Redação Pragmatismo
Direitos humanos 06/Feb/2014 às 15:16
13
Comentários

Bolsonaro quer presidir Comissão de Direitos Humanos

Depois de Feliciano, Jair Bolsonaro? O parlamentar se articula com a bancada evangélica para conseguir se eleger como o novo presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara

bolsonaro comissão direitos humanos
Jair Bolsonaro (PP-RJ) disse que está bem articulado com os parlamentares evangélicos para conseguir presidência da Comissão de Direitos Humanos (Reprodução)

O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) está em uma articulação com os parlamentares evangélicos e em plena campanha para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara. O seu principal aliado é o atual presidente da CDH, Marco Feliciano (PSC-SP). Polêmico e um dos principais opositores de antigos militantes dos direitos humanos, Bolsonaro afirmou ter o apoio do líder de seu partido, Eduardo da Fonte (PE), na empreitada. Bolsonaro está otimista.

— Estou fechado com a bancada evangélica e tenho o apoio do líder do meu partido. Não acredito que o PT vai se interessar pela comissão. Isso é desejo de uma minoria do PT. Eles vão querer algo maior — disse Bolsonaro.

O PP tem direito a presidir duas comissões e, neste ano, pode optar pela Comissão de Agricultura e a dos Direitos Humanos. Deputados do PT também trabalham para que a comissão volte ao comando da legenda, principalmente depois da passagem de Feliciano pelo colegiado. O PT, graças ao tamanho de sua bancada, pode presidir três comissões.

O deputado Nilmário Miranda (PT-MG), um dos fundadores da CDH nos anos 90, atua para que a comissão, se não for para o seu partido, será presidida por um nome mais afinado com a causa dos direitos humanos. O partido ainda não fechou questão.

Bolsonaro disse ainda que não teme as resistências que seu nome enfrentará, dada suas posições nesse campo.

— Não estou preocupado com isso. Tiro de letra essas críticas. Sinto que já estou com um pé dentro da comissão — afirmou Bolsonaro.

O parlamentar afirmou ainda que, se a comissão não sobrar para seu partido, já há acordo para tentar outros nomes, como do Pastor Eurico (PSB-PE) e de Marcos Rogério (PDT-RO), ambos também aliados de Feliciano. Em encontro na tarde desta quarta, durante sessão em homenagem ao MST na Câmara, o deputado Paulão (PT-AL) defendeu que o partido volte a comandar a comissão.

ABR e Agência Globo

Posts relacionados

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 06/Feb/2014 às 15:28

    Assino em baixo. Tranca ele o Marcos Feliciano, Caiado, Carlos Sampaio, Malta e o Silas Malafaia dentro dessa comissão, quebrem a chave no trinco e joguem fora.

    • Obamis Postado em 06/Feb/2014 às 15:40

      Vão fazer a maior suruba lá dentro...

    • Luclecia Postado em 06/Feb/2014 às 15:42

      Sem esquecer de deixar vários vibradores para eles se divertirem!

    • Alexandre Lopes Postado em 07/Feb/2014 às 08:52

      Thiago, você se esqueceu de um detalhe meu amigo . Devemos , de fato, fazer o que você disse ; porém, antes de tudo isso, devemos colocar uma bomba programada para explodir em 10 minutos .

  2. Ciro Postado em 06/Feb/2014 às 15:38

    Bolsonaro presidindo a CDHM = Hitler escolhido para rabino de uma sinagoga.

  3. Thiago Hermes Postado em 06/Feb/2014 às 16:28

    Isso tem nome; manobra midiática. Ganhando a comissão ou não ele faz o barulho que queria, inflama os ânimos de seus asseclas e ganha aplausos de antas manipuladas que não entendem o jogo político ou a abrangência do que são direitos humanos. Eu acho que ele não ganha a CDH e espero que eu esteja certo.

  4. Sérgio César Júnior Postado em 06/Feb/2014 às 16:41

    O capitão reformado do Exército Brasileiro, excelentíssimo sr. deputado federal Jair Bolsonaro está com intenções bem claras de querer sabotar projetos de Direitos Humanos e ainda nesta matéria declarou que é uma comissão pequena, como se os Direitos Humanos não tivesse qualquer grau de importância. Por que, para a Comissão de Direitos Humanos da Câmara e Senado Federais deveriam ser lideradas por facínoras, preconceituosos, racistas, xenófobos, latifundiários e exclusivistas, sendo que é uma comissão que trata de temas relevantes ao respeito, tolerância e dignidade mútuas aos habitantes do Brasil? Este deputado que está numa casa de representação democrática e republicana, não deveria participar na representação e condução de assuntos que combatam a intolerância religiosa, social, de identidade nacional e natural, étnica e de gêneros dos cidadãos e populares em nosso território nacional. É necessário que se faça campanhas contra este homem frívolo, facínora e desumano de nossa sociedade. A recepção deve ser dada da mesma forma como fora ao deputado Marcos Feliciano. Não podemos ser vítimas de quem defende o fim dos Direitos Humanos, pois todos nós somos seres humanos. Apesar de óbvio, muitas pessoas de posicionamento liberal e conservadora esquecem disso, no entanto, isto é um contrassenso que devemos combater.

  5. Imparcial Postado em 06/Feb/2014 às 17:19

    O Bolsonaro vai ser ótimo presidindo a comissão de direitos humanos!!! Todo cristão heterosexual que vive dentro dos padrões morais do século XII terão os seus direitos garantidos!!! Só o resto da população que não... Uma pena eu ser ateu :(

    • Pereira Postado em 11/Feb/2014 às 14:32

      Tu não é ateu ...tu é atoa !!! fui ver um site de uma associação ateísta.... de cara uma continha corrente para ajudar a associação...depois é os crente que pedem dinheiro

  6. renato Postado em 06/Feb/2014 às 22:20

    Se um já foi, porque não o outro. Eu acho bom...porque lá ele mostrará todo o odio da classe que domina ou acha que domina. Só conhecemos o Floriano ou Feliciano, pelas M.......das, que fez... Escondido eles caisam maiores danos..

  7. Lopes Postado em 07/Feb/2014 às 19:16

    Não sei porque essa celeuma! O deputado falou em certa entrevista que seria candidato a Senador. Não vamos colaborar com um verme desta laia

  8. Carlos Normann Postado em 11/Feb/2014 às 11:37

    o cara além de sem vergonha, sujo, retrógrado, se alia com uma das bancadas mais nefandas do congresso, aquela que macula o nome dos evangélicos... Atestado de maldade, de perversidade, de filhadaputice do Embolsonaro. Tranquem ele nos porões do passado, por gentileza, e derretam a chave!

  9. Pereira Postado em 11/Feb/2014 às 14:30

    Quando escolheram as comissões, ninguém quiz ficar com a CDH, que foi a última a ser escolhida. Agora que alguém abraçou a barca e é contrário ao esquerdismo , esse alguém nao presta!!!

O e-mail não será publicado.