Redação Pragmatismo
Compartilhar
Rio de Janeiro 16/Apr/2014 às 12:13
11
Comentários

A morena que tem enfurecido as esposas de PMs

Mulheres de PMs têm ciúmes de morena que faz sexo em Unidades de Polícia Pacificadora: ‘Se eu pego, está morto’

Uma promete uma “voadora”. A outra ameaça fazer visitas-surpresa de madrugada às UPPs. Vingativa, a terceira dá um recado: “Quem não dá assistência abre concorrência”. Casadas com policiais militares de UPPs, as moças se surpreenderam com a existência da Pattyficação, uma morena de cabelos longos que percorre as unidades pacificadoras para manter relações sexuais com os PMs. E garantem que “estão de olho”.

Nas redes sociais, as mulheres deixaram comentários sobre a moça, que tem tatuada a sigla UPP na virilha e contou que faz tudo por prazer. “Se eu pego, nego, você está morto”, escreve uma mulher ao marido PM. “Acho um gesto belíssimo de amor as esposas irem nas UPP, às 3h, levar um McDonald’s”, aconselha uma policial às mulheres.

mulher pm morena upp
Em uma das fotos que circulam na internet, Patty segura um fuzil (Reprodução)

Ela recebe o apoio de colegas, que chegam a sugerir “montar uma escala maneira entre as esposas” para fiscalizar as unidades. Na mesma página, outra mulher conta que irá fazer um curso de tiro.

Em outro perfil do Facebook, outra mulher manda recado: “Eles só se esquecem que enquanto eles dão uma rapidinha, sua cama passa a noite inteira vazia.” A Coordenadoria de Polícia Pacificadora informou que está abrindo um procedimento apuratório para investigar essas imagens.

Informações do jornal Extra / Rio de Janeiro

Recomendados para você

Comentários

  1. Rogerio Postado em 16/Apr/2014 às 13:41

    No próximo concurso pra polícia vai ter uns 5000 interessados.

  2. Samyra Postado em 16/Apr/2014 às 14:42

    ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah! quanta gente maluca!

  3. Thiago Teixeira Postado em 16/Apr/2014 às 15:02

    As obras estão precisando de pacificadoras de engenheiros! Fica a dica Pattyficação!!!!!!!!! kkkkkkk

  4. Monteiro Postado em 16/Apr/2014 às 15:12

    Quem diria que o melhor trabalho de "pacificação" viria de uma moradora da favela.

  5. Hélio Pires e Albuquerque Postado em 16/Apr/2014 às 17:10

    No mínimo é bancada por algum traficante para espalhar aids nos PM's!!! Deviam pedir um exame HIV antes!!!

    • Priscila Postado em 17/Apr/2014 às 18:46

      tá com inveja? rsrsrs vira pm p ela te visitar, quem sabe vc tem sorte rsrs

  6. Marco Alencar Postado em 16/Apr/2014 às 17:27

    "Procedimento apuratório". Já sei que vai dar em nada. kkkk

  7. Carlos Santos Postado em 16/Apr/2014 às 18:08

    Que. Matéria. Completamente. Idiota. E muito mal escrita.

    • Eduardo Abreu Postado em 16/Apr/2014 às 19:10

      não tem nada de idiota, é uma prova de que se acontecer algum crime passional entre os membros que trabalham em UPP, já tem um porque.... como ela diz na matéria "é por prazer'", dela sexual e pelo prazer de destruir um trabalho que tem se mostrado eficaz.

      • Felipe Postado em 17/Apr/2014 às 09:49

        Eficaz? As upps só contribuíram pra milícia corrupta se perpetuar dentro das favelas. Ou tu realmente achas que quem controla as bocas são mesmo os traficantes? Tsc, Tsc. Pobres ingênuos... Essa "guerra ao tráfico" de mentirinha já deu o que tinha que dar. Inclusive, há uns 2 meses, li uma matéria na ZH, de um ex-comandante geral da polícia do rio, que relatava exatamente isso. Essa ilusão, de que polícia (ou exército, na idade média de 64) dentro das favelas resulta em controle, "apaziguamento", eficácia contra o tráfico, ainda persiste em algumas cabecinhas estóicas da classe média. Bando de cego. Tudo bem, é compreensível, pois ninguém entra numa favela pra ver o que os moradores sofrem na mão desses vermes. As famílias dos Amarildos que o digam.

      • Priscila Postado em 17/Apr/2014 às 18:47

        essa está realizando a fantasia de varias mulheres, certissima!