Redação Pragmatismo
Compartilhar
Racismo não 14/Apr/2014 às 18:23
18
Comentários

Apresentador do SBT é detido por racismo

Apresentador do SBT é detido após chamar jogador de macaco. Emissora divulgou nota comunicando afastamento do profissional

apresentador sbt racismo maringá
Apresentador do SBT foi detido por racismo (Reprodução)

O apresentador do SBT de Maringá, Lourival Santos, foi detido por racismo na final do Campeonato Paranaense, em Maringá, entre o clube local e o Londrina. Santos teria ofendido o lateral direito do Londrina, Maicon Silva, ao chamá-lo de macaco.

A ofensa foi ouvida pela jornalista Monique Vilela, da Rádio Banda B, que foi autora da denúncia. O xingamento teria ocorrido após o gol do Londrina, que abriu o placar no estádio Willie Davids.

Lourival Santos foi levado para a delegacia para prestar depoimento, juntamente com a jornalista que testemunhou e denunciou o fato.

Isaías Bessa, presidente da Associação dos Cronistas Esportivos do Paraná, explicou o que aconteceu. “Ele estava devidamente credenciado pela emissora dele que é do SBT aqui de Maringá. No exato momento que saiu o gol, ele correu junto com os jogadores e, segundo as informações que foram passada, ele chamou o jogador de macaco. A nossa companheira de Curitiba, a Monique Vilela (repórter da rádio Banda B) estava do lado, ouviu, se irritou com isso, levou ao meu conhecimento, levamos ao conhecimento do tenente. Ela se prontificou a fazer a denúncia contra ele, ele foi detido. O que ficou mais chato foi que ele tentou esconder o colete de imprensa dentro do vestiário do Maringá. Nós trancamos as saídas de imprensa, ele não teve como sair e foi obrigado a devolver o colete”, falou Bessa em entrevista ao SporTV.

Procurado pela reportagem, o delegado Clóvis Galvão, da Polícia Civil do Paraná, confirmou o ocorrido.

“Houve um caso de racismo envolvendo o radialista. Estou em Curitiba, mas soube que ele foi encaminhado para a delegacia em Maringá”, afirmou.

A Rede Massa, afiliada do SBT, publicou nota oficial repudiando o incidente e afirmando que é contrária a todo e qualquer ato de racismo. Na publicação, a emissora já comunica o afastamento de Lourival Santos. Veja a nota na íntegra:

Sobre o incidente envolvendo o apresentador Lourival Santos neste domingo em Maringá, a  Rede Massa esclarece que:

1) A emissora repudia e condena todo e qualquer ato de racismo, um delito abjeto que não pode ter abrigo em qualquer circunstância.

2) A Rede Massa não responde pelo ato de seu colaborador e espera rigor nas investigações por parte das autoridades competentes para elucidar o caso, inclusive quanto a eventual processo criminal.

3) O colaborador Lourival Santos já foi afastado de suas atividades na TV Tibagi / Maringá.

4) Por fim, a Rede Massa  reitera o seu compromisso de melhor informar o telespectador paranaense e espera que esse incidente seja definitivamente esclarecido.

Curitiba, 13 de abril de 2014.
Diretoria Rede Massa

com Uol

Recomendados para você

Comentários

  1. Ana Carvalho Postado em 14/Apr/2014 às 18:34

    Eu juro que eu leio estas histórias e juro,penso que só pode ser mentira. É que não me parece possível que alguém nos dias de hoje, em sã consciência, possa usar este tipo de xingamento...

  2. Alexandre Lopes Postado em 14/Apr/2014 às 19:18

    Fato vergonhoso !! Simplesmente lastimável !

  3. Dirsso Postado em 14/Apr/2014 às 19:29

    Abominável, mas acho que coisas como essas não deveriam ser consideradas crime de racismo, e sim de injúria. Racismo seria, por exemplo, se um médico se negasse a atender alguém por ser negro, ou uma escola recusasse um aluno por causa da cor da pele. Já, ser xingado, não acho que é o caso. E se em vez de chamar de "macaco", tivesse chamado de "jumento" ou "anta"? Por que podemos chamar alguém de "burro", "cachorro", "galinha", "vaca", e não dá nada, mas se chamarmos especificamente de "macaco" é racismo?

  4. Thiago Teixeira Postado em 14/Apr/2014 às 21:09

    Sem querer tumultuar, mas alguém aqui lembra de alguma participação negra nesta emissora? Apresentador? Repórter de campo? Comentarista? A sim, o Cirilo ... o buiu ... vera verão ... legal ...

    • José Ferreira Postado em 14/Apr/2014 às 21:27

      Tem a Joyce Ribeiro, muito bonita por sinal...

  5. José Ferreira Postado em 14/Apr/2014 às 21:31

    Tem um detalhe que ficou obscuro: O jornalista foi acusado de racismo (a matéria não explicou direito se é esta assim no B.O.), por um crime de injúria racial. Além disso, trata-se de uma denuncia de uma tal jornalista que não tem as devidas provas.

    • Paulo F Postado em 14/Apr/2014 às 22:52

      Concordo,caso a jornalista não provar o crime,cabe a ele processar ela por calúnia.

      • AnaLee Postado em 15/Apr/2014 às 15:33

        Pois é, a repórter faz tanta picuínha por nada né...perdeu o tempo dela na delegacia só p´ra "tumultuar, não é mesmo??? Afff me poupe!

    • Denilson Ramirez Postado em 15/Apr/2014 às 10:50

      VC é racista também? Se for merece ser preso.

      • Paulo F Postado em 16/Apr/2014 às 14:23

        AnaLee,se o que eu li foi o que penso que li (um comentário irônico),mil desculpas,não sabia que você nunca tinha pisado pra fora da sua casa e vivia lendo fábulas de um mundo onde as pessoas não tentam ''derrubar'' as outras maliciosamente por interesse próprio. Caso esse não foi um comentário irônico,desconsidere.

  6. deisi Postado em 14/Apr/2014 às 22:30

    José Ferreira você não leu a mateia a colega jornalista ouviu e fez a denuncia na hora ;e otal racista ainda tentou esconder o colete mas felismente não conseguiu.Ainda bem que o sbt do Paraná afastou o tal .

    • José Ferreira Postado em 15/Apr/2014 às 08:07

      Ouviu, mas gravou? É a palavra da jornalista contra outro jornalista. É evidente que ele quis fugir, para muitos o tráfico de drogas é "menos ruim" do que o racismo.

      • Mussum Postado em 15/Apr/2014 às 08:30

        Ow Zé, prova testemunhal tem o mesmo valor das demais provas...cabe ao Juiz valorizar as provas e julgar...parece q c tá criando intriga só por criar...

      • Denilson Ramirez Postado em 15/Apr/2014 às 10:52

        Essa tua tentativa de negação do crime de racismo é muito suspeito JF. Você é um racista também?

      • Luiz Postado em 15/Apr/2014 às 11:08

        Cara esse José Ferreira é leitor da Veja, ele vem aqui só causar tumulto, nem perde tempo.

      • José Ferreira Postado em 15/Apr/2014 às 11:21

        Quem quer tumultuar é a jornalista. Por essas e outras que não se exige mais diploma para ser jornalista.

  7. Walter Postado em 15/Apr/2014 às 10:26

    Tá virando moda tem é que punir no bolso desses imbecis.

  8. Luiz Postado em 15/Apr/2014 às 12:10

    É curioso como em um país tão diverso em crenças, etnias, raças e etc... ainda exista indivíduos que queiram justificar o racismo. Racismo é crime! E é uma vergonha que necessite uma LEI para lembrar os imbecis. É aspecto da inteligência humana reconhecer a diversidade pessoal e cultural, é sinal de saúde mental, de respeito ao próximo.