Redação Pragmatismo
Compartilhar
Palestina 17/Jul/2014 às 10:32
90
Comentários

O ataque covarde contra 4 meninos palestinos numa praia de Gaza

Eles morreram enquanto brincavam de esconde-esconde em uma praia de Gaza. Um dos garotos sobreviveu para contar a história, e um jornalista do The Guardian testemunhou tudo

meninos faixa de gaza
Os meninos palestinos correm na praia antes do ataque

Kiko Nogueira, DCM

Tem uma grande cena em “Era Uma Vez Na América”, do imenso Sergio Leone, em que a gangue de garotos encontra o inimigo Bugsy nas ruas de Nova York.

Saem correndo. Um deles, Dominic, fica para trás. Dominic é atingido por um tiro. Nos braços do amigo Noodles, pouco antes de morrer, ele só encontra tempo de sussurrar: “Eu escorreguei”.

A seqüência me veio à mente quando li o relato de Peter Beaumont (leia aqui), correspondente do Guardian em Gaza, sobre a morte dos quatro meninos palestinos numa praia.

É graças e eles o cessar-fogo de cinco horas — cinco horas.

“Estávamos brincando de esconde-esconde quando fomos atingidos”, contou um sobrevivente do ataque, Hamad Bakr. “Eu não ouvi o primeiro míssil que matou um de nós, mas ouvi o segundo enquanto estávamos correndo na praia. Aquele matou mais três.”

Eles estavam brincando de esconde-esconde. Esconde-esconde.

Beaumont estava sentado no terraço do hotel al-Deira, onde, segundo ele, a internet funciona melhor, e viu tudo acontecer. “Eu ouvi o barulho da explosão no píer”, diz.

Nas palavras de Beaumont, depois desse primeiro míssil, figuras podiam ser vistas correndo, as silhuetas esfarrapadas. “Mesmo a uma distância de 200 metros, era óbvio que eram crianças”.

“Eles acenaram e gritaram para os jornalistas enquanto passavam pela fileira de barracas de praia coloridas, usadas por banhistas em tempo de paz”, escreveu.

“Ali a segunda bomba atingiu a praia”. Os jornalistas que estavam no terraço gritaram: “Eles são apenas crianças”.

Em quarenta segundos, quatro garotos que tinham ido brincar entre barcos de pescadores estavam mortos. Dois deles se chamavam Mohammad, um Zakaria e o último Ahed. As idades eram entre 7 e 11 anos.

O quarteto virou o símbolo da forma como os ataques aéreos israelenses estão matando inocentes num pedaço de terra estreito e miserável do Mediterrâneo. Eram inocentes, totalmente inocentes, uma turma querendo se divertir em sua praia, onde suas famílias mantêm seus barcos.

VEJA TAMBÉM: Vídeo de menina palestina moradora de Gaza comove o mundo

O Exército de Israel declarou que estava investigando o incidente. Um porta-voz admitiu que o segundo foguete foi resultado de uma identificação equivocada dos meninos como soldados do Hamas.

De acordo com a ONU, 75% das vítimas fatais, até, agora, são civis. Calcula-se que haja pelo menos 200 mortos do lado palestino e um israelense.

“Nós estávamos brincando de esconde-esconde”, contou Hamad Bakr, hospitalizado com estilhaços no peito.

Brincando de esconde-esconde.

Recomendados para você

Comentários

  1. Pereira Postado em 17/Jul/2014 às 10:53

    Mais cadáveres infantis valiosos para os extremistas palestinos. Eles morreram "pela causa".

    • Fábio Coelho Postado em 17/Jul/2014 às 11:31

      Vai relativizar? Isso é de uma desonestidade intelectual tremenda, visto que simplesmente nega os antecedentes históricos do conflito e transforma o fato em si em uma naturalidade. É impressionante como pessoas feito você, Pereira, escamoteiam suas intenções e crenças em discursos que APARENTAM ter duas vias.

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 11:36

        desculpa aí amigo,mais o pereira esta certo! isso é a dura e crua realidade! é isso que o Hamas e os próprios palestinos fazem! dar o peito de escudo para rebater os mísseis lançados por Israel e morrer como mar tire achando que vão ser recebidos por Alá no paraíso.

    • João Henrique Barbosa Postado em 17/Jul/2014 às 11:31

      Eles morreram vítima da truculência do Estado de Israel.

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 11:39

        Não! eles morrem pela irresponsabilidade do Hamas que pede que a população civil não se abrigue em nada! e sim que esperem que os mísseis de Israel atinjam suas cabeças. O Hamas é como um pai irresponsável que atira seus próprios filhos na jaula de leões.

    • Tania Postado em 17/Jul/2014 às 11:41

      Onde estariam os cadáveres dos Israelenses?

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 11:46

        amigo! pra vc ter uma ideia, mais de quatrocentos misseis já foram lançados contra Israel no conflito atual! se Israel não tivesse baterias anti aéreas eficientes, muitos israelenses morreriam também. é isso que o Hamas quer! fazer com que pessoas que nem vc acredite que eles são os pobres coitados vítimas dos perigosos israelenses, o Hamas faz com que a população civil não sai de suas casas e assim recebam de peito aberto os misseis disparados por Israel .tudo em nome de ala.

    • Claudio Postado em 17/Jul/2014 às 11:55

      Le direito,israelenses atingiram crianças palestinas covardemente,leia antes de escrever bobagens!!!

    • Maurício de Lara Galvão Postado em 17/Jul/2014 às 14:47

      Cadávers infantis valiosos? E se fossem teus filhos, diria o mesmo?

    • Ruy. Postado em 17/Jul/2014 às 14:56

      Voce é do Mossad

    • Nuno Postado em 17/Jul/2014 às 23:27

      Idiota!

    • Jessica Monteiro Postado em 18/Jul/2014 às 15:06

      Estamos falando de crianças, da morte brutal de crianças, que não estavam com armas e sim BRINCANDO como quaisquer outras crianças em qualquer lugar do mundo. Pereira, avalie seu comentário, pense na dor dos familiares e amigos dessas crianças.

    • Raul Postado em 19/Jul/2014 às 12:53

      Pereira, você faz parte da mesma escória...

    • rafa Postado em 22/Jul/2014 às 05:07

      17 seculos apos a ultima diaspora, as superpotencias ocidentais istalaram, em plena petrolífera terra prometida, a sua cabine policial, o seu posto avançado, e o pobre do pereira (cristão novo?) acha justa a situação do povo que habitava a região e foi expulso em 1948. israel deveria ser no deserto da austrália, ou no do arizona.

    • Neusa. Postado em 23/Jul/2014 às 08:05

      Ler uma merda desta me faz vomitar . Uma criança morrer por qualquer causa já é de uma COVARDIA IMUNDA. O exercito de Israel é COVARDE , FRIO, ASSASSINO DE INOCENTES CRIANÇAS. COVARDE COVARDE COVARDE COVARDE. E covarde voce pereira que chama cadáveres infantis de valiosos por morrerem pela causa.

    • Grampola Postado em 25/Jul/2014 às 20:21

      ISraelenses nazistas, terão seu fim junto aos nazistas de hitler.

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 11:58

        naquele dia sucederá que dez homens, de todas as línguas das nações, pegarão sim, na orla da veste de um judeu,dizendo: iremos convosco, porque ouvimos que deus está convosco.( Zacarias 8;23) más ficarão de fora os cães e os inimigos de Israel e seu povo.

    • Grampola Postado em 25/Jul/2014 às 20:22

      Mossad, escola de seres fétidos e covardes.

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 11:30

      boa resposta amigão! é isso mesmo.

    • falcon Postado em 18/Aug/2014 às 15:44

      Porque será que a Jordania expulsou os palestinos ? Porque os arabes não ajudaram os palestinos a fundar uma nação antes da década de 40 ? Palestinos usam, e sempre usaram mulheres, e crianças como escudos.

  2. Roger Postado em 17/Jul/2014 às 11:20

    E eu sou obrigado a ver imbecis defendendo o Estado de Israel!

    • Rogerio Postado em 17/Jul/2014 às 13:35

      E não faltam imbecis pra isso!

      • Erich Silva Postado em 17/Jul/2014 às 17:03

        O Choro é democrático e livre, o X é logo ai em cima no navegador.

    • Mohammad Postado em 17/Jul/2014 às 14:44

      Sempre tem uns fdpp

  3. Leonardo Postado em 17/Jul/2014 às 11:34

    Quando a Russia "invadiu" a Crimeia o mundo ficou indignado, EUA ficou inconformado, queria intervenção militar e tudo, achou um absurdo. Agora Israel volta ao seu plano de extermínio sistemático dos Palestinos e ninguém fala nada, EUA só olha e a Europa finge que não vê.

    • Bruno Silva Postado em 17/Jul/2014 às 11:56

      Ou seja, ela não propôs tregua, propôs expulsão. Saiam daqui, deixem as terras para trás e eu não matarei vocês.

    • Eunice Postado em 17/Jul/2014 às 11:59

      Como assim? "Israel já propôs tréguas em trocas de terra cedidas aos árabes" Quer dizer, em outras palavras, que se os palestinos não entregarem suas terras vão morrer? Que "trégua" é essa?

    • Thiago Teixeira Postado em 17/Jul/2014 às 13:29

      Falam sim Leonardo, da dança dos jogadores alemães.

    • Justina L Pereira Siqueir Postado em 18/Jul/2014 às 14:53

      Carlos Prado, que terra cedidas por Israel são essas? Voce quiz dizer terras dos palestinos. Aliás, que todos aqui leiam o TALMUD, para ver o quanto os judeus são racistas. Os judeus podem MENTIR, e descaradamente. COVARDES JUDEUS.

    • Marta Janete Postado em 19/Jul/2014 às 00:49

      Isso me dá uma raiva Leonardo ver o mundo impassivel assistir a esse disparate ! E ainda acha gente defendendo o estado de Israel, defender de que?A Palestina não tem , exercito, aviões e única coisa que tem são esses foquetes que nem de longe podem se comparar ao poderio Israelense...E o mundo vai ficar calada ? Até onde vão deixar Israel prosseguir com essa covardia ?

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:18

        se os foguetes não atingem Israel,então porque atiram? se alguém te atirasse uma pedra mirada em tua cabeça e tu estando com um revolver ,não atiraria nele para proteger tua vida,só porque o revolver é uma arma mais precisa e perigosa? deixaria que ele te derrubasse com a pedra e assim tirasse tua vida?

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:06

      olha amigão! quem prega essa história de extermínio sistemático é o Hamas, não Israel.

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:12

      grande resposta amigão! é de pessoas que nem vc que Israel e o povo judeu precisa.

  4. leandro Postado em 17/Jul/2014 às 11:37

    Israel é vitima, sempre sendo provocados. Quando resolver responder palestinos jogam as crianças na frente e começam a vitimização. Palestinos tem que ser exterminados o quanto antes.

    • André de souza lima Postado em 17/Jul/2014 às 12:33

      Leandro você é um tremendo de um pela saco desinformado, quem tem que ser exterminados são os judeus assasinos de crianças.

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:20

        quem tem que ser exterminado é o Hamas, que usa suas próprias crianças como escudo! assim sendo tanto Israel quanto os palestinos são as maiores vítimas.

    • Felipe Peters Berchielli Postado em 17/Jul/2014 às 13:22

      leandro postou o comentário mais imbécil do século,"palestinos tem que ser exterminados",isso é discurso de ódio,voce devia ser preso cara,as crianças estavam BRINCANDO!,que porra de escudo é esse? A Faixa de Gaza é uma das cidades com maior densidade populacional da terra,qualquer bomba ali mata centenas de inocentes,Israel tem sistemas de defesas eficazes e poderiam eliminar células terroristas(ou ditas terroristas) sem derramar sangue inocentes,afinal eles tem o controle de quem entra e sai daquele lugar e possuem o melhor sistema de inteligencia do mundo,o Hamas é a desculpa conveniente para dar um foda-se e bombardear sem dó os palestinos.

    • Thiago Teixeira Postado em 17/Jul/2014 às 13:31

      Carlos, você não disse isso. Israel propôs? Posso até aceitar você dizer que comunista come criancinhas, mas defender Israel?

    • Thiago Teixeira Postado em 17/Jul/2014 às 14:42

      Kct...... Carlos foi pro Leandro, Leandro foi pro Carlos .... misturei tudo! kkkkkkkkk

    • Marta Janete Postado em 19/Jul/2014 às 00:51

      é duro ler tanta ignorância e preconceito ....

  5. bruno garcia Postado em 17/Jul/2014 às 11:49

    É isso que você entendeu: Palestinos são os culpados pela morte de 4 crianças pois as estão usando como escudo humano? Aliás, você cai nessa de escudo humano? É uma bela desculpa para matar civis, não?

    • Rogerio Postado em 17/Jul/2014 às 13:37

      Concordo! Onde haviam escudos humanos ali? Eram sim alvos humanos!

    • Caio Postado em 19/Jul/2014 às 02:24

      Nada é fácil quando se trata daquela região. A verdade é que o grande inimigo do povo palestino não é Israel, e sim o Hamas. Algo tão trágico quanto a morte das quatro crianças, sem dúvida um erro militar imperdoável, é algo a ser lamentado pelo mundo todo, inclusive por Israel. Mas para o Hamas não. O Hamas tem a política declarada de transformar civis inocentes em mártires involuntários, escudos humanos forçados de suas bases de mísseis. É um grupo terrorista motivado pelo ódio incondicional e inconsequente. Sua missão desde sempre é de destruir Israel como povo e nação, e pra não se importam se todo o povo palestino for exterminado no fogo cruzado. Na verdade, se tivessem metade do poderio militar de Israel já teriam extinguido aquele país. Isso explica em parte por que as baixas do lado palestino são tão mais numerosas. Ao contrário dos israelenses, eles não têm um governo que procura protegê-los, mas estão sujeitos grupo radical que lucra expondo-os ao risco. Um grupo que dispara 1200 mísseis conta alvos civis indiscriminados que só não causaram a morte de milhares de judeus por causa do avançado sistema de defesa do adversário, mas que ainda assim causaram muito estrago. Um grupo que não hesita em provocar o inimigo rompendo sucessivas tréguas, mesmo humanitárias. Um grupo que não somente sabe muito bem as consequências de seus ataques como conta com elas, tirando proveito da justa comoção internacional com a morte de inocentes que eles mesmos colocam na linha de frente do conflito. É claro que as mortes que estão havendo dos dois lados são muito tristes, mas é justo tirar de Israel o direito de se defender de um grupo destes?

    • Caio Postado em 19/Jul/2014 às 02:28

      Para não ser mal interpretado: Só quero dizer que não concordo com este conflito, esta escalada de violência, não acho que o governo de Israel esteja correto, mas a maioria das pessoas, e da imprensa, está tendo uma visão muito superficial e injusta de um problema complexo. É fácil e até cômodo defender o lado "mais fraco", mas o lado mais forte deve só apanhar e não reagir só por ser... mais forte? Guerras não deveriam existir, ainda mais guerras de ódio como esta. Não há lado certo. Deve ser criado um Estado palestino. E deve ser aceita a existência do Estado judeu. Aos exfremo-esquerdistas de plantão que acham que Israel nunca deveria ter sido criado como Estado, só digo isso: Agora já foi, não dá pra voltar no tempo.

    • Caio Postado em 19/Jul/2014 às 02:30

      Não tem como não se sensibilizar todos somos humanos. Critiquei muito Israel em conflitos anteriores por considerar sua reação aos ataques palestinos como brutais e desproporcionais. Mas este é o problema quando se enfrenta um grupo terrorista, um adversário disperso na multidão inocente. É um custo humano muito alto. E quem menos se importa com este custo são os próprios terroristas.

  6. eunice Postado em 17/Jul/2014 às 12:01

    Cara! Tu não conseguiu ler que as crianças brincavam na PRAIA. Que escudo é esse afinal?

    • Caio Postado em 19/Jul/2014 às 02:38

      Aquilo foi um grave e imperdoável erro militar. Mas, por mais que alguns aqui odeiem Israel, e não estou aqui para questionar os motivos que possam ter pra isso, têm que admitir que as forças militares israelitas não têm interesse algum em matar crianças inocentes. Já o Hamas, este não hesitaria em matar crianças judias, e neste caso, não seria acidente. Basta anslisar a estratégia de ataque de cada lado

  7. Alex Postado em 17/Jul/2014 às 12:28

    Não ao Sionismo, todo força aos civis palestinos.

  8. Jr. paulo Postado em 17/Jul/2014 às 13:19

    A cooperação internacional entre vários Estados e a organização planetária dos procedimentos da polícia e dos bandidos necessariamente levará a um tipo de classificação que cada vez mais incluirá pessoas que serão consideradas “terroristas”. Aconteceu já na Guerra Civil espanhola, quando a Espanha serviu como laboratório experimental para um futuro ainda mais terrível que o passado do qual nascera. Deleuze disse isso em 78. Triste constatar que hoje pessoas desprovidas de espírito crítico acolhem e disseminam falácias como se tivessem propriedade intelectual para discorrer sobre o assunto. Esse mote do "escudo humano" é próprio de quem tem preguiça de pensar, de quem engoliu a ideia de que míssil israelense é retaliação legítima e qualquer reação palestina é considerada terrorismo.

  9. Thiago Teixeira Postado em 17/Jul/2014 às 13:33

    Coxinhas retardados devem ser exterminados o quanto antes.

    • Luis Postado em 17/Jul/2014 às 14:38

      é, mas sem os coxinhas,iriamos rir de que?

      • Thiago Teixeira Postado em 17/Jul/2014 às 14:41

        Putz ... verdade!!!!!!!!!!

  10. Saraiva Postado em 17/Jul/2014 às 14:14

    Diante de tantos pequenos mártires palestinos, de tanta covardia e crueldade por parte do exército sionista, há psicopatas que vêm aqui para defender os criminosos com os mesmos argumentos que poderiam ser usados para defender os nazistas. Aliás, por via transversa, não intencional, fica demonstrado que sionistas e nazistas diferem no tempo e nas vítimas, mas são iguais nos métodos.

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:28

      a um ditado que diz: no dia em que os árabes baixarem as armas, haverá paz. No dia em que Israel baixar as armas,ele não mais existirá! quem prega destruição total um do outro é os árabes e não Israel. psicopata deve ser quem defende o Hamas que usa suas próprias crianças de escudos humanos. Essa é a intenção! fazer Israel atingir crianças inocentes e depois pregar que Israel é o bicho papão daquela região, fazendo com que pessoas desinformadas chamem quem defende Israel de psicopatas.

  11. Rodrigo Postado em 17/Jul/2014 às 14:54

    Manda esse leandro pra Gaza!

  12. Icaro Postado em 17/Jul/2014 às 15:04

    O Leonardo só assim ao Globo New e ainda prega o extermínio de uma população inteira. Esse é o pensamento da nata imbecil... Não importa se é israelita ou palestino, pessoas são pessoas em qualquer lugar do mundo.

  13. Arthur Postado em 17/Jul/2014 às 15:27

    Sionismo é novo nazismo, o estado de israel é o novo Reich. Pelo fim dos genocidas, deveria ter uma intervenção militar em israel e acabar com essa covardia, prender os envolvidos e julga-los pelos crimes de guerra cometidos contra a humanidade... pena que é um sonho...

  14. Juninho Postado em 17/Jul/2014 às 17:52

    Pelo fim dos sionistas, judeus, israel e principalmente seu governo e exércitos covardes e assassinos!!! Como pode alguém defender esse lugar chamado israel??? Atacam com armas potentes contra paus e pedradas!!! Matam crianças, inocentes e querem arrumar desculpa??? Vergonha de não fosse os EUA israel já teria sido varrida da face da terra!!! Deus ajude os palestinos!!! Pelo fim de israel!!!!

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:30

      deus tenha piedade de ti!

  15. luciano Postado em 17/Jul/2014 às 18:53

    Hoje Israel coloca em prática a tática nazista. Pelo visto aprenderam a lição com seus algozes. Hoje a suástica vê a estrela de David se fundem. Esse é o valor que esses dois dão ao próximo inocente Judeu=nazista.

  16. Elias Postado em 17/Jul/2014 às 20:34

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=809427295746809&set=a.250335824989295.62131.125249070831305&type=1&theater

  17. Thiago Postado em 17/Jul/2014 às 21:39

    O tal do Leandro dá a entender que não conhece a história do conflito e que nem leu a notícia e vem comentar besteira. Típico Coxinha ¬¬

    • Douglas Postado em 17/Jul/2014 às 22:09

      Quem não sabe de história é você. No dia em que Israel teve um Estado, em 1948, todos os árabes atacaram Israel. Os árabes odeiam Israel e querem destruí-lo. Olha esse frase dita pelo antigo presidente egípcio Gamal Nasser: "Nosso objetivo básico será destruir Israel". Quem odeia quem? Israel nunca se posicionou nesta forma. Talvez alguns judeus, mas não o governo de Estado israelense. Desde criança, palestinos são ensinados a crescer com essa mentalidade: "odiamos Israel, são nossos inimigos".

      • Carolina Postado em 18/Jul/2014 às 11:50

        Claro que o Estado israelense nunca se posicionou dessa forma. Pegaram mais da metade do territorio palestino porque sao legais. Olha a proporcao dos ataques vindo de Israel em comparacao com os feitos pelo Hamas. Não da nem pra engolir seu discurso

      • Marta Jaente Postado em 19/Jul/2014 às 00:56

        Ninguém odeia atoa Douglas , Será porque ? Amigos é o que eles não são..O mundo deveria intervir nisso e impedir esse genocídio >

      • Marcos Torres Postado em 24/Jul/2014 às 04:19

        Carolina: Demagogia esse discurso de proporção de ataques. Hamas sempre que tem oportunidade lançam misseis à Israel e se puderem entram e se explodem levando civis israelenses. Israel se defende de ataques e se vê demagogos acusando Israel.

      • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:37

        Israel não tomou terra de ninguém! ele ganhou legalmente dado pela ONU! quem disse que aquelas terras pertenciam a palestinos se eles não tinham um estado, pais ou nação formados na época em que Israel ocupou aquelas terras? os palestinos simplesmente perambulavam por aquelas terras, nada mais que isso! quem em sua sã consciência puxaria o rabo de um leão fora da jaula? é isso que o Hamas prega! puxar no rabo do leão!

  18. julio quezada Postado em 17/Jul/2014 às 23:28

    ... "venían por el cielo a matar niños, y por las calles la sangre de los niños corría simplemente, como sangre de niños. Chacales que el chacal rechazaría, piedras que el cardo seco mordería escupiendo, víboras que las víboras odiaran!" Pablo Neruda. Explico Algunas Cosas.

  19. Waldomiro Pereira da Silv Postado em 18/Jul/2014 às 01:18

    Assassinos a solta.

  20. Maia Postado em 18/Jul/2014 às 01:19

    É fácil criticar quando não se tem 300 mísseis te atingindo diariamente e milhões querendo dizimar seu povo do planeta. Acredito que foi um equivoco mas Israel prende os seus assassinos. Enquanto seus opositores gloriam a morte e declaram publicamente em entrevistas que aliciam árabes como escudo humano e bomba de atentado.

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:39

      boa amigão! deus lembrará de vc no dia do juízo, pois quem odeia Israel odeia o próprio deus.

  21. Liza Postado em 18/Jul/2014 às 08:40

    Israel toma as terras, com tratores e escolta militar os israelenses vão invadindo as terras palestinas e expulsando o povo árabe. Eles não compram as terras! Não compram pq acreditam que aquela terra lhes pertence e acham que estao em seu direito. Já os EUA apoiam os israelenses na desculpa de que o Hamas é uma organização terrorista. Não sonhem que os EUA farão alguma intervenção, isso não vão acontecer....

  22. Roney Postado em 18/Jul/2014 às 09:15

    Aposto com todas as fichas que esses que estão defendendo Israel são religiosos.. Maldição essas religiões que cegam as pessoas!!

    • Monica Saraiva Postado em 19/Aug/2014 às 09:36

      Concordo com voce. Ridiculo imparcial Irracional. Religiies foram criadas e escritas por homens como instrumento de ideologias. Deus nao precisar ser cristao ou judeu ou mulcumano.Eu creio num unico Deus que nao podemos explicar, mas essas religioes me cansam...

  23. Rui Carlos Postado em 18/Jul/2014 às 21:24

    Se essa de escudo humano for verdade, pq para mim é uma desculpa bem vagabunda, ainda assim o Estado de Israel não pode se eximir de culpa. Imagine a polícia se desculpando por ter atirado em direção a bandidos q estivessem com reféns e matando alguns deles?

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:11

      e se esses mesmos bandidos atirassem na polícia primeiro ? vc acharia justo esperar ser atingido por uma bala e deixar de salvar sua própria vida?

  24. Nicholas Postado em 19/Jul/2014 às 17:38

    Eu nao gosto nem de ler comentário, porque começo a pensar que estou em outra dimensão fisica.. mas é cada uma.. busquem se informar antes de ficar falando abobrinhas. Só quem vive ao lado de grupos terroristas como o Hamas é capaz de fazer uma analise fidedigna, nao brasileiros soterrados na ignorancia e obscurantismo.

    • Caio Graco Postado em 27/Jul/2014 às 02:58

      É, quando será que vamos superar este obscurantismo e começarmos a jogar bombas sobre crianças ou nos explodirmos em um restaurante lotado, nos tornando seres iluminados? (ironia, se alguém não tiver notado, é bom falar).

  25. Fabio Postado em 20/Jul/2014 às 09:22

    O governo da América e de Israel são tão terrorista quanto os palestinos radicais, e numa guerra que quem sofre são as crianças. Não acreditem em tudo que vcs lêem. Não podemos julgar o que está acontecendo lá no outro lado do mundo, no conforto da nossa casa, só porque dizem. O culpado dirá que é culpado?

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:45

      Não concordo com vc amigo! pois o que caracteriza um terrorista é o ato de se atirar com intenção de matar inocentes! e é isso que o Hamas procura fazer, matar inocentes Israelenses. inclusive fazendo seu próprio povo de escudo humano. Já Israel quando ativa,avisa antes a população palestina para que se escondam dos mísseis, e porque mesmo assim morrem inocentes? porque o Hamas fala: não fujam fiquem em suas casas e morram em nome de ala´.

  26. chiko Postado em 21/Jul/2014 às 00:54

    Quem aprendeu com quem, a PM de SP ou o exercito de Israel?

  27. wagner Postado em 22/Jul/2014 às 09:11

    Gerou essa guerra só porque desapareceu na cisjordânia 3 jovens estudante não é motivo de morrerem quase 600 pessoas, palestina em Gaza, Pais como Israel que recebe turista no mundo inteiro as crença é tão forte entre povo judeu, más a bíblia fala em apocalipse tudo isso tem que se cumprir, eu como crente tenho que ora para povo não se acabarem más sim ouvir o evangelho verdadeiro só Deus na vida desse povo .

  28. Marcius Siddartha Postado em 22/Jul/2014 às 09:39

    Apenas o pior dos canalhas pode compactuar com o genocídio feito por esses sionistas. É um crime contra a humanidade. Quem tenta justificar se torna aliado de assassinos!

    • Marcos Torres Postado em 24/Jul/2014 às 04:23

      Dos 3 israelenses mortos por terroristas do Hamas ninguém fala nada!

    • jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:46

      deus tenha dó de ti! pois não sabe o que fala!

  29. jandiara Postado em 25/Jul/2014 às 10:53

    e ainda querem dizer que aquela terra é santa...

  30. Caio Graco Postado em 27/Jul/2014 às 02:51

    Tá bem, o ódio está instalado. A terra era dos Árabes, é claro. Esta injustiça está feita. Os israelenses não vão sair de lá. Não vamos importar aquele ódio. Vamos partir do viável. É pouco provável que vão se perdoar nas próximas dez gerações. Mataram os familiares reciprocamente. Os moderados têm que ganhar o poder de ambos os lados. Os israelenses vêm boicotando todos os planos de paz e, assim, na calada, vão incorporando novos territórios nos assentamentos. Vai funcionar o que funcionou com a África do Sul. O odioso aparthaid parecia que nunca ia acabar. Acabou quando o mundo resolveu boicotar economicamente a África do Sul. Então os moderados ganharam o poder. Sem esta pressão o terreno está favorável para os radicais de ambas as partes. Só muitos e muitos anos de prosperidade em ambos os lados vão apagar o ódio reciproco. Nós, os anões diplomáticos, teríamos comprado um paraíso tropical num lugar pouco habitado e dividiríamos nosso progresso com os locais, não estaríamos cercados de inimigos, nos miscigenaríamos e, a esta hora, já estaríamos sediado uma copa e perdendo esportivamente de sete a um (idealizando um pouco, é claro!).

  31. jander arruda Postado em 28/Jul/2014 às 12:01

    ô amigão! primeiro Israel tem que se compadecer de seu próprio povo, vc não concorda? se Israel relaxar por pena dos escudos humanos que o Hamas utiliza, quem será feito de escudo é o próprio povo de Israel.

  32. Igor Machado Postado em 30/Jul/2014 às 09:26

    Prezados, escrevi um texto abordando esse assunto e desmistificando alguns argumentos falaciosos que normalmente surgem quando se descute esse caso. Espero que gostem! http://alguemaifora.wordpress.com/2014/07/29/cinco-mitos-sobre-a-questao-de-israel/

  33. ISABELLA Postado em 30/Jul/2014 às 22:43

    Pense; E se fosse seus filhos?