Redação Pragmatismo
Compartilhar
Copa do Mundo 09/Dec/2013 às 11:27
11
Comentários

Imprensa inglesa coloca 'Manaus homicida' entre cidades mais selvagens do mundo

Imprensa critica a violência de Manaus, alerta sobre cobras e aranhas venenosas e diz que torcedores irão 'arriscar suas vidas' se decidirem viajar

A seleção da Inglaterra vai estrear na Copa do Mundo de 2014 contra a Itália na Arena da Amazônia, mas os ingleses não estão satisfeitos com a possibilidade de conhecer a capital brasileira.

Leia também

O jornal “Daily Mirror” fez uma longa reportagem criticando a violência da cidade, chamada de “Manaus homicida”. O diário relata que a pobreza causou 945 homicídios no ano passado, sendo 70% ligados ao tráfico de drogas, e que há áreas controladas por bandidos armados que são proibidas para os turistas.

– Torcedores ingleses irão arriscar suas vidas em uma das cidades mais mortais da Terra – diz o tabloide.

O “Mirror” cita uma estatística que coloca Manaus como a 11ª cidade mais perigosa do mundo. Além da violência, os britânicos criticam as instalações que poderão ser encontradas na capital da Amazônia. No site “Tripadvisor” há relatos de viajantes reclamando de insetos, baratas e ratos nos quartos e nas cozinhas.

O governo do Reino Unido aconselha os turistas a evitarem usar joias e roupas chamativas e lembra que há riscos como cobras e aranhas venenosas, além de doenças como malária, difteria e hepatite.

O diário reclama dos valores para viagens e estada. A média de uma diária em um quarto simples em Manaus é de 500 libras (R$ 1,9 mil). O English Team terá o Rio de Janeiro como base, e o “Mirror” lembra que a viagem para a Amazônia é longa, com duração de cerca de quatro horas. Os voos mais baratos de Londres até a Amazônia custam 1,2 mil libra (R$ 4,5 mil).

com GloboEsporte

Comentários

  1. Thiago Teixeira Postado em 09/Dec/2013 às 14:48

    Quem são os ingleses para falarem de "limpeza e doenças contagiosas"? Esqueceram da Revolução industrial? Cidades abarrotadas de gente sem saneamento básico, verdadeiros cortiços? Meu, tá com frescura? Fica em casa.

    • Lucas Teixeira Postado em 10/Dec/2013 às 14:51

      A diferença é q eles aprenderam com isso e não são mais assim. A gnt nao consegue nem aprender com os erros dos outors e fazer nossa vida ser melhor! :D

    • Franklin Weise Postado em 10/Dec/2013 às 15:00

      Isto aconteceu lá há 150, 200 anos... já no Brasil, isto acontece em 2013.

    • felipe Postado em 10/Dec/2013 às 18:10

      ta comparando algo que aconteceu a um seculo atras, palhacada, esta feridinho porque estao falando a realidade que vc nao quer escutar?

  2. Klaus Vasconcellos Postado em 09/Dec/2013 às 15:09

    Essa matéria para mim não diz absolutamente NADA. Por quê? Porque eu morei cinco anos na Inglaterra, de 1987 a 1992. Eu vi o Brasil aparecer várias vezes na mídia britânica (jornais e televisão). NUNCA ERA PARA ELOGIAR NADA !!! Sempre era para falar mal, criticar, falar mal e criticar. Sempre a televisão inglesa olhou o Brasil sob o pior de todos os pontos de vista! Vocês não viram nada ainda! Esperem até a Copa começar !!! Quando eu vi que a Inglaterra ia jogar em Manaus, eu fiquei só imaginando a imprensa inglesa falando mal sobre "aquela selva horrorosa em que nós vamos ter que jogar". OBS (para os que não sabem): Eu me lembro da Copa do Mundo de 1970, no México (eu tinha dez anos). Os ingleses conseguiram deixar, na época, o povo mexicano e a imprensa mexicana extremamente ofendidos. Sabem por que? Porque eles, os ingleses, trouxeram sua própria água e parte da comida deles, dizendo que não confiavam na qualidade do que iam encontrar quando chegassem... Eu não me surpreenderei se fizerem o mesmo quando chegarem aqui.

  3. Aken Postado em 09/Dec/2013 às 17:56

    Ahhhhhhh mas como eles queriam ser donos de toda essa selvageria

  4. carlos Postado em 09/Dec/2013 às 18:10

    os ingleses tem certa razão, mas ao mesmo tempo nem deveriam vir mesmo, ja que nao ganham nada e nem vao passar da primeira fase. seleção sem expressão

  5. Leandro Coelho Postado em 10/Dec/2013 às 11:22

    Gostei muito da recomendação. Não precisamos desses escrotos que destruíram (e ainda destroem) meio mundo atrás de diamante, ouro, marfim e outras riquezas dos países ditos em desenvolvimento. Bando de hipócritas metidos a nobres. Fui assaltado em Londres, tive minha casa furtada, e várias mulheres são estupradas nos subúrbios londrinos. Não têm moral para falar...

  6. Lucas Teixeira Postado em 10/Dec/2013 às 14:58

    Um pessoal da alemanha que conheço diz que aqui no brasil a gnt só aponta o dedo pra reclamar do problema dos outros. Mas falta auto-crítica pra resolver nossos próprios problemas. A gnt tinha era q parar de se preocupar com a vida alheia e fazer esse Brasil acontecer, um país que pode ser uma potencia (em mtos sentidos), mas a gnt fica resignado a ser colonia.

  7. Eder Postado em 10/Dec/2013 às 15:16

    Se for para se indignar com alguém, devemos nos indignar com nossos políticos, nossos governantes. Os ingleses estão certos, isso tudo é verdade. Não adianta vir com patriotismo agora. Um pais que não investe em saúde, educação, segurança e por ai vai, só poderia dar nisso, chacota de um povo (ingleses) sem moral para falar.

    • Lucas Teixeira Postado em 10/Dec/2013 às 15:18

      Desculpa cara, mas acho q temos q nos indignar com nós mesmos. O políticos são um reflexo do povo.