Redação Pragmatismo
Copa 2014 26/Feb/2014 às 10:37
18
Comentários

O texto falso atribuído a France Football

France Football fez críticas à realização da copa no Brasil, mas texto atribuído a revista francesa que circula nas redes sociais não é verdadeiro

capa france football copa 2014
A última edição da France Football. A capa é verdadeira; o texto traduzido para o português e espalhado nas redes sociais é falso (Reprodução)

A última edição da revista France Football foi publicada com a capa toda negra, onde se lê “Peur sur le Mondial”, algo como “Medo do Mundial”. Evidentemente a publicação, umas das mais respeitadas do futebol mundial, faz várias críticas à Copa do Mundo que acontecerá no Brasil neste ano. A principal delas lembra que o país investiu mais de 11 bilhões de euros para construir e reformar os 12 estádios que sediarão a competição, enquanto o orçamento do governo para a educação em 2013 foi de 12,8 bilhões de euros.

A manchete em si já é péssima para a imagem e reputação do Brasil, mas um sujeito desconhecido resolveu piorar a situação. Acontece que anda circulando pela internet um “hoax” que hiperdimensiona as críticas da revista.

O texto apresenta coisas bizarras e inverossímeis como “a FIFA não pediu o Brasil para sediar a Copa, foi o Brasil que procurou a FIFA e fez a proposta”, “A carga tributária do Brasil é altíssima e maior que a da França, e os serviços públicos são péssimos comparáveis aos do Congo. Mas o brasileiro médio pensa que ele mora na Suíça. Quem está lá, na verdade, é a FIFA”. Isso sem contar as incoerências relacionadas aos custos dos estádios.

O pior é que muita gente comprou a informação e a divulgou como real, ampliando assim a tal “vergonha nacional”. Alguns blogs, como esse aqui, já desmistificaram o falso artigo da revista francesa. Para ver a matéria real, na integra, evidentemente em francês, clique aqui. Quem tiver o mínimo de paciência e um dicionário ao lado, caso não saiba francês, vai matar a charada com facilidade.

Adnews. Edição: Pragmatismo Politico

Posts relacionados

Comentários

  1. José Ferreira Postado em 26/Feb/2014 às 10:51

    O texto pode ser falso, mas os fatos são verdadeiros.

    • jOSIANE Postado em 26/Feb/2014 às 19:38

      Nem todas as informações são verdadeiras. Pesquise.

    • Melo Carmo Postado em 08/Apr/2014 às 15:17

      O Brasil está às vésperas de uma epidemia de câncer veja porque saude ig http://saude.ig.com.br/minhasaude/2014-04-08/o-brasil-esta-as-vesperas-de-uma-brepidemia-de-cancer.html

  2. Thiago Teixeira Postado em 26/Feb/2014 às 12:14

    Eu acho bem feito isto tudo acontecer para o brasileiro abrir os olhos quanto aos Europeus, e de uma vez por todas "ter vergonha na cara" como diz o Tio Prates. E parar de ficar babando ovo tirando foto na Torre Eifel, pois eles estão com inveja da Copa, querem cortar os pulsos com a qualidade dos estádios construídos, da nossa capacidade de realização, assim como nossos reacionários, torcerão para tudo dar errado.

    • Lucas Postado em 26/Feb/2014 às 12:38

      Nossa amigo, de onde tu tirou essa ? Pareceu um antônimo da Veja, sem ilusões por favor. Isso só pode ser ironia.

      • Thiago Teixeira Postado em 26/Feb/2014 às 14:33

        O Brasil é uma bosta. O Brasileiro é incompetente e incapaz. Construíram estádio ao invés de Hospitais. Ficou melhor agora?

    • Douglas Charles cunha Postado em 02/Mar/2014 às 22:49

      Onde há qualidade em estádios? Daqui há cinco anos nós vamos ver a qualidade. Se o Engenhão servir de exemplo, esses da copa serão vergonhosos em matéria de qualidade. Sem contar os elefantes brancos. O Brasil não tem competência nenhuma para realização, haja visto que nem 1/3 das obras de infra-estrutura ficaram prontas, nem ficarão. Eu gostaria de ver tudo dar certo e aposto que gente igual a você vai comemorar se a copa acabar e não houver nenhum problema, mesmo que o compromisso de obras não tenham sido concluídas.

      • Zhungarian Alatau Postado em 27/May/2014 às 22:26

        Veja você: só de impostos, a Fifa pagará ao Brasil 16 bilhões. Ou seja. Cobre o custo da Copa. Além disso, VEJA VOCÊ, o custo total da Copa equivale a 1 único mês de gastos do governo com educação no Brasil. Pois é, o Brasil é um País maravilhoso, à exceção de alguns viralatas, que só criticam e não fazem absolutamente para melhorar.

  3. beto Postado em 26/Feb/2014 às 12:43

    Abaixo, uma correção às principais atrocidades listadas no documento apócrifo, desonestamente atribuído à publicação francesa. 1) Não, nem todos os brasileiros são corruptos. O brasileiro, em geral, é honesto, trabalhador e realizador, mesmo sofrendo a brutal exploração das classes representadas pelos autores do documento criminoso. Não, nem tudo aqui se desenvolve à base de propinas. 2) Não, o Brasil não “obrigou” a FIFA a designá-lo sede do Mundial de 2014. Venceu um rigoroso processo seletivo ao apresentar condições de promover o torneio. 3) O Brasil elege, sim, jogadores de futebol para cargos públicos. Afinal, perante a lei, todos são cidadãos e têm garantidos seus direitos políticos. O Brasil é uma democracia, mesmo que os grupos neofascistas tentem solapá-la dia e noite. 4) Não, os brasileiros não se identificam com o analfabetismo. E estão lutando para fazer cair essas taxas, ano a ano. Em 2002, no fim da gestão de FHC, a taxa era de 12,4%. Hoje, é de 8,5%. Consideradas as pessoas com até 14 anos, no entanto, nossa taxa já é de 2%, próxima da erradicação, quando o índice é igual ou menor que 1%. 5) Na verdade, a carga tributária da França não é menor do que a do Brasil. A França tem a 26ª. maior do mundo, o equivalente a 43,15% do PIB. O Brasil fica em 30º. Lugar, com 35,13%. 6) Não, os serviços públicos no Brasil não são semelhantes aos do Congo. Na verdade, a expectativa de vida no Congo é de apenas 53 anos. No Brasil, chegou, em 2013, a 74.6 anos. No Congo, a mortalidade infantil é de 88 crianças (de cada grupo de mil nascidas). A taxa de mortalidade infantil no Brasil caiu 75% entre 1990 e 2012, de acordo com a ONU. Se, em 1990, o país registrou 52 mortes de crianças a cada mil nascidos vivos, em 2012, a taxa foi de apenas 13 mortes a cada mil nascidos vivos. No Congo, há pelo menos 1,1 milhão de pessoas infectadas pela AIDS. O Brasil conta com um dos mais eficientes programas de prevenção e tratamento do mundo. Aqui, o coquetel de medicamentos é gratuito, garantido por lei. 7) Não, o Brasil não vive um caso de amor com ditaduras. O governo venezuelano é legitimamente eleito, assim como aqueles de Bolívia, Equador, Chile, Argentina, Uruguai e Peru. O Brasil respeita o sistema de eleição de representantes em outros países, reconhecendo a soberania desses povos para definir a metodologia de escolha de seus governantes. 8) A França jamais utilizou qualquer referência a alinhamento com “ditaduras” para negar ao Brasil assento no Conselho de Segurança da ONU. Na verdade, a França defende a presença do país no órgão. http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2013/12/1384609-hollande-defende-brasil-no-conselho-de-seguranca-da-onu.shtml 9) Não, a FIFA jamais afirmou que foi um “erro estratégico” escolher o Brasil como sede da Copa do Mundo. O receio da entidade é justamente a promoção de ataques violentos patrocinados por criminosos extremistas, como aqueles que já provocaram a morte de 23 pessoas desde a eclosão do levante, em junho de 2013. 10) Em nenhum momento, o governo brasileiro tentou cercear as manifestações pacíficas de 2013, tampouco a presidente Dilma Rousseff procurou restringir esse direito, como provam seus discursos da época. O governo federal não reprimiu estudantes ou trabalhadores. A ação de segurança não é atribuição do poder central, posto que a Polícia Militar é estadualizada no Brasil. Não ocorreram duas mortes neste período, mas 23. Nenhuma delas teve qualquer participação do governo federal. Tampouco há qualquer notícia acerca de dois mil feridos. 11) Não, não são os próprios brasileiros que pedem para os estrangeiros não visitarem o Brasil. Nem há “milhares” de vídeos nesse sentido. O mais comentado, produzido com esmero técnico e alto investimento, foi publicado por Carla Dauden, na mesma época em que o ChangeBrazil iniciou sua cruzada “revolucionária” de direita. O vídeo de Dauden é uma fraude. Cria números fictícios, adultera dados e subverte a realidade. Não, ao contrário do que diz a garota contratada pelos grupos interessados em desestabilizar o Brasil, nem todos os brasileiros andam bêbados ou drogados pelos logradouros públicos. Não, o Brasil tampouco é um país com ruas tomadas por hordas de famintos. Na verdade, Carla falseia dados de investimentos e subtrai a verdade por conta de sua ideologia. http://cbjm.wordpress.com/2013/06/24/no-im-not-going-to-the-world-cup-a-desconstrucao-de-uma-fraude/ 12) Não, o governo não gastou 400 milhões de Euros para comprar armas destinadas a reprimir o povo. O Brasil gasta, quando gasta, para equipar suas PMs, que são estadualizadas. Esta, aliás, é uma reivindicação do povo. O sistema de segurança para a Copa visa a proteger o cidadão, brasileiro ou estrangeiro. Após o início do levante de direita, lojas, bancos e revendedoras de veículos têm sido metodicamente vandalizados por obra de grupos radicais. 13) Não, o movimento Bom Senso não é liderado pelo ídolo do Lyon, Juninho Pernambucano, apenas mais um participante. O principal condutor da causa é o zagueiro Paulo André, do Corinthians. 14) Não, embora a violência entre torcidas seja um fenômeno preocupante, o Brasil está longe de ser o único país maculado por esse tipo de conflito. Há mortes recentes registradas na Itália, na Inglaterra supostamente pacificada, na Turquia, em Portugal e na Espanha. Não consta do falso artigo, por exemplo, referência aos confrontos mortais recentes entre torcedores de Lazio e Roma. Tampouco há referência aos torcedores do Tottenham esfaqueados na capital italiana. 15) Não, o Brasil não é o país mais atrasado na preparação de uma Copa. Houve atraso inclusive na França, como nos estádios de Marselha e Nantes. O próprio Stade de France foi inaugurado antes da finalização das obras. Estacionamentos, por exemplo, continham toneladas de material de construção. Muitos dos elevadores não funcionavam. Na Copa da África do Sul, algumas estradas de acesso estavam sendo pavimentadas no dia anterior à cerimônia de abertura. A maior parte dos grandes estádios brasileiros está em perfeitas condições para receber o mundial. 16) É falsa a informação de que o Stade de France custou 280 milhões de Euros. Na verdade, custou 384 milhões de Euros, o equivalente a 1,2 bilhão de Reais. Isso se considerados os valores de referência da época (1998). http://www.journaldunet.com/economie/services/business-de/stade-de-france-10-ans-chiffres-extraordinaires/5.shtml 17) É falsa a informação de que o Olympiastadium, na Alemanha, custou apenas 140 milhões de Euros. Custou, na verdade, 247 milhões de Euros, segundo valores de 2004, o equivalente a 812 milhões de Reais. No entanto, não estão computados aí os valores da obra inicial, de 1936, o equivalente a 46 milhões RM. http://en.wikipedia.org/wiki/Olympiastadion_%28Berlin%29 18) É mentira que a África do Sul tenha tido apenas 5 anos para se preparar para a Copa. Sua escolha se deu em 15 de maio de 2004, em votação realizada na sede da FIFA, em Zurique. Teve, portanto, mais de 8 anos para realizar as obras. Nem todos os trabalhos, no entanto, foram concluídos nesse período, especialmente na área de infraestrutura. 19) Não é verdade que os estádios brasileiros custem mais do que os citados acima. O Castelão, em Fortaleza, por exemplo, teve custo final de R$ 519 milhões de reais. O Mineirão custou R$ 615 milhões. Nem mesmo os estádios de abertura e fechamento da Copa no Brasil, a Arena Corinthians e o Maracanã, tiveram obras tão caras quanto o Stade de France. 20) Não é verdade que os estádios brasileiros sejam construídos com dinheiro público. O que ocorre, como na Arena Corinthians, é um financiamento de parte do valor pelo BNDES. O clube ofereceu garantias e assumiu compromisso legal de saldar sua dívida. 21) Não, os estádios não são “ruins”, como escreve o redator da peça criminosa de sabotagem. São considerados seguros e elogiados por especialistas de todo o mundo. Basta que sejam acessadas as reportagens sobre a Copa das Confederações de 2013. 22) Não, o Engenhão, no Rio de Janeiro, não foi abandonado. Está passando por uma reforma em suas estruturas metálicas. Não foi dinheiro “jogado fora”. 23) Não, os estádios no Brasil não serão utilizados somente para jogos de futebol. Não, eles não são estruturas “vazias” e “sem utilidade”. A Arena Corinthians, por exemplo, é uma obra complexa, de caráter multiuso, com bares, restaurantes e lojas. Nesse quesito, será uma das mais modernas do mundo. 24) Não, Itaquera não é no fim do mundo. E, ao contrário do que propagam os grupos radicais, a área do estádio tem sim uma estação de metrô e um grande shopping center agregados. A população local hoje comemora os benefícios da obra e a expansão da malha viária na região. 25) Não, a construção do estádio não se deu por “ordem” do presidente Lula. O estádio do Corinthians seria construído de qualquer maneira. O clube tem comprovadamente a maior receita entre os clubes brasileiros. É o 24º. clube mais rico do mundo segundo a consultoria britânica Deloitte. http://esportes.terra.com.br/corinthians/consultoria-coloca-real-como-clube-mais-rico-do-mundo-timao-e-o-24,ac4c017812bb3410VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html 26) Não, a Arena Corinthians não é “um dos estádios mais caros da “história da humanidade”. É mais barato, inclusive, que o Stade de France. 27) Não, o estádio nunca foi alagado. Não, o estádio não caiu. O que ocorreu foi um acidente localizado com um guindaste. Os reparos estão sendo efetuados. 28) Nunca se atrelou a realização da Copa à construção do trem-bala. Não é verdade que foram carreados 13 bilhões de Euros para a referida obra, como também é falsa a informação de que o “dinheiro desapareceu”. 29) Não, não é verdade que não existem cursos de preparação para os que vão trabalhar com a Copa do Mundo. São inúmeras as iniciativas locais, sem contar o programa do Pronatec. http://pronateccopa.turismo.gov.br/ 30) Não, não é verdade que o governo esteja promovendo cursos para ensinar inglês a prostitutas destacadas para atuar na Copa do Mundo. A atividade em questão foi promovida isoladamente em Belo Horizonte (MG) por uma entidade ligada a essas profissionais. O objetivo é gerar integração social e facilitar ocupação em outras áreas. 31) Não é verdade que “ninguém” é preso no Brasil. Há 550 mil detidos no país. 32) Não, o aluguel de carros não é caríssimo. Um carro básico pode ser alugado por 43 Euros por dia. 33) O trânsito em São Paulo e Rio é pesado, de fato. Mas não é o pior da “humanidade”. Os autores do texto não conhecem, por exemplo, a Índia, por exemplo, e grandes cidades do norte da África. 34) Não, a gasolina no Brasil não é a mais cara do mundo. Na verdade, a gasolina é mais cara na França, em 7º. lugar nesse ranking. O Brasil é apenas o 39º. A estatal petroleira do país é o maior indutor do crescimento brasileiro. Assim, é a empresa mais cobiçada pelas multinacionais estrangeiras. http://www.blogauto.com.br/brasil-tem-a-39a-gasolina-mais-cara-do-mundo-segundo-bloomberg/#axzz2t3rpsVxN 35) Não, o presidente Fernando Henrique Cardoso não foi afastado por corrupção. 36) Não, não foi Fernando Henrique Cardoso quem comparou os carros brasileiros a carroças. Foi o presidente Fernando Collor de Mello. Fez essa observação no início da década de 1990. O carros brasileiros se modernizaram tremendamente desde então. 37) Não, a Copa não traz prejuízos ao Brasil. Pelo contrário, impulsiona o crescimento econômico. E quem atesta é a própria imprensa opositora do governo federal. http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,ERT149593-16357,00.html 38) Não é verdade que a Copa elevou a taxa de inflação, que continua estável há anos. Também não é verdade que não gerou empregos para os mais humildes. Somente em funções diretas de obras, contribui com 213 mil ocupações, em diferentes setores, da construção civil e ao setor de energia. 39) Não é verdade que o Brasil muda seu sistema de tomadas elétricas a cada quatro anos. 40) Não é verdade que somente grandes empreiteiras ganharam com a Copa. Dados preliminares já apontam lucros para 41 mil micro e pequenas empresas. http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml 41) Não o sinal de telefone no Brasil não é péssimo. É melhor do que em muitas cidades europeias. 42) Não, a Internet brasileira não é horrível, tampouco caríssima. Por 1 Euro é possível passar-se até uma hora diante de um computador com Internet numa lan house. 43) Não, não é verdade que o país está inundado de cédulas e moedas falsas. 44) Não é verdade que o Brasil não tenha universidades entre as 300 melhores do mundo. A Universidade de São Paulo (USP), por exemplo, figura com prestígio nos rankings internacionais. O Conselho Superior de Investigações Científicas, credenciado pela União Europeia, e que cobre mais de 21 mil universidades e institutos de ensino superior pelo mundo, coloca a Universidade de São Paulo como a 19ª. melhor do mundo e a melhor da América Latina. No ranking, mais sete instituições aparecem entre as trezentas melhores. http://vestibular.brasilescola.com/especial/melhores-universidades-mundo.htm 45) Não é verdade que a educação superior decaiu nos últimos anos. Na verdade, cresceu vertiginosamente. Em 2001, eram 3.036.113 alunos matriculados. Em 2012, passaram a 7.037.688, crescimento de 131%. A rede pública de graduação teve crescimento de 7% e a particular de 3,5%. 46) Não, o Brasil não tem uma economia decadente. O PIB saltou de R$ 1,320 trilhão em 2002 para R$ 4,403, em 2012. Em dez anos, 37 milhões de brasileiros saíram dos bolsões da pobreza. No período foram gerados 19,5 milhões de empregos. O Brasil ganhou 1,84 milhão de novas empresas durante o ano de 2013.

    • Diego soares Postado em 27/Feb/2014 às 00:50

      Não! Então esta tudo bem??? É mais do que justo sediarmos uma Copa onde o dinheiro ficará na mão de poucos??? Onde a prioridade é injetar dinheiro para a copa do que resolver problemas de infraestrutura BÁSICOS (hospitais, escolas, saneamento, energia, etc) e de mobilidade? Onde os corruptos passam a mão nas verbas publicas e os safados ainda figuram no plenário como se nada tivesse acontecido? Todos esses "boatos" que tu diz serem falsos, podem até ser mentira... Mas ilustra a indignação de um povo que ta cansado do modo como esse pais é governado. Essas "mentiras" fazem parte da realidade do brasileiro... Essa é a verdade. Pra quem não passa pelo sufoco que é ser brasileiro no dia a dia, com o péssimo atendimento do setor publico, estradas esburacadas, cidades alagadas por falta de obras, transito caótico, crianças sem escola, fila para atendimento no SUS, prefeitos e vereadores LADRÕES de dinheiro público, altos preços, impostos abusivos, etc, imagino que esteja tudo bem... Como tentar desmentir essas supostas mentiras. Quer saber... Essa politica me anoja e essas pessoas que acham que o Brasil é um pais promissor também me anojam. A classe alta é cega por conveniência, e a classe media emergente são um bando de egoístas que querem crescer nas custas das pessoas mais humildes ou o trabalhador comum. A CONVENIÊNCIA talvez seja o mal do brasileiro que pode mudar essa realidade...

    • Vlademir do Nascimento Postado em 27/Feb/2014 às 09:39

      PARABÉNS VC ESTA TREMENDAMENTE INFORMADO .

    • Marcela Postado em 15/Mar/2014 às 12:30

      Sensacional! Quando li esse texto me deu vontade de fazer a mesma coisa! Quanta mentira junta!

  4. Heloisa Postado em 26/Feb/2014 às 15:43

    Muito bem dito Thiago.Ademais, nossos avós já nos ensinaram que roupa suja se lava em casa.Este complexo de "colonizado" dos brasileiros, que adoravam estender o tapete vermelho ao FMI, enquanto sugavam o nosso sangue, é algo que já deveria ter ficado para trás.O Brasil é um país maravilhoso, extremamente competente, a despeito de algumas mazelas culturais, como esta baixa autoestima que nos faz bater palmas a quem nos chicoteia.

  5. Heloisa Postado em 26/Feb/2014 às 15:48

    Isto mesmo Thiago.Um complexo de "povo colonizado" assola a classe média brasileira.Gostam de enaltecer e louvar os que nos exploram e nos chicoteiam.

  6. Diego Postado em 26/Feb/2014 às 19:31

    Critico o brasileiro para que ele mude e passe a agir como povo civilizado, mas atacar o próprio país com base em um artigo falso de uma revista é algo sujo demais. Esse tipo de prática não tem o meu apoio.

  7. Marcos Postado em 26/Feb/2014 às 19:46

    O Brasil é om país maravilhoso.O que estraga são os brasileiros.

  8. sebastiao Postado em 26/Feb/2014 às 21:11

    Eu não sei quem é mais idiota, se é quem frauda uma edição de uma revista idiota, ou quem acredita na fraude. Para quem não se lembra os franceses são useiros e vezeiros nessa palhaçada de cartilha para turistas, na copa da frança, orientavam os hotéis que brasileiro tinha um estranho hábito de tomar banho uma ou mais vezes ao dia e que eram acostumados a roubar talheres. Nós brasileiros se tivéssemos realmente vergonha na cara, cagávamos e andávamos para qualquer idiotice francesa, ou de brasileiro que queira piorar o que os franceses pensam sobre nós. Ademais, ainda estou procurando os hospitais, escolas, universidades que foram construídas com o dinheiro que foi economizado nas copas que não fizemos.

  9. anônimo Postado em 26/Feb/2014 às 22:09

    Agora sim, Thiago. O comentário está no padrão Veja de qualidade.

O e-mail não será publicado.