Redação Pragmatismo
Compartilhar
Guerra injustificável 10/Sep/2013 às 10:32
12
Comentários
Diário do Centro do Mundo

10 justificativas mentirosas para atacar a Síria

Confira as perguntas que o governo Obama precisa responder antes do congresso cogitar em votar a favor de uma guerra na Síria

Dennis Kucinich, Common Dreams

No período que antecedeu a Guerra do Iraque, eu pesquisei, escrevi e distribuí um documento para os membros do Congresso que refutava o apelo do presidente Bush por uma guerra. O documento explicava que não havia nenhuma prova de que o Iraque estivesse ligado ao 11/9 ou que tivesse armas de destruição em massa, faltando-lhe capacidade de atacar.

Aqui estão algumas perguntas-chaves que o presidente Barack Obama ainda tem de responder sobre a aprovação do Congresso de uma guerra na Síria. Este artigo é um chamado para o pensamento independente do Congresso, para que ele se eleve acima de considerações partidárias.

ataque obama eua síria
Até a população norte-americana tem se revelado contra o possível ataque dos EUA à Síria (Divulgação)

As perguntas que o governo Obama precisa responder antes do congresso cogitar em votar a favor de uma guerra na Síria:

Alegação número 1. O governo afirma que uma arma química foi usada.

Os inspetores da ONU ainda estão concluindo a avaliação independente.

Quem forneceu as amostras fisiológicas de gás sarin utilizadas para fazer a avaliação? Algum outro agente químico foi descoberto ou amostrado?

Quem dos Estados Unidos foi responsável pela investigação?

Onde foi conduzida a análise laboratorial?

Autoridades norte-americanas estavam presentes durante a análise das amostras?

Alegação número 2: O governo afirma que a oposição não usou armas químicas.

Que oposição?

Você está falando de um grupo específico ou de todos os grupos da Síria que tentam derrubar o presidente Assad?

Por que o governo rejeitou categoricamente as denúncias de uso de armas químicas por rebeldes vindas de fontes como a Rússia, as Nações Unidas e o jornal estatal da Turquia?

Leia também

Você já investigou os rumores de que os sauditas podem ter fornecido produtos químicos aos rebeldes?

Alegação número 3: O governo afirma que armas químicas foram usadas porque as armas convencionais do regime eram insuficientes

Quem é responsável pela suposição de que armas químicas foram usadas nos subúrbios de Damasco porque as armas convencionais de Assad eram insuficientes para garantir a proteção de “grandes porções de Damasco”?

Alegação número 4: O governo declara ter informações sobre o preparo de armas químicas por elementos do regime

Quem viu as armas químicas sendo preparadas?

Algum aviso foi dado à oposição na Síria? Se não, qual a razão?

Alegação número 5: O governo afirma ter informações de que o irmão de Assad ordenou o ataque.

Qual é o tipo de fonte que alega que o irmão de Assad ordenou pessoalmente o ataque?

Alegação número 6: O governo afirma que gás venenoso foi lançado em um ataque com foguete.

Quem estava acompanhando o foguete e o ataque de artilharia que precederam o lançamento de gás venenoso?

Será que esses eventos ocorreram simultaneamente ou consecutivamente?

É possível que armas químicas foram usadas pelos rebeldes involuntariamente?

Explique o intervalo de 90 minutos entre o lançamento de foguetes e os ataques com armas químicas.

Qual é a fonte de análise do governo?

Se os foguetes estavam sendo monitorados via “inteligência geoespacial”, quais eram as coordenadas geo-espaciais dos locais de lançamento e de pouso?

Alegação número 7: O governo afirma que 1.429 pessoas morreram no ataque.

De onde veio esse número?

Alegação número 8: A administração faz repetidas referências a vídeos e fotos como base para uma ação militar contra a Síria.

De quando e de onde vieram os vídeos do ataque de gás venenoso?

Alegação número 9: O governo diz que uma gravação prova a cumplicidade do regime Assad no ataque com armas químicas.

Você vai liberar as transcrições originais na língua em que elas foram gravadas, bem como as traduções invocadas para determinar a natureza da conversa?

Qual é a fonte desta transcrição? Qual foi o momento exato da interceptação? Foi uma interceptação dos EUA ou fornecida aos EUA?

Você já determinou a autenticidade das transcrições? Você já considerou que as transcrições podem ter sido adulteradas ou falsificadas?

O “alto funcionário”, cujas comunicações foram interceptadas, era um membro do governo de Assad?

Quem fez a avaliação de que as comunicações interceptadas foram uma confirmação do uso de armas químicas pelo regime?

Você tem transcrições, relatos de testemunhas oculares ou mensagens eletrônicas interceptadas entre comandantes sírios ou outros funcionários do regime que liguem o ataque ao presidente Assad?

Alegação número 10: O governo alega que um bombardeio foi providenciado para esconder vestígios do ataque com armas químicas.

Quem disse que a intenção do bombardeio era encobrir um ataque de arma química? Ou foi para contra-atacar os que lançaram produtos químicos?

Como o bombardeio faria o resíduo de gás sarin desaparecer?

Recomendados para você

Comentários

  1. Henrique Postado em 10/Sep/2013 às 13:14

    bush ignorou a ONU ao invadir o Iraque. Sabe-se que ataque à Síria sem consentimento da ONU é crime de guerra. Por que o obama insiste? Já não chega a espionagem americana? O mundo para o obama é através da guerra? Será que o obama faz isso porque ele é Prêmio Nobel da Paz?

  2. altair ahad Postado em 10/Sep/2013 às 14:18

    a politica externa americana é um fracasso... o pais é controlado pelo lobby sionista! triste lamentavel!

  3. Rui Rosato Postado em 10/Sep/2013 às 15:51

    Tem drama, nào. Nem alegação 1, 2 ou 10. É só entregar as armas e tudo fica bem. Gente, esse país está em guerra, matando civis há muito tempo. Alôôô?

    • Cicero Postado em 11/Sep/2013 às 12:49

      cara, que mundo tu vive?

    • Antonio Conselheiro Postado em 12/Sep/2013 às 23:14

      De que pais fala? Brasil? Os incríveis 56.000 mil homicídios por ano aqui não são suficientes para declararmos uma "guerra". Aliás, entregar as armas é o que deveríamos fazer, afinal somos o quarto maior produtor de armas do mundo. Mas, se fala da Síria, é aconselhável uma leitura sobre o assunto. O governo da Síria, apesar de ditatorial, defende-se de um ataque sem precedentes de forças patrocinadas pelos USA, França e Reino Unido. O governo Sírio mantém a integridade do Estado, infelizmente às custas de muitas pessoas. "O poder corrompe. O poder absoluto corrompe absolutamente". Lembrando que o Obama ganhou as eleições com o discurso de diplomacia ao invés da força. Sorte para a Síria e que recebamos bem os que venham refugiados aqui ao Brasil. Abraços ao povo sírio.

  4. Lucas Rover Postado em 10/Sep/2013 às 23:01

    Não estamos lá para sabermos qual a notícia que chegam até nós... quem transmite tudo? BBC e FOX... ¬¬

  5. Ricardo Postado em 11/Sep/2013 às 04:08

    1" Uma boa media para saber o que se acontece la fora ou ao redor do mundo, pode -ser PRESSTV.COM OR RT.COM. 2" Apenas 1 pessoa sitou quem sao os verdadeiros inimigos e Uma ideologia Politica que se chama Sionista. mais todo Cartel BAncario e das Grandes Coorporations... E isso.

  6. Fábio Postado em 11/Sep/2013 às 08:47

    Entrega as armas e deixa a Al Qaeda entrar pela porta da frente.

  7. Arlan Pinho Postado em 11/Sep/2013 às 10:23

    O Governo Sirio vem matando Civis há quanto tempo? Quantas pessoas já fugiram da Siria nos últimos anos com medo de morrer? Assad vem desrespeitando a ONU e os Organismos Internacionais há quanto tempo? Não vim um areclamação de nenhum de vocês sobre isso. Ninguém criticou aquele desgraçado; E aas crianças mortas depois do ataque: Vocês falaram alguma coisa. Não morro de amores pelos Estados Unidos, mas bastou dizer que os Estados Unidos iriam invadir a Siria pra vocês começarem com essas presepadas. Não aceito os Estados Unidos acharem que são donos do mundo mas se Invadir a Siria e derrubar aquela desgraça do poder significar paz para o povo Sirio, tem que invadir mesmo. Vão tomar no cú vocês que ficam defendendo aquela desgraça porque não gostam dos Estados Unidos. Se alguem de vocês morasse lá vocês estariam fazendo outro discurso. Vão se fuder.

  8. DIErapper Postado em 12/Sep/2013 às 15:30

    FOX e manipuladora pelo menos foi o que senti fazem 3 meses que voltei e da a impressaao que qdo os EUA estao errados eles falam pouco sobre o assunto etc

  9. jairoth Postado em 12/Sep/2013 às 21:26

    Agora o Assad é o heroi do povo sírio? o injustiçado? é um criminoso genocida!

  10. William Postado em 18/Sep/2013 às 11:52

    Meu, na boa, independente se deva ou não entrar em guerra, o que o mundo não pode admitir hj, é a violência contra a criança, em nenhuma sociedade que se julgue humanizada ao menos. Esse Safado Assad, denominado "Presidente", elitista, fascista, tem que pagar sim. Tem que morrer pelo mesmo veneno que matou. Inicialente, ele afirmava que não tinha armas quimicas, aí derrepente, ele assume, durante os 2 últimos anos anteriores, a Síria era investigada justamente por isso, ele sempre afirmou que não possuía armas químicas, agora tem até sábado se eu não me engano para passar o relatório para a ONU, assim, evitaria um enfrentamento bélico frente a ordem mundial, mas até agora, nd, obviamente não vai entregar porra nenhuma, ele é um assassino safado. E deve pagar. aí vejo essas reportagens de nego que fica com o CÚ na mão aí e fico pensando, os elitistas nojentos estão em todas as partes do mundo.