Redação Pragmatismo
Compartilhar
Documentário 03/Feb/2014 às 00:53
2
Comentários

Assista 5 documentários de Eduardo Coutinho

Assista abaixo cinco obras de Eduardo Coutinho, um dos maiores documentaristas da história do Brasil e que foi assassinado neste dia 02 de Fevereiro.

“CABRA MARCADO PARA MORRER”

O filme mais famoso de Eduardo Coutinho, sobre a vida e o assassinato de um líder camponês, começou a ser rodado em 1964, mas foi interrompido pelo Golpe Militar. O diretor só conseguiu retomar o projeto dezessete anos depois, procurando e mostrando o que aconteceu com cada um dos personagens que havia entrevistado, inclusive a viúva do camponês. O resultado foi uma das maiores obras-primas do cinema brasileiro e um dos documentários mais importantes da história.

“JOGO DE CENA”

Aqui, Coutinho estabeleceu um paralelo impressionante entre as mulheres de verdade e as atrizes de verdade. Quando Andréa Beltrão não segura as lágrimas ao “interpretar” uma mulher que não chora, é impossível se conter. Mas, além da comparação, há a investigação. As atrizes são entrevistadas em seguida sobre o processo de “tradução” das personagens. E quando você acha que não poderia haver mais, um golpe final: uma história triste se transforma em interpretação e uma personagem real surge para provar que as aparências enganam mesmo.

“EDIFÍCIO MASTER”

“Primeiro, eu tento Piaget. Se não dá certo, eu parto para Pinochet.” A frase é de uma das cenas mais marcantes de “Edifício Master”, mosaico dos habitantes de Copacabana que Coutinho dirigiu em 2002 e um de seus melhores filmes. Ele invade os apartamento de 27 moradores do prédio que batiza o filme, do síndico que fala a frase do início do texto a uma garota de programa e um jogador de futebol aposentado. O conjunto desarmônico ajuda a construir uma imagem da sociedade carioca.

“O HOMEM QUE COMPROU O MUNDO”

O primeiro longa-metragem de Eduardo Coutinho não foi um documentário. Essa comédia política se passa num país fictício chamado Reserva 17 e acompanha as desventuras de um jovem que tenta descontar o cheque de 100 mil strikmas recebido de um homem misterioso. Coutinho usa a história nonsense para fazer comentários sobre burocracia e corrupção e ainda alfinetar a ditadura, quando o personagem principal termina preso. Flávio Migliaccio, Marília Pêra e Hugo Carvana estão no elenco.

“PEÕES”

Filme que junto com “Entreatos”, de João Moreira Salles, formam uma dupla de trabalhos focados na figura de Luiz Inácio Lula da Silva. “Peões” resgata a história da luta sindical dos metalúrgicos do ABC paulista, resgatando os personagens centrais do movimento que conviveram com o ex-presidente, mas não ganharam notoriedade. Coutinho captura belas entrevistas e monta o cenário da ascensão de Lula: a senhora do cafezinho, a dona que adora xingar, o ex-cantor das assembléias e o viúvo que mora sozinho tem grandes histórias mínimas para contar.

Pragmatismo Politico

Recomendados para você

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 03/Feb/2014 às 12:27

    Morto em extrema lucidez e capacidade para produzir mais documentários. Nos resta lamentar e torcer pela saúde da esposa dele.

  2. Amanda Beck Postado em 03/Feb/2014 às 14:07

    Muito legal vocês compartilharem os links! Parabéns!!!