Redação Pragmatismo
Compartilhar
Religião 29/Oct/2013 às 17:20
9
Comentários

Igreja Mundial pede que fiéis finjam que foram curados

Igreja Mundial pede a fiéis que finjam que foram curados de doenças e que são ex-drogados. Objetivo é incentivar o aumento das contribuições financeiras para comprar a MTV

igreja mundial mtv valdemiro santiago
Liderada pelo apóstolo Valdemiro Santiago, igreja mundial pretende comprar a MTV (reprodução)

Uma carta da Igreja Mundial pede a fiéis que, em testemunhos nos programas da TV da igreja e em viagens a templos, finjam que foram curados de doenças e que são ex-drogados ou ex-aleijados, de modo que assim incentivem o aumento das contribuições, o suficiente para ajudar na compra do canal 32, da MTV. A Editora Abril estaria vendendo a emissora por R$ 500 milhões.

Leia também

O colunista Daniel de Castro, do Uol, informou que várias cópias da carta foram encontradas em uma sala do templo da Mundial da Avenida João Dias, na zona sul de São Paulo. Nela, há um espaço em branco para que o fiel coloque o seu nome [ver reprodução abaixo].

A carta diz que se trata de um pedido “feito diretamente pelo apóstolo Valdemiro Santiago” (foto) e que haverá uma “ajuda de custo” no caso de viagem. Acrescenta que quem não puder colaborar deve destruir o impresso, sem falar dele para ninguém.

A Mundial foi questionada pelo portal Uol, e o bispo Jorge Pinheiro, da direção da igreja, apenas respondeu que “a informação não procede”, deixando de explicar, portanto, a origem das cópias da carta encontradas no templo.

A Mundial está sob forte crise financeira em decorrência, entre outros motivos, de desvio do dízimo por parte de alguns de seus próprios pastores. Um deles seria Josevaldo, que até recentemente era o segundo na hierarquia da denominação. Ele cuidava das finanças e da administração da Mundial. Valdemiro o transferiu para bem longe, Portugal.

De acordo com um porta-voz da Igreja que falou à Istoé, o que houve é que uma “quadrilha de pastores ladrões se infiltrou na Igreja” e que Josevaldo nada tem a ver com isso. Contudo, o ex-segundo da Igreja tem se mantido calado, longe de jornalistas, apesar das insinuações publicadas na imprensa e internet que envolvem o seu nome.

No caso da carta que pede a fiéis que enganem telespectadores, com relatos de curas milagrosas, trata-se de um crime que deveria ser apurado pelo Ministério Público.

Íntegra da carta

igreja-mundial-carta

Paulopes, com UOL

Recomendados para você

Comentários

  1. Lucas Postado em 29/Oct/2013 às 17:39

    Pensem pelo lado positivo, não vai ser mais MTV, menos uma porta de entrada pra um tanto de bandinha indie e cantora pop enlatadas.

  2. Rafael Postado em 29/Oct/2013 às 19:43

    Não creio que a Mundial tenha mandado imprimir tais cartas. Seria uma tremenda estupidez justamente pela possibilidade - como ocorreu - de vir à público. Provavelmente alguém o fez para prejudicar a já desgastada imagem da igreja (seriam os adversários da Universal?) Seria mais fácil comunicar os bispos e recrutar os "curados" por outro meio que não deixasse tamanha prova.

  3. renato Postado em 30/Oct/2013 às 00:23

    Não creio em tamanha estupidez, acreditar em toda as pessoas que seriam enviadas as cartas, era melhor reunir e conversar. Esta muito fraca esta acusação e quem a fez deveria ir para a cadeia. Por achar que somos idiotas. Quanto ao resto não me compete julgar.

  4. Leonardo Cezar Postado em 30/Oct/2013 às 02:43

    R$500 milhões em um canal falido??

  5. Dinio Postado em 30/Oct/2013 às 10:12

    Se o MP for investigar e denunciar os "falsos Milagres" então vão fechar todas as religiões...

  6. Thiago Teixeira Postado em 30/Oct/2013 às 11:39

    Eu penso da seguinte forma ... dentro de um templo religioso os fiéis e líderes religiosos devem fazer suas práticas do jeito que quiserem. Fingir, rolar no chão, falar que a dor nas costas de 15 anos sarou após a oração, deitar num tanque com sangue de bode preto, seja lá o que for, e ninguém que está fora deve ficar sabendo o rola lá muito menos o MP como o comentário do Dinio (entendi que é uma suposição! kkk). Acho que a coisa deve ser mais reservada, agora quem expõem em rede nacional paga o pato como o caso da Mundial, Universal e estas centenas de canais católicos que estão dominando tudo.

  7. luiz carlos ubaldo Postado em 30/Oct/2013 às 13:14

    Esse sujeito e todos de sua laia já deveriam estar na cadeia a muito tempo, fazer da fé profissão por si só já é coisa de bandido, falar em nome do Cristo então. essas igrejas são isentas de impostos para enganar pessoas simples, cabe sim ao ministério público abrir invesstigação e meter tudo na tranca, seja de qualquer religião, não dentro de um templo religioso não podem fazer o que querem não! ou daqui a pouco vão justificar a pedofilia como questão de religiosidade, tudo vale quando é feito em nome de Deus?

  8. Lucas Postado em 30/Oct/2013 às 13:57

    Seria muita ingênudiade da igreja Mundial fazer isso, esta paracendo algo forjado para que a mídia venha a falar mais do mesmo. Esses ataques as igrejas e crenças.O preconceito que se expandio, com tudo que acontesse na igreja virando notícia.Prega-se um ódio contra toda religião.Mas pede-se em troca o respeito da mesma pelas outras tantas causas que vemos por aí. Como que ser religioso ou ateu torna um homem melhor que o outro.

  9. Benito Postado em 30/Oct/2013 às 16:57

    Olha é o seguinte to fundando uma nova igreja....esta vai ser a top das top...pode tomar cachaça ....pode meter a mão nas cochas das irmãs....comer carne de cabrito...etc..etc...basta que pague o dizimo certinho....to recrutando bispos...kkkkkkk