Redação Pragmatismo
Compartilhar
Juristas 02/Jul/2014 às 09:32
12
Comentários

Gestão de Joaquim Barbosa "arranhou" imagem do STF, diz Mello

Marco Aurélio Mello também criticou a aposentadoria precoce de Joaquim Barbosa, que poderia ser membro do STF ainda por mais 11 anos: "Eu não me lembro de outro presidente ter renunciado a própria presidência"

marco aurélio mello joaquim barbosa
Marco Aurélio Mello e Joaquim Barbosa (STF)

A imagem do Supremo Tribunal Federal (STF) foi “arranhada” durante a gestão do ministro Joaquim Barbosa, afirmou nesta terça-feira 1º Marco Aurélio Mello, que participou da última sessão de Barbosa como membro da Corte suprema antes de sua aposentadoria. “Há um resgate da liturgia que precisa ser observado”, disse.

“As instituições crescem quando nós proclamamos valores, observamos a necessidade de manter o alto nível”, afirmou o colega de Barbosa, acrescentando que “precisamos voltar ao padrão anterior, que não é só da Fifa. Deve ser também das instituições brasileiras. Esse padrão ficou arranhado na última gestão”.

O ministro, que lembrou que o “grande público” passou a acompanhar o trabalho do tribunal, também criticou a decisão de Joaquim Barbosa de adiantar sua saída do STF. “Ele poderia realmente demonstrar um apego maior ao oficio permanecendo mais tempo no tribunal e até mesmo completando o biênio [como presidente]”, afirmou.

JB, que tem hoje 59 anos, poderia ser ministro do Supremo ainda por mais 11 anos, quando completaria 70 e se aposentaria compulsoriamente. Seu mandato de presidente ia até novembro desse ano. “Eu acho que quebra a ordem natural das coisas. Eu não me lembro de outro presidente ter renunciado a própria presidência”, disse Marco Aurélio Mello.

Até mesmo a atuação de Barbosa que certamente será mais lembrada, como relator da Ação Penal 470, o processo do ‘mensalão’, foi minimizada pelo colega. “Mas a ação penal não foi julgada apenas pelo ministro Barbosa”, afirmou.

247

Recomendados para você

Comentários

  1. Frederico Postado em 02/Jul/2014 às 11:02

    É mais fácil p/ a tal "Elite Vermelha" encontrar um bode expiatório que sirva de exemplo p/ os demais futuros que assumirão o cargo (e que sejam chegados aos partidos dominantes de elite, diga-se de passagem) do que reconhecer que o STF tá inundado de peixes podres que sabem que prestam um desserviço ao povo. Coisas do poder, enfim...

  2. Isaac Postado em 02/Jul/2014 às 12:47

    Marco Aurélio Mello só está ali por causa de seu primo, o presidente destituído, o único a ser cassado, desse presidente o senhor com certeza deve se lembrar bem, não é senhor ministro?

    • Junior Postado em 02/Jul/2014 às 23:19

      Também acho, mas é um ministro como qualquer outro. Não vejo porque não deveria estar ali ou não merecer estar ali.

  3. Thiago Teixeira Postado em 02/Jul/2014 às 15:39

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Neuza palaro Postado em 02/Jul/2014 às 15:57

    Deu o troco para o dia que JB disse "não sou capanga de suas fazendas", se não me falha a memória foi isto ou algo similar. Acho que deviam sair os dois juntos , não fariam falta nenhuma a justiça brasileira.

    • Daniela Postado em 03/Jul/2014 às 12:30

      Barbosa disse isso a Mendes. O que foi uma tremenda falta de respeito. Mendes não tem capangas. Ele não respeitava ninguém. Barbosa é um arrogante, prepotente, que bate em mulher. Ayres Brito ele chamou de velho caquético. Recebeu a resposta,"Agora só falta você vir aqui e bater em um velho caquético, pois em mulher você já bate." Já com Mello, ele faltou com respeito diversas vezes durante pronunciamentos. Não deixava Mello falar. Fazia deboche, interrompia. Só Barbosa podia falar. Passou por cima da lei, da Constituição, dos princípios do Direito para fazer condenações e ser agraciado como O Honestão. Quando, na verdade, ele estava violando a lei. Enfim, um sujeito que não tinha a menor condição de ser membro do STF. Imagine como ele tratava os estagiários de lá, os contínuos, os oficiais de justiça, se ele tratava os outros ministros dessa forma? Brasileiro tem mania de proclamar herói qualquer um que se sinta O herói. Vai tarde, Barbatman.

  5. Rodrigo Postado em 02/Jul/2014 às 18:01

    Claro, uma casa que nunca condenou um político, aí vem um neguinho e.prende logo vários, como pode isso? Tira ele e vamos voltar a mesma imagem suja de sempre!

    • Thiago Teixeira Postado em 02/Jul/2014 às 18:32

      Vários de um mesmo e EXCLUSIVO partido, você quis dizer.

  6. fernando yanmar Postado em 03/Jul/2014 às 00:42

    se até bento 16 renunciou o pontificado, jb tb pode largar o osso

  7. tauanl Postado em 03/Jul/2014 às 05:00

    rpz, é o marco aurélio q queria conceder habeas corpus pra "suzana von cron caramunhom rixitófen"? deu habeas corpus pro miliciano do rio de janeiro dono da metade das favelas de lá? votou contra a lei da ficha limpa? wikipedia me fala tbm de um banqueiro q ele soltou q com 5 anos tava sendo preso por peculato? como eh q pode? “As instituições crescem quando nós proclamamos valores, observamos a necessidade de manter o alto nível” de que nível esse individuo est[a falando? essas contribuições q ele tem dado tendem msm a manter o nivel em q estamos. e eh engraçado ele falar q nunca viu um presidente renunciar ao cargo... tudo bem q o fernandinho não fez isso por que quis mas... ele podia ter especificado... ou lembrado q gnt da família não vale. o janio quadros tbm renunciou, mas... ah sei lá, vai entender o q se passa nessa cabeça voltada para o alto nivel

  8. Rodrigo Postado em 03/Jul/2014 às 06:51

    Vários que roubaram e foram pegos eu quero dizer. O PT é o único partido do mundo que tenta justificar um crime com outro crime: "Haa está errado, ali foi caixa 2". Se realmente acredita que não houve mensalao. Não venha citar os crimes do PSDB, não voto nele e não me responsabilizo por eles. E vamos convenhar 12 anos e a culpa ainda e do partido anterior?

  9. itamar leandro Postado em 03/Jul/2014 às 18:24

    Ministro Marco Aurelio, o que arranhou a imagem do supremo não foi a gestão de Joaquim Barbosa e sim a postura dos ministros como Levandosk defendendo bandido mensaleiro na maior cara de pau. E quando o senhor de dirigir ao Ministro Joaquim tenha principios de educação.