Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mundo 23/Apr/2014 às 11:13
27
Comentários

Nazis da Ucrânia degolam ex-chefe de polícia na frente da esposa

Extrema-direita que tomou o poder na Ucrânia degola ex-chefe da polícia de Donetsk na frente da esposa e divulga o vídeo na internet

Os nazis maidanistas apoiados pelos EUA, UE e meios pró-imperialistas ocidentais, protagonizam um vídeo disponível na internet, em que degolam um ex-chefe policial de Donetsk (recém constituída República Popular) na sua casa, na presença da esposa.

O vídeo, com imagens fortíssimas, mostra a vítima sendo degolada pelos nazis, enquanto seguram sua mulher, que observa o assassinato.

Para não haver dúvidas, tanto a simbologia dos nazis como as cores e anagramas exibidos no vídeo identificam a ação como protagonizada pela extrema-direita que tomou o poder na Ucrânia após o golpe de estado patrocinado pelos EUA e a União Europeia. São as cores dos “democratas” que protagonizaram a “revolução pró-UE” em Kiev.

Como música de fundo, o Hino Nacional ucraniano acompanha a agonia do policial do leste da Ucrânia, que finalmente fica deitado no chão num grande charco de sangue.

As imagens constituem uma verdadeira provocação e, no momento em que esta informação é redigida, a grande mídia ocidental silencia sobre o caso, que coincide com a assinatura de um acordo entre Ucrânia, Rússia, Estados Unidos e União Europeia para evitar a guerra.

Resta agora esperar qual será a resposta da população do leste ucraniano e, sobretudo, do governo russo perante um flagrante assassinato fascista exibido com aparente impunidade na internet.

As imagens, de extrema violência, podem ser visualizadas neste link, mas advertimos sobre a dureza das mesmas.

Diário Liberdade | Tradução: Pragmatismo Político

Recomendados para você

Comentários

  1. Alexandre Lopes Postado em 23/Apr/2014 às 11:36

    Que monstruosidade !!!!!! Nem sei o que dizer após ter visto esse vídeo .

    • Marcelo Postado em 23/Apr/2014 às 13:24

      Acabou com meu dia.

  2. Daniel Postado em 23/Apr/2014 às 11:50

    Nada faz sentido: o perfil que posta o vídeo tem uma bandeira da Rússia atrás? Maidanista ? E se ele é ex chefe de polícia em Donetsk, que se auto proclamou república independente, porque os "maidanistas" iriam matá-lo? Não seria mais provável os rebeldes de Donetsk? Muito estranho.

    • Ana Rabello Postado em 23/Apr/2014 às 12:37

      Daniel, quem disse que Donetsk 'se autoproclamou' república independente foi o Jornal Nacional e os grandes veículos de mídia do ocidente. Os grupos neonazistas ucranianos é que estiveram a frente dos 'protestos' que culminaram no golpe de estado e consequente derrubada de poder. Sendo ex-chefe de polícia do governo deposto, é óbvio que é um alvo em potencial para os opositores. Não duvide do que o ser humano é capaz, sobretudo dos grupos da extrema-direita nazista que tomaram o poder na Ucrânia.

      • Daniel Postado em 23/Apr/2014 às 13:41

        Ana Rabelo, quem diz é a mídia russa: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_04_07/republica-autoproclamada-de-donetsk-pede-que-russia-envie-tropas-para-regiao-6686/ Não só o site Voz da Rússia, como a Gazeta Russa e a Rússia Press A região de Donetsk só teve protestos de grupos pró-russia e na época da Maidan não houve levante na região. O chefe da polícia de Donetsk foi retirado após a tomada da cidade pelos rebeldes pró-russos, logo ele era ligado as forças do antigo regime. Ou seja, minhas questões ainda estão em abertas e estou duvidando deste vídeo.

      • Alessandre Argolo Postado em 23/Apr/2014 às 13:51

        De onde vc tirou a informação de que ele seria ex-chefe de polícia do governo deposto de Kiev? Donetsk fica no leste e lá os revoltosos são outros. Que eu saiba, são os ucranianos pró-rússia que estão fazendo uma "revolução" em Donetsk. Por que ucranianos pró-oeste, maidanistas, "neonazistas", iriam degolar um ex-chefe de polícia de Donetsk? Se ele era ex-chefe da polícia, órgão do governo local de Donetsk que foi destituído pelos revoltosos pró-Rússia, por que virou alvo? Não faz muito sentido, a não ser que se prove que ele cooperou com os revoltosos pró-Rússia, o que continua sem sentido, porque ele tenderia a não ser ex-chefe nessa situação.

  3. Vinícius Postado em 23/Apr/2014 às 12:44

    Sem dúvidas isso foi uma barbárie, uma monstruosidade sem igual. Mas pergunto se esses nazistas são representam o atual governo da Ucrânia ou é um grupo a parte infiltrado. Não apoio o ex-presidente ucraniano, ele é responsável pelo assassinatos de civis durante os protestos, não existe desculpa para isso. A ideologia nazista deveria ser proibida e criminalizada em todo mundo. Lembrando que a Ucrânia não é uma democracia nem uma ditadura, é um regime hibrido.

  4. Pedro Alves Postado em 23/Apr/2014 às 13:26

    o que pode entender um brasileiro da Historia Europeia? nada....muito menos da Russia..e uma realidade que so conhecem de fantasia..e distante...

    • Rodrigo Postado em 23/Apr/2014 às 16:16

      Pronto, encerremos o estudo da história geral nas escolas e universades. Só podemos estudar a história nacional, pois jamais entenderemos o que se passa fora de nosso quintal.

  5. Alexandre Postado em 23/Apr/2014 às 13:39

    Tenho minhas dúvidas a que lado esses assassinos estão, diferente do que a esquerda parece acreditar, a Rússia do Putin não é a União Soviética de Lenin, inclusive na Rússia grupos nazi-fascistas atuam na perseguição de LGBTs e minorias étnicas com a anuência de Moscou e o governo de Putin, a questão é que não existe mocinhos e bandidos, especialmente quando se trata de leste europeu e oriente médio.

    • Thiago Postado em 23/Apr/2014 às 16:41

      Não sei que esquerda você está falando Alexandre. Eu e todos a quem conheço, que são de esquerda, temos plena convicção de que a Rússia não tem mais nada a ver com a União Soviética, no entanto, quando a ameaça fascista surge ela deve ser esmagada com todas as forças disponíveis.

      • Alberto Postado em 24/Apr/2014 às 12:12

        Russia não tem nada a ver com URSS? Será? Acabou a URSS e toda cultura autoritária sumiu do nada? Thiago, a URSS pode ter acabado mas muito dela continua presente nas atitudes do governo russo!

    • Thiago Teixeira Postado em 25/Apr/2014 às 17:02

      Cara, sou da seguinte opinião: Assassinos. Não podemos também generalizar para uma facção direita/esquerda, comunismo/nazismo, socialismo/capitalismo. Se realmente o vídeo for verídico, os degoladores são criminosos independente de suas denominações ideológicas ou políticas.

  6. Alessandre Argolo Postado em 23/Apr/2014 às 13:42

    Esse vídeo tem sido muito contestado. Tanto a autenticidade (alguns alegam que é falso) quanto a autoria do crime (outros alegam que os responsáveis pelo suposto homicídio foram ucranianos pró-Rússia). Existe uma guerra de informações e propaganda. Prefiro esperar mais informações apuradas por fontes independentes, que não tenham motivos políticos para concordar com uma ou com outra parte.

  7. Paulo F Postado em 23/Apr/2014 às 14:51

    Eles não são nazistas,no máximo fascistas. Os nazistas (e também os comunistas,desde Engels ) viam o eslavos como raça inferior. Adotar a bandeira do Nationalsozialismus a qualquer região da Ucrânia é paradoxal,já o fascismo pode se encaixar na leitura desses radicais.

    • Gabriel Postado em 24/Apr/2014 às 01:41

      paradoxal, sem dúvida, porém o ser humano é paradoxal. conheço casos de negros nazistas. na Russia existem grupos nazistas (denominação dada por eles mesmos) só de homens gays. se formos expandir a reflexão paradoxal à religião, veremos que esse exemplo é bem mais comum do que se pensa. como gays que se dizem católicos, mesmo que a igreja católica os considere impuros e merecedores do inferno eterno. judeus que comem porco... não se pode cobrar que a sociedade reaja de forma linear. ou que siga qualquer lógica. e não é uma questão de nazistas e comunistas que não gostavam de eslavos. é uma 'briga' regional. a própria palavra 'slavo' tem origem em uma palavra que significa escravo - eles eram considerados apenas isso - enquanto povos eslavos chamam os germânicos de, traduzindo, "povo que resmunga", ou seja, que não sabe falar. é mais ou menos a briga entre brasil e argentina, ou entre inglêses e francêses. eles não se gostam - lide com isso. além disso, dizer que comunistas não gostam, por definição, do povo eslavo tem o problema de eslavos terem sido o povo responsável pela maior nação comunista (em termos de importância mundial, poder econômico, bélico...) do mundo. enfim. se o grupo usa bandeiras nazistas e defendem ideais nazistas... eles são, SIM, nazistas. independente da raça/credo/sexualidade...

  8. leo bruno Postado em 23/Apr/2014 às 15:23

    são tão covardes q escondem os seus rostos, lixo humano!!!!!!!

  9. Augusto Postado em 23/Apr/2014 às 15:50

    É difícil acreditar que RUSSOS/UCRANIANOS, que lutaram e foram massacrados pelos Nazistas, hoje venham a defender o Nacional Socialismo. A palavra NAZISMO, significa Nacional Socialismo, ao contrário de pessoas que pensam que se trata de partido de Direita. É bem provável que sejam muçulmanos, que adotam a decapitação como forma de punição.

    • Gabriel Postado em 24/Apr/2014 às 01:52

      amigo, o nome do partido era 'partido nacional socialista dos trabalhadores alemães', isso não significa que são de esquerda. o PSDB é 'partido social democrata do brasil' e é de direita (centro-direita, na verdade). siglas não querem dizer coisa alguma. importante é se analisar as medidas tomadas por esse regime. considero o nazismo a extrema direita, por questão histórica: nazistas alemães perseguiram comunistas. nazistas (simpatizantes) brasileiros perseguiram comunistas. os grupos nazistas russos tem o mesmo comportamento de perseguição aos grupos de esquerda. no entanto, não há nazistas perseguindo defensores de ideais de direita. além de, economicamente, a visão deles ser mais emparelhada aos ideais liberalistas. a decapitação é uma forma de punição comum em muitas - se não todas - civilizações. não faz sentido em ligar essa forma de assassinato como sendo típica única e exclusivamente de um grupo étnico/religioso, como se tal forma de crime não fosse comum em outros setores da sociedade.

      • Carlos Prado Postado em 25/Apr/2014 às 10:22

        PSDB de direita? E onde mesmo que o governo deles foi de direita? O nazismo além de ter sido de esquerda era tanto revolucionário, querendo moldar uma nova sociedade ao seu modo, como reacionário, querendo resgatar elementos de um passado distante. Não era parente direto do marxismo, por acreditar que o marxismo deturpou o real socialismo. Mas não deixa de ser socialismo. Nazistas alemães perseguiam socialistas como também se aliavam com socialistas. Trotskista se opõe a Stalinistas e podem discordar de das políticas Maoistas. Por isso devemos colocar o trotskismo como extrema-direita? E como separar PSOL, PT, PCO... Vai uma para a extrema-direita, coloca outro no centro e deixa um como verdadeira esquerda? E economicamente eles pretendiam controlar toda a industria através do Estado. A primeiro momento a propriedade produtiva continuava em mãos privadas, mas não era possuído de fato pois não se podia vender, alugar ou produzir fora do estipulado pelo estado. Um modelo baseado no fascismo.

  10. marcão Postado em 23/Apr/2014 às 16:06

    não acho certo julgar esse vídeo estando do lado de fora do pais,alguém já imaginou que esses caras de capuz poderia ser Milícias pró- Rússia ,causando desordem no pais ,para da oportunidade de uma possível invasão russa ?

  11. adriano Postado em 23/Apr/2014 às 21:19

    Só uma palavra, fake

  12. Elias Postado em 23/Apr/2014 às 22:41

    De fato existe partidos extremistas na Ucrânia, eles não são "apoiados pelo ocidente", porem estão contra a Russia, o povo Ucraniano é contra a Russia, as etnias Russia apoiam a Russia, os videos dos soldados Russos na Georgia ninguém mostra. O ocidente gostem ou não é o melhor que humanidade já produziu, a esquerda possui alguns governos ocidentais mas os parasitam não ajudaram em nada a construir o ocidente.

    • Alberto Postado em 24/Apr/2014 às 12:16

      É claro que não estão sendo apoiados pelo ocidente, o que o ocidente quer é que eles mesmo resolvam seus problemas, claro que preferem um governo pró UE, mas no máximo estão enviando suprimentos

  13. Elias Postado em 23/Apr/2014 às 22:45

    Elias esse vídeo provavelmente é fake, o sangue é muito falso.

  14. ricardo vaz Postado em 24/Apr/2014 às 15:06

    A autenticidade deste video é altamente improvável, o que não é difícil de supor com base numa pesquisa de internet. É uma pena que o site Pragmatismo Político não seja mais criterioso quanto às suas publicações, ao menos alertando seus leitores sobre a dubiedade da fonte, pois isso tira a credibilidade deste que é para mim uma excelente fonte de informação.

  15. Thiago Teixeira Postado em 25/Apr/2014 às 16:59

    E a esquerda é violenta ...