Redação Pragmatismo
Compartilhar
Ciência 03/Jan/2014 às 18:04
143
Comentários

Estudante com doença incurável é ameaçada após defender testes medicinais com animais

Jovem com doença incurável vira símbolo da defesa de testes em animais na Itália. Caterina Simonsen passou a receber ameaças e insultos na internet após agradecer médicos por permanecer viva

Caterina Simonsen estudante veterinária
Caterina Simonsen (Divulgação)

Uma estudante de veterinária se tornou o principal símbolo na Itália pela defesa do uso de animais em testes medicinais após ter sido vítima de uma série de ataques e ameaças de morte de internautas que defendem o contrário.

Caterina Simonsen, de 25 anos, virou alvo de mensagens de ódio quando, no dia 21 de dezembro de 2013, postou uma mensagem em uma página do Facebook onde agradecia e apoiava a realização de testes em animais. Ela credita a esses testes o fato de ter conseguido sobreviver por mais um ano na luta contra quatro doenças pulmonares genéticas que enfrenta desde criança. Segundo a jovem, sem a pesquisa, ela teria morrido aos nove anos. “Vocês me proporcionaram um futuro”, agradeceu ela aos médicos, a quem considera seus melhores amigos.

Ao todo, Caterina recebeu 30 ameaças de morte e cerca de 500 insultos, que estão sendo investigados pela polícia local.

O caso gerou repercussão nacional, fazendo com que ela ganhasse muitos apoiadores, que iniciaram a campanha #Io Sto com Caterina (ou #Eu estou com Caterina), incluindo influentes políticos italianos, como o líder da centro-esquerda Matteo Renzi, do PD (Partido Democrático).

Caterina, nascida em Pádua (nordeste da Itália) e que estuda na Universidade de Bolonha (centro), é obrigada a usar, durante a maior parte de seu dia, tubos de respiração que diluem o muco em seus pulmões, e passou cerca de metade de sua vida internada em hospitais.

Leia também

Como se mostrou imune aos efeitos dos tratamentos, ela se tornou uma cobaia humana, com uma série de equipes médicas buscando maneiras de ajudá-la a viver mais tempo. Aos 18 anos, os médicos disseram que ela não podia ser curada.

No último sábado (28/12), uma semana depois de ter sido criticada e ameaçada, teve de voltar ao hospital em razão de uma grave infecção. A família acredita que o stress pelo qual ela foi submetida desde que se manifestou nas redes sociais contribuiu para a piora de seu quadro clínico. Ela passou 12 semanas de 2013 no hospital e 24 semanas em terapia intensiva, um ano considerado bom por ela se comparado aos anteriores.

“Desta vez é um pouco mais sério que o habitual. Os médicos me disseram que terei de passar o Ano Novo no hospital”, disse Caterina ao jornal La Repubblica, em entrevista onde revelou que uma bactéria conseguiu imunidade aos tratamentos mais recentes. “Eles estão usando o antibiótico mais poderoso do que o habitual , a minha guerra com a bactéria está em pleno andamento”, disse ela por telefone. Na quarta-feira (1º/01) ela disse que se sente melhor e aguarda uma data para colocar um novo catéter, com o qual poderá voltar para casa em cerca de uma semana.

O caso

Tudo começou quando Caterina escreveu, no dia 21 de dezembro, uma mensagem de apoio na página “A Favore Della Sperimentazione Animale” (ou “A favor da experimentação com animais”, em português). Não demorou para que ela começasse a receber uma enxurrada de mensagens de ódio, ameaças e insultos, tanto naquele post como em outros subsequentes da página. “Você pode morrer amanhã, eu não sacrificaria meu peixe de aquário por você”, respondeu a internauta identificada apenas como Giovanna. Outro escreveu : “Se você tivesse morrido quando criança, ninguém teria dado a mínima”.

Posteriormente, Caterina chegou a lançar um vídeo pelo La Repubblica explicando as dificuldades de seu dia a dia. No entanto, nem isso chegou a sensibilizar os defensores de animais, que questionaram se valia a pena viver desse jeito e se a vida de um humano é mais valiosa do que as dos animais: “Isso é o melhor que você tem, Caterina? Tenha uma boa vida então. Eu preferiria não viver se minha vida dependesse do sofrimento dos outros ou tomar milhões de vidas só porque a vida de outro vale menos do que a minha. Vergonha!”, escreveu uma internauta.

Resposta

Além de ter de ressaltar não está envolvida em lobbies da indústria farmacêutica ou de grupos políticos, Caterina promete resistir: “Animalistas nazistas não vão me parar. Estou lutando por minha vida”, disse a estudante.

“Estou viva graças à medicina. Acordo todos os dias por causa da medicina. Tenho 25 anos graças a pesquisas genuínas que incluem experiências em animais. Graças à medicina e aos animais que foram sacrificados por ela eu posso estar sentada aqui”, escreveu, em uma segunda mensagem no último dia 30.

Sobre seus detratores, ela afirma que se tratam, na maioria, de “ignorantes, mas não no sentido de imbecilidade, mas pela forma que ignoram a realidade, as leis e a medicina”. Ela lembrou que até mesmo alguns dos animais que os ativistas defendem muitas vezes dependem de medicamentos testados em outros para sobreviver.

Opera Mundi, Daily Beast e La Repubblica

Recomendados para você

Comentários

  1. renato Postado em 03/Jan/2014 às 18:10

    Nós só temos doenças incuráveis porque queremos permanecer VIVOS! Ou fazer permanecer VIVOS os que amamos, caso contrário poderíamos ter uma pílula de "Não enfermidade". Tudo seria bem melhor para os animais...

    • Rodrigo Postado em 03/Jan/2014 às 18:38

      Meu amigo, você está defecando pela boca.

      • renato Postado em 04/Jan/2014 às 12:57

        Qual sua opinião sobre testes com animais!

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 14:26

        Então, neste caso, ele esta defecando em seus ouvidos, Rodrigo, porque você respondeu. Será que não dá para ter um diálogo mais civilizado? Você leu essa frase estúpida (você esta defecando pela boca) em algum fórum de imbecis e a repetiu aqui como quem diz uma coisa muito linda. Tenha um pouco mais de educação, de urbanidade, cidadão!

    • Cristiano Postado em 03/Jan/2014 às 22:18

      Cara, você tá chapado?

      • renato Postado em 04/Jan/2014 às 12:56

        Tõ, é um novo experimento...

    • Lucia Postado em 18/Jan/2014 às 17:47

      Você poderia explicar agora o que você quis dizer com tudo isso. Porque se você não tem opinião é melhor não dizer nada.

  2. Marlon R. Pereira Postado em 03/Jan/2014 às 18:16

    "“Estou viva graças à medicina. Acordo todos os dias por causa da medicina. Tenho 25 anos graças a pesquisas genuínas que incluem experiências em animais. Graças à medicina e aos animais que foram sacrificados por ela eu posso estar sentada aqui”, escreveu, em uma segunda mensagem no último dia 30." Traduzindo: Minha vida é mais importante do que a de qualquer outra espécie e seu contínuo sofrimento e aprisionamento antes de sua morte, por isso agradeço por terem feitos seres de espécies "inferiores" sofrerem para eu estar aqui. Não quero dizer que a vida dela não seja importante, mas é clássico do humano egocêntrico achar que ele sempre é melhor do que tudo. O mesmo raciocínio que faz o branco se achar melhor que o negro, o homem se achar melhor que a mulher, é que faz ela achar que tem o direito de fazer inúmeros animais sofrerem e permanecerem em cativeiro pela sua doença. Não desejo que nem um nem outro morra, isso é ridículo, porque TODA vida importa, e há outros meios de se realizarem testes, todos sabem.

    • Dorino Postado em 03/Jan/2014 às 19:56

      Na verdade, isso é biológico: a própria vida é sim mais importante que a de qualquer outra espécie - se não fosse assim, não teríamos sobrevivido a qualquer pressão evolutiva; além disso, a vida de um indivíduo da própria espécie tende a ser mais importante que a de um indivíduo de outra espécie, pela mesma razão. Não há diferença moral entre matar um animal para pesquisa e para comer. E, já que você parece gostar de traduções, vou traduzir o seu "há outros meios de se realizarem testes, todos sabem": "não sei que meios seriam esses, nem se existem, mas prefiro ignorar toda a comunidade biomédica, que estudou anos a fio esse assunto, e dizer que são prepotentes e egocêntricos por quererem salvar vidas".

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 03:17

        Eu ignorei a comunidade biomédica? ahuahaua Me parece que é vc que prefere ignorar o que os profissionais dessa área que defendem o fim dos testes em animais dizem para poder manter sua opinião. Vc quer provas e argumentos? Está aqui: http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2013/10/existem-metodos-alternativos-aos-testes-com-animais-4305851.html Uma entrevista com o professor veterinários da universidade de Blumenau explicando como os testes podem ter um fim. Agora me mostre os seus argumentos, pf. Olha, eu sou vegetariano, mas mesmo assim, faço questão de te explicar que há sim uma diferença entre prender as patas de um animal para eles não arrancar os próprios olhos de dor (como acontece em teste com coelhos) e matá-lo rapidamente, da forma mais indolor possível, para comê-lo. A não ser que você tenha problemas pra entender isso, claro.

    • yago Postado em 03/Jan/2014 às 20:00

      o senhor esta falando besteira...voce acha que nao come nada animal? voce nao come carne, nao come peixe, nao come frango? animais sao sacrificados todos os dias pra sua sobrevivencia seu idiota, mas cm eles vc nao se preocupa, ja que estes suprem a sua vidinha hipocrita... quem é o egocentrico agora?

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 02:56

        Antes de me chamar de hipócrita, deveria se dar pelo menos ao trabalho de saber que sou vegetariano, e só não sou vegano ainda porque moro com meus pais (tenho 16 anos) e minha mãe não pode ficar arcando com as despesas de uma alimentação normal pra família e uma vegana pra mim). Melhor agora?

      • Rafael Postado em 04/Jan/2014 às 03:36

        Ok, então já que vc não tem condição para bancar uma alimentação só vegetariana para vc, vc ainda se alimenta de animais. Porque é que essa situação é diferente de alguém que, clinicamente, ainda depende de testes em animais, assim como vc, financeiramente, ainda depende de alimentos animais? Não seja idiota, não fique repetindo asneiras como se nenhum animal morresse pra que vc continuasse vivo. Somos, sim, mais importantes do que os animais, e digo isso com todo o respeito e com muito amor pelos animais. A questão é que, mesmo amando os animais, amo ainda mais os humanos. Então não seja otário, pense direito em sua vida e vá cuidar dela sem falar tanta asneira por aí...

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 10:08

        Caramba, mas é difícil de entender né... eu TENHO uma alimentação vegetariana, só não tenho vegana ainda. Meu senhor...

      • luiz giancoli Postado em 08/Jan/2014 às 06:35

        o tubarao precisa comer tambem e precisa ficar vivo , precisariamos jogar alguns seres humanos para ele se alimentar tambem e a cadeia alimenticio meu caro , podemos contar com sua presenca para dar forca ao fato, todos os dias animais sao sacrificados as vezes torturados para o lucro de muitas companhias , esta provado que os animais principalmente bois precisam de muito mais sementes que poderiam sustentar o mundo com mais facilidade , um boi se alimneta de sementes que equivaleriam no mundo a 100 pessoas , e nosso corpo nao precisa de carne e esta provado tem muitos substitutos iguais e melhores na rede vegetal , portanto matar um animal ou um ser humano e indiferente na cadeia dos seres vivos , 60 bilhoes de animais por ano para sustentar animais so porque sao ditos racionais , a gente ve o que estao fazendo com o planeta e crime e holocausto de seres vivos , carne nao e festa , nem a morte de um animal seja qual for, senao voce esta admitindo queos canibais estao certos tambem , animal racional comendo carne de animal racional , olha ai vai tem muitas coisas que mostram que nao se deve se alimenar de carne sem uma necessidade premente, eles tem direito so que nao falam mas dizem

    • Bruno Oliveira Postado em 03/Jan/2014 às 20:24

      A diferença é que os negros e as mulheres não compõe outra raça, sendo o preconceito a crença de que eles componham, enquanto no caso dos animais, eles são mesmo outra raça. Sua analogia não funciona. Não se trata de achar que somos melhores ou qualquer coisa assim, mas ou colocamos o ser humano acima de outras raças, ou é melhor que nos matemos de vez, já que nossa existência é incompatível com a existẽncia de outros animais sem que isso implique em injustiças constantes contra eles.

      • José Ferreira Postado em 03/Jan/2014 às 22:02

        Mulheres não são outra raça (são outro gênero), mas negros sim. Apesar de haver poucas diferenças biológicas, elas são existentes.

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 03:13

        Claro, então tudo que os biólogos e ambientalistas propuseram até hoje para uma convivência harmônica é um monte de lixo, certo? auahuaa E com certeza, não há outro jeito de viver sem ser colocando o humano acima das outras raças... Vamos continuar assim mesmo, e acabar sem matas porque nós precisamos de todas as árvores pro nosso desenvolvimento, já que ele é mais importante do que o habitat dos animais. Meu senhor... Ah, e pra vc saber, esse preconceito que eu citei e você disse que é infundado existe sim, é até classificado, se chama "especismo", pesquise um pouco.

      • luiz giancoli Postado em 09/Jan/2014 às 10:05

        e bom saber que tem gente quepensa como eu pena que nao existe uniao no mundo de pessoas de boa indole e que tem um grau de conheicimento e discernimento compativel com a civilidade atual , hoje a maior parte da humanidade so pensa no umbigo e o sistema de governo faz com que isso seja predominante e assim caminha a humanidade de merda

    • valquiria Postado em 03/Jan/2014 às 20:38

      estou com vc Marlon

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:25

        Também estou com o Marlon. Parabéns, jovem, por haver escolhido o enobrecedor, iluminado e compassivo caminho do vegetarianismo. Com você já se percebe estar ocorrendo o que Bernard Shaw referiu, ou seja, que "Quanto mais o homem simplifica a sua alimentação e se afasta do regime carnívoro, mais sábia é a sua mente." E assim é porque, como publicado em “El Vegetarismo de Strittmatter”, “Com efeito, todo vegetariano faz rapidamente a observação de que os seus sentidos se regeneram, adquirindo maior penetração e agudeza, e que, portanto, também as imagens que se refletem no seu cérebro, se destacam com maior firmeza e nitidez.” Transcrito do livro A Carne e a Saúde, página 83. Continue firme!

    • Juliana Postado em 03/Jan/2014 às 20:58

      Vc já teve câncer? Sua mãe já teve alguma doença de difícil tratamento? Você tem filhos?

    • Antonio Ferrara Postado em 03/Jan/2014 às 21:00

      Ela não quis dizer que a vida dela é mais importante que a dos animais. Creio que você tenha problema de interpretação de texto. Ela usou o caso dela como exemplo de milhares que possuem problemas similares ao dela e que só estão vivos hoje, graças aos avanços conseguidos através do testes. E sobre haver outros meios, não, não há. Para algumas coisas como teste de toxicidade simples, os modelos em cultura de células substituem. Para outros ainda se está longe de conseguir um substituto. Não há substituição para modelos complexos como o são sistemas biológicos completos contidos em cobaias vivas.

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 03:07

        Não vou me dar muito ao trabalho de argumentar, pf, leia o seguinte link, onde um professor de veterinária da universidade de Blumenau explica aos leigos como é possível deixar para trás os teste com animais: http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2013/10/existem-metodos-alternativos-aos-testes-com-animais-4305851.html

    • Thiago Don Postado em 03/Jan/2014 às 21:08

      E se fosse a tua mãe no lugar dela ?? Você iria ter a mesma opinião ?? Iria ser contra testes em animais ?? Antes de "bostejar" pela boca se coloca no lugar da pessoa, infelizmente testes e animais é um mal necessário para nossa sobrevivência.

      • Indra Postado em 03/Jan/2014 às 22:47

        O problema do ser humano é achar que o mundo esta ai para ser usado e abusado e que tudo é dele, tudo gira em torno dele. Essa menina esta fazendo hora extra. Faz parte ser insultada.

      • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 03:03

        ahauhaua os comentários que eu mais rio são os do teu tipo, Thiago. "E se fosse a sua mãe?" até se fosse eu, achas que eu sou tão hipócrita pra me dar o trabalho de tirar tempo do meu dia, parar, tentar passar um pouco da minha ideologia pros outros pra quando a água bater na minha bunda eu arregar? Eu sei muito bem das implicações da minha opinião. Assim como sei que existem diversos outros métodos pra fazer esses testes.

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:47

        "... testes e animais é um mal necessário para nossa sobrevivência." Isso impede que lutemos pelo fim da vivissecção? Que evoluamos para formas mais sábias e compassivas de tratar dos animais? Quando os abolicionistas pregavam a libertação dos escravos, mentes conservadoras como a sua diziam, aos berros: "precisamos dos escravos para sobreviver!", "Como ficará a economia sem os escravos?", "O que faremos com esses negros todos? Teremos de empregá-los? Teremos de dar a eles direitos?". Thiago, abra a sua mente, cara, e pense como pensam os grandes homens; homens que acreditam que é possível evoluir e realizar utopias e sonhos. Quantos exemplos a História não nos dá disso, meu caro?! Quantos?!

    • Gabriel Postado em 03/Jan/2014 às 21:21

      Vai la ser cobaia, você já tomou aspirina? Nunca tomou antibiótico? Tem roupas de couro? Sabia que os botões de sua camisa, sobretudo, vestido são feitos de osso? tome no seu cu!

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:58

        Gabriel, você já tomou psicotrópicos?

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:08

        Os que defendem a vivissecção com tanta dedicação, e uma forma de devoção tão intensa que chega perto daquele de natureza religiosa, estão todos convidados a oferecerem a si próprios como cobaias. Os indefesos animais, como não poderia deixar de ser, agradecem desde já o gesto de desprendimento, já que deixam claro, por sinais inequívocos, que não continuar sofrendo e morrendo em laboratórios. Vivisseccionistas, pimenta no cu dos outros seres NÃO é refresco!

    • leila Postado em 03/Jan/2014 às 21:45

      Nazista!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • só disse a verdade. Postado em 03/Jan/2014 às 23:31

      se tu come carne, saiba que tu é um hipocrita <3 eu sei que ta errado, mas não temos escolha =/ sou contra uso de cosmeticos para testes , mas se um ratinho de laboratório morreu pra descobrir a cura do cancer, eu não me importo , desculpe :c obs: esses ratos de laboratórios vivem menos de 3 anos.

      • talita Postado em 06/Jan/2014 às 11:25

        Já existe cura pro câncer????? Eu achava que só tinham tratamentos que podiam ou não curar.

    • Roberto Postado em 04/Jan/2014 às 00:39

      eu queria ver se fosse com vc....

    • Brendan Postado em 04/Jan/2014 às 03:44

      1. A morte na natureza é uma coisa extremamente diferente do conceito de morte que temos na sociedade humana. Um cachorro não chora porque seu familiar morreu, a não ser em um desenho da Disney. Eu particularmente, acredito que o maior problema do uso de animais se encontra nos maus tratos que os mesmos recebem. Se a industria dos produtos derivados de animais se preocupassem em dar uma morte indolor aos mesmos, seria muito menos pior. Se o seu problema é com matar organismos vivos, bom... Então cometa suicídio, pois no seu sistema gastro-intestinal morrem inúmeras espécies diferentes de micro organismos, por hora. 2. A causa é nobre, e você pode até tentar cortar algumas coisas de origem animal do seu dia-a-dia, mas você não conseguirá ser vegano, pelo menos pela próxima década. Produtos de origem animal se encontram em artifícios do seu dia-a-dia que você menos imagina. Apenas um exemplo: Palitos de fósforo. Estes usam gelatina incolor para dar liga aos reagentes na ponta do palito. Espécies animais são mortas e agrotóxicos possuem forte impacto ambiental e humano para fim de se realizarem as plantações de vegetais e principalmente da soja que vocês vegetarianos consomem, não vou entrar a fundo nesse mérito. 3. Essa "entrevista" de três perguntas que você postou ali abaixo é falha. Inicialmente, para se utilizar cultura de células, as células devem ser retiradas de algum organismo vivo semelhante ao humano (como alguns animais) ou se não o próprio humano. E segundo, simular um procedimento bioquímico em um tecido isolado feito a partir de cultivo celular é muito menos eficaz do que simular o mesmo procedimento em todo um organismo, que é um sistema completo e muito mais complexo. Como na própria postagem diz, a talidomida não apresentou nada de mais em outras espécies animais, porém em seres humanos ela acabou sendo nociva. Se essas falhas se encontram na simulação em animais, imagine em cultura de células, que é uma simulação muito mais fraca. Como você disse que tem 16 anos, imagino que não tenha muito embasamento acadêmico em biologia e metodologia científica à fim de questionar essa entrevista, mas trate de ser um pouco mais seletivo com suas informações, ao invés de ler um único cientista respondendo 3 perguntas sobre um assunto, em uma postagem extremamente e claramente tendenciosa, e então tirar todas as suas conclusões sobre um único assunto. Por último, trate de não ser tão extremo. Os testes com animais, se possível, deveriam sim ser abandonados, mas isso é algo para o futuro. No momento, é um dos únicos métodos eficazes e práticos que temos em mão. Querer invadir um laboratório, destruir toda uma pesquisa para salvar beagles achando que isso cessará toda a industria de produtos advindos de exploração animal, é como acreditar que seria possível que todos os países parassem de usar petróleo da noite para o dia, é surrealista e imaturo.

      • Luiggi Postado em 04/Jan/2014 às 08:59

        Falou o professor de Deus. Aliás, Deus está sendo um bom aluno seu, Brendam que ão é Fraser?

      • LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:43

        SEVOCE NAO PODE SALVAR O MUNDO ,,QUALQUER TENTATIVA E VALIDA , E SEU PASSO E O COMECO PARA ABRIR A MENTE DO IGNORANTE , E DAQULE QUE ANO VE AS COISAS E O MUNDO COMO UM TODO NAO COMO SUA BARRRIGA

      • Mariana Postado em 14/Jan/2014 às 14:31

        Obrigada por ter enviado esse comentário. MUITO OBRIGADA, Brendan.

    • Camila Postado em 04/Jan/2014 às 09:19

      Falou tudo!

    • patricia Postado em 04/Jan/2014 às 14:26

      Marlon, no lugar dela vc abdica da sua vida? Se sim, ótimo, seja feliz, mas não queira achar que alguém DEVE abdicar da própria vida em função das SUAS ideias. Vaticinar sobre VIDA E MORTE DE TERCEIROS é de uma arrogância sem precedentes. Se acredita nos métodos alternativos, vá se informar sobre se eles realmente podem ou não substituir a TOTALIDADE das pesquisas feitas hoje. Vc vai descobrir que não dá. E que testes em animais são caros, difíceis e complicados e que a ciência não faz isso porque quer ou por diversão. Deixa de ser um ativista do mundo de bambuluá; acorde pra vida real e veja que é fácil sustentar uma ideia se vc não tem que coloca-la em prática.

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:51

        Patrícia, desenvolver métodos substitutivos é questão pacífica no meio científico. Aliás, é só questão de tempo até que todos os testes sejam substituídos, pois o movimento contra a vivissecção cresce em todo o mundo, inclusive no meio científico e acadêmico. Além disso, o mundo só se torna um lugar melhor quando ousamos avançar, rompendo barreiras e quebrando paradigmas. O Marlon é um exemplo da nova geração que surge para desempenhar seu revolucionário papel no progresso da civilização. Assim, fica junto dele e deixa os conservadores e reacionários para trás. Acredite: eles não querem um mundo melhor.

    • Thaís Postado em 06/Jan/2014 às 07:59

      Gostei de você, Marlon! Disse muito do que eu penso, e ainda é tão novo! Aos 16 eu ainda não tinha essa consciência toda

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:55

        Ele representa o melhor de uma nova geração que veio para dar sua contribuição no progresso e evolução da humanidade. A História sempre mostrou que, na luta entre conservadores e progressistas, é aos progressistas que devemos toda evolução.

  3. Angelo Postado em 03/Jan/2014 às 18:17

    que comentário absurdo! perdeu uma oportunidade ouro de não escrever asneira!

  4. Pedro Postado em 03/Jan/2014 às 18:21

    O ser humano na sua posição de "ser-superior" não enxerga o quão egoísta é. Ela só fala de si própria, ela acha que por mostrar as dificuldades do seu dia-a-dia devemos nos sensibilizar com ela e achar normal assassinar vários outros seres pra que ela continue viva. Poderia até ser a favor de testes em animais, mas com certeza não seria baseados nos argumentos que ela usa.

    • Gabriel Postado em 03/Jan/2014 às 21:23

      tua vida nunca dependeu disso! você já tomou aspirina? Nunca tomou antibiótico? Tem roupas de couro? Sabia que os botões de sua camisa, sobretudo, vestido são feitos de osso? tome no seu!

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:57

        Gabriel, você já tomou psicotrópicos?

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:15

        Os que defendem a vivissecção com tanta dedicação, e uma forma de devoção tão intensa que chega perto daquela de natureza religiosa, estão todos convidados a oferecerem a si próprios como cobaias. Os indefesos animais, como não poderia deixar de ser, agradecem desde já o gesto de desprendimento, já que deixam claro, por sinais inequívocos, que não querem continuar sofrendo e morrendo em laboratórios. Vivisseccionistas, pimenta no cu dos outros seres NÃO é refresco!

    • Gabriel Postado em 03/Jan/2014 às 21:24

      Você não come carne né? você já tomou aspirina? Nunca tomou antibiótico? Tem roupas de couro? Sabia que os botões de sua camisa, sobretudo, vestido são feitos de osso? tome no apracur!

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:57

        Gabriel, você já tomou psicotrópicos?

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:15

        Os que defendem a vivissecção com tanta dedicação, e uma forma de devoção tão intensa que chega perto daquela de natureza religiosa, estão todos convidados a oferecerem a si próprios como cobaias. Os indefesos animais, como não poderia deixar de ser, agradecem desde já o gesto de desprendimento, já que deixam claro, por sinais inequívocos, que não querem continuar sofrendo e morrendo em laboratórios. Vivisseccionistas, pimenta no cu dos outros seres NÃO é refresco!

    • Julia Postado em 03/Jan/2014 às 22:38

      Vc tem alguma doença?? Não deve ter! Nem ninguém que ama! Vc não sabe o que está dizendo! Vá estudar e ver todas a ética que envolve pesquisas com esses animais.

    • Fernando Postado em 04/Jan/2014 às 09:15

      Essa lenga-lenga comercial dos laboratórios defendendo a barbárie com os bichos alegando inviabilidade de experimentos por simulação ou em células in vitro não cola mais. Nos países mais desenvolvidos já foi desmascarado que esta situação só se sustenta por razões $$$$$$$$$ e quem paga o pato são os bichos. Para os ardentes defensores da barbárie animal em nome da sobrevivência humana digo uma coisa: o ser humano gasta bilhões por ano em tecnologia para matar seu semelhante através de envenamento químico, guerras, comida geneticamente modificada, disseminação de doenças sexualmente transmissíveis, epidemias fabricadas em laboratório que irão realimentar a indústria farmacêutica e bioquímica com novas experiências e drogas num continuum da barbárie intelectual humana. Quem é o grande vilão da história? Não são os bichos, é o ser humano que detém o conhecimento para que isto não aconteça mas que se aproveita da fraqueza de seus próprios semelhantes e de outras espécies para fazer fortuna às custas do sofrimento alheio. Isto não é ser humano. Isto é ser monstruoso. E antes que algum idiota venha com este papo de "e se fosse sua mãe", vou logo avisando: a minha tem 91 anos, é Parkinsoniana e luta bravamente contra as agruras da doença e é contra essa maldade e sabe encarar a morte com serenidade e espiritualidade porque sabe que o fim é inevitável para todos. Enquanto alguns lhe criticam, Marlon, por ter somente 16 anos, querendo desacreditá-lo pela inexperiência de vida, eu lhe digo uma coisa: vá em frente. Sabedoria não tem idade e vc é a prova disso. Estude idiomas e leia muito. A boa literatura está disponível online em Inglês, Alemão, Francês, etc. E siga o seu caminho. É bom saber que há gente jovem que ainda não se deixou levar pela "manada".

      • luis Postado em 04/Jan/2014 às 14:29

        Eu concordaria, mas como você usa expressões como "pagar o pato", fica claro que você é um nazista capitalista que explora os animais para defender suas ideias. Gente como você deveria ser proibida de se comunicar, pois os patos não tem como se defender de suas metáforas preconceituosas (pois pato também é gente, ou melhor: super-gente). Portanto, PARE DE PERSEGUIR OS ANIMAIS!!!

  5. giovana Postado em 03/Jan/2014 às 18:30

    Eu não sou a favor de experiências em animais, e acredito que este seja um debate clichê, porém é fácil os animalistas xingarem a menina, mas se estivessem no lugar dela, como se sentiriam? Em ter uma vida vulnerável, e necessidade de uso de remedios e tubos para sobreviver no dia-a-dia, sem ter certeza se amanhã ela continuará viva... É um ponto de vista que estes não foram capazes de enxergar.

  6. vanessalima Postado em 03/Jan/2014 às 19:12

    com teste em animais ou sem testes, vc vai morrer.

    • Marcelo Postado em 03/Jan/2014 às 21:13

      Você também, então pule de uma ponte.

      • Julia Postado em 03/Jan/2014 às 22:39

        hahaha boa Marcelo. Pule da ponte colega, vai que vc tenha CANCER e precise de medicamentos... aí vc pula partes!

    • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:24

      Marcelo e Julia, a pobreza intelectual de vocês é de tamanha magnitude, de pobreza tão franciscana, que não lhes permitiu sequer perceber a profundidade do pensamento da Vanessa em em face da realidade invencível da morte. Responder reflexões filosóficas com gracejos e piadinhas imbecilizantes é próprio de quem não tem amor aos livros, ao conhecimento, ao saber.

      • luis Postado em 12/Jan/2014 às 01:52

        Que o digam Millor Fernandes, Henfil, Ziraldo, Laerte, Angeli, Woody Allen, Groucho Marx...

  7. Cristiane Postado em 03/Jan/2014 às 19:16

    Pra mim, qualquer fanatismo é ruim... Pra mim, existem pessoas que defendem os animais de verdade, com todo coração. Existem pessoas que são extremistas nas defesas dos animais, e isso inclui insultar, debochar, desqualificar e ameaçar pessoas que não concordam com elas. Sou sim a favor do uso de animais em pesquisas, desde que respeitadas as legislações...

  8. Rogerio Postado em 03/Jan/2014 às 19:18

    Tentem fazer testes em vegetais. Quem sabe funciona. Poupem os beagles e deixem vítimas de câncer morrer. Numa floresta os animais nos atacam e nos devoram. Nós fazemos testes para curar e salvar vidas. Pensem nisso.

    • Thiago Postado em 03/Jan/2014 às 20:22

      Em que floresta vc vai Rogério?

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:27

        Rogério, você já foi comido em uma floresta? rsrsrs

  9. Gabriel Postado em 03/Jan/2014 às 19:20

    Sério, tenho muita vergonha desse tipo de grupo. TODOS são extremamente autoritários e não aceitam opiniões contrárias às suas, fechando-se completamente para algum tipo de debate. São tão escrotos quanto aqueles que dizem ser o problema. Muito triste, sério.

  10. luciana Postado em 03/Jan/2014 às 19:55

    Só digo uma coisa aos a são contra: nao tomem vacinas, nao deem vacinas pros seus filhos nem remedios, cosmeticos, antibioticos, fiquem 'zerados' , pronto. Mulheres q sao contra nada de maquiagens ou hidradantes, deixe seus filhos terem polio e tetano, e h1n1

    • Indra Postado em 03/Jan/2014 às 22:52

      Luciana, acho que você deveria se informar antes de tudo. Caso você não tenha percebido, vivemos num mundo capitalista e não faltam opções de produtos. Muitas pessoas vivem bem durante anos sendo veganas, ninguém é obrigado a usar maquiagens ou hidratantes testados em animais, pq existem produtos que não são. Tudo depende de procura. E sinceramente, se as pessoas continuarem pesando como você, nunca teremos motivação para progredir.

    • Marlon R. Pereira Postado em 04/Jan/2014 às 03:21

      hauahaua claro, vamos deixar todo o conhecimento adquirido se perder. AGORA que os animais sofreram, parar se usar os medicamentos vai anular o que eles passaram? Parece aquelas pessoas que obrigam os filhos a comer o último grão de arroz no prato porque tem gente passando fome na África. Agora que a comida está no prato, não vai mudar nada, a consciência tem de vir ANTES de se praticar o ato. Por isso sou pragmáticos e defendo o fim dos testes AGORA, ao invés de ficar lamentando pelo que se passou. Quanto argumento ridículo...

      • Gabriel Moreira Postado em 04/Jan/2014 às 08:24

        Ei, cidadão. A questão é a seguinte: usando os remédios produzidos por pesquisa animal você está financiando as indústrias que os produziram - e que provavelmente continuarão a produzir pelo subsídio do seu uso.

    • ademar Postado em 05/Jan/2014 às 19:44

      Boa, Luciana, todo mundo é contra os testes, mas ninguém abdica dos resultados , dos produtos e dos benefícios obtidos, isso sim hipocrisia.

  11. Priscila Postado em 03/Jan/2014 às 20:04

    instinto de sobrevivencia é natural pra qualquer animal inclusive humanos( humanos tb sao animais) sendo totalmente aceitavel q para eu ou vc possa sobreviver sacrificar a vida de outro... isso nao é egoismo é sobrevivencia! E é nuito facil pra criticarem a menina sendo q vc é bem de saúde. Quando adoecer renegue toda medicina e morra entao?coragem falta ne?? pq sera q nenhum ativista fanatico faz isso quando adoece?? Chama-los de hipocritas é pouco, vcs são doentes e ignorantes. parem de ser doentes fanaticos, achando q animais sao criaturas santificadas e humanos demonios. Todos são iguais, todos tem direitos inclusive os animais. mas quando a sobrevivencia esta em jogo essas coisas caem por terra, é lei da natureza! acordem pra vida. se tratem... pq todo tipo de fanatismo é doença e a ignorancia é uma vergonha.

  12. Cássio Alexandre Postado em 03/Jan/2014 às 20:06

    A galera crítica o uso de animais em experimentos, mas esquecem que os experimentos feito em animais tem benefícios para o homem e para os próprios animais, que também usufrui da pesquisa. Exemplo é a pesquisa com medicamentos e alimentos, que tanto é desenvolvido para o homem como para os próprios animais! O pessoal crítica, mas ninguém quer se dá ao luxo de ir estudar e desenvolver um método de pesquisa equivalente ou melhor ao atual modelo. Não cito o caso em quando vê uma barata, um rato, um inseto qualquer e correm para açoitar o pequenino inseto, animal do mesmo jeito.

  13. xena Postado em 03/Jan/2014 às 20:08

    E ai eu me pergunto: que vida é essa?,ligada a tubos e dependendo de medicamentos? Nunca ela vai experimentar a delicia de tomar um banho de mar no calor, de dar um bjo apaixonado no liar, de dançar ate cansar, de caminhar ate uma bela paisagem. A vida pela vida, pra ver ela passar, pra ver o tempo passar, conectada a tubos. Isso é vida?

    • Marco Postado em 03/Jan/2014 às 21:42

      Se ela está a vinte e cinco anos lutando diariamente para viver, então sim, para ela é uma vida, e muito valiosa.

    • Julia Postado em 03/Jan/2014 às 22:42

      é o que ela tem, querida! E ela quer muito viver! Ela dá muito valor ao pouco que tem! Quem é vc para desdenhar? O que ela menos deseja é o seu sentimento de PENA. Que coisa mais feia! Mesmo tão debilitada ela consegue ser mais digna que vc

  14. Thiago Postado em 03/Jan/2014 às 20:21

    Os animais usufruem da pesquisa? Rapaz a educação desse país é triste mesmo, os animais nunca jamais necessitaram do ser humano na natureza não seria agora que nossas pesquisas lhes fariam bem, me surpreendeu a matéria da Pragmatismo, que peleguiçe hein? Que bola fora, afinal uma revista que almeja ser crítica e ter bom senso dessa vez fez um favor para o capitalismo, e dos grandes. É muita prepotência achar que o homem tem direito sobre a vida de outros seres, sejamos coerentes, sejamos justos, qualquer forma de amor que conseguirmos despertar inclusive pelos animais é um passo adiante em direção a um mundo melhor, e sobre a Caterine claro que desejo o melhor pra ela mas a medicina ocidental não vai fazer senão prolongar o sofrimento e mantê-la artificialmente viva a base de remédios químicos e tóxicos, é triste quando se tem uma medicina voltada ao lucro e á busca frenética por compostos químicos cheios de efeitos colaterais patenteáveis.

    • luiz giancoli Postado em 08/Jan/2014 às 06:55

      o thiago deu uma resposta a altura para tantos ignorantes que acham que animais sao pedacos de carne,, nos nao temos o direito de matar outro ser vivo para comer seja humano ou nao ,, e ta cheio eu acho que 90 por cento da humanidade vive que nem zumbi ,, uma maquina usada para renovar esse sistema condenado,para que sustentar toda essa gente,, todso sao condenados a morrer , porque entao a morte de um animal e menor do que um futuro cadaver humano , se este fosse viver eternamente ainda poderia explicar , seria mais facil nos fazermos pesquisas em seres humanos para salvar os animais que adoecem tambem???? biblicalmente e moralmente e civilizadamente pesquizas em animais e morte dos animais para sobreviver e atrazo da humanidade para um perfeicao , estamos evoluindo ahahahahahahha matando para comer ,,,,, me parece mais um grupo na idade da pedra tentando sobreviver sem pensar o que faz ,, apesar de todo esse progresso o homem no geral continua sendo barbaro e sem direcao , por um pedaco de carne ele morde ,, os governos estao se saciando do poder por essa necessidade do homem, oso governos continuam a jogar carne para os abutres humanoides para serem obedientes, uma troca indesejada npara os pobres animais que vieram ao mundo para viver nao para serem assassinados ,, muitos poe a mao na cabeca com a violencia , como????? se voce e cumplice e esta admitindo que a violencia faz parte de voce , quando come carne de um ser vivo esta cumplice da violencia usada para aquele animal ,,,,,,,,pobres ignorantes aqueles que nao pensam no proximo ,, e proximo nao e so igual e todo ser vivo viu todso os animai sao proximos , biblia noe trouxe todos os proximos para serem salvos na arca sabem o que quer dizer isso religiosos , nao adianta ir a igreja e pediir a deus e dpois ser cumplice dos assasssinatos.

  15. Eli Postado em 03/Jan/2014 às 20:40

    Se fosse a mãe de vcs, vcs matariam 100 animais pra salva-la hipócritas, e sim minha vida vale mais do que qualquer animal, como pra vc a sua vida e da sua família vale mais do que a minha.

  16. Bruna Postado em 03/Jan/2014 às 20:43

    Eu amo animais, naum gosto de ver/fazer nada que os cause dor e, ante a uma solução alternativa, optaria pela alternativa. Porem, se eu tivesse um filho, em qualquer situação de doença, em que dependesse da sobrevida dele, ou ate mesmo da cura, que um animal morresse, com certeza eu escolheria meu filho, naum porque a vida dele vale mais para o mundo...mas vale mais para mim!! Seja um pensamento egoísta ou naum, creio eu que a maioria aqui teria a mesma posição. Vale a mesma lei, (de optar pela própria vida) para quem tem ânsia de viver!

  17. luana Postado em 03/Jan/2014 às 21:45

    Desde a antiguidade a medicina evoluiu fazendo testes com humanos, no último século o nazismo com seus testes também com humanos contribuíram bastante pra esse evolução. Pra quem diz que vários animais já morrem mesmo pra satisfazer o paladar pq não pegam algumas das milhares de pessoas que vão mesmo morrer de fome ou por falta de saneamento básico, ou q são loucas ou criminosas pra fazer estes testes? Assim teriam ao menos alguma serventia pra humanidade. Sou contra os testes em animais e contra essa ciência q trabalha pra menos de 10% da população.

  18. Elias Postado em 03/Jan/2014 às 22:16

    Só idiotas são contra e acreditem o mundo esta infestado deles!!!

    • Indra Postado em 03/Jan/2014 às 22:57

      Os idiotas querem progresso e os 'gênios' como você se acomodaram no especismo.

      • Shuma Postado em 06/Jan/2014 às 03:08

        Eu também quero o progresso e o fim do abuso gerado pelo especifismo, mas até lá...

    • luiz giancoli Postado em 08/Jan/2014 às 07:00

      seu elias , eu acho que o mundo tambem ta infestado de destruidores de todo o sistema assim como voce , a infestacao humana e mais prejudicial ao proprio ser humano do que os animais , e temos que conviver com issso, idiotas sao aqueles que olham so pro seu umbigo e esquecem que sao mortais e as vezes voce pode morrer amanha depois de falar tanta asneira sem pensar , voce e um pedaco de carne ambulante como qualquer animal , voce nunca penso nisso , ou voce acha que e um ser divino e eterno , a ignorancia e a maior cegueira que existe no mundo

      • Elias Postado em 10/Jan/2014 às 00:00

        Não tome remédio mais luiz. kkkkkkk

  19. Marli Postado em 03/Jan/2014 às 22:22

    Com certeza o ser humano vale menos que os animais... Adoram um churrasco, um rodizio de carne... maior desperdício. Proponho aos ativistas o seguinte: Fazer teste em seres humanos. Porque eles não se cadastram para ser cobaias como nos USA?!

    • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 03:37

      Marli, são os proponentes, os defensores de uma causa que devem se oferecer por ela. Assim, de acordo com sua proposta, os vivisseccionistas é que deveriam se oferecer para os testes! Mas, falando sério, o importante é continuarmos a luta pela superação do modelo vivisseccionista, pois é dever - não escolha! - da ciência desenvolver métodos substitutivos e dar fim à barbárie.

  20. Andréa Postado em 03/Jan/2014 às 22:27

    A Criatura já está condenada! Porque motivo, razão ou circunstância deseja testes em animais? E quem foi que deu a ela esse título? Os animais merecem nosso respeito e o sofrimento deles nos faz refletir, que em algum momento iremos morrer. Então para que adiar o sofrimento! Visitem minha página.

    • Paulo Postado em 03/Jan/2014 às 23:25

      Condenada está você com essa forma ignorante de conceber o mundo. "Os animais merecem nosso respeito e o sofrimento deles nos faz refletir" E os seres humanos não né por essa sua lógica obtusa... Antes qualquer animal do que um ser humano.

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 13:59

        Todos merecem respeito, Paulo; humanos e animais!

    • luiz giancoli Postado em 08/Jan/2014 às 07:04

      isso mesmo andrea os condenados querendo condenar aos outros seres vivos a morte prematura ahahahahh, com se valessem mais do que qualquer ser vivo , ja viu uma coisa dessas , o que tem de gente querendo sobreviver um pouquinho mais por aqui e depois morrer de qualquer jeito e sofrendo com algumas doencas que ja estao pesquizando a anos sem curar definitivamente nehuma ,, so fazem remedios para voce ter que tomar a vida inteira e lucrando com isso e ignorantes nem veeem essa possibilidade , quem mundo besta e essse sooo muito pouca gente se salva

  21. Danilo Postado em 03/Jan/2014 às 23:18

    Animalistas Nazistas? Aonde está escrito que você é melhor que os animais? O que defere você ser melhor? Hahahha. Você é tão miserável de espírito não é atoa que você está assim. Te desejo que você morra, porque os animais vão agradecer se você morrer, você não faz falta pra esse planeta. Você faz parte dessa corja de humanos que deve ser manipulada pelos políticos e mídia que por isso que tem esse pesamento miserável, morre logo.

  22. Sheila Postado em 04/Jan/2014 às 00:36

    Pois é... Quantos animais morreram e ela não foi curada... 25 anos se passaram, e a morte de inúmeros animais não conseguiram salvá-la. Vale a pena pensar sobre o assunto.

    • Thiago Teixeira Postado em 05/Jan/2014 às 13:55

      Espero que sua filha ou filho não passe por esta situação ... Tenho certeza que salvará o bixinho, o levará para casa para gastar no Pet após o velório deles (seus filhos). Meu, vai assistir Zorra Total.

    • luiz giancoli Postado em 08/Jan/2014 às 07:05

      exatamente e nao vai ser curada mesmo a custa de teste em animais , vai viver condenada a esse sofrimento a toda sua vida de problemas

  23. Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 01:24

    "'Todo ano, milhões de animais sofrem e morrem nos laboratórios em todo o mundo. São queimados, cegados, envenenados, irradiados e obrigados a morrer de fome. Recebem choques elétricos, são forçados a fumar cigarros e são viciados em drogas. Seus membros são amputados, seus olhos removidos por cirurgias e seus cérebros danificados. São privados de sono, mantidos em confinamento solitário e submetidos a doenças como câncer, diabete, herpes e AIDS. Para muitos animais, o laboratório é o inferno na terra.' Aprendendo a Respeitar a Vida, pág. 21.Se fôssemos capazes de imaginar o que se passa, constantemente, nos laboratórios de vivissecção, não poderíamos dormir em paz e em nenhum momento estaríamos felizes e tranquilos." (Dr. Robert Sharp, citado em "Aprendendo a Respeitar a Vida", Editora Paulus, p. 21)

    • LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:10

      SANDRO VOCE ESTA FALANDO TODA A VERDADE E UM CAOS , COMO PODEMOS LEVAR ESSES SERES VIVOS A ESSE SOFRIMENTO, QUE MALDADE , INFELIZMENTE ESSE E UM TRUQUE PARA GANHAR DINHEIRO ESSES LABORATORIOS MESMO QUE DESCOBRISSEM ALGO PARA CURAR NAO PORIAM NO MERCADO , PORQUE NA REALIDADE O QUE VAI DAR LUCRO PARA O LABORATORIO E FICAR PESQUIZANDO ENAO RESOLVENDO E QUE NEM REMEDIO , INVENTAM O REMEDIO PARA TOMAR A VIDA INTEIRA NAO PARA CURAR SO ASSSIM VOCE VAI CONTINUAR COMPRANDO QUE HUMMANIDADE MAIS CEGA MAS ALGUNS CONSEGUEM VER

      • Sandro Postado em 08/Jan/2014 às 13:38

        Perfeito, Luiz Giancoli!

  24. Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 01:26

    "A vivissecção é o crime mais hediondo que se possa perpetrar contra criaturas indefesas." (Gandhi)

  25. Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 01:35

    O Instituto Nina Rosa produziu excelente vídeo que aborda o tema sob uma perspectiva ciêntícia e, principalmente, compassiva. Através do vídeo os menos avisados serão confrontados com o fato de que há, sim, métodos substitutivos. Apesar disso, a realidade última é que, insofismavelmente, como disse um autor cuja fonte não consegui localizar, “Quando um medicamento chega no mercado, são os consumidores as primeiras cobaias de fato, não importa o quanto se tenha testado em animais.” Prova disso são os inúmeros casos de medicamentos retirados do mercado em face dos gravíssimos efeitos que causaram apesar dos experimentos que os liberaram. Quem apoia pesquisas cruéis sob pretexto de salvar vidas tem da medicina uma visão limítrofe, reducionista, rasa, superficial e não sabe nada, absolutamente nada, da complexidade e dos mistérios da existência. São materialistas que, paradoxalmente, fizeram da medicina um deus. http://www.youtube.com/watch?v=Uxxj9GRbyBE

  26. Ana S. Postado em 04/Jan/2014 às 01:42

    "Não pode fazer testes em animais, isso é crueldade..." mas no churrasco de fds não pode faltar carne né? Enche a cara de maquiagem, toma remédio até pra dor de unha, usa bolsa de couro, toma vacinas...é muita hipocrisia mesmo!

    • Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 20:35

      Você se esquece que, na grande maioria, as pessoas contrárias à vivissecção são também vegetarianas, defensoras dos direitos animais e contra o especismo. Informe-se melhor!

  27. luis Postado em 04/Jan/2014 às 13:59

    Morrendo de rir com os vegetarianos raivosinhos...

    • Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 20:37

      Morrendo de pena de pessoas limítrofes como você, luis.

      • luis Postado em 04/Jan/2014 às 23:04

        morrendo de procurar essa palavra no dicionário, Sandro.

      • luis Postado em 04/Jan/2014 às 23:43

        Aliás, eu ia ficar só na piada, mas já vi que o senhorito é "meio" exaltado nestas questões, então sugiro que procure "resposta a luisa mel" no youtube e veja o video do usuário EuAteu. E lamento informar: vou continuar rindo porque a ciência vai continuar evoluindo, apesar de gente como você que nunca leu um livro sério de ciência (já leu A Estrutura das Revoluções Científicas, do Thomas Kun?)

    • LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:19

      EU NAO ESTOU RAIVOSINHO NAO LUIS , SEU DIA CHEGARA E TALVEZ SE TIVER TEMPO PARA PENSAR VI REFLETIR DAS BOBAGENS QUE FALA , MUITOS DITADORES MOSTRARAMM A REALIDADE PARA MUITOS SERES HUMANOS DO QUE VALEM,, TALVEZ SEJA POR ISSO QUE DE TEMPOS EM TEMPOS APARECE UM BONZINHO PARA MOSTRAR TODA A SUA VIRTUDE DE SER HUMANO ,, EU RAIVOZINHO JAMAIS NASCI TRANQUILO E VIVO MUITO MAIS TRANQUILO QUE VOCE , COM CERTEZA,, MAS ISSO NAO ME DEIXA A PENSAR EM ANIMAIS INOCENTES QUE NAO PEDIRAM PARA VIVER NUM INFERNO DE PESSOAS INCONSEQUENTES

      • luis Postado em 11/Jan/2014 às 23:46

        realmente, não parece nem um pouco raivosinho.

  28. Camila Postado em 04/Jan/2014 às 15:00

    Engraçado que fica todo mundo julgando a garota e ridicularizando a situação, porém aposto que se estivessem na mesma situação que ela implorariam pela vida e não dariam a mínima para os animais que morrem durante os teste. Hipocrisia é foda !

    • Sandro Postado em 04/Jan/2014 às 20:39

      Que análise simplista, superficial Camila! Quem é você para definir a reação de cada pessoa?

    • Thiago Teixeira Postado em 05/Jan/2014 às 13:37

      Camila, você falou tudo. Acho que esse tipo de hipocrisia teria um fim se cada indivíduo tivesse um cadastro, sei lá, no SUS com a seguinte enquete: É a favor a pesquisa com Animais? Se a resposta for não, morra. Se for sim, ela seria beneficiada com as pesquisas. Mas isso apenas num país com ditadura, pois essa libertinagem que vivemos é muita gente dando palpite.

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 01:31

        Mais um comentarista superficial, raso, simplista, raivoso, que, na ausência de um intelecto minimamente preparado, outra opção não encontra senão a de raciocinar com o fígado, sim, pois quer que morram todos quantos se opõem à vivissecção. Houvesse a sugestão obtusa e draconiana que você propõe sido levada a sério e o mundo não haveria conhecido genialidades como Voltaire, Bismark, Leo Tolstoy, Mahatma Gandhi, George Bernard Shaw, Albert Einstein, Peter Singer, Mark Twain, Isaac Bashevis Singer entre muitos outros grandes nomes que compõem a grande plêiade de opositores da vivissecção. Quer um conselho, pois não dou palpite? Estude, estude, estude!

      • Thiago Teixeira Postado em 07/Jan/2014 às 13:05

        Vou seguir seus conselhos, estudar bastante para discutir ideias com você. Mas um cara intelectual como você deve estar em Harvard, certo? E encontra tempo para conversar com retardados como eu?

  29. jonas Postado em 04/Jan/2014 às 20:45

    Como uma pessoa pode pregar o amor por outros animais dizendo que a vida deles vale tanto quanto a do ser humano, sendo que ao mesmo tempo, deseja a morte de um semelhante por defender uma prática que ela condena. A melhor forma de lutar contra os abusos cometidos contra os animais é a luta politica, junto a partidos, cobrando de autoridades, enfim, discutindo democraticamente, não ameaçando quem pensa diferente, isso é antidemocrático, intolerante e hipócrita.

  30. Sandro Postado em 05/Jan/2014 às 04:35

    Luis, você, que a julgar pela pergunta que me fez, deve haver lido inúmeras e abalizadas obras científicas, não sabe ainda que nome próprio não se escreve com letra inicial minúscula? Mas, deixando de lado a forma como você escreve seu nome, pois não tenho preconceito linguístico, passo a respostar, ainda que rapidamente, seu último comentário, esperando que você não se sinta cansado, a exemplo do que ocorreu ao procurar, no dicionário, a palavra "limítrofe" (tudo bem, era uma piada, como você disse. Aliás, tudo o que você escreveu é piada, com exceção, é claro, de sua declaração a respeito da evolução da ciência). Prossigamos. De início, esclareço que não sou "exaltado" em relação a este ou a qualquer outro assunto; apenas defendo, com sincera dedicação e profunda convicção, os direitos dos animais (assim como os direitos dos gays e outras minorias; a favor da laicidade do estado e contra o avanço dominionista de fundamentalista fanáticos; em defesa das liberdades civis, individuais, de consciência, culto e expressão, entre outras causas) e isso não depõe contra minha pessoa, até porque "Eu sou a favor dos direitos animais bem como dos direitos humanos. Essa é a proposta de um ser humano integral." (Abraham Lincoln), e entendo que "A compaixão para com os animais é das mais nobres virtudes da natureza humana." (Charles Darwin). Oh, sim, Luis, é claro que a ciência continuará evoluindo, como já evoluíram os métodos de testes em animais para outros modelos mais civilizados, pois, como afirmou o Dr. Werner Hartear, "A vivissecção é bárbara, inútil e um empecilho ao progresso científico." Com efeito, um número crescente de universidades, laboratórios, centros de pesquisas, etc., estão deixando antigos, cruéis e inúteis testes em animais e adotando os chamados métodos substitutivos. O fato é que a ciência não evolui apenas para satisfazer a ganância capitalista de laboratórios ávidos por lucro, mas para tornar o mundo um lugar mais amoroso e compassivo. Quanto ao vídeo, nada do que foi dito, em defesa da vivisseção, difere da montanha de tolices, delírios e falácias aventadas frequentemente em defesa da cruel prática vivisseccionista. Ah, antes de concluir, devo informar que sua pretensa "vidência" (sim, pois você afirmou que "nunca" li uma obra científica séria) é totalmente nula de resultados positivos, uma vez que já li - e continuo lendo! - autores científicos com produções em diversos campos do saber. Seja mais cuidadoso, portanto, para não afirmar o que não é de seu conhecimento. Sem ressentimentos, abraços e tudo de bom! ;)

    • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 01:43

      Luis, eu respondi seu comentário. Vamos aguardar a decisão do moderador no sentido de publicá-la, pois citei inclusive fontes para consulta (por favor, sr. moderador, publique minha resposta).

  31. lUIS Postado em 05/Jan/2014 às 09:39

    nome próprio se escreve com inicial maiúscula? e depois do ponto também? assim? não? Pode usar de "preconceito linguístico" comigo porque eu prefiro ser corrigido quando estou errado. Obrigado por me informar onde eu estava fazendo piada e onde não estava, pois é muito difícil pra mim interpretar textos e ironias. Mas vamos lá: Quais são esses métodos substitutivos? Como o cara do vídeo perguntou (e eu tenho preguiça de ir buscar o nome dele), é possível deixar de usar organismos complexos inteiros para usar simulações no computador ou simples cultura de células? Você afirmou ser "contra o avanço dominionista de fundamentalista fanáticos", mas não é exatamente este o caso do artigo? Ora, gostemos ou não, os testes em animais acompanham a história da ciência (como você já deve ter visto nos seus livros) desde sempre e é sim coisa de fanático criticar a menina só porque ela quer continuar viva. Cuidado também ao afirmar que quem faz experimento em animais são os capitalistas (pois vem de muito antes disso) e os vilões da Disney (que são malvados sem justificativa nenhuma) pois você não os conhece, não pode julgá-los. Finalizo com uma sugestão: inclua mitologia nos seus vastos conhecimentos (pode começar com O Poder do Mito - Joseph Campbell), pois você vai ver que povos caçadores (como os índios norte-americanos que o Lincoln ajudou a matar) veneravam os animais que caçavam, considerando-os inclusive superior a eles. Então esse negócio de que a gente mata os animais por pura falta de consideração ou piedade é uma furada. Nunca foi assim.

    • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 02:12

      Luis, eu respondi seu comentário. Vamos aguardar a decisão do moderador no sentido de publicá-la, pois citei inclusive fontes para consulta (por favor, sr. moderador, publique minha resposta).

      • luis Postado em 07/Jan/2014 às 09:29

        vixi... normalmente eles não publicam comentários com links

      • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 14:34

        Então não vai publicar, pois citei links. Que pena, eu havia redigido com tanta dedicação. Se eu não fosse adulto, ira aprontar um berreiro.

    • LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:30

      CACADORES ,,AI SIM ESTOU DE ACORDO CACADORES COM ARMAS NAO E , MAS PELO MENSO VAO CACAR , NAO RECEBEM O PRATINHO DE CARNE DE COMPANHIAS LUCRATIVASQUE DEIXAM O ANIMAL PRESO ANOS E SOFRIMENTOS TERRIVES PARA CHEGAR A SUA MESINHA , MAS VOCE VAI TER SEU DIA E TEMPO PARA PENSAR , QUANDO A MEDICINA QUE VOCE ESPERA NAO CHEGA O SUFICENTE PARA CURAR EM TODOS OS TESTES DADOS ,,SERIO GOSTARIA DE PESSOAS QUE NEM VOCE , VIVEREM NUM CAMPO DE CONCENTRACAO NAZISTA PARA DAR VALOR AO SOFRIMENTO DE SERES VIVOS , VOCE MATAR POR FOME E CACAR E UMA COISA, VOCE COMER CARNE QUE VEM DE CAMPOS DE CONCENTRACAO NAZISTA PARA OS ANIMAIS E OUTRA , EU SEI QUE TEM MUITOS SERES VIVOS INSENSIVEIS AS CARNIFINAS CAUSADA AOS ANIMAIS , ESSAS PESSOAS DEVIA VISITAR COISAS QUE VI, PORQUINHOS ENTRANDEO EM AGUA FERVENDO VIVOS E SAINDO DO OUTRO LADO MORTOS COM SOFRMENTO ,,, SIM ISTO NO BRASIL NO SUL DO BRASIL NOS MATADOUROS ,, VC NAO SABE , MAS VOCE VAI TER SEU MOMENTO DE REFLEXAO , VAI CHEGAR SEU DIA

      • luis Postado em 11/Jan/2014 às 23:36

        cara, tem uma teclinha chamada CAPS LOCK que vc deixou presa. Tem como escrever de novo sem ela? É sério, eu não consigo ler assim...

  32. Alexandre Lopes Postado em 05/Jan/2014 às 18:01

    Ao radicalizarem a discussão, os defensores de animais deram um tiro no pé . É preciso saber jogar de acordo com os valores dominantes . Por exemplo, você não vai conseguir dar prevalência ao seu pensamento , aviltando o pensamento oposto, muito menos fazendo ataques pessoais aos seus partidários . Portanto, é preciso defender sim seu ponto de vista, mas com moderação, principalmente se você for minoritário . Assim sendo, acho que a maioria esmagadora da população ficará ao lado da menina doente e , sem dúvida , a questão dos animais será relegada ao esquecimento, legitimando um tratamento ainda mais cruel para com eles e , o pior , tudo com a ampla e sólida aquiescência popular .

    • Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 01:04

      Alexandre, seus argumentos valem tanto para um lado quanto para o outro. São observações válidas, mas não deixam de ser obviedades aplicáveis a qualquer tema. Além disso, os comentários de uns poucos debatedores, por mais certos ou errados que sejam, não esgotam o assunto e não influenciam decisivamente, como você sugere, "a maioria esmagadora da população". Além disso, ninguém esta contra a moça, ou menina como vocês preferem, a discussão gira em torno da vivissecção. Ademais, qualquer um que se exponha na rede fica sujeito a todo tipo de comentários, ou você acha que ela só colheria elogios e flores? Além disso, ela precisava se expor da forma como fez? Precisava vir a público fazer semelhantes comentários mesmo sabendo da polêmica que esse tema gera (principalmente pela crueldade que envolve contra seres inocentes e indefesos)? Além, disso, ela estava desejando agradecer ou polemizar? Por derradeiro, lembre-se: a liberdade de expressão se dá sempre em duas vias, ou seja, você não pode pretender que todos o aplaudam.

  33. Sandro Postado em 07/Jan/2014 às 14:19

    O que mais comiseração me causa em relação aos que não creem na vida após a morte é que, em razão de sua negação do espiritual, eles se apegam a esta vida de modo tão intenso, com tanta sofreguidão e desespero que deixam claro, por suas atitudes, que ainda que fosse para prolongar por uns míseros anos a vida de um moribundo poder-se-iam destruir a vida de bilhões de outros seres. Como não temo a morte, já deixei claro, para familiares e amigos, que se for para viver em condição de vida vegetativa prefiro que desliguem os aparelhos. Diante da vida eu me coloco como um pássaro cujas asas não podem estar quebradas. Se a jovem deseja continua lutando pela sobrevivência, bravo! Mas, por favor, não tripudie sobre o sofrimento e a vida de outros seres. Mesmo praticada, a vivissecção nunca foi motivo de orgulho para ninguém. Portanto, o erro dessa moça foi vir a público se expor DESNECESSARIAMENTE (sim, pois os grande$ laboratórios já se encarregam de fazer a defesa de suas práticas vivisseccionistas). Se queria apenas "agradecer", e não ouvir opiniões contrárias (não estou dizendo "ameaças") então que o fizesse diretamente a seus médicos e não de forma pública, como quem deseja a polêmica. Deveria ter ficado calada e, como privilegiados que comem entre famintos, ter um pouco mais de sensibilidade pelos animais. explorados.

    • LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:40

      MUITO BEM SANDRO ESSE LUIS COM S AHAHAH E UM ZUMBI BALBUCIANTE ,,, VAI TER A CARNINHA DELE PARA HOJE ,,AHAHAH NAO MORDA QUE TRAGO A CARNINHA PARA VOCE ,, FICO PENSANDO NELE SE ESTIVESSE NADANDO E UM TUBARAO VIESSE COMELO AHAHAH GOSTARIA DE SABER O QUE IRIA PENSAR AHAH COMO SENDO PESCADO POR UM PEIXE ,,SENDO COMIDO POR UM PEIXE , SERIA DIVERTIDO VER UM AFICIONADO PELA CARNE E PELA VICACAO NUM DILEMA DESSES ,, E A REDE ALIMENTAR UAI DEUS FEZ O HOME M PARA ALIMENTAR O TUBARAO UE AHAHAH SANDRO NA PERCA TEMPO PARA EXPLICAR PARA PESSOAS DESSE TIPO NUNCA VAO ENTENDER AO NAO SER QUE O TUBARAO JA ESTEJA COMENDO AS SUAS PERNAS AHAHH UM ABRACO E PESSOAS QUE NEM VOCE E QUE O MUNDO PRECISA PENA QUE NAO TEMOS ESSA UNIAO

      • Sandro Postado em 08/Jan/2014 às 13:45

        Obrigado, Luiz. As explicações são para aqueles que podem ser beneficiadas por elas.

      • luis Postado em 11/Jan/2014 às 23:42

        Isso me lembra uma vez que eu estava nadando no Guarujá e fui realmente atacado por um tubarão. Então eu pensei: "Espero que esse tubarão tenha um coração cristão". Pra minha surpresa, o tubarão falou: "Meu Deus, obrigado por essa refeição". E foi assim que eu morri...

  34. LUIZ GIANCOLI Postado em 08/Jan/2014 às 07:36

    OS JUDEUS ERAM MINORITARIOS , OSNEGROS ERAM MINORITARIOS , HOJE MUITOS MINORITARIOS ESTAO NO PODER , E SAO RESPEITADOS ENTAO QUE TENTEM FAZER SER OUVIDOS E QUEM TEM QUE RESPEITAR AS LEIS SAO OS MAJORITARIOS QUE NEM VOCE , QUE SE ACHA MAJORITAIRIO NAO SEI ONDE TIROU ESSA IDEIA , HOJE QUEM MANDA E OS MINORITARIOS DO GOVERNO QUE FAZEM AS LEIS ENTAO E ISSO QUE ACONTECE , O PROBLEMA DO MUNDO E A FALTA DE RESPEITO COM O PROXIMO SEJA HUMANO OU ANIMAL

    • luis Postado em 11/Jan/2014 às 23:55

      os minoritários atacam os majoritarios, pois minoritarizam as majoritarias minoritarias das minorias majoritais. Minoritariamente, majoritarios minoriam, pois podem majoritariar a maioria minoritaria das menores maiores relações minoritarias da maioria. Ora, se - majoriamente falando - minorias maiorais minorais majorias, então minomajo tarias minotarias majorias minotauro athena zeus e posseidon.

      • Alexandre Lopes Postado em 14/Jan/2014 às 20:03

        Acho que seu intelecto foi "minoritarizado" e sua idiotice" majoritarizada "

      • luis Postado em 14/Jan/2014 às 23:32

        deve ser falta de proteína. vou comer um carneiro e já volto

  35. Alexandre Lopes Postado em 08/Jan/2014 às 15:08

    Luiz e Sandro, acho que houve uma incompreensão da parte de vocês . Peço que procedam ao controle de passionalidade, pois só estamos debatendo ideias . Do ponto de vista ideológico, estou ao lado dos que defendem os direitos dos animais , pois sei muito bem que o sofrimento desses seres é explorado , em benefício das grandes corporações farmacêuticas . Portanto, não há de se aprofundar a discussão, Sandro , justamente porque eu concordo totalmente com o que você disse, do ponto de vista substancial . Fiz apenas considerações formais ( obviedades, como você definiu , pejorativamente ), porque , a meu ver , os defensores de animais , muitas vezes , defendem seus legítimos pontos de vista sem uma estratégia muito inteligente . Não estou dizendo que não deve haver radicalização . Em casos extremos, como o do instituto Royal , atitudes extremistas são legítimas, pois é o único caminho a se seguir . Porém, neste particular, não houve atitude , mas tão somente uma declaração infeliz dessa menina . Portanto, ela poderia ter sido rebatida de forma civilizada. Não eram necessários xingamentos, ameaças de morte etc . tudo isso era absolutamente dispensável , já que redundou ( ou vai redundar ) num ônus para quem defende os animais e para os próprios animais , que passarão a ficar socialmente mais vulneráveis , em razão da compaixão popular pela menina . Mas, é apenas um ponto de vista e não tenho o intuito de convencer a todos .

    • luiz giancoli Postado em 09/Jan/2014 às 10:25

      porem ela como veterinaria devia saber muito bem o valor de um animal ou qualquer outro ser nesse mundo , enstao ela abriu uma pagina sem necessitar o que importa o pensamento de uma agonizante ,, e logico que vai querer se safar , qualquer um , mas nao viesse a publico porque a necessidade dela e o medo do final que de qualquer forma vai ser , a custa ou nao de sofrimento dos animais, eu acho que ela deveria ter escolhido outra profisao , eu ahco que aprofissao ter que ser indicacoao de que voce ama aquilo que faz e compreende o valor do seu objeto vivo nao morto morrre elea vai todos nos vamos nos estamos numa fabrica de cadaveres , e lindo a mamae ter um filho mas ofinal e o mesmo , que interessa na integra se for antes ou depois , a custa de sofrimento ou nao ,,,, o ser humano quer dizer a maioria nao refletiu ainda realmente que nos somo uma fabrica de cadaveres , se nao tiver reencarnacao a reproducao e uma coisa inutil e va , nao tem objetivo nem final ,, para que entao fazermos animais sofrerem dessa forma ate para comer sao brutais passsei um filme da fazenda quer dizer do matadouro a mesa , quem assistir e continuar comendo carne e um pedaco de gelo nao tem sentimentos nenhum ,e muito triste e faz voce ficar com ansia de vomito com que maldade e tratado os animais , os pinitnhos machos sao jogados vivos num moedor ,,as vacas levam pancadas o tempo todo , os porcos sao espizinhados como plantas e levamporrrada o tempo todo e vivem enclausurados nm pequeno espaco pela vida que nao da nem para se mexer , e os bebes vacas e bois esses sao demais os caras matam com a maior naturalidade sem piedade nenhum , os porcos entram vivos na agua fervendo pendurados , os gritos ensurdecedores dos animais e coisa de filme do pior terror que voce poderia imaginar , ooosssss civilizadosss ahahahahahahahahahahh civilizados o caralho, para quem nao sabe o que e caralho , vou explicar e aquela cesta que ia no mastro dos navios antigos , e os marinheiros quando desobedeciam ficavam presos por dias , entao diziam va para o caralho , essa e arealidade que muitos poucos sabem da mesma forma como e morto os animais para se comer como se fosse nada no seu prato e encher essa barrriga farta e sua mente desnutrida que nao vai melhorar ,,e voce vai morrer comendo carne ou nao a vai sim e se comer carne com todos os produtos toxicos para a manutencao dessa carcaca voce poidera ter um cancer antes do tempo ai vai precisar dos remedios das grandes farmas para se manter mais uns 5 ou 6 anos vivo de maneira bem sem sentido e provisoria , e um toque para todos os grandes comedores de carne que se acham muito machos e espertos porque comem carne sangrando

    • luiz giancoli Postado em 09/Jan/2014 às 10:28

      esse pragmatismo politico e o pessoal que trabalha para o governo ,eles cortam seus cmentarios se nao acham interessante para o sistema , escrevi uma coisa importante aqui e eles disseram que meu comentario estava igual ao anterior ,,eles decidem o que e igual ou nao ,,eu vou desligar dessa pagina e vou bloquear o sitema de ladroes eles sao financiados pelo sistema e nao querem interferencia inteligente , nazistas e profanadores adeus a todos que compartilham os miseraveis

    • luiz giancoli Postado em 09/Jan/2014 às 10:30

      moderador o caralho o ditador vocce quer dizer , quero meu comentario aberto que fiz e muito grande e dai , quero ele seus ditadores de merda ,

      • Alexandre Lopes Postado em 09/Jan/2014 às 19:59

        100% teoria conspiratória !

    • Sandro Postado em 10/Jan/2014 às 02:21

      Ok, Alexandre, compreendi seu ponto de vista. Entretanto, faço apenas duas observações: 1ª. xingamentos, ameaças e outras formas indignas de manifestação lamentavelmente ocorrem em qualquer fórum de discussão. Visite fóruns de evangélicos, e você verá um ou outro opositor do fundamentalismo se expressar de forma reprovável; por outro lado, visite fóruns de ateus e você verá fundamentalistas se expressar de igual modo reprovável. Outro exemplo: em um estádio de futebol sempre comparece uma minoria de arruaceiros para colocar em risco a segurança e a alegria dos demais torcedores. Ora, não sabia desses fatos o autor do texto em análise? É claro que sabia, mas como é defensor da vivissecção, tomou a parte pelo todo, a exceção pela regra e, querendo ou não, deu a entender que defensores dos direitos animais são constituídos de gente sem educação ou urbanidade. 2ª. quando você, falando da ação de fanáticos desequilibrados e que representam aquela exceção de que trato no item anterior, ou seja, os que ameaçaram a moça, diz "já que redundou ( ou vai redundar ) num ônus para quem defende os animais e para os próprios animais , que passarão a ficar socialmente mais vulneráveis , em razão da compaixão popular pela menina." eu quero lhe dizer que não, meu caro, não haverá esse apocalipse todo aí que você prevê contra os que lutam contra a vivissecção. Primeiro, porque o assunto não alcançou repercussão tão grande assim (por favor, observe se, nas ruas, as pessoas estão preocupadas com isso); segundo, porque as pessoas não são tolas e sabem muito bem diferenciar ações de torcedores fanáticos e desequilibrados com a daqueles que torcem por seu time sem gritar ofensas, palavrões e ameaças. Olha, meu caro, eu também já fui ofendido por pessoas que são a favor da vivissecção, mas não generalizei. Ok, então?

      • Alexandre Lopes Postado em 10/Jan/2014 às 21:26

        Sandro, primeiramente gostaria de dizer que você fez uma comparação infeliz, pois os contextos mencionados por você são radicalmente diferentes . Será que a radicalização em estádios de futebol se dá por motivos idênticos ao dessa questão , em debate ? Pelo visto, você está confundindo forma com essência. Em segundo lugar, eu não sou um profeta . Apenas fiz uma especulação racional desqualificada por você como uma previsão apocalíptica. De fato, penso sim que isso por redundar num enorme ônus social aos defensores de animais e aos animais, pois , se você não percebeu , essa questão produz efeitos contundentes no médio e longo prazo . Portanto, não seja imediatista , mas fique atento .

  36. Guilherme Postado em 10/Jan/2014 às 18:47

    O pessoal é contra o uso de animais em laboratórios por "amor" mas quer matar quem vai contra seus ideais. Vix...

    • Marcos Postado em 11/Jan/2014 às 21:51

      Che matava por amor também, todo comunista mata por amor. kkk

  37. Alexandre Lopes Postado em 12/Jan/2014 às 12:51

    Nossa ! Que observação inteligente !!