual (não sou homofóbico) para chutar uma mina linda dessas num Hotel em Maceió, em plena madrugada. Ai se fosse eu no lugar desse cara ... a surra seria outra! Só faltava ela fazer as pazes com esse retardado e perpetuar a tolerância de violência contra a mulher nesse país.

  6. Daniel Postado em 09/Sep/2014 às 09:13

    Foi se iludir e se envolver com um cafajeste que além de burro é completamente insano. E tem mulher que, mesmo depois dessa notícia, deseja ficar com ele alegando que é culpa da dançarina.

  7. Danila Postado em 09/Sep/2014 às 10:37

    Segundo a delegada responsável pelo caso, a agressão foi mútua. Ele também está com o rosto machucado. Mesmo sabendo que ele é muuuuito mais forte, e ela é a maior prejudicada (pois, segundo a polícia, tem hematomas por todo o corpo)... acho a história dela no mínimo incompleta. Pelo que ela conta... ele estava "transtornado". E como uma pessoa já comentou acima... apenas um soco dele teria deixado o rosto dela arrebentado. Acho que ele deve sim pagar pelo crime, mas esse discurso de "santa" não me convenceu. Para azar dele... não tem lei "João da Penha" (ironia... que fique claro)

  8. raphael_subversivo Postado em 10/Sep/2014 às 07:47

    Vemos sempre noticias desses lutadores desequilibrados ou policiais maniacos que ou agridem ou matam alguma mulher, infelizmente as mulheres precisam ter o triplo de cuidado com esses homens que já tem uma inclinação pra violência, não entendo qual o problema desses caras, pra ter tanto ódio dessas mulheres deve ser pq são bem enrustidos, odeiam a mulher pq queriam ser uma, deve ser algo do tipo. A lei deveria ser muito mais severa com esse comportamento inaceitável, e tratamento psiquiátrico compulsório.

  9. Halan Schlickmann Batista Postado em 11/Sep/2014 às 01:49

    A misoginia no Brasil vem da cultura machista com programas como Pânico humilhando mulheres seminuas com sacos na cabeça e as obrigando a lamber axilas de estranhos nas arquibancadas de jogos de futebol. Comentários aqui que tentavam defender as mulheres acabaram por fomentar a homofobia. A violência contra a mulher vem da ignorância, não tem nada a ver com homossexualidade ou bissexualidade.

  10. Halan Schlickmann Postado em 11/Sep/2014 às 02:37

    Associar a violência misógino chauvinista aos gays além de homofobia denota uma obsessão com a homossexualidade, bissexualidade e os gays masculinos

  11. Paulo Postado em 11/Sep/2014 às 16:43

    Toda agressão é condenável, principalmente em uma mulher, teoricamente mais fraca, fisicamente, mas, como em todos os casos de violências que li, o agressor vai dando sinais, uma alteração de voz, gritos, um safanão, um empurrão, etc, será que não houve nada disso? Será que ela não notou que algo estava errado? Pelo jeito não, normalmente a mulher parece ser mais observadora, essa não foi o fez que não viu, aí acabou nisso.

  12. Bruno Postado em 15/Sep/2014 às 11:17

    Outra questão que queria levantar é o fato das academias de artes marciais de hoje em dia quererem dinheiro a qualquer custo e aceitarem que qualquer um treine lá.É necessário que haja regulamentação no que se refere a matrículas de alunos.Alunos que já foram condenados por agressão física deveriam ser proibidos de frequentar academias de artes marciais