Redação Pragmatismo
Compartilhar
Eleições 2014 23/May/2014 às 18:16
10
Comentários

Luciana Genro publica carta dura ao PSOL sobre caso Vladimir Safatle

Luciana Genro publica carta dura ao PSOL e seus militantes ameaçando não ser mais a pré-candidata a vice-presidente se Vladimir Safatle não for, novamente, o candidato ao governo de São Paulo

luciana genro psol
Luciana Genro sairá de chapa à presidência se PSOL não lançar Safatle em SP (Reprodução)

Na noite da última quinta-feira (22), Luciana Genro publicou uma carta destinada ao PSOL e seus militantes, afirmando que renunciará ao seu cargo de pré-candidata à vice-presidência da República se o filósofo Vladimir Safatle não for recolado na condição de pré-candidato ao governo de São Paulo.

Luciana demonstrou insatisfação com a troca de Vladimir Safatle pelo professor Gilberto Maringoni, e pediu que a direção do partido, em São Paulo, “reconsidere sua decisão e escute os apelos de todos os militantes”, que, segundo a psolista, anseiam pelo retorno do filósofo.

“Para que minha disposição e vontade de construir o PSOL e a unidade da frente de esquerda não se resuma a palavras e a apelos, quero apresentar minha disposição em renunciar ao lugar de pré-candidata a vice-presidente”, afirmou Luciana Genro.

Segundo a ex-deputada federal, seu cargo estaria, assim, disponível para outro partido de esquerda, na tentativa de formar, novamente, uma aliança. “E ao mesmo tempo, com este gesto, garanto o lugar para que o PSTU aceite participar da chapa nacional. Trata-se de um esforço para superar todos os obstáculos.”

Ainda na carta, a psolista demonstra preocupação com a nova candidatura apresentada pelo partido para São Paulo. “Como todo o respeito que devemos ter por [Gilberto] Maringoni, seu nome divide o PSOL, inviabiliza a frente com o PSTU e a frente de esquerda e não tem condições de se apresentar como um polo alternativo ao PT e ao PSDB.”

Luciana encerra o documento dando ao partido o prazo de um mês para que o imbróglio se resolva. “Mas não podemos perder este tempo em lutas internas e em polêmicas não construtivas.”

Igor Carvalho, SpressoSP

Recomendados para você

Comentários

  1. Alexandre Lopes Postado em 23/May/2014 às 19:49

    A esquerda , no Brasil , tem enormes obstáculos . Acontece que , o maior de todos , ela não consegue superar , que é o seu sectarismo estúpido alimentado por egos famintos . Sem conseguir superar essa barreira interna, a esquerda continuará a ser politicamente inexpressiva .

    • victor Postado em 24/May/2014 às 11:45

      É justamente esse sectarismo que diferencia a "esquerda" dos outros partidos. Digo "esquerda" ao referir-me a esquerda que ainda conserva a ideologia original, se é que ainda existe uma. Talvez se ela se vendesse ou abdicasse de algumas posições, poderia galgar mais cadeiras no congresso e maior representatividade do povo. Concordo com sua intervenção.

  2. Rômulo Fraga Postado em 24/May/2014 às 11:32

    Pragmatismo fala do revolta mas nem disfarça o apoio ao PT. Fala mal tanto da direita quanto da esquerda representada pelo PSOL. Queria muito encontrar um site que fosse realmente imparcial. Por enquanto estou no entre males escolho o menos pior, afinal a direita é um retrocesso no socialismo e avanço para o capitalismo, em especial para os poderosos.

  3. José Carlos Postado em 24/May/2014 às 11:34

    Safatle, apesar das possíveis criticas, é um nome de bastante permeabilidade, ainda mais nessa classe intelectual (e seus pseudos). Leva-lo ao segundo turno, com uma boa estratégia politica e alianças limpas, pode ser sim a terceira via esperada por muitos. Existe uma ânsia por um nome novo, conhecido, e que fale francamente com seus pares. Por ser publicitário Safatle cumpre bem esse papel, e é carismático. Agora depende do mais óbvio, a disputa de egos acabar e decidirmos que o que precisamos é de mudança, quiça uma revolução!

  4. Vitor Postado em 24/May/2014 às 12:33

    Que estupidez. As explicações do Safatle no youtube são muito mais conciliadoras do que a da Luciana Genro. Está comprando a briga de quem já deixou claro que não quer mais brigar. https://www.youtube.com/watch?v=QeYVHYemLlk

  5. Rubens Macieira Postado em 24/May/2014 às 22:41

    E a carta na íntegra??? O_O

  6. THIAGO Postado em 25/May/2014 às 01:41

    A carta não tem nada de ''ameaçadora''.

  7. leonardo Postado em 25/May/2014 às 02:31

    Tanto faz vou votar nulo nem sei quem é.

    • Thiago Postado em 25/May/2014 às 11:31

      Está explicado o motivo de todos os prolemas no Brasil.

  8. Dinio Postado em 26/May/2014 às 10:06

    Esta senhora oportunista, seria uma ilustre desconhecida não fosse o pai que tem, o Governador do RS Tarso Genro do PT. Quando a globo e R.Geferson surgiram com o "mesnsalão", para tentar destruir o PT, ela (como boa traíra) foi a primeira a saltar fora do Partido dos Trabalhadores, ao invés de lutar e ajudar seus companheiros. Mas para o PT foi melhor, menos uma "Blablarina", para se promover às custas do PT e depois virar a casaca. Fará o mesmo com o PSOL, PSTU ou qualquer outro partido que a ature! O projeto político dela são os Holofotes da "mídia mofada"!