Redação Pragmatismo
Compartilhar
Internet 26/Sep/2013 às 15:15
54
Comentários

Preso por um comentário no Facebook

A internet não só não é “terra de ninguém” como pode trazer problemas sérios ao cobrar judicialmente a responsabilidade de quem fala o que quer. Cuidado com o que você posta. Pode sim dar cadeia

comentário facebook cadeia
Cuidado com o que você posta no Facebook e em outros espaços da internet. Pode dar cadeia (Reprodução)

No recente caso ocorrido no bairro do Butantã (SP) em que as irmãs Victorazzo de 13 e 14 anos foram mortas pela própria mãe numa condição envolta em tanta complexidade que uma avaliação psquiátrica tornou-se primeiro passo, um leitor assinado como Leo Dias comentou abaixo da notícia em um grande portal: “Matem essa cachorra na cadeia”.

Há um risco muito grande nesse comportamento, normalmente desprezado ou ignorado. A internet não só não é “terra de ninguém” como pode trazer problemas sérios ao cobrar judicialmente a responsabilidade de quem fala o que quer.

“Ameaça, calúnia, difamação, injúria, são crimes ao vivo ou por meio da internet. Aliás, essa divisão – mundo real ou mundo virtual – não existe. O que quer que tenha repercussão e interesses jurídicos é passível de responsabilização, sendo que no mundo virtual existe a agravante que é a extensão do dano”, diz Gustavo Guimarães Leite, do ZRDF Advogados. “Difamar ou caluniar alguém aos gritos no meio a rua é uma coisa, fazê-lo na internet é outra, a dimensão do dano é exponencial, a quantidade de pessoas suscetíveis ao ato passa a ser muito maior, portanto a gravidade também é maior”.

Não vivemos sob um regime chinês ou mesmo iraniano, cujo acesso ao Facebook está sendo vagarosamente permitido só agora após 4 anos de bloqueio total. Temos liberdade para acessar, opinar e dar pitacos em tudo o que acreditamos ser relevante. Porém muitos passam daquilo que Obama chama de linha vermelha. “A todos é assegurado o direito à livre manifestação, é um direito constitucional. O que não significa que, ao exercê-lo, você possa ultrapassar determinados limites impostos, principalmente ofender terceiros. Configura-se ato ilícito, abuso de direito, que é passível de responsabilização”, afirma Leite.

Leia também:
Comentários anônimos: é tempo de pararmos de tolerar essa covardia
Monstros da internet, “trolls” envenenam a rede mundial de computadores

Engana-se ainda quem acredita estar protegido caso o ataque não seja individualizado. “Antes de mais nada, é preciso haver a denúncia, que pode ser de uma pessoa (para um crime pessoal – de ação condicionada – só a vítima pode denunciar), mas pode ser movida uma ação penal através do Ministério Público, por exemplo”, continua Gustavo Leite.

Foi o risco que correu o estilista Alexandre Herchcovitch. Após participar da manifestação do dia 17 de junho, no dia seguinte seu perfil oficial do Twitter continha a seguinte frase: “Por que não acontecem manifestações no norte e nordeste? É lá que elegem os políticos corruptos do Brasil”. A repercussão foi tão negativa, inclusive entre seus seguidores, que Herchcovitch saiu-se com uma explicação ao estilo porta dos fundos, alegando que sua conta pessoal havia sido hackeada.

Cancelou a conta, mas não evitou provar da máxima “quem fala o que quer, ouve o que não quer” que a internet propicia com crueldade: “Eu sugiro que o moço vá para o Senegal, onde dimensões penianas generosas poderão aplacar eventuais desgostos políticos. Bonne chance!”, foi postado por um leitor do G1, comprovando que dois erros não fazem um acerto.

Mesma sorte não teve um advogado paranaense que, trabalhando em um escritório de São Luís do Maranhão, passou a publicar comentários em sua rede social criticando a cultura maranhense. Alegou que o Brasil não evoluiria por causa dos nordestinos e sugeriu que as regiões Norte e Nordeste sejam riscadas do mapa brasileiro, restando apenas Sul e Sudeste. A Ordem dos Advogados instaurou procedimento disciplinar contra o advogado por conduta indevida de xenofobia e ele hoje está em vias de perder seu registro para exercício da atividade.

Leia também

Na selva cibernética, as empresas também são alvos frequentes e decisões judiciais estão ajudando a protegê-las dos excessos. A Justiça de Piracicaba condenou três mulheres que organizaram através do Facebook um protesto difundindo boicote à rede Habib’s, a pagarem uma indenização de R$ 100 mil (R$ 33,3 mil para cada uma) pois a iniciativa teve “o intuito de abalar a reputação” da empresa e a induzir a “sociedade a não consumir os produtos por ela fornecidos”.

O que faz pessoas julgarem um suicida como Champignon, baixista do Carlie Brown Junior, ou que defendam a extradição compulsória de nordestinos após uma reintegração de posse ocorrida no Grajaú à base de bombas de gás da polícia contra mulheres e crianças é algo que deixo para a psiquiatria explicar. Já as consequências, quem explica é a legislação. Cuidado com o que você posta. Pode sim dar cadeia. Bonne chance.

Mauro Donato, diário do centro do mundo

Recomendados para você

Comentários

  1. Leonardo Postado em 26/Sep/2013 às 17:09

    Eu só acho que as pessoas levam a sério demais as opiniões da internet, visto que maioria se esconde atrás do anonimato e outra parte jamais falaria pessoalmente, pois é uma opinião jogada, muitas vezes com o intuito de chamar a atenção... sendo assim, por que diabos isso vai influenciar em algo? Liberdade de Expressão é um direito democrático que está garantido na constituição! Independentemente do que é escrito, se caso a ofensa não for uma denúncia de algum crime sem provas, não vejo o motivo de "processos" e mimimis.

    • Jackson Postado em 27/Sep/2013 às 16:44

      Leonardo, o problema é que nesse país tudo é relativo, tudo caminha conforme interesses de meia dúzia de pessoas. Grandes empresários, banqueiros, empreiteiros entre outros... "Liberdade de Expressão" é uma piada, assim como as leis que regem esse país. Tudo tem dois lados, a mesma "nação" que condena um blogueiro por um insulto a um político, é a mesma que absorve o "dito cujo" por crimes infinitamente superiores.

    • celso gomes Postado em 27/Sep/2013 às 17:46

      Leonardo ,vc pode prestar atenção que os internautas vem fazendo um papel brilhante. denunciando e mostrado as coisas ironias,isso vem acontecendo diariamente em nosso pais chamado Brasil ,eu não mim considero um internauta mais assim que não estou em trabalho ,gosto de andar junto aos internautas,pois aqui nos estamos vendo a verdade ,temos muitas coisas que mim imagino mal postado ,mais a maioria dos internautas ajuda a identifica-la e mostra- lá as coisas que deveria ser mostrado pelas impressas, sim existe a liberdade de expressão e esta em leis um direito democrático garantido em constituição ,e temos grandes responsabilidades, ética em postar comentar aquilo que somente seja a verdade ,não vejo motivo de processo em Facebook

  2. Caio Postado em 26/Sep/2013 às 17:26

    Ridiculo, opinão agora virou caso de cadeia.

    • Keli Alexandre Postado em 26/Sep/2013 às 17:52

      Sempre foi caso de prisão, previsto em código penal, caso seja discurso de ódio, apologia à violência, dentre outros. Conheça a lei e deixe de mimimi. Ninguém deve estar impune quando afeta direitos alheios.

    • Helton Postado em 26/Sep/2013 às 17:57

      Você está confundindo o significado de opinião.

      • Pedro Leal Postado em 26/Sep/2013 às 20:47

        Pois então. Se, por exemplo, eu vou até determinado Fast food de marca e bandeira conhecidíssima, lá peço um lanche para humano degustar e dentro deste encontro um pedaço de pano. Chamo o gerente e peço para visitar a cozinha (imunda) e lá encontro a razão deste pedaço de pano estar no meu lanche, o que devo fazer? Simplesmente reclamar e denunciar na vigilância sanitária, no Procon e delegacia de polícia? Ou, também como direito e dever devo alertar outras pessoas para que lá não façam suas alimentações, e aqui faço uma pequena mas importante observação: Darei nome do estabelecimento, endereço, CNPJ e nome do gerente! Isso constitui crime? Facebook.com/pedro.leal.505

      • Thiago Skapata Postado em 27/Sep/2013 às 11:17

        Cadê o direito ao boicote?

    • Pedro Postado em 26/Sep/2013 às 18:01

      Se a "opinião" for difamatória, caluniosa ou injuriosa, pode dar cadeia sim. E isso não é "de agora".

    • samara Postado em 26/Sep/2013 às 18:20

      vc acha ruim até falarem algo de vc.

    • Jeremias Postado em 26/Sep/2013 às 19:08

      Ridículo? Se põe no lugar de uma vítima. Tua liberdade de expressão acaba quando ela começa a invadir minha privacidade, quando ela me desrespeita.

      • Eduardo Postado em 26/Sep/2013 às 21:52

        concordo com você, confundem liberdade de expressão com liberalidade e permissividade, o que não tem nada uma coisa a ver com outra. Somos livres para expressar nossas opiniões mas somos ao mesmo tempo responsáveis com o que estas vão provocar.

    • Aurélio Postado em 26/Sep/2013 às 19:13

      Pois é, se fossemos pensar assim, por exemplo, muitos casos de cyber-bullying que a vítima acaba cometendo suicídio sofre do quê por parte dos agressores? Nada além de "opiniões"?

    • Luiz Otávio Botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 19:14

      Facebook como posso levar vocês a serio, já postei vários comentários e vocês não respondem, nem sim, muito menos nao. Realmente estou surpreso por cometer crime de opinião.

    • Edinho Postado em 26/Sep/2013 às 20:32

      Opinião não dá cadeia. O que dá cadeia é agressão. E para agredir não precisa, necessariamente, desferir socos e pontapés. Para alguns, basta "usar a cabeça" e as pontas dos dedos...

    • Rafael Nobre Postado em 26/Sep/2013 às 23:40

      Pelo final do texto sim, ridículo e incita aos leitores temerem ter opinião. O maior propósito desse texto pode ser o de coibir reuniões advindas do uso de redes sociais, o que gera um temor do tipo terrorismo que os EUA adoram provocar na população. Temos até o direito de opinar sobre temas polêmicos. O que não se pode fazer realmente são os linchamentos virtuais que acontecem. Liberdade de expressão apenas para a imprensa? Quem tem opinião sobre usuários de drogas, que incentivam um país inteiro a também usarem, tem seu direito de expressar. A diferença é que se tudo pode ir para julgamento, bom então a liberdade só existe mesmo para as mídias, afinal tem um meio de comunicação gigantesco por trás, com altas condições de se defender, e são, como tudo no Brasil, políticos, pois todos canais de radio e tv no Brasil são dados de acordo com a política envolvida. Se eu decidir abrir uma rádio, musical, sem procurar algum político, será que eu consigo?

    • José Sousa Postado em 27/Sep/2013 às 10:58

      Tá faltando dicionário no pedaço...

    • Elaine Postado em 27/Sep/2013 às 11:21

      opinião o.pi.ni.ão sf (lat opinione) 1 Maneira de opinar; modo de ver pessoal; parecer, voto emitido ou manifestado sobre certo assunto. 2 Asserção sem fundamento; presunção. 3 Conceito, reputação. 4 Juízo ou sentimento que se manifesta em assunto sujeito a deliberação. 5 Capricho, teimosia. O. pública, Sociol: juízo coletivo adotado e exteriorizado por um grupo ou, em sociedades diferenciadas e estratificadas, por diversos grupos ou camadas sociais. (http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/index.php?lingua=portugues-portugues&palavra=opini%E3o) Caio, não se pode travestir crimes - xenofobia, calúnia, difamação, de ódio, etc. - sob o manto do que é opinião. Quem faz isso são pessoas covardes que não conseguem lidar - e nem reconhecer - seus próprios preconceitos e daí se justificam dizendo que é "minha opinião".

  3. Rafael Postado em 26/Sep/2013 às 18:04

    Mas quem foi preso? O Leo Dias?

  4. ANONIMOUS Postado em 26/Sep/2013 às 18:22

    LIBERDADE DE EXPRESSÃO ! CAPITALISMO SELVAGEM É A PIOR DE TODOS OS MALES DO MUNDO INTEIRO ELES NOS MATAM ATÈ ATRAVÉS DA COMIDA TRANGÊNICA QUE QUEREM NOS IMPOR A COMER E EU TENHO QUE FICAR CALADO? FODA-SE TUDO SE EU FOR PRESO PELO FODA-SE EU DIGO DENOVO FODA-SE.

  5. Waldimir Postado em 26/Sep/2013 às 18:28

    Recentemente li que Empresas podem ( e devem) acionar a justiça em caso de difamações na internet. E espero que Pessoas Físicas também o possam e o façam. È impressionante a quantidade de afirmações caluniosas e difamatórias que circulam por dia (repetidamente), principalmente no facebook. Ter opinião meu caro, é uma coisa. partilhar difamações, inverdades, calúnias, xingamentos é falta de opinião (ou no mínimo ter uma opinião medíocre) e falta de maturidade para falar a respeito de determinados assuntos. Por mais que não se goste de determinadas pessoas, é dever de todo cidadão mantar a compostura e tratar do assunto com o devido respeito.

  6. Ana Paula Postado em 26/Sep/2013 às 18:28

    Fiz vir a público um grupo no facebook de estudantes da UERJ, racistas e xenofóbicos. Não deu em nada, inclusive pq eles estavam protegidos pela liberdade de expressão e pelo humor.

  7. Marcello Postado em 26/Sep/2013 às 18:31

    Só roubar dinheiro Público não da cadeia!!! O resto tudo dá! Espero não ser preso!

    • Edinho Postado em 26/Sep/2013 às 20:37

      Dá cadeia, sim, mas a "justiça" manda soltar. É só procurar pela trajetória do "brilhante" Daniel Dantas que verá que roubar dinheiro público dá cadeia. Mas não se espante ao perceber que todos os que trabalharam pra colocar o elemento atrás das grades, tiveram suas carreiras na Polícia Federal destruídas. Com a pressão da "justiça", a conivência do governo e o apoio da imprensa... Afinal, habemus democracia!

  8. Luiz Otávio Botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 18:36

    O Facebook e responsável por todo o lixo jogado na rede, portanto, se existe um culpado, este e o Facebook, observo aqui, pedofilia, prostituição, homofobia e outros crimes, que tenho o cuidado de não tocar, eu aumento, mais não invento nada sobre o governo, tenho um arquivo de quase 10 mil imagens, todas postadas pelo Facebook, desde que começou a Revolução dos Jovens Estudantes Brasileiros em 2013. Os usuários do Facebook não estão mentindo quando protestam contra o Governo Dilma Rousseff e todos os políticos brasileiros, a internet e um arquivo vivo contra o Governo, esta cheio de denuncias, e todos os brasileiros ficam cada vez mais irados com o desvio de dinheiro dos cofres públicos, o que e pior, nossas autoridades não tomam providência nenhuma quanto as denuncias, inclusiveis denuncias feitas por Deputados, Senadores e Ministros, isso e revoltante, o Ministério Publico devia atuar nas redes sociais e apurar todos os crimes cometidos pelos usuários e Facebook. Agora minha opinião pessoal sobre o Facebook, tudo que se escreve nas folhas do livro são desabafos, muitas vezes no calor dos debates criados por eles mesmo, e que devem ser jogados no lixo, não tem valor jurídico, porque não existe autor, quem cria as imagens e os debates? Ninguém sabe? Quando você compartilha uma imagem, o Facebook limpa o comentário anterior justamente para proteger o usuário, portanto, que sabe se defender, e só negar a autoria e colocar a culpa no Facebook, porque ninguém tira da minha cabeça que o Facebook e o responsável por tudo que se cria na rede, tenho certeza que o Facebook e Petista, também e esquerdista, e tem hora que não e nem de direita, muito menos de esquerda, e centro. Tenho certeza que quem arma o espetáculo aqui e o Facebook, o único que ganha dinheiro, muito dinheiro com a rede social.

  9. graci13 Postado em 26/Sep/2013 às 18:43

    "e o ladrão pé de chinelo está preso na cadeia, e o ladrão de colarinho anda solto metendo a peia "

  10. Luiz Otavio Botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 18:49

    E bom ficar informado, tomarei mais cuidado ao comentar certos assuntos no Facebook.

  11. celso gomes Postado em 26/Sep/2013 às 18:57

    Poderia também punir estes políticos que fica de 4 em 4 anos colocando livros e santinhos no meu carteiro Difamando os adversários e fazendo falsas promessas aos eleitor

  12. Luiz Otávio botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 18:58

    É muito díficil aceitarem seu coméntário aqui, já postei dois comentários e nenhum foi aceito, tudo só para dizer que gostei de ficar ciente do perigo que corremos, ninguém quer ser preso.

  13. Luiz Otávio Botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 19:04

    Não posso ficar aqui esperando a boa vontade de vocês para analisar que gostei de ser informado, assim não cometo crime de internet.

  14. Luiz Otávio Botelho Silva Postado em 26/Sep/2013 às 19:08

    É importante saber que podemos cometer crime de internet ao comentar certos assuntos no Facebook.

  15. renato Postado em 26/Sep/2013 às 19:17

    Todo mundo conhece as opiniões clichês. Tirando o mau verbete... O resto tudo é igual. Então não escrevo mais. Qual o sentido de escrever minha opinião sobre algo que gosto ou não gosto.. Com dor no coração, acho que vou dar adeus aos comentários.... Espero que não seja preso por isto. Por que lá no fundo, acho a net um chute. Esta ficando ruim baixar filmes e jogos. É muita propaganda....muitos clicks.

    • Carmem Postado em 26/Sep/2013 às 19:31

      Concordo com o Renato, "CHUTE".

    • Pedro Leal Postado em 26/Sep/2013 às 20:56

      Pense nisso: Alguém já ouviu falar de, por exemplo, ex-assassino, ex-ladrão, ex-sequestrador, ex-assaltante de banco, ex-ladrão de armas do exército brasileiro, ex-guerrilheiro? Eu também não. Outro exemplo bem conhecido e que a mídia comprometida gosta de confundir a opinião pública é em relação ao corrupto e mensaleiro, julgado e condenado, mas que continua solto o José Dirce que insistem em chamá-lo de ex-ministro e não pelo que é atualmente, quiçá por medo de perderem alguma vantagem. Facebook.com/pedro.leal.505

    • Edson Lau Postado em 27/Sep/2013 às 00:03

      Reclamar de baixar de graça?isso é piada, é?

    • Lucas Postado em 27/Sep/2013 às 07:06

      Seu comentário começou como um escargot e terminou como um pão com ovo. O que "muita propaganda em download de filmes e jogos" tem a ver com opiniões clichês e com o artigo em si?

  16. Thiago Postado em 26/Sep/2013 às 19:27

    kkkkkkkkkk só nessa merda de país mesmo onde o cara pode roubar a naçao, ser condenado e ainda tem direito a ter mais de um julgamento, ai nao pode simplesmente comentar uma coisa simples pelo menos pra mim em uma rede social que fica preso é um lixo esse país mesmo, por isso nunca vamos pra frente.

  17. Cristiano Zoucas Postado em 26/Sep/2013 às 19:48

    http://55ch.org/b/ Esse site contém cunho racista, fascista e pedófilo. É um site brasileiro que direciona conteúdo de ódio, fascismo, homofóbico, xenofóbico entre outras coisas absurdas.

  18. barbara Postado em 26/Sep/2013 às 19:58

    Aqui, só corrupção não dá cadeia..

  19. Dora de Araujo Postado em 26/Sep/2013 às 20:21

    Externar a opinião não dá cadeia, o que é criminoso são comentários e posts maldosos com o intuito de prejudicar pessoas ou empresas. Quando você postar ou compartilhar alguma coisa, procure a fonte, veja se é verdadeira, pois ao contrário, pode estar participando de uma conduta leviana ou até criminosa, sim.

  20. Sandra Postado em 26/Sep/2013 às 22:09

    Poxa, Renato você vai fazer muita falta quando se for, talvez até a internet entre em colapso. Bonne Chance!

  21. fernanda Postado em 26/Sep/2013 às 22:41

    agora nao posso mais me queixar dos lixos de seviços oferecidos pelas operadoras de telefone ,que poderia oferecer melhores serviços por preços mais em conta ,nao vou poder mais falar da manipuaçao da globo , do SUS ,da educaçao ,da nossa administraçao publica ,da minha cidade , do meu estado ,ops nem dos mensaleiros ou trensalao ,das leis que fazem ou das que desfazem ,o caso e serio ,

  22. fernanda Postado em 26/Sep/2013 às 22:46

    espero nao ser presa .............................................................................................. nao pode falar ne ou escrever ............................ops parar de falar de escrever .....................

  23. luis Postado em 26/Sep/2013 às 22:59

    Deixa eu ver se eu entendi: a polícia mata dezenas de jovens negros por dia e quem vai preso sou eu se ousar fazer um comentário maldoso? Melhor guardar minha boca pra comer farofa mesmo...

    • DGAF Postado em 27/Sep/2013 às 09:21

      que acusação grave!! vc vai pra cadeia por esse comentário!! aham

  24. Felipe Postado em 26/Sep/2013 às 23:05

    Algo que é ao mesmo tempo irônico e triste: se não pode ofender, não resta o que falar. O "mundo" dos comentários de internet consegue exemplificar bem essa "tendência" (que não é de hoje, apenas está mais aparente agora).

  25. Henrique Postado em 26/Sep/2013 às 23:35

    Sempre achei que o Presidente Lula e o PT causaram um dano involuntário à nossa Democracia não processando judicialmente os crimes de injúria e calúnia desferidos por radicais de direita nas redes sociais. O resultado disto é que a internet se transformou nisto que temos hoje, um ringue de vale-tudo onde os mais escrotos gritam mais alto e o debate sério não tem lugar. Se tivessem processado logo no começo, as pessoas teriam mais cuidado com seus comentários, o que seria muito saudável para o desenvolvimento sadio do processo político, tão necessário à nossa sociedade.

  26. Anon Postado em 27/Sep/2013 às 03:16

    Peraí, desde quando ofender um assassino virou crime? Eu também achei o comentário tosco e desnecessário, mas isso é incentivado pela nossa mídia sensacionalista, onde atores que se fazem de jornalistas bradam furiosos por vingança (ao invés de justiça) e a massa segue como os bons cordeiros que são. É muito comum se deparar com esse tipo de comentário/opinião por aí, não acho correto que a pessoa seja punida dessa forma (com prisão), ela deveria no máximo levar uma advertência ou multa por seu comportamento.

    • André Postado em 27/Sep/2013 às 09:23

      "jornalistas bradam furiosos por vingança (ao invés de justiça)" O sistema penal é vingança privada estatizada

  27. Higor Postado em 27/Sep/2013 às 09:36

    Só não entendi a do Habib's. Se uma empresa desrespeitar o consumidor ou deixar a desejar em algum aspecto, muito certo as pessoas fazerem campanha de boicote. Vou dar uma pesquisada na net e ver se fico sabendo o que aconteceu.

    • Higor Postado em 27/Sep/2013 às 10:00

      Acabei de ver, de fato, não foi caso de desrespeito ao consumidor ou mal serviço por parte do Habib's. Mas essa multa deve ser revista, está desproporcional.

  28. Luiz Ricardo Silveira Postado em 27/Sep/2013 às 09:52

    Concordo que a internet acabou confundindo o conceito de permissividade com liberdade de expressão para muitas pessoas, mas o que este artigo demonstra é perigoso. A lei, neste quesito, é muito volátil. O que me garante que uma pessoa não seja julgada injustamente por um comentário na rede(Comentário este que pode nem ter sido de autoria desta pessoa, ou que pode ainda ter seu significado manipulado), movido por interesses "particulares"? Assim como os usuários que comentam não possuem discernimento para diferir entre permissividade e liberdade de expressão, os responsáveis por julgá-los muitas vezes também não os tem(ou são motivados por assuntos terceiros a terem uma opinião que favorece imparcialmente um dos lados). O problema estaria nos usuários, que, motivados por uma mídia sensacionalista, além de ignorância quanto as implicações de seus atos virtuais, postam um comentário infeliz, ou o problema estaria na sociedade, em dar consideração demasiada importante a estes comentários? Não digo para simplesmente ignorarmos todo e qualquer tipo de ação na rede, mas acho que a ideia passada com este artigo deixa a entender que cada pessoa responsável por um comentário infeliz é um psicopata, que deve ser recluso da sociedade pois não possui capacidades de convívio em grupo. E o que acontece na rede, caros amigos, não é isto. A rede nos dá uma falsa impressão de anonimidade. As pessoas acabam expressando com palavras erradas o que realmente estão sentindo. As pessoas estão, simplesmente, despreparadas para lidar com a (falsa?)liberdade de expressão os fornecida pela internet. No dia em que ignorância for motivo para cadeia, não sobrarão pessoas para dar voz de prisão.

  29. sebastião leme Postado em 27/Sep/2013 às 11:14

    Ótimo se formos por este caminho os ´PIGS serão processados dioturnamente . São os primeiros a publicarem matérias que São de DUPLO SENTIDO levando o leitor a conclusões irreais .

  30. Gabriel Postado em 28/Sep/2013 às 17:59

    Eu acho o seguinte: Já que condenamos tanto a mídia por confundir liberdade de expressão com irresponsabilidade, não podemos fazer o mesmo. Opinar, falar sobre algo é uma coisa; agora, esculachar (como eu mesmo já fiz, não sou santo), é outra. Penso que ponderação na hora de escrever um post faz-se mais que necessário.