Redação Pragmatismo
Compartilhar
Palestina 24/Jul/2014 às 15:13
131
Comentários

Brasil volta a repudiar covardia de Israel, que responde

Brasil reforça crítica a Israel por morte de 700 palestinos em Gaza e retira embaixador do país. Governo israelense responde com duras críticas: "país irrelevante"

brasil israel gaza dilma benjamin palestina
Benjamin Netanyahu e Dilma Rousseff. Brasil e Israel trocam farpas por causa de massacre em Gaza (Edição: Pragmatismo Político)

O governo brasileiro voltou a criticar nesta quarta-feira (23/07) a ofensiva de Israel em Gaza, pediu a implementação de um cessar-fogo e chamou para consultas o embaixador do país em Tel Aviv. Na semana passada, Dilma chamou de “desproporcional” a invasão de Israel a Gaza.

O Ministério das Relações Exteriores, em comunicado, considerou “inaceitável a escalada de violência entre Israel e Palestina” e condenou “energicamente o uso desproporcional da força por Israel na Faixa de Gaza”.

Este foi o segundo comunicado oficial do governo sobre o conflito desde que Israel lançou há duas semanas uma ofensiva contra o Hamas em Gaza.

Nos 16 dias que duram as hostilidades, pelo menos 700 palestinos e 35 israelenses perderam a vida e há registros de 4,3 mil feridos.

Israel rebate o Brasil

Após gesto diplomático do governo brasileiro, que convocou ontem seu embaixador em Tel Aviv, Henrique Pinto, para consulta sobre a morte de 700 palestinos, chancelaria de Israel respondeu duramente: “Seu comportamento nesta questão ilustra a razão por que esse gigante econômico e cultural permanece politicamente irrelevante”.

O comentário do governo de Benjamin Netanyahu foi recebido com indignação por autoridades do governo da presidente Dilma Rousseff. O Palácio do Planalto e o Itamaraty avaliaram juntos qual seria a melhor reação para um comentário “tão duro”.

VEJA TAMBÉM: Apenas 1 país votou contra as investigações do massacre de Israel na Palestina

O ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, rebateu as declarações do porta-voz da chancelaria de Israel. “Somos um dos 11 países do mundo que têm relações diplomáticas com todos os membros da ONU e temos um histórico de cooperação pela paz e ação pela paz internacional. Se há algum anão diplomático, o Brasil não é um deles”, disse a jornalistas.

com agência Efe

Recomendados para você

Comentários

  1. roger Postado em 24/Jul/2014 às 15:19

    E todas as nações se voltaram contra israel app

    • Duda Balagan Postado em 24/Jul/2014 às 19:28

      O mais vexatorio é que ninguém tomou essa atitude (de chamar o embaixador de volta...) Nem Putin...O Brasil ficou sòzinho... pelado e no meio do palco...Nem os bolivarianos seguiram ...

      • Omar Haikal Postado em 25/Jul/2014 às 02:35

        Não é verdade a Bolívia já tinha feito antes do BRASIL !

      • Gilmar - Uberlandia/MG Postado em 25/Jul/2014 às 12:13

        Vexatório para os demais países, não para o Brasil.

      • Rogerio Postado em 25/Jul/2014 às 13:55

        O Brasil foi corajoso nessa. Dilma mostrou ser firme.

      • Mohamad omairi Postado em 25/Jul/2014 às 17:39

        Um país como Brasil tem o peso do mundo pois sempre apoiou abertamente os injustiçados pelo mundo. Viva a nossa grande nação

      • EVANDRO LEITE RAPOSO Postado em 25/Jul/2014 às 20:31

        Vexatório pra quem, cara-pálida? Só se for pra Israel.

      • Joanes H. Postado em 26/Jul/2014 às 03:22

        Pois é Duda, foi vexatório sim, Brasil é um bebe grandão e nem saiu das fraldas ainda, mama na bandeira vermelha, brinca com foice e martelo só sabe apontar o dedo e falar de futebol. Se vcs querem saber é mais ou menos isso que pensam do brasil lá fora, enquanto que outros países estão pensando na solução para fim desse conflito.

      • Carlos Rocha Postado em 26/Jul/2014 às 11:32

        “Seu comportamento nesta questão ilustra a razão por que esse gigante econômico e cultural permanece politicamente irrelevante”. Quer queiramos ou não, esta é a mais pura verdade. Um país que reivindica lugar definitivo como membro do Conselho da Onu tem que mostrar imparcialidade, em vez de escolher um lado nas crises internacionais.

    • Andre Anlub Postado em 25/Jul/2014 às 10:50

      Israel tá cuspindo pra cima! Declarações assim só aumentam, e muito, o antissemitismo.

      • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 12:57

        E depois não se sabe porque tanto skinhead no mundo contemporaneo...............

      • Walter Postado em 27/Jul/2014 às 15:25

        Israel , um paiseco todo ferrado e sem nada... quer nos ofender? tem que se enxergar , eles são anões, sobrevivem do dinheiro de fora dos Judeus do mundo todo... no Brasil não pega, aqui Alberto Goldman ( Judeu era do Partido Comunista) O Maluf era apoiado por Judeus , Arabes e Judeus se dão bem no Brasil, Pra falar doBrasil eles tem que enteender que somos a 6ª economia do mundo e eles ...não estão nem entre as 50 maiores...temos 200 milhões de habitantes e les menos que 10 milhões... uma pulga afrontando um elefante...só rindo...

  2. Thiago Postado em 24/Jul/2014 às 15:27

    Usar falácias atacando Brasil como "anão diplomático" é uma fuga das soluções reais de Israel. Sitiar e explodir alvos n solucionou NADA até agora após décadas de fanatismo inflamado. Israel precisa aprender a voltar a conversar com os árabes palestinos (mui diferentes de egípcios, iranianos, paquistaneses).

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:12

      ISRAEL PRECISA É SER PUNIDO, ISSO SIM. EXEMPLARMENTE, COMO A TODO NAZISTA.

      • MARIA Postado em 26/Jul/2014 às 12:35

        Quanta falácia!!!!!!!!!! punir Israel só pode ser fala de radicais petistas!!!

      • nell Postado em 26/Jul/2014 às 21:44

        Petista ?? você só pode estar de brincadeira !! Não é possível chegar a níveis tão profundos de ignorância.

      • Fúria Postado em 29/Jul/2014 às 17:57

        Correto ,invadiram o Palestina e vem matando inocentes e tomando a cada dia mais território a décadas morte aos sionistas !!!

  3. Matheus B. Postado em 24/Jul/2014 às 15:35

    Ao censurar apenas um dos lados, desconsiderando os milhares de mísseis lançados pelo Hamas contra Israel, nossa diplomacia coleciona mais uma vergonha para o país. Merecemos a mijada de Israel, por colocar a agenda "progressista" acima dos valores humanitários.

    • lucas Postado em 24/Jul/2014 às 15:42

      Matheus cara precisa ler um pouco mais antes de falar...As mortes totais consideram inclysives os fogos de artificio do Hamas que feriu algumas dezenas mas nao matou ninguem...o ponto principal e que se quosesse Israel acabaria de vez com tal atrocidade. Por puro ego e razoes economicas escusas fazem dessa forma.. O Brasil nao esta sozinho tanto que por maioria fos votos o assassinato em massa de Israel sera investigado 30% das mortes sao de crianças nao tem como nao se sensibilizar

      • John Postado em 26/Jul/2014 às 17:11

        É de enlouquecer esses comentários. Será que eu estou cego, surdo e burro para acreditar em uma falácia dessas. O curioso que não muito tempo, ou melhor dizendo ainda esta acontecendo, a Russia esta tomando na mão grande um território da Ucrânia e nem por isso estão tão revoltados como estão com Israel. E vocês querem falar em desproporcionalidade? Me diga em qual tipo de guerra já vista em toda historia mundial que foi decidida de forma igualitária? Eu duvido que se algum Pais vizinho ao Brasil estivesse atacado de forma massante e mesmo que não ferisse ninguém como você mesmo diz, se a sua opinião ou de todos aqui nesse debate da mesma forma. Afinal não somos nós que vivemos lá e vivenciamos todos os dias esse clima de terror e por isso achamos que é fácil falar da postura "desproporcional de Israel". Minha opinião sobre a atitude do Brasil: Ridículo!!! Essa atitude não me representa. Nós nunca entenderemos o conflito no oriente enquanto não entendermos o que é lutar pela fé (como é a causa do Islã).

    • Fábio Postado em 24/Jul/2014 às 15:44

      Os valores humanitários SÃO a própria a agenda progressista. Não venha transvestir teu sionismo fascitóide com as bandeiras do Direitos Humanos.

      • Matheus B. Postado em 24/Jul/2014 às 16:05

        Certo, então os "valores humanitários da agenda progressista" vetam o assassinato, mas não a tentativa.

    • Samuel C. Postado em 24/Jul/2014 às 15:54

      Matheus, das centenas de mísseis lançados pelo Hamas a esmagadora maioria acaba sendo interceptada por Israel... Agr, querer colocar em pé de "igualdade" o tamanho e a qualidade das forças militares que há em cada lado é se equivocar.

      • carlos Postado em 24/Jul/2014 às 19:03

        Não entendi a lógica do seu raciocínio. Como o Hamas é ruim de pontaria e não tem os amigos certos pra armá-lo adequadamente então a culpa é de Israel? Por acaso vc está defendendo a ideia de que Israel deveria desativar seu escudo aéreo e usar armas iguais a do Hamas pra que as mortes fossem melhor distribuídas? Será que o Hamas não sabia que o poderio bélico de Israel era melhor e maior?

      • Bruno Carvalho Postado em 25/Jul/2014 às 21:04

        Carlos... Me cansou ver seu post. OK, vamos lá... Faça agora um exercício de criatividade e empatia. Imagine-se um palestino que há décadas vem sendo tratado como animal por Israel. Sua família, amigos... todos tratados como merda. Aí um de seus amigos diz: "Alah, não aguento mais tanta barbaridade!". Num ato de desespero, o cara vira um """"terrorista"""". Vai lá, explode um ônibus numa praça com 15 mortos, independente de ser criança, velho ou seja lá o que for. Afinal, este é um dos poucos meios de atingir Israel, considerando seu poderio bélico. Pronto. Sua vingança foi completa e ele, perante todas as injustiças cometidas contra seu povo, sente-se cumprindo a justiça de Alah por defender seu povo. Agora me diga: Você acha MESMO que explodir uma bomba numa praça DEVE ser considerado terrorismo (e não um ato de guerra) e que o banho de sangue promovido pelos sionistas NÃO???

      • Rodrigo Postado em 29/Jul/2014 às 15:14

        Cara, aprenda: se um estuprador começar a espancar uma pessoa porque ela se debate durante o estupro, a culpa é da pessoa. O estuprador vai levar tapa calado? Agora, se a pessoa deixá-lo estuprar em paz, ele não precisa bater

    • João Paulo Postado em 24/Jul/2014 às 15:56

      Valores humanitários? Milhares de mísseis? Em que mundo você tá vivendo cara?

      • Silva Postado em 24/Jul/2014 às 20:44

        Gente este cara não entende nada de humanidade, muito menos de piedade e compaixão, é um reaça tempo integral.

    • Mira Postado em 24/Jul/2014 às 16:36

      A terra é de quem, cara pálida? Não tem discussão mesmo não. O Hamasusa de violencia para responder a violência inicial que é de Israel, INVASOR. Israel tem que assumir a imoralidade que é seu estado e negociar a criação do Estado Palestino. É o MINIMO.

      • carlos Postado em 24/Jul/2014 às 19:09

        Não estou nem de um lado e nem de outro. Por isso, ingenuamente, me permito perguntar: Se a situação fosse inversa, qual seria o destino dos judeus? Na verdade, essa pergunta nem seria necessária diante da aberta declaração do Hamas de que seu objetivo maior é destruir Israel e tudo o que estiver dentro dele.

    • Viny Rodrigues Postado em 24/Jul/2014 às 18:16

      Meu caro Matheus, Ainda que fossem milhares de misseis sendo lançados pelo Hamas, grupo considerado terrorista pelos acordos internacionais e tudo mais, contra um país que é uma potência bélica como Israel, a coisa toda se configura com uma força desproporcional, vide a quantidade de mortos de ambos os lados. Isso não é uma guerra declarada, é um massacre. Podemos até condenar a suposta violência do Hamas, que ao meu ver, é a única forma que os palestinos tem de se defender contra o saque territorial que Israel pratica a muitos anos. Mesmo assim, ataques aéreos e terrestres de um exército bem equipado contra centenas de civis e algumas dezenas de "terroristas" me parece absurdamente desproporcional. Israel é o lado mais forte e sem querer ser simplista, mas já sendo, somente Israel pode acabar com esse conflito e propor um acordo de paz e de definição de território que seja justo, não igual ao que foi proposto em 2000, que se você ver no mapa, colocava o povo palestino em um sistema de campo de vigilância e quase campo de concentração na Cisjordânia. Mas para Israel, é importante que eles consigam ampliar seus territórios (economicamente) e claro, deixar os palestinos em condição de subsistência para que o Sionismo continue tendo mão de obra barata.

      • Rosa Postado em 25/Jul/2014 às 02:16

        Para terem paz, os Palestinos tem que se livrar do Hamas, com esses não tem conversa!

      • Betim Postado em 25/Jul/2014 às 18:33

        Nunca havera paz,varias nações se voltarão contra Israel,agora estamos começando a entender devido a covardia que esta sendo aplicado,Israel ta batendo em bebado ai é facil,quero ver eles se voltarem contra uma grande nação com um Exercito poderoso.ISRAEL ASSASSINOS DE CRIANÇAS

    • Aldair Postado em 24/Jul/2014 às 18:48

      Valores humanitários? Já viu a foto das crianças despedaçadas? Israel só existe por que riquíssimos lobistas suficientemente controlam os votos do congresso americano (via financiamento privado de campanha). Condeno o Hamas, mas estou muito orgulhoso do Brasil em relação a esses canalhas israelenses. Tenho certeza de que se Obama pudesse faria o mesmo que Dilma fez. Nesse sentido, portanto, Dilma pode mais, é menos limitada.

    • Thiago Teixeira Postado em 24/Jul/2014 às 18:49

      Quem merece ser mijado são os vira-latas (espero que você não seja um deles), o Brasil, jamais.

      • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 12:58

        Concordo. O problema é que os viralatas são maioria.

    • Dani Postado em 24/Jul/2014 às 19:18

      Milhares de mísseis lançados por Hamas??? E onde estão os "mortos cirúrgicos" do lado de Israel então??? Se o Hamas é um inimigo tão terrível quanto afirma a imprensa internacional, porque é que quase nenhum dos seus mísseis atinge o outro lado?? Que curioso ter 40 mortos de um lado e 700 de outro. Fale-me mais sobre essa coincidência dos Estados Unidos doar bilhões para Israel. Nossa, que dó dos israelenses. Que dó! Acorda pra vida!

    • Élica Postado em 24/Jul/2014 às 19:27

      Vergonha?! Me sinto orgulhosa que o nosso país não seja conivente com essa barbárie... para a história não carregaremos esse fardo!!!

    • Gabriel Postado em 24/Jul/2014 às 19:39

      A mídia nacional e internacional já divulga a vossa versão desde a década de 40 creio que não precisamos de mais pessoas a divulgar mentiras. Quanto ao Brasil ser insignificante, se assim fosse ainda seria melhor que ser uma importante nação genocida e racista.

    • haydee Postado em 25/Jul/2014 às 02:48

      e vc merece ir pra lá idiota, não gostou? quer violência? pq mora aqui?

    • Fatima Postado em 25/Jul/2014 às 14:10

      Oi, você fala de valores humanitários? Vamos lá. Em 1º lugar, Palestina não tem exercito e nem marinha. 2º, Israel rouba água da Cisjordânia que é terras palestinas para o povo de Israel e deixa milhares de pessoas sem água crianças e idosos, lembrando, isso não existia... passou a existir depois de uma assembleia de leigos. São 35 Israelenses mortos, todos militares contra 784 palestinos mortos civis. Se você não sabe o que é civis eu explico: crianças, idosos, mulheres grávidas. Aí eu te pergunto se fosse teu filho?? Tua mulher, o que você faria?? Se um Israel fizesse no Brasil a mesma coisa que fez na Palestina e começou a rouba parte e parte da nossa terra??? o que você faria??? Tenta me explica historicamente desde quando a Palestina pertence a Israel, e desde quando que matar crianças uma população que não anda armada de defesa, isso é um massacre meu caro. e concorda com esse ato é a mesma coisa que concorda com massacre do povo judeu durante a segunda guerra mundial. Sendo que vários rabinos sionista em Israel fala claramente para extermina o povo palestino! Acorde para a verdade, porque se isso tivesse acontecendo dentro de sua casa, invadindo e matando sua família você iria reagir e eles também te chamariam de terrorista?!?!? ENTÃO, estude bem antes de escrever coisas irrelevantes.. sem sentido. Isso não é questão religiosa e sim humanidade, imagina sua filha ou irma ou mãe sendo assinadas do nada sem ter feito nada. e teve um representante que ainda ameaçou o brasil dizendo que o brasil apenas estava chamando a guerra para o brasil... e Ai se eles vierem aqui e explodir a tua casa? aqui é brasil e ai eles vão ver a fúria de um povo que não desiste nunca. pense bem, eles apenas querem matar o povo de Gaza para ficar com sua terra.

      • Soraia Postado em 06/Aug/2014 às 19:19

        Disse tudo! Israel matou centenas de crianças, nada justifica o que foi feito e inclusive muitos judeus não apoiam o que Israel faz, por que uns idiotas que não conhecem nada da história tem coragem dw defender Israel. O alvo eram civis... Israel não matou soldados, matou crianças, mulheres, idosos. Natanyahu e seus apoiadores são assassinos perigosos. Nunca vai pagar pelo que faz de mal, pois o que causou ao povo Palestino é imensurável. Mas desejo que seja condenado pelos crimes que comete. O desprezo de quase todo o mundo essa criatura e seus apoiadores já tem.

    • Bernardete Baronti Postado em 25/Jul/2014 às 20:27

      Milhares de "mísseis" lançados pelo Hamas??? PIADA ISSO!!! Desde a criação do Estado Sionista de Israel, o Povo Palestino tem vivido uma catástrofe, sempre humilhados, invadidos, oicupados, torturados, aprisionados e massacrados. Não é o primeiro massacre de Israel contra o Povo Palestino!!! O Hamas, que só os EUA/Israel e seus aliados dizem ser "terrorista", apenas defende o Povo Palestino que não tem armamento, usando foguetinhos caseiros que nem chegam a atingir ninguém. Por outro lado, Israel tem poderio bélico e ataca até com DRONES, por ar, por mar e por terra.Quantas crianças, mulheres, idosos, jovens já morreram por causa dos ataques de Israel?! Israel está comentendo CRIMES CONTRA A HUMANIDADE e deve ser parado e punido. O Mundo todo clama por JUSTIÇA e LIBERDADE ao Povo Palestino.Basta de matança de Palestinos! Israel que vá invadir e ocupar e construir seus assentamentos, seus colonatos em outras terras, onde não haja ninguém habitando!

    • sara Postado em 26/Jul/2014 às 02:07

      Matheus vc precisa pesquisar mais antes de comentar, em dois dias morreu 1 crianca palestina por hora. O Brasil e gigante e nao merece nao.

    • Mauricio Massa Postado em 26/Jul/2014 às 07:50

      As eternas vítimas.

    • glenio Postado em 26/Jul/2014 às 11:32

      Uma semana antes o Brasil censurou o há mas. Falta de leitura.

  4. Dunia Postado em 24/Jul/2014 às 15:40

    Aaaaa então agora o povo de "orar" especificamente por Israel e começou a "orar" pela humanidade????

  5. Mauricio Patricio Jr Postado em 24/Jul/2014 às 15:40

    Matheus B. É muito humanitário bombardear mulheres, idosos e principalmente crianças, né? Antes de escrever besteira, procura entender o que está acontecendo.

    • Matheus B. Postado em 24/Jul/2014 às 16:03

      Entendo perfeitamente, Mauricio, o problema não é tentar bombardear, mas sim conseguir bombardear. Enquanto ficar mais na tentativa fracassada, tudo bem!

      • Bibiano dos Santos Postado em 24/Jul/2014 às 16:50

        Se formos falar de tentativas. Israel tentou e errou mais (ou não). Apenas dois dos mortos israelenses não eram soldados. Apenas nenhum palestino era das forças armadas de Gaza já eles não possuem marinha, aeronáutica ou exército terrestre. A maior parte (gritante) era civil. Foi uma brincadeira, é claro que Israel não tem errado. Eles visam matar civis. Possuem uma das mais bem preparadas forças armadas do mundo. Ainda vem me falar sobre humanitarismo em defesa de gente que mata mais de 500 civis propositalmente? Matheus, não seja tão imbecil.

      • dani Postado em 24/Jul/2014 às 19:25

        Cara, todo mundo aqui tentando apelar pra um mínimo de humanidade e vc só fica repetindo esse monte de bobagem da mídia. Sério que você acredita que é a mesma coisa tentar matar com uns jatos ultrapassados um povo que tem escudo anti-bomba, jatos e tanques de última geração??? Acha justo comparar um estado financiado pelos Estados Unidos om um povo que já vivia amontoado e humilhado que nem bicho e que não pode contar com a ajuda nem da própria ONU. Ainda que o Hamas tivesse algum poder real de fogo contra Israel, eu questiono, quem invadiu as terras dos outros, quem acuou, desapropriou, espoliou e assassinou foram os israelenses sionistas, portanto, natural que os explorados se revoltem.

    • MARIA Postado em 26/Jul/2014 às 12:38

      como pode ser isto se de uma cacetada só o Hamas derrubou um avião com quase trezentas pessoas a bordo?

      • Tiago Postado em 27/Jul/2014 às 14:11

        Essa sangrou meus olhos ao ler. É estupidez ou brincadeira?

  6. Luiz Chaimsohn (@luizchai Postado em 24/Jul/2014 às 15:43

    Será que quando eles classificaram o Brasil de insignificante na Diplomacia, eles se esqueceram que foi um Brasileiro , o Oswaldo Aranha que presidiu a seção da Onu que reconheceu o Estado de Israel ?

  7. Naza Postado em 24/Jul/2014 às 15:44

    Nosso governo censurou Israel da forma desigual de se defender, seu ignorante.

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 15:19

      FORMA DESIGUAL DE SE DEFENDER = ATACAR.

  8. mauricio augusto martins Postado em 24/Jul/2014 às 15:47

    Primeiro não devemos levar em consideração o que o "bibi" fala, sendo de direitona-furiosa com "suspeitas" de Enriquecimento Ilícito, não seria Porta-Voz do POVO de Israel, é somente um Tirano Assassino, desconhecedor da História e de como seu País é Financiado, passa por cima da ajuda Brasileira para tornar o Deserto em terras agricultáveis, técnica desenvolvida nos anos 60 e 70, pela Universidade do Ceará, inclusive com os Equipamentos para tal, não só o gotejamento bem como reaproveitamento de água de chorume em água de reuso e as culturas de bactérias e fungos primários e terciários como num Programa "Gênesis", e o equilíbrio Mineral do solo, para tanto Nossa Colaboração não só com os Kibutz, mas com o Mundo sempre foi, e agora MAIS AINDA, uma Política de Paz com distribuição de Pão para todos, além de dar a vara estamos ensinando também a Pescar, e que nem por estas "duras" palavras deixaremos de Acolher qualquer POVO , e Isto nos torna Gigantes, porque Nosso País o Brasil é feito de Muitas Vozes...maumau

  9. Addasi Addasi Postado em 24/Jul/2014 às 15:52

    O Brasil tem que mandar este suposto diplomata embora do pais Israel eh um pais que esta matando criancas e esta desafiando o mundo com toda sua Maltade , liberdade e justica para a Palestina Israel uma nacao de covardes com seu exercito de Merda

  10. Flaviano Alves Postado em 24/Jul/2014 às 15:59

    Enquanto o sionismo dominar a política em Israel, não haverá paz no oriente médio, pois o objetivo do movimento sionista sempre foi o de expulsar os palestinos de sua terra. Eu não concordo com o uso de violência por nenhum dos dois lados, mas enquanto o sionismo não sai do poder em Israel, o genocídio do povo palestino irá continuar.

  11. ronaldo soares Postado em 24/Jul/2014 às 16:00

    matheus por favor cara ,são crianças mulheres e idosos que estao pagando com a vida ,,procura entender certinho o motivo desta guerra a historia deste povo para depois vir faser seu comentario .....queremos paz em gasa...chega de genocidio............

    • Matheus B. Postado em 24/Jul/2014 às 19:26

      Ronaldo, onde eu disse que sou a favor da guerra? Sim, chega de violência, de ambos os lados, essa deveria ser claramente a mensagem da nossa diplomacia, mas não foi o caso. Nesse conflito, ou ambos param ou ninguém para, então não pode censurar apenas um dos lados. Posicionar-se ao lado do mais fraco só porque é mais fraco rende muitos pontos com a militância, como pode-se ver nos comentários do pessoal, mas não contribui em nada com a paz.

      • Sumblursat Postado em 24/Jul/2014 às 20:05

        Mateus, quem te disse que a diplomacia Brasileira não condenou a ação do Hamas? O primeiro posicionamento do Brasil quando começou a escalada de violencia foi condenar os dois lados, pedindo que procurassem a resolução por via de dialogo. como isso não aconteceu, e a escalada da violencia prosseguiu com perdas de vidas de crianças, idosas e pessoas mais vulneráveis , fez com que a posição de Brasil seja mais contundente contra Israel. Com certeza se a situação fosse inversa(mais mortes por parte de Israel) o governo Brasileiro teria a mesma posição em condenar as mortes. Mateus, procura conhecer um pouco a historia da diplomacia Brasileira aí voce compreenderá porque Brasil está condenando a atitude de Israel.

  12. Dhoco Postado em 24/Jul/2014 às 16:07

    Então, se fosse tão irrelevante assim, não teriam "se duido" [sic] tanto.

    • Alê Martins Postado em 24/Jul/2014 às 16:24

      Relevância politica é tacar bombas e bombas ..

  13. marcio Postado em 24/Jul/2014 às 16:10

    Se isso é verdade, porque então eles se deram ao trabalho de comentar a saída do diplomata brasileiro? Eles deviam é tomar vergonha na cara e parar de matar criancinhas, já que eles são grandes, né?

  14. Paulo Postado em 24/Jul/2014 às 16:17

    Parabéns ao governo brasileiro por se posicionar. Posicionamento correto. Israel segue a lógica estadunidense de que se você se opõem à minha opinião, você é meu inimigo.

  15. alexandre Postado em 24/Jul/2014 às 16:42

    Lamento muito que as pessoas ainda não tenham entendido as reais intenções do governo de Israel. Isso é claro do ponto de vista territorial. O que eles querem são as terras e usarão de todos os meios necessários para isso ocorrer, ou seja, dizimar a Palestina não está fora de questão. Então, a pergunta que cabe aqui é: Em Quanto tempo Israel pretende fazer isso? Em quanto tempo Israel quer anexar todo o território palestino a sua nação pífia? Já em relação ao comentário feito pelo chanceler Isralense, insignificante é a politica internacional daquele País, o qual mantém relações comerciais praticamente com os EUA!!!!

    • marco Postado em 24/Jul/2014 às 23:18

      Alias eles são pedintes dos EUAS.

  16. Ankh Postado em 24/Jul/2014 às 16:51

    Israel e seus líderes arrogantes e prepotentes. A cada dia se parecem mais com seus aliados de Washington. Infelizmente, todos sabem que o Hamas é extremista, radical e fundamentalista, no entanto, a atitude dos líderes israelenses não tem ficado nada atrás. Os palestinos não tem mais nada a perder, já que suas terras já foram tomadas, seu acesso à água é restrito, entre outras coisas. Agora, para Israel não...a paz poderia significar desistir não apenas de toda aquela região como também, a devolução das terras incorporadas, além da retirada dos colonos nos assentamentos. Como um Estado esclarecido e estruturado, as iniciativas de paz deviam partir do Estado de Israel com propostas razoáveis para ambos os lados e não apenas convenientes a eles...

    • Newton Postado em 24/Jul/2014 às 18:22

      Certíssimo! O que não podemos esquecer também é que os grupos extremistas como o Hamas e a Jihad Islâmica foram surgindo na proporção em que Israel foi invadindo, saqueando e assassinando o povo árabe da palestina e isso tudo com o aval da comunidade internacional. O mundo só começou a olhar com mais atenção para a palestina com a repercussão dos atos de violência da OLP e da FPLP. Não fossem estes grupos armados, talvez Israel já tivesse dizimado totalmente a população e anexado tranquilamente os territórios, inclusive dos países vizinhos como Líbano e Síria.

  17. DANNIBALE Postado em 24/Jul/2014 às 17:04

    SE SER RELEVANTE NO MUNDO É COLOCAR EM RISCO A PAZ DOS OUTROS PAÍSES, SE SER RELEVANTE NO MUNDO É CAUSAR GENOCÍDIO DE POVOS IRMÃOS ENTÃO PRESIDENTE DILMA, PREFERIMOS SER IRRELEVANTES! ESSA É A MELHOR RESPOSTA!!!

    • marco Postado em 24/Jul/2014 às 23:23

      o bom e o mau, o covarde e o corajoso, o dia e a noite a agua e o fogo, Fala baixo não deixa eles te escutarem pois colocarão uma coleira e quem sabe serão duas refeições ao dia.

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:13

      SE SER RELEVANTE É SER GENOCIDA, SOU O BALUARTE DA IRRELEVANCIA, GRAÇAS A ZEUS.

  18. Lailton Araújo Postado em 24/Jul/2014 às 17:05

    TENHO AMIGOS EM ISRAEL E AMIGOS PALESTINOS NO BRASIL... O "sionismo" lembra o "nazismo". Não pode crescer no coração do "Estado de Israel", nação que admiro, assim como também admiro o "Estado da Palestina". As forças usadas neste conflito são desproporcionais, matam (em maior número) e humilham pessoas do lado mais fraco - os palestinos. Os supostos grupos "terroristas" (Hamas e Fatah), que os "sionistas" combatem, em nome da própria segurança, e ainda, promovem tamanho "massacre" de crianças e mulheres na "Faixa de Gaza", não devem ser motivos ou quaisquer justificativas para tamanha agressão e falta de respeito aos "Direitos Humanos". Lembro que “violência gera violência”. A Palestina deve ser de “todos os que lá vivem e promovem o bem”. O "sionismo" presente em alguns líderes políticos no "Estado de Israel" não encontra apoio na maioria de sua população e em pessoas da paz, em um mundo civilizado. As consequências da radicalização de visões políticas, partidárias, de esquerda ou direita, do capitalismo ou comunismo, do arcaico ou moderno, da separação de classes, infernizam os habitantes de todo o planeta, que já não conseguem viajar com segurança ou promover reuniões em locais públicos. O mundo está explosivo. O que estão fazendo - alguns políticos medíocres - com a liberdade dos seres humanos? Ir e vir, ou habitar qualquer pedaço de chão não pertence a qualquer ideologia. O Brasil e sua política externa merecem aplausos por repudiar o "sionismo" no "Estado de Israel". Mas, este mesmo governo brasileiro, errou em sua política mundial de nação isenta ao não protestar, contra as "forças ocultas", responsáveis pela morte de quase 300 pessoas, na queda de um avião na Ucrânia, na semana passada. Qual o motivo? Lailton Araújo - 24/07/2014

    • Helder Postado em 24/Jul/2014 às 18:01

      Amigo, vc já sabe de fato quem derrubou o avião porque eu não sei. Fica difícil protestar sem saber o autor da chacina. Creio que os americanos tinham muito mais interesse de criar esse clima de desgaste do Putin. Esse povo que está no poder não exita em matar, sem dó nem piedade.

  19. paulo correa Postado em 24/Jul/2014 às 17:30

    o governo brasileiro deveria romper relações diplomática com esse assassino arrogante.prefiro que o brasil seja um pequeno diplomático do que um grande assassino.

    • Thiago Teixeira Postado em 24/Jul/2014 às 18:46

      Assino em baixo!

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:18

      Um irrelevante independente e soberano em sues posicionamentos e valores é muito mais digno e limpo do que um relevante genocida. Essa escolha sim, faria do Brasil um gigante diplomático.

  20. Helder Postado em 24/Jul/2014 às 17:55

    O comportamento de Israel se assemelha à Alemanha Nazista. Parece que querem vingança sobre um povo que não tem exército, não tem marinha, não tem força aérea. Os palestinos tem o direito de revolta. Depois da criação do Estado de Israel, os palestinos já tiveram mais 80% de suas terras pilhadas por Israel. E tem que se conformar? O recado para o Brasil é que eles mandam porque tem armas e não exitam em matar ao contrário do Brasil que sempre assumiu internacionalmente uma postura pacífista. Acreditem, nós estamos no caminho certo. Ainda bem que não conseguem atingir a Deus com suas bombas. Quem sabe virá do Alto a punição.

  21. ALDAIR Postado em 24/Jul/2014 às 18:05

    É uma grande honra ser ofendido por este hitler sanguinário! Obrigado Dilma e Itamaraty por lavar a alma do verdadeiro povo brasileiro contra estes CRÁPULAS!

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:19

      REGISTRO AQUI MEU APOIO E ESTÍMULO A ESTE GOVERNO PARA CONTINUAR ENGROSSANDO COM ISRAEL. NÃO PAREM POR AÍ. CONTINUEMOS CADA VEZ MAIS "IRRELEVANTES".

  22. laudgilson Postado em 24/Jul/2014 às 18:42

    Os nazistas fizeram excelentes alunos. E o governo de Israel corresponde bem a expectativa. Matar crianças como Israel mata, nem Hitler com seu ódio implacável contra os judeus.

  23. Thiago Teixeira Postado em 24/Jul/2014 às 18:45

    Irrelevante? Eles disseram isso mesmo? Vai ficar assim? Já que esses babacas pensam dessa forma, porque não cortamos toda diplomacia? Itamarati, o que vocês decidirem fazer eu assino embaixo.

    • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:22

      Eu só assino embaixo se este país recrudescer na "irrelevancia".

  24. Roger Rosato Postado em 24/Jul/2014 às 18:50

    "Mesmo que as falácias sobre a importância diplomática deste país fossem verdade, ainda preferiríamos ser irrelevantes a praticar atrocidades respaldadas" Gostaria com todas minhas forças que essa fosse a resposta do Itamaraty... pena que Israel tem as costas bem quentes...

  25. Ivyn Gabriel Postado em 24/Jul/2014 às 18:54

    País irrelevante? Parceiro, olha pro tamanho do meu PIB e depois olha pro tamanho do teu, hahaha

    • Bárbara Postado em 27/Jul/2014 às 17:04

      Quando ele fala em irrelevância, ele quer falar de poder bélico. É a única relevância que interessa Israel.

  26. johnny Postado em 24/Jul/2014 às 18:57

    Toda ação tem sua reação. O Hamas nada mais é do que a resistência, a revolta de um povo que desde 1947 perdeu sua paz. Todos os povos, exatamente todos os povos que sofreram / sofrem e que estão por sofrer opressão ou dominação uma hora ou outra se rebelam. Devemos levar em conta que o sionismo tem a seu lado as maiores potências do mundo. Se esquecem de que Israel nasceu da imposição, do sangue islâmico derramado, se esquecem que sua criação entre outras coisas se deu como ponte para o Imperialismo no oriente médio. A hipocrisia cega, estabelecer qualquer tipo de comparativo militar entre as 02 nações (digo nações porque reconheço Palestina como estado embora isto não signifique muito) é pura hipocrisia, hipocrisia de quem não conhece a história, de quem ignora os oprimidos e por fim de quem apóia o opressor !

  27. José Postado em 24/Jul/2014 às 19:02

    Não existe um lado ou outro como comentaram anteriorrmente. 700 mortos contra 35 é uma carnificina. Isso nem guerra é. Irrelevante ou anão?

  28. Fernando Postado em 24/Jul/2014 às 19:08

    Uuui que ousadia na declaração de resposta ao br e pesaaada...adoro! 'sqn' rs Aiai...olha só esses judeus, financiam o cristianismo na geopolítica contemporânea do ocidente (e dominante), e agora?! Seguir com fé..."o mundo é bão, sebastião!" hehe

  29. Nesar Yasin Postado em 24/Jul/2014 às 19:32

    Estava vendo alguns comentários idiotas de pessoas que supostamente são sionistas ou possuem algum parentesco. Digo sionistas porque judeus de verdade sempre viveram em paz com os palestinos e são contra a própria existência deste estado criminoso e nazista de Israel. Um povo arrogante que sofreu na pele e se intitula coitadinhos, dizendo que a humanidade lhes deve devido ao Holocausto,etc. Pois bem,sou brasileiro,filho de palestino,nasci no brasil e morei na Palestina e vi com meus olhos as atrocidades cometidas por estes vermes que sem remorso algum,roubam,matam,destroem residências de palestinos diariamente. Invadem plantações de agricultores palestinos,destruindo suas plantações centenárias de oliveiras,sem aviso prévio,fazendo uso de força e sem indenizar a ninguém pelos danos causados. Um povo que tem mais de 200 crianças menores de 14 anos presas em suas prisões apenas por jogarem pedras nas forças de ocupação. Meu pai,nascido na Palestina ,depois de 32 anos vivendo no Brasil,retornou a sua terra natal e lá teve que viver na clandestinidade até morrer,escondido como um criminoso devido as hostilidades causadas por estes nazistas invasores. israel não tem argumentos,são eles os invasores, qualquer pessoa que tivesse suas terras confiscadas,que tivessem seus parentes assassinados,suas casas destruídas agiria da mesma forma que os palestinos o fazem. O que eles chamam de terrorismo palestino,para nós é resistência e a proporcionalidade usada por Israel nos bombardeios contra escolas,matando mulheres ,crianças,além de criminosa é covarde. outra coisa,o Brasil é irrelevante para eles mas foi que aqui que conseguiram asilo para montar seus negócios e graças a nós brasileiros,eles hoje são chamados de gente pois até então,eram tratados como animais pelo regime de Hitler.

    • Mônica Postado em 26/Jul/2014 às 09:59

      Nesar, já diz o ditado, pimenta nos olhos dos outros é refresco. Você viveu por lá e isso endossa ainda mais suas JUSTAS palavras, então sabe bem o que é este ditado. 7 a 1 foi apenas um jogo de futebol, que não manchará a acolhida do nosso povo aos estrangeiros que estiveram por aqui.... Esta raiva deles é porque o Brasil perdeu foi pra Alemanha?? Será que Israel achou que deveríamos ter ódio deles por isso? Um jogo de futebol?? Será que acham que deveríamos vingar o ódio que eles têm pelos alemães? Isso é vergonha para um país? Aqui estamos falando de vidas, principalmente de vidas de pessoas que não têm condições nenhuma de se defender. Será que o mundo tem que ficar vendo isso e de boca fechada? Que bom que o Brasil não ficou em cima do muro.Tem que se posicionar mesmo.

    • Bárbara Postado em 27/Jul/2014 às 17:10

      Concordo. O problema é o Hamas. Esse grupo de terrorista acaba não ajudando em nada a Faixa de Gaza, não se importam com o seu povo assim como Israel. O Hamas acaba servindo de bode expiatório para Israel cometer as atrocidades que comente. Mas há que se pensar, se fosse o contrário, o Hamas que detivesse poder bélico, também só iria parar quando destruísse Israel. É muito complicado... Mas é só pegar o mapa de 1950 e o de agora de Israel que todos vão entender o porquê de tanta guerra.

  30. Nesar Yasin Postado em 24/Jul/2014 às 19:59

    O Brasil é tão irrelevante que milhares de judeus vivem aqui até hoje e foi aqui que encontraram abrigo e passaram a ser chamados de gente pois até então,viviam como animais em campos de concentração na Europa. deviam ter vergonha na cara e se envergonhar antes de falar de qualquer nação que lhes deu abrigo,povinho criminoso e arrogante.

  31. Ubirajara Postado em 24/Jul/2014 às 20:35

    E agora Dilma, vai deixar por isso mesmo? Aguardo uma resposta á altura... mas tenho certeza que ela vai ficar quietinha, o governo só se posicionou contra o massacre de Gaza porque virou modinha e ia pegar mal ficar de fora. Esse genocídio acontece com impunidade há mais de meio século, e vai continuar até os sionistas dominarem todo o território palestino. Nem a Rússia tem coragem de peitar os caras, já que isso significaria uma terceira guerra mundial.

    • haydee Postado em 25/Jul/2014 às 03:05

      cara, nosso governo já se posicionou, vc pelo visto é um dos inconformados contra Dilma!

      • eu daqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:26

        Foi um bom começo, haydee. MAS OS PALESTINOS PRECISAM DE AINDA MAIS DA GENTE.

    • Franco Postado em 25/Jul/2014 às 18:22

      Comunistas são os governos mais assassinos e podres historicamente, Cuba fuzilou 40000 mil e fala mal dos 600 mortos em uma guerra justificável.

  32. Alex Postado em 25/Jul/2014 às 05:21

    Acho que ninguem notou ou ainda não tem corgem de admitir mas o que Israel está fazendo é uma limpeza etnica. Basicamente a ideia é acabar com os palestinos para ter o território.

  33. Márcio D. S. Reis Postado em 25/Jul/2014 às 09:17

    A posição agressiva do representante sionista em relação a diplomacia brasileira, revela a incapacidade da governança israelense em relacionar-se civilizadamente com aqueles que demonstram pensar de forma diferenciada. A beligerância gratuita do governo israelense, permite à mentes esclarecidas, a percepção de que jazem miseravelmente sob a barbárie de um raquitismo societário.

  34. Fernando Postado em 25/Jul/2014 às 09:27

    Muito melhor ser um "anão diplomático" do que um "gigante" bestial que por décadas, usa sua enorme diplomacia puxando o gatilho. Não se esqueçam que aqui acolhemos uma enorme comunidade judaica, de forma ingrata ignorada nesses comentários.

  35. Deisi Postado em 25/Jul/2014 às 09:50

    Sem dúvida Haydee, esse só pode ser o motivo desses idiotas ter esse tipo de pensamento, quanto mais vejo pessoas que pensam desta forma, mas amo meus cachorros. Prefiro um país anão em diplomacia, que um gigante em atrocidade e desumanidade. .

    • eudaqui Postado em 25/Jul/2014 às 10:26

      e Israel só é gigante nisso aí memso...........

    • Franco Postado em 25/Jul/2014 às 19:37

      Não é por nada não mais o país mais homicida do planeta em armas de fogo é o Brasil com seus amados bandidos que a esquerda adora.

  36. Matheus B. Postado em 25/Jul/2014 às 11:07

    Sem dúvida a incompreensão é a raiz de muitos males. Vê-se isso aqui, onde a crítica à diplomacia brasileira é entendida como defesa e até mesmo incentivo à matança promovida por Israel.

  37. Antonio Carlos Bueno Postado em 25/Jul/2014 às 11:12

    Parabéns à Presidenta Dilma e ao Ministério das Relações Exteriores pela coragem em repudiar os atos criminosos de Israel. Chega de o Brasil se submeter à vontade dos Estados Unidos que apoiam e acobertam todo tipo de atrocidades cometidas contra os palestinos.

  38. odinei Postado em 25/Jul/2014 às 12:54

    Precisamos de mais interferência da onu para ajustamento da geopolitica envolvida neste processo entre palestinos e israelense, precisamos justificar os atos de paz pela paz e não ao contrário, nisso a importância do "mundo" da onu estabelecer soluções. Desconversando .... querem terra, venha ao brasil, damos asilo!!!!!

  39. Diego M. Postado em 25/Jul/2014 às 13:29

    Consultei hoje os principais jornais de esquerda e de direita região e não encontrei nenhuma reportagem continuando falando sobre a posição do Brasil. Lula sempre quis intermediar a paz no Oriente Médio e ajudar os palestinos. Quando Dilma assumiu ela tomou a postura de não interferir no assunto, então quando os palestinos pediam uma posição do governo brasileiros e o governo não assumia uma posição de apoio aos palestinos e nesta semana, do nada, o Itamaraty resolveu apoiar os palestinos. E foi o unico pais da america latina que fez isso até agora, deu a impressão ruim que o Brasil está tirando proveito da situaçao por interesse político e que realmente não ajuda nada os palestinos.

  40. Larissa Postado em 25/Jul/2014 às 17:02

    Quanta incoerência, tantas e tantas mortes ocorridas na Síria, onde cristãos são crucificados como forma de deboche, crianças são usadas como escudo humano por terroristas, mulheres mortas por apedrejamento acusadas de cometer adultério por muçulmanos... etc.. etc.. mas por ser Israel os esquerdistas se oiriçam levantando bandeiras...

  41. Jason Postado em 25/Jul/2014 às 20:17

    Caro Rogério, discordo totalmente de você, a presidenta Dilma não foi firme, mas, entrometida, há um ditado que diz: "o pau que bate no Chico é o mesmo que bate em Francisco", quer dizer que o mesmo conceito crítico de repúdio da presidenta Dilma sobre a postura de Israel, ela deveria usar esse mesmo termo pra: China (que invadiu o Tibete e se recusa a reconhecer a soberania absoluta de Taiwan, claro, além do famoso MASSACRE DA PAZ CELESTIAL em Pequim em 1989); da Rússia (em devolver a região da Crimeia para a Ucrânia e pedir aos rebeldes russos cessarem os ataques no leste daquele país); nos casos do Irã, Síria, Cuba e Venezuela, ela a presidente Dilma adotou uma postura diferente, pedindo que a ONU, a União Europeia e EUA buscasse meios pacíficos (então por que não usar esse mesmo conselho para os palestinos, cá pra nós "não são nenhum santinhos", hem!?). O ataque parte primeiro dos palestinos, Israel apenas revida, a população civil é conivente com os terroristas, então eles só estão colhendo aquilo que plantam, esta é "a Lei da semeadura"...

  42. Eli Bandim Postado em 25/Jul/2014 às 20:25

    "BRASIL" sai desse imprensado, "ISRAEL" é povo eleito por Deus e não perde em batalhas diz a Bíblia a profecia viva , vamos examinar a bíblia pra não sermos leigos em nossas comentários.

  43. joseph Postado em 25/Jul/2014 às 23:15

    Melhor romper relações . Israel é um buraco

    • Jackson Postado em 28/Jul/2014 às 19:55

      Tentei ler todos os comentários, mas não consegui prosseguir devido a falta de conhecimento e temor a DEUS. Será que nenhum de vocês não tentaram lembrar de quem estam falando e difamando? Srs. é de ISRAEL...o Povo escolhido por DEUS. Todos sabem que a força bélica de ISRAEL é tremenda. E que sua ofenciva, seja ela contra quem quer que seja, seria esmagadora, mesmo tendo grandes baixas. Mas não podemos esquecer que o povo de ISRAEL e seus gorvenantes já estão cansados de serem atacados sem motivo aparentemente real, ou seja, quando o Hamas lançou o 1° foguete, neste período, simplesmente por ódio,matando um cidadão judeu, ISRAEL teve reprimir. Sei que nem todos os palestinos, isso em sua maioria absoluta, que o terrorismo com bandeira nacional, mas o provo de ISRAEL não pode se encolher vendo suas cidades serem alvos de ataques terroristas, com túneis sob suas casas servindo de deslocamento para os inimigos. Todo o desenrolar da história de ISRAEL vem desde do patriarca ABRAÂO, pois seus dois filhos ISMAEL, esse pai de todo o povo árabe, e ISAQUE, foram destinados, por desobediância de seu pai, a serem afastados e inimigos um do outro. E assim será até a vinda de JESUS, que trará PAZ a ISRAEL. Não sou a favor de massacre, morte e excesso de força, porém não podemos julgar um ato apenas por uma "foto" e sim devemos ver o "filme". E este filme tem um DEUS TODO PODEROSO que já escreveu seu desenrolar e final. Vamos consultar a BIBLÌA e ligar os fatos e ter me nossos corações o temor a DEUS, pois o próprio DEUS disse " Que nação nenhuma subjulgará ISRAEL", pois ela é " A menina dos olhos de DEUS" e que JERUSALÈM é a cidade do "GRANDE REI". Quanto ao comentário de ISRAEL sobre a retirada de nosso embaixador, acho que por conta do momento e das circustâncias houve um resposta acalorada demais. Além do mais, o ato de se chamar um representante de volta para consultar os fatos in loco, não quer dizer nada, já cada País tem seu modo de agir diplomaticamente. E se esse foi o nosso...vá lá. Porém, não podemo deixar realmente de sermos diplomáticos, pois todos os comentários que fazemos sobre um País não recai somente sobre ele, mas também em todos seus parceiros.

  44. pedro Postado em 26/Jul/2014 às 01:42

    Que que se pode esperar de um povinho que pensa ser o escolhido por Deus? Hitler fez foi pouco. ..

  45. Albert Postado em 26/Jul/2014 às 07:39

    Não fomos o único a repudiar tal desproporção por que nos tornamos o próximo alvo de Israel... Que ofensa foi essa que indignou tanto uma nação. I.N.O.C.E.N.T.E.S nossa opinião foi em favor desses e não de uma causa política.

  46. Jaspion de Lamborguine Postado em 26/Jul/2014 às 08:49

    Essa guerra só vai acabar se tirarem o estado de Israel de lá ou se matarem o até o ultimo palestino do contrario é guerra eterna, sem fim. Vão continuar se matando, e se matando, e se matando.. sem nunca mudarem de opinião e sem nunca encontrarem uma saída, porque não há saída bélica que resolva esse conflito.

  47. Edson Vander Postado em 26/Jul/2014 às 13:26

    O povo judeu sempre foi perseguido a vida inteira. Quantos atentados já aconteceram em Israel matando civis inocentes?Centenas. Atletas israelenses foram assassinados nas olimpíadas de Munique.Seis milhões de judeus foram sumariamente perseguidos e dizimados na segunda guerra. Várias tentativas de exterminar esse povo trabalhador e perseverante já foram tentadas.O povo de Israel só quer ter o direito básico de viver em paz,mas é cercado de inimigos loucos por todos os lados que usam sua própria população civil e indefesa como refém.Se não fosse o seu eficiente sistema de defesa anti mísseis,centenas de civis israelenses inocentes também já teriam morrido. Qualquer morte, de qualquer lado é sempre lamentável. A diferença é que o Estado de Israel defende seu povo e o grupo terrorista Hamas, usa a sofrida população de Gaza de refém.

  48. Ntsmn Postado em 26/Jul/2014 às 19:55

    Senhores SÓ SEI QUE NADA SEI.... mas gostaria de saber porque as potenciais do mundo não se reunem e façam parar essa covardia Israelense ?Russia CHINA JAPÃO que ja foi bombardeado na segunda guerra e outros amigos podiam com o IRÃ dar um calaboca nos E.U.A que a meu modo de entender é o único culpado pois é ele que da respaldo aos assassinos covardes de Israel com armamentos de primeira geração enquanto os árabes se defendem com pedras o que eles chamam de MÍSSEIS

  49. Silvio Postado em 27/Jul/2014 às 12:22

    Se falarmos do genocídio na segunda guerra(que não foi só de judeus), já seria motivo suficiente para não haver descriminação por parte dos judeus, mas parece que seus descendentes esqueceram disso. Quero que quem acha que o Hamas está errado(não concordo com a violência deles) responda? Se alguém entrar na sua casa , explore vc e sua família e não satisfeito quer sua casa? Até que ponto vc aguentaria? Vc se defenderia com o que tivesse? Sem dinheiro ou até mesmo sem ninguém que queira lhe vender armas poderosas. Aí eu lhes pergunto outra vez, sabem pq? Pq judeu não é quem nasce em Israel, quem nasce em Israel, é israelita. Existem judeus em todo mundo, e não conheço nenhum pobre e grande parte são dominantes, principalmente nos Estados Unidos(donos da ONU), por isso que não é criado um país para os palestinos. Eles se dizem o povo de DEUS, jamais poderiam agir desse modo.

  50. Mohamad Postado em 27/Jul/2014 às 13:30

    Parabéns a presidente Dilma e ao Ministério das Relações Exteriores pela coragem contra a covardia de Israel e os sionistas de corações de ferro. Viva a liberdade! Hitler errou em não acabar com este povo maldito que é o câncer do mundo. Não há paz com este povo vivo, eles que são inimigos não só da humanidade mas também de Deus que são deserdados. Leiam as histórias sobre o petróleo e do povo islâmico e nunca negaram para ninguém e nem pros judeus os muçulmanos e de paz sobre mensagem de seu profetas Mohamad s.a.w.s A torneira dos massacres esta na mão dos judeus aqui na terra mas no juízo final eles sabem o que espera. Que a paz esteja com todos comentaristas justos e a todo povo de Deus no mundo mundano. Obrigado.

  51. Roberto Moreia Rebello Postado em 27/Jul/2014 às 17:33

    Este Benjamim Netanyahu tem vida curta, pois quem semeia vento colhe tempestade. Aí nos vamos ver quem é o Anão.

  52. Eurípedes Postado em 27/Jul/2014 às 18:07

    Não é Israel que está atacando,ele esta se defendendo de túneis e mísseis,criados para destruí-lo.Assim entendo.Um destes mísseis caiu perto de uma usina nuclear,o que seria um desastre mundial.Tudo pelo extremismo?

  53. José Agripino Postado em 27/Jul/2014 às 18:25

    Israel deveria agradecer o Brasil e muito, pois em maio de 1948 o voto de um Brasileiro, a sabe, o saudoso Osvaldo Aranha, proporcionou a Israel o se tornar uma nação. ..

  54. otto Postado em 27/Jul/2014 às 22:10

    O Brasil deu sim uma lição ao mundo, aos EUA e a ONU que nada fazem, um por na realidade apoiar Israel em todos os sentidos principalmente bélico, porque Israel é o que é militarmento por causa dos EUA. O outro a ONU nada faz porque não mais (e nunca foi) independente para exigir que as nações se respeitem. A ONU é manipulada pelos EUA que a usa para seus interesses, e o apoio a Israel é evidente.Então nada se pode esperar deles.

  55. Moises Tadeu Cantelmo Ibr Postado em 28/Jul/2014 às 21:06

    Apesar da constantes propaganda sionista , com filmes idiotas qua já não surtem efeitos, como a lista de Schindler , o diario de ane frank , holocausto e blá ,blá ,blá ......Nunca me enganei sobre as verdadeiras intenções de Hitler. Limpar seu país deste povo covarde ,ganancioso e demoniaco. Ora , assassinaram o povo que nem exercito possui é simples pra que não tem Jesus no coração . Contra os alemães eles cediam até suas mulheres para aliviarem suas barras.

  56. Rodrigo Postado em 29/Jul/2014 às 15:18

    Um bocado de covarde escreve como se Israel tivesse quieta no canto dela, de boa, e do nada o Hamas resolve soltar um foguete. A lógica deles é esta: se um estuprador começar a espancar uma pessoa porque ela se debate durante o estupro, a culpa é da pessoa. O estuprador vai levar tapa calado? Agora, se a pessoa deixá-lo estuprar em paz, ele não precisa bater

  57. silva Postado em 29/Jul/2014 às 18:32

    Israel jamais será derrotada... fica a dica. eles são judeus. da promessa.

  58. Abel hanini Postado em 29/Jul/2014 às 19:12

    As pessoas deveriam ter um pouco mais de senso crítico às informações que nos são impostas diariamente e por décadas pelos meios de comunicação.. A maioria esmagadora não passam de grandes mentiras... Os palestinos usam a população como Escudos humanos é farsa .... Israel apenas se defende dos ataques do hammas é outra farsa... O hammas um grupo terrorista é outra mentira... Israel é o campeão mundial de descumprimento de resoluções da ONU, escraviza e humilha o povo palestino ha décadas, cria assentamentos em prol de colonos judeus em terras consagradas por tratados retificados pelas nações unidas, usa bombas biológicas (fósforo) e artefatos com objetos metálicos para mutilar o máximo de pessoas possíveis... Usa forca desproporcional contra uma região com uma densidade demográfica de 1,8 milhão de pessoas em 36 km quadrados... Isso é quase uma lata de sardinha... Os ataques aéreos não tem nenhuma chance de precisão... Ataques estes que tem o objetivo único de destruir e matar o maior numero de pessoas possíveis, sendo indiferente que sejam crianças, idosos ou mulheres.... Os alvos são 95% civis e inocentes... E sobre o hammas, gostaria de lembrar que esse grupo foi o vencedor de uma eleição licita pedida pelas nações unidas com a fiscalização de órgãos internacionais liderados pelos EUA, o vergonhoso protetor de Israel... Depois que venceram as eleições foram expulsos para a faixa de Gaza num brutal atentado à suposta democracia ocidental... Gostaria de propor uma reflexão aos leitores com algumas perguntas... Por que sempre que existe uma chance de paz acontece um atentado, um sequestro ou uma agressão contra Israel por parte dos palestinos? Por que o mais equipado exército do mundo não consegue se defender de mísseis, em sua maioria, caseiros lançados de gaza já que dispõe de radares moderníssimos e baterias anti-aéreas de ultima geração em todo o entorno de seu território? Por que à Israel é autorizada a fabricação de armas nucleares e a utilização de armas de destruição em massa e em outros países se decretou o imediato impedimento e desarmamento, o que culminou em muitos casos, em invasões e guerras para tal, caso do Iraque... Aos leitores, peço que reflitam e não aceitem a manipulação das informações que nos é imposta pela mídia sionista... Força irmãos palestinos... Um dia a justiça irá prevalecer... Se não for a dos homens, pelo menos a divina...

  59. beto Postado em 29/Jul/2014 às 22:40

    O maior problema aqui é que os EUA sempre vão colocar lenha na fogueira da guerra eles não querem acabar essas guerras porque eles ganham com isso. Treinam até rebeldes e tudo o mais e vendem armas quimicas, biologicas e militares para Hamas e tudo o mais. Se os EUA quisessem mesmo já teriam parado com todo segundo holocausto entre israel e palestinos. O Brasil deve manter seu repudio as mortes, claro pois quando um bom se cala o mau vence. O problema é que não caiamos da onda de Obama que quer ver o circo pegar fogo e fica somente nos bastidores quando a hora é oportuna vem e dar uma de bonzinho. Os EUA são mais culpados por essas mortes do que possamos imaginar.

  60. Nicolau Postado em 03/Aug/2014 às 21:35

    Cadê os covardes comunas, esquerdopatas, trotsquistas, stalinistas e guevaristas para ajudar os palestino na luta contra Israel Racista? Cadê o covarde ditador Raul Castro de Cuba para ajudar os palestinos na luta contra Israel Racista?! Cadê o covarde comunismo internacional para ajudar os palestinos na luta contra Israel Racista?! Todos esses covardes se borrando de medo só de ouviram a palavra Israel!!!

  61. Inácio Postado em 14/Aug/2014 às 23:45

    existe hoje no Brazil uma definição errada sobre o estado de israel, muitos crentes malucos exaltão a estrela de David sem mesmo saber o seu real significado , a ideia de povo eleito foi o que levou CRISTO a cruz, o sionismo vem sendo articulado e difundido entre JUDEUS de toda a parte do mundo de muito tempo na 1 grande guerra judeus alemães sabotaram , paralisaram a produção bélica alemà , naquela época a palestina era colonia britânica, o fato é que os judeus são tão vitimas do sionismo tanto quanto os palestinos, porem na minha opinião mesmo que não houvesse o estado de Israel ou ate mesmo os EUA os arabes inventariam alguma outra desculpa para se matarem , o que é mais triste que o ODIO disseminado em ambos os lados não terá fim, a estupidez humana cantada por Renato Russo define com perfeição toda essa situação !!!!