Redação Pragmatismo
Compartilhar
Educação 17/Sep/2013 às 14:12
4
Comentários

Banco Mundial anuncia bolsa de doutoramento para afrodescendentes

Banco Mundial anunciou um programa de bolsas de estudo para doutoramento a serem atribuídas a estudantes de ascendência africana

banco mundial bolsas doutoramento negros
Banco Mundial anuncia bolsas de doutoramento para afrodescendentes (Reprodução)

Candidatos selecionados a programas de doutoramento vão obter experiência prática em desenvolvimento durante seis meses na sede do órgão, em Washington.

O Banco Mundial anunciou um programa de bolsas de estudo para doutoramento a serem atribuídas a estudantes de ascendência africana.

Os candidatos selecionados devem passar um mínimo de seis meses na sede do órgão, em Washington, para obter experiência prática de trabalho na área de desenvolvimento.

Candidatos

Estão contemplados pela iniciativa, os candidatos à obtenção do grau durante um período entre um a dois anos em áreas como economia, demografia, estatística e econometria aplicada.

Estão igualmente abrangidos temas como avaliação de impacto, educação, saúde, energia, agricultura e infraestrutura. Mais informações podem ser obtidas na Internet em http://wbgsurvey.worldbank.org/Community/se.ashx?s=7DE331F804E987CB

Os candidatos devem estar matriculados numa instituição acadêmica, para a qual devem regressar após o período de permanência na instituição. As condições de participação incluem idade inferior a 32 anos e um excelente domínio de inglês.

Crescimento Inclusivo

O foco dos candidatos deve ser a geração e difusão de conhecimento, a concessão de políticas globais e nacionais além da construção de instituições para o crescimento inclusivo de países em desenvolvimento.

A iniciativa, para a qual se estimula a participação feminina, tem em vista a criação de um canal de pesquisadores e profissionais da diáspora africana. A aspiração dos interessados deve ser trabalhar nos seus países, no exterior, ou que queiram iniciar a sua carreira no Banco Mundial.

Rádio das Nações Unidas

Recomendados para você

Comentários

  1. Adair neto Postado em 17/Sep/2013 às 19:51

    É bom que existam essas bolsas, mas precisa já estar matriculado em uma universidade e ter um excelente domínio de inglês. Quantos negros/pobres tem essa capacidade? Sou super a favor de cotas, não me entendam mal, mas sou branco e não tenho condições de fazer uma faculdade pública. E aí?

    • Karine Santana Postado em 25/Sep/2013 às 14:06

      Estude, faça ENEM e tente PROUNI.

  2. Vanessa Postado em 17/Sep/2013 às 22:16

    Quantos negros chegam ao período de doutoramento antes dos 32 anos no Brasil?

  3. Rael Postado em 17/Sep/2013 às 23:55

    Se você tem acesso à internet, então tem condições de estudar inglês e fazer faculdade pública. Existem livros à vontade, e o Khan Academy já tem a maioria dos módulos traduzido. Fora isso, existem recursos à vontate na Web.