Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mulheres violadas 30/Sep/2014 às 17:27
25
Comentários

4 bons motivos para um homem bater numa mulher

Sem a presença do fogo, das aranhas, do risco de asfixia ou de um trem, meu pai nos ensinou que, nunca, nunca, nunca, NUNCA há uma razão justificável para um homem atacar uma mulher

homem não bate em mulher

Troy Dunn*

Um recado para as mulheres vítimas de abuso do mundo: Não tomem nem mais um soco, tapa ou pontapé de qualquer homem. Não há NADA que torne isso aceitável.

Ultimamente, tem havido muita discussão sobre a violência contra as mulheres por seus companheiros. Muitos dizem que nunca há uma boa razão para que um homem agrida uma mulher, mas eu discordo e hoje vou falar! Tenho seis filhos e eu ensinei-lhes o que meu pai ensinou a meus irmãos e a mim; existem quatro boas razões para um homem bater na mulher que ele ama:

1. Fogo

Se você olhar para a mulher que você ama e descobrir que ela está sendo engolida pelas chamas, você deve imediatamente derrubá-la e começar a rolar seu corpo no chão.

2. Aranha

Se a sua princesa descobrir uma aranha errante no seu ombro e com puro terror em sua voz dizer “Tira, tira!”, você deve bater até que a ameaça de oito pernas esteja longe dela.

3. Engasgo

Se durante o jantar ela começa a rir de outra de suas histórias incrivelmente engraçadas e, no processo, reter um pedaço de bife em sua garganta, você tem o meu total apoio para saltar de sua cadeira, girar em torno dela e começar a apertar sua caixa torácica, até que ela cuspa!

4. Trem

Se enquanto aproveitam tranquilos momentos após o jantar em um passeio com sua amada, você percebe que ela se posicionou em frente a um trem que se aproxima rapidamente, agarre-a pelo braço e como o homem forte que você é, puxe-a para trás de forma agressiva.

Sem a presença do fogo, das aranhas, do risco de asfixia ou de um trem, meu pai nos ensinou que, nunca, nunca, nunca, NUNCA há uma razão justificável para um homem atacar uma mulher. Ponto final. Ele disse que homens de verdade não fazem isso.

*Troy Dunn é autor e palestrante. Texto originalmente publicado em http://www.troythelocator.com/

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook.

Recomendados para você

Comentários

  1. André Postado em 30/Sep/2014 às 17:33

    Já diz o ditado: Numa mulher não se bate nem com uma flor...

    • leandro Postado em 30/Sep/2014 às 17:43

      A gente não devia bater em nada! É uma pena ter que fazer programas e matérias pra conscientizar as mentes vazias.

      • Stella Postado em 30/Sep/2014 às 18:55

        Pois é! disse tudo...chega de tanta violência

  2. poliana Postado em 30/Sep/2014 às 19:04

    Ai q texto lindo..amei! Mulher de sorte a q casou com esse príncipe.

    • Leca barros Postado em 01/Oct/2014 às 02:07

      ahhhh!!! eu também casei com um príncipe, pois meu marido não levanta nem a voz pra mim...imagina a mão..

  3. Romualdo Postado em 30/Sep/2014 às 19:19

    Minha vizinha deu tapas no meu filho porque ele ameaçou o pitbull dela com um pedaço de pau. O cão vinha pra cima dele com expressão de ferocidade. Dei um soco no olho dela que ficou roxo. Ela me denunciou na delegacia da mulher mas no final o juiz me deu ganho de causa.

    • Bruno Postado em 01/Oct/2014 às 00:33

      Eu faria o mesmo e acho que só alguém muito biruta diria que você está cometendo um crime de ódio.

    • eu daqui Postado em 01/Oct/2014 às 09:58

      Quem cria um cão dessa raça é pra usar como arma mesmo. Perniciosamente. Não tenha dúvida.

      • Gianni Postado em 01/Oct/2014 às 10:34

        Não fale besteira! Eu tenho um pitbull há 8 anos e ele nunca nos atacou ou sequer atacou alguém! Super dócil e carinhoso e ainda convive com mais 3 cachorros menores (que por sinal mandam nele rs). Procure se informar mais, e se tiver a oportunidade de um dia na sua vida pegar um cachorro qualquer animal para cuidar, pois pelo seu raciocínio percebe-se que você não conhece nada de cachorros, tampouco de animais. Cuidar e educar um animal seja ele cão, gato ou gente é cada um quem faz, e amor e carinho é que mandam na criação.

      • Nana Postado em 01/Oct/2014 às 14:22

        Arma? É só um animal! E se alguns são agressivos é por que foram criados dessa forma. Quanta ignorância.

  4. Rege Tigre Postado em 30/Sep/2014 às 19:25

    As vezes uns tapinhas elas gostam sim, mas dentro de uma perspectiva bem especifica!!

    • poliana Postado em 01/Oct/2014 às 09:31

      Kkkkkkkkkkkkkkk...ri alto aki rege tigre!rsrsrs

  5. Daniel Postado em 30/Sep/2014 às 20:43

    Acho que não existe mais espaço no mundo para frases como "o que um HOMEM DE VERDADE" deve fazer. Imagine se fizéssemos um texto sobre como uma "mulher de verdade" deveria se comportar? Pareceríamos um escritor do século retrasado, certo? O texto pode até ter uma boa intenção, mas eu não gostei. Um ser humano não pode bater num outro ser humano. Principalmente quando há disparidade de forças, como é o caso do homem e da mulher, na maioria das vezes. Eu só gostaria que parássemos de imputar princípios comportamentais com base em gênero.

    • Hique Postado em 30/Sep/2014 às 21:29

      Concordo, Daniel. Isso é campanha de vitimização feminista.

      • poliana Postado em 01/Oct/2014 às 06:31

        Hique...e a mulher n eh sempre vítima qdo se trata de violência doméstica???? N entendi sua colocação...

      • eudaqui Postado em 01/Oct/2014 às 09:52

        MULHER TAMBÉM PRATICA VIOLENCIA CONTRA O HOMEM EM FORMA DE EXPLORAÇÃO ECONOMICA E ALIENAÇÃO PARENTAL. Abaixo a violencia. Simples assim.

    • Gisa Postado em 30/Sep/2014 às 21:36

      Daniel, concordo com cada palavra. Eu entendo a boa intenção do texto, mas concordo com os teus argumentos, também me senti incomodada. "Um ser humano não pode bater num outro ser humano" e ponto. Abraços.

      • Daniel Postado em 30/Sep/2014 às 22:16

        Gisa, obrigado pela resposta!

    • Maria Postado em 30/Sep/2014 às 21:46

      Daniel, infelizmente são os homens, normalmente seus parceiros ou ex-parceiros, que batem, violentam e assassinam as mulheres e não o contrário. Só para ter uma ideia, a cada uma hora e meia uma mulher morre vitima de violência masculina no Brasil ( IPEA, 25/09/2013).

      • Daniel Postado em 30/Sep/2014 às 22:13

        Cara Maria, minha intenção foi combater a definição de espécies comportamentais com base em gênero. Por trás do discurso poético do texto, ainda se encontram elementos arcaicos da nossa sociedade sexista, que transforma o gênero numa espécie de expectativa de comportamento. Aproveito para deixar claro que condeno qualquer forma de violência.

      • eu daqui Postado em 01/Oct/2014 às 09:55

        O papel de gênero, alicerce dos padrões, adubo da desigualdade, injustiça e da violencia de genero, é o que o Daniel está questionando aqui.

    • Fernando Postado em 01/Oct/2014 às 14:59

      Esse "homem de verdade" que as mulheres citam é aquele que elas sonham, ou vêem em filmes.. E que NÃO EXISTE.

  6. Rogerio Postado em 30/Sep/2014 às 20:44

    Vou iniciar uma campanha. Não bata em mulher. Bata pu...

  7. Ana Amelia Postado em 01/Oct/2014 às 08:47

    A questão aí deve focar no gênero, sim. Porque há uma desvantagem física que o gênero traz. Homem não bate em mulher. Ponto.

  8. Fernando Postado em 01/Oct/2014 às 14:57

    Tem mulher que pede pra bater nos momentos íntimos. Na verdade, a maioria adora.