Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Aborto 24/Jul/2013 às 14:17
23
Comentários

Movimento "pró-vida" distribui 'fetos' na Jornada Mundial da Juventude

Contra o aborto, movimento pró-vida distribui ‘fetos’ na Jornada Mundial da Juventude (JMJ)

jornada mundial juventude aborto feto

Miniatura de feto é distribuída na Jornada Mundial da Juventude (Foto: Divulgação)

A Associação Nacional Pró-Vida e Pró-Família, um movimento contra o aborto, distribui entre os peregrinos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), no Rio de Janeiro, pequenas réplicas de fetos para tentar convencer os jovens a “valorizar o ser humano desde a fase inicial de sua vida”, de acordo com o presidente da associação, Humberto Leal Vieira. A miniatura, feita em plástico e em tamanho real, é de um feto na 12ª semana de gestação. “A representação vem dentro de uma caixinha com um folder com explicações científicas e religiosas sobre o início da vida em três idiomas: português, espanhol e inglês”, explica Humberto.

A ideia inicial era produzir mais de 1 milhão de kits, para serem colocados entre os itens que seriam entregues com a mochila a cada um dos peregrinos inscritos no evento. “Mas não conseguimos fazer a quantidade suficiente, então o pessoal está distribuindo cerca de mil miniaturas”, diz Humberto.

As iniciativas de movimentos pró-vida, no entanto, estão causando polêmica durante a JMJ. Uma jovem que recebeu um terço com “pequenos fetos” durante o encontro católico criticou os peregrinos por apelarem para a representação. Em seu perfil no Instagram, Renata Spolidoro se disse “muito assustada” com o “presente”.

Leia também

“Enquanto isso na JMJ… Ganhei um terço. Ok. Um terço com pequenos fetos. Um terço com pequenos fetos para rezar contra o aborto. Parecem uns feijões, mas são fetos. Sério, o problema é quando as pessoas passam do seu limite e resolvem se meter na vida dos outros. Nada contra você ter a sua religião e acreditar que vai pro inferno se fizer aborto. Ótimo. Abortar ou não é uma escolha. Cada um sabe de si. Cada um sabe do seu corpo. Tô muito assustada com esse terço”, relatou ela.

com Agências

Recomendados para você

Comentários

  1. mauro Postado em 24/Jul/2013 às 14:24

    Até o dia em que tiverem uma filha ou uma mulher da família estuprada e concebendo um feto do estupro!

  2. Thais Postado em 24/Jul/2013 às 14:55

    E qual é o problema nisso tudo? Aborto em caso de estupro é uma coisa, agora permiti-lo em QUALQUER caso é outra. Existem muitas pessoas que são pró-vida sim. Permitir o aborto em qualquer circunstancia é permitir que a mulher tome decisões que dizem respeito ao corpo de outra pessoa também e não só ao dela. Existe o direito à vida, e esse sim não pode ser negado a ninguém. A ciência já assumiu não saber ao certo quando a vida de fato se inicia, portanto é completamente irracional garantir a alguém a autonomia para decidir quem vai viver e quem vai morrer.

  3. mauro Postado em 24/Jul/2013 às 15:00

    Repito, até o dia que sofrer um estupro, e quem deve decidir o que fazer é a dona do corpo, se há consequências nisto, ela responderá depois, cada um tem o direito de assumir seus riscos, o problema destes pseudos cristãos é esse, querer enfiar seus preceitos mente a dentro das outras pessoas, se não é a favor, não aborte, mas pelo menos deixe a vida de quem quer faze-lo em paz!

  4. Thais Postado em 24/Jul/2013 às 15:08

    Voce leu meu comentário ou está apenas vomitando seus conceitos e usando da agressividade para reforçar seu ponto de vista? Por acaso se voce é contra o assassinato, nao se importa que as pessoas assassinem? Se é contra o roubo, nao se importa que as pessoas roubem? No mínimo utópico pensar nas coisas de uma forma tao simplista e limitada como essa, nao é?

  5. felipe Postado em 24/Jul/2013 às 15:12

    https://www.youtube.com/watch?v=0FSmbmwgrb8 DIVULGUEM!

  6. Rodrigo Postado em 24/Jul/2013 às 15:16

    Advogado que sou, em que pese não concordar (ao mesmo tempo em que tento entender a gama de sofrimento de uma vítima de estupro que venha a engravidar em razão de tal crime) com o aborto, apenas posso respeitar o direito da gestante que, enquadrada na hipótese legal, venha a optar pelo exercício do direito ao aborto. Só não posso concordar com o argumento de "dona do corpo", pois a gestante não é dona do feto, do ser em desenvolvimento, apenas contendo-o e nutrindo-o em seu útero. São corpos díspares de modo que falar em "direito de escolha" acaba sendo contraditório, pois o maior interessado na escolha (viver ou ser abortado) não pode tomar parte no processo decisório.

    • Tatiana Postado em 17/Oct/2014 às 12:19

      Gostei MUITO da sua explicação. Somos donas do nosso corpo. Mas abortar não é atentar contra o próprio corpo. É atentar contra o corpo de outrem. E isso ultrapassa o direito de escolha. Levando por esse lado, muito do que penso a respeito do aborto está mudando.

  7. Carlos Postado em 24/Jul/2013 às 15:33

    O argumento de ser contra o aborto até que se tenha um ente estuprado não cola. Se eu mudasse de opinião num momento de raiva ou transtorno como o de estupro de uma parente próxima e pudesse me olhar depois, de certo me envergonharia de ter deixado minhas opiniões e conceitos se levarem por fortes e horríveis sentimentos. A bíblia não diz que é certo o estupro, mas diz que devemos perdoar e esquecer o ato do estuprador para que não tomemos decisões erradas e descontemos isto no feto ou em nós mesmo, nos mutilando psicologicamente ou chegando ao suicídio.

  8. Marcos Postado em 24/Jul/2013 às 16:42

    Grande coisa, o que a Bíblia diz. Segundo esse mesmo livro, matar os inimigos, suas mulheres e filhos até os animais, é um ato de justiça e obediência a deus. Daí vem falar em defesa da vida? Aham...

  9. mauro Postado em 24/Jul/2013 às 17:14

    Não Thaís, só acho que cada um deve cuidar da sua vida, e quem é o papa, ou bispo, ou, padre, ou pastor, etc,,, para dizer o que é certo ou errado, livre arbítrio, conhece esta palavra? e por favor, não me venha citar bíblia, nenhum posicionamento da mesma é capaz de me convencer!

  10. mauro Postado em 24/Jul/2013 às 17:34

    A mulher é a dona do seu corpo, como todos aqui são donos dos seus respectivos, se uma pessoa resolve se suicidar, quem sou eu para proibi-lo disto? o corpo e a vida é dele, posso até tentar convence-lo de que não o faça, ou a ela que não aborte, mas, se eles decidirem assim, o mínimo que tenho a fazer é respeitar a sua decisão, o problema de muitos é justamente não respeitar a decisão dos outros, baseados em que, em um livro escrito por homens a milhares de anos e com várias versões? versões estas, vomitadas diariamente por "homens santos" "profetas do apocalipse' lavando cerebros dorminhocos, se você for usar o que este livro te ensina, ao pé da letra, nem quero pensar no que vai dar, nestas horas esqueçam Jesus, Deus, não façam isso, é muito desrespeito achar que podem ditar normas, e que todos as obedeçam!

  11. VANDERLEI Postado em 24/Jul/2013 às 18:23

    Argumento que é contra o aborto por que Deus não quer é do balacubacu. Se Deus não quer então que não façam abortos entre seus iguais. Deixem outros que tem pensamentos contrários seguir sua próprias vidas.

  12. Rob Postado em 24/Jul/2013 às 19:39

    Javé é de longe o maior assassino da mitologia. Um assassino não pode ser a favor da vida. Ele manda claramente os psicopatas sob seu comando matarem crianças e grávidas... só uma pessoa extremamente idiota vai achar que uma dessas cola. A menos que não conheça o livro que deveria reger a vida dele, que, diga-se de passagem, só 0,0001% dos cristãos leu todo.

  13. Mauro Postado em 24/Jul/2013 às 20:20

    Quero fazer uma ressalva no meu comentário acima, quando falo tentar convence-los de não fazer o citado, longe de mim pensar ou usar qualquer palavra, exemplo, argumento que tenha relacionamento ou remeta a bíblia, ou quaisquer religião!

  14. ana Postado em 24/Jul/2013 às 21:13

    terrorismo

  15. José Ferreira Postado em 24/Jul/2013 às 23:06

    A ciência sabe muito bem quando começa a vida. Conforme estudos científicos, a vida se inicia na 12 semana de gestação, quando o cérebro começa a funcionar. E o mesmo conceito do fim da vida, que é a partir do momento em que o cérebro para de funcionar...

  16. Carlos Postado em 25/Jul/2013 às 11:52

    José Ferreira, então criaturas acéfalas não são vivas?

  17. Thiago Postado em 26/Jul/2013 às 13:19

    Engraçado demais esses acéfalos pró-vida e toda a corja católica que prega esse conceito; A criança tá lá no útero, ok, eles defendem a vida, direito a vida, aborto é assassinato entre outras asneiras; Mas quando a criança nasce, ela que se foda, né? Quem se importa? Quantas crianças abandonadas pelos pais, quantas crianças jogadas em bueiros, lixos, crianças que nascem em um lar quebrado onde pai bate na mãe, mãe vende filho pra comprar crack, essas coisas. Ninguém se importa, ninguém dá a mínima. Cadê os pró-vida nessas horas? Particularmente eu acho que abortar a criança quando é ainda um feto sem sistema nervoso central seria mais digno que deixá-la nascer e ser enrabada por esse mundo escroto. Pró-vida é uma hipocrisia, valorização do ser humano? RÁ, é quase difícil de se ver hoje , igual enterro de anão.

  18. José Ferreira Postado em 26/Jul/2013 às 15:31

    Carlos? Crianças com acefalia não são seres vivos, pois exatamente por não terem cérebro, elas não sobrevivem ao ambiente externo. Inclusive o STF já definiu que o aborto para esses casos não é crime. Eu sou favorável ao aborto, mas entendo que não se trata de um método anti-concepcional, e esse procedimento deve ser feito em último caso, antes de 12 semanas...

  19. Rogério Postado em 28/Jul/2013 às 15:01

    Aborto é = pegar 1 recém nascido e dar 1 tiro nele.

  20. Sissy Postado em 03/Aug/2013 às 00:26

    Gente sem nocao , bando de ignorantes fanaticos,sou a FAVOR DO ABORTO SIM O CORPO E MEU E FACO O Q BEM ENTENDER !!!

  21. Sissy Postado em 03/Aug/2013 às 00:35

    A favor do aborto sim ate os 3 meses de gestacao , independente de estupro ou nao quem decide sobre si mesma somos nos e mais ninguem tem o direito a se meter nisso isso !!! Ja fiz 3 x e nunca irei me arrepender disso !!! O dia em q eu quiser ter filhos eu adoto , mas do meu corpo nao sai !!!!

    • Tatiana Postado em 17/Oct/2014 às 12:29

      Realmente, o corpo é SEU. Você faz com ele o que bem entender. Mas um bebê dentro de você não é SEU corpo. É outro corpo. Você não está atentando contra a SUA própria vida, mas contra a vida de outro ser, que não é você. Se você deseja se mutilar, suicidar ou tomar outra ação que envolva SOMENTE O SEU CORPO, o direito é TODO SEU. Mas quando você aborta, não está agindo sob o SEU direito de escolha e sim decidindo que outra pessoa não deve viver. Não seria um pouco egoísta pensar assim? Eu não sou religiosa. Pelo contrário, sou ateísta. Estou numa gravidez não desejada, no início senti raiva por não ter me cuidado, e nesse momento de raiva, não queria esse filho. E olha que sou casada há 8 anos. Faço parte de um grupo de grávidas de todo tipo, e muitas se cuidavam e mesmo assim engravidaram. É muito relativo julgar tanto quem engravida "sem querer" como quem faz aborto. Não estamos acima do bem e do mal pra julgar. E muito menos estamos na pele da pessoa, pra dizer que foi uma decisão criminosa ou egoísta. Egoísmo é pensar assim: "O corpo é meu... faço o que quiser com ele". Mas não se esqueça de que você NÃO é dona da vida que se desenvolve dentro de você. Seu direito de escolha termina quando a escolha não envolve mais o seu corpo. Então abortar por abortar ultrapassa o limite do direito de escolha de alguém, porque quem vai morrer não é você, e sim quem não teve a chance de optar por viver. Pense nisso. Sem fanatismos, pois, como disse no início, sou ateísta. Não acredito em religião, nem em Deus, e muito menos nessas baboseiras todas escritas na bíblia.