Redação Pragmatismo
Compartilhar
Religião 03/Jul/2014 às 18:48
20
Comentários

Homem é internado pela família por não acreditar em Deus

Mubarak Bala deus ateu
Mubarak Bala foi internado por ser ateu (Reprodução)

O engenheiro químico Mubarak Bala, 29, foi internado em um hospital psiquiátrico por seu pai, Muhammad, e três tios por não acreditar em Deus. Bala é do Estado de Kano, norte da Nigéria, que tem 170 milhões de pessoas. Os muçulmanos dominam o norte e os cristãos, o sul.

O próprio Bala que, por intermédio de um celular, postou no Twitter que estava sendo mantido à força no hospital por ser ateu. Escreveu que sua família diz que ele sofre uma “mudança de personalidade”, que o levou a se tornar apóstata.

Veja também: Morgan Freeman: “homem criou Deus”

Afirmou que tinha sido espancado e estrangulado pelo seu pai, que também o obrigou a tomar um sedativo, e, quando acordou 30 horas depois, estava no hospital. “Meu pescoço ainda dói do estrangulamento”, escreveu.

Advogado Muhammad Bello Shehu, de Bala, disse que Muhammad recorreu à internação alegando estar preocupado com a segurança do filho.

“Ele [o pai] disse que teve de internar o Bala porque no país quem se assume como ateu corre o risco de ser linchado ou ter a casa incendiada.”

Bala afirmou que sua família invadiu sua conta no Facebook para postar que ele tinha retornado à fé islâmica.

Disse que seu pai é um líder islâmico que, para manter sua credibilidade, não pode ter um membro da família que seja ateu. “Por isso ele disse que eu tinha enlouquecido.”

Muhammad não quis comentar a internação do filho. Em um blog há a informação de que ele é, em Kano, integrante da instituição responsável por impor a sharia (lei islâmica).

De acordo com o advogado, Bala perdeu peso, se sente fraco e suas mãos tremem por causa dos medicamentos.

Shehu representa Bala na Justiça a pedido de um humanista, Bamidele Adeneye, para quem esse caso é um exemplo do preconceito do qual os descrentes são vítimas na Nigéria.

Afirmou que os políticos nada fazem para impedir a perseguição porque eles acreditam que “os ateus têm o que merecem”.

Paulopes, com Informationng e Huffington Post

Recomendados para você

Comentários

  1. Daniela Postado em 03/Jul/2014 às 19:24

    Absurdo. E o Brasil está quase igual.

    • luis Postado em 04/Jul/2014 às 01:03

      verdade, desde o ensino basico fui perseguido por ser ateu

  2. Thiago Teixeira Postado em 03/Jul/2014 às 19:48

    Imagina o nível de "instrução" do pai desse cidadão. Na volta do hospital esse engenheiro químico deve trazer uma mordaça ao genitor.

    • carlos Postado em 03/Jul/2014 às 20:07

      O pai dele deve ser um "idiota útil" como aqueles que ficam na linha de frente para defender ideologias ou crenças radicais.

  3. Monteiro Postado em 03/Jul/2014 às 20:18

    Uma das poucas virtudes de nosso País e ser LAICO. Entretanto esta expansão de políticos religiosos 'bancada evangélica" vem pondo nosso estado laico em risco.

  4. Neuza Palaro Postado em 03/Jul/2014 às 20:32

    Atrocidades em nome de Deus. Se isto é ser cristão prefiro ser ateu. Quanta imbecilidade!

    • Igor Postado em 03/Jul/2014 às 21:34

      Caraca, hein, mas nem leu todo o artigo! Eu sou cristão e nem por isso sou assim! E, em segundo lugar, meu "querido", o pai do cara internado é MUÇULMANO, se você não leu o artigo. E mesmo que fosse cristão, ou da umbanda, ou espírita etc., NÃO DÁ PRA GENERALIZAR!

      • eu daqui Postado em 18/Jul/2014 às 12:23

        Dá pra generalizar sim: NAZITEISTAS.

    • Paulo Postado em 03/Jul/2014 às 22:34

      Não que eu admire cristãos, mas eles são islâmicos. Lê a matéria direito.

  5. vilmar Postado em 03/Jul/2014 às 21:12

    só faltava isso! no seculo 21 onde todo mundo acha que está em plena evolução avançada

  6. André Postado em 03/Jul/2014 às 22:04

    Ele é quem deveria internar a família, pra deixarem de ser fanáticos bitolados...

  7. SILVIO MIGUEL GOMES Postado em 04/Jul/2014 às 08:09

    Eu sou religioso, ainda católico, são muito doce as coisas da infência e adolescência. No entanto, devemos lutar pelo estado laico. Se os Católicos e Evangélicos reacionários tomarem conta e conseguirem aprovações de leis, estamos ferrados. E LUTAR PELO RESPEITO AOS FIÉIS DE RELIGIÕES COMO UMBANDA E OUTRAS DE ORIGEM AFRICANA. A JUSTIÇA BRASILEIRA ERROU FEIO AO NÃO CONDENAR AS OFENSAS PROFERIDAS PELAS TVs E VÍDEOS DA INTERNET.

  8. Allysson W. Postado em 04/Jul/2014 às 09:28

    Quando vejo o mal que o fundamentalismo religioso causa à humanidade, lembro-me de como seria melhor o mundo, sem religião. "Imagine" de John Lennon sintetiza este sentimento.

  9. augusto Postado em 04/Jul/2014 às 09:46

    O pai que acredita em deus quase estrangulou o filho. Tinha que internar o pai.

    • eu daqui Postado em 18/Jul/2014 às 12:24

      Não. Naziteísta é pra ser enjaulado numa cela podre e não internado em hospital.

  10. BETO Postado em 04/Jul/2014 às 09:50

    O DEUS DELES É MAOMÉ Q REALMENTE NAO EXISTE.

    • André Postado em 05/Jul/2014 às 09:37

      Maomé é o PROFETA. O Deus deles é Alah.

      • eu daqui Postado em 18/Jul/2014 às 12:25

        Maomé é fato histórico. Deus não.

    • Gleidson Postado em 05/Jul/2014 às 14:29

      Maomé foi um profeta que realmente existiu, não um Deus imaginário. Alah quer dizer "deus" no idioma árabe assim como God na saxônica ou Dios na espanhola. O que pouca gente sabe (ou finge não saber) é que o Deus islâmico é o mesmo Deus de Cristãos e Judeus. Antes de ficarem criticando a religião dos outros dê uma olhada na história da sua religião, vai ver que ela não é feita só de "amor ao próximo"...

  11. Adalberto Postado em 04/Jul/2014 às 12:44

    Se Deus não religião, por que sou obrigado a ter uma?