Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Ditadura Militar 28/May/2013 às 12:05
36
Comentários

Atriz Bete Mendes relembra tortura: "a pior perversidade da raça humana"

Atriz Bete Mendes, brutalmente torturada por Brilhante Ustra na ditadura, pede atenção à democracia no Brasil

Presa e torturada em 1970, a atriz Bete Mendes encontrou o coronel Brilhante Ustra numa viagem ao Uruguai em 1985. Ela era deputada federal, e ele atuava na embaixada em Montevidéu. Na volta, ela denunciou Ustra ao presidente Sarney. Aos 64, a atriz diz não temer retrocessos, mas pede atenção aos movimentos contra a democracia. Em depoimento publicado domingo, no diário paulistano Folha de S.Paulo, a atriz afirma que superou o trauma com tratamento psicológico e se afirma socialista.

Leia abaixo as declarações de Bete Mendes.

Fui presa duas vezes. Na primeira, não fui torturada fisicamente. Na segunda, foi total. Fui torturada [em 1970] e denunciei [o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra]. Isso me marcou profundamente. Não desejo isso para ninguém – nem por meus inimigos. A tortura física é a pior perversidade da raça humana; a psicológica, idem.

atriz bete mendes tortura ditadura

“Não dá para ter raiva de quem me torturou. A gente é tão humilhado, seviciado, vilipendiado que o que se quer é sobreviver e bem”, diz Bete Mendes

Não dá para ter raiva (de quem me torturou). A gente é tão humilhado, seviciado, vilipendiado que o que se quer é sobreviver e bem. Estou muito feliz, sobrevivi e bem. E não quero mais falar desse assunto.

Superei isso com tratamento psicológico e com trabalho. Agradeço à família, à classe artística, aos amigos que foram meu alicerce.

Carlos Zara me convidou para fazer a novela “O Meu Pé de Laranja Lima”, e isso me salvou. Continuei o trabalho artístico, fui fundadora do PT, fui deputada federal duas vezes e secretária da Cultura de São Paulo.

Comecei a fazer teatro e cantar com seis anos de idade. Com oito já participava de manifestações de alunos. Era do grêmio do colégio, depois fui para o diretório da faculdade. Em bibliotecas públicas ou pegando livros emprestados lia tudo: Rousseau, Marx, Mao, Lênin, Gorki, Aristóteles. Depois, adotei o codinome de Rosa em homenagem a Rosa Luxemburgo.

Var Palmares

Na adolescência escrevi textos de peças de teatro. Quando fui presa, eles levaram esses textos. Achavam que eles eram prova de crime, que depunham contra mim. Nunca mais os recuperei. Era coisa tão pouca, boba, pessoal.

Leia também

Quando fecharam as portas à democracia, me senti usurpada, revoltada, aprisionada. Achei que a única saída era entrar numa organização revolucionária contra a ditadura militar. Entrei na VAR-Palmares. Fizemos aquela opção. Foi certa, errada? É difícil julgar hoje.

A minha visão era a revolução socialista: tirar poder dos militares, dos opressores, do capitalismo selvagem. Deixar a gente governar para o bem de todos, com todos participando.

Eu tinha 18, 19 anos e achava que podia fazer tudo. Não tinha consciência do risco imenso que estava correndo. Era atriz de uma novela que explodia no Brasil, “Beto Rockfeller”, estudava ciências sociais na Universidade de São Paulo e participava de uma organização clandestina revolucionária. Aí deu zebra.

O medo era a pior coisa que a gente sentia na época. Historicamente tem que se reconhecer que nós entramos numa ditadura muito mais pesada do que foi dito no passado. Isso vai sendo desdito atualmente pela Comissão da Verdade.

Hoje não tenho medo de retrocesso, mas é preciso prestar atenção em manifestações como de movimentos nazistas em vários países e no Brasil. Por exemplo? O coronel Brilhante Ustra faz parte desse movimento. Ele tem um site. Há jovens fazendo movimento nazista.

Democracia

É um receio. É preciso ser cauteloso em relação a movimentos que podem ser prejudiciais ao avanço democrático. Mas impedir jamais, porque a gente legitima a manifestação de todos, de opiniões diversas. É preciso cuidar da democracia para que esses movimentos não cresçam.

Sou política como qualquer cidadão. Sou cidadã, atriz, socialista. O socialismo se constrói todo dia. Não temos o modelo socialista do passado, mas a gente constrói um novo. Quero continuar trabalhando como atriz e viajar mais. Poder viver essa democracia até morrer. Sonho político? Que o trabalho escravo acabe no Brasil.

Problema de audição? Tenho. É que eu fui torturada. (Fica com os olhos marejados).

Correio do Brasil

Recomendados para você

Comentários

  1. Vander Postado em 28/May/2013 às 13:25

    Nada justifica a tortura, mas falar que queria "liberdade" é uma falacia. Queriam transformar o Brasil em uma Cuba.

    • Ana Postado em 28/May/2013 às 13:31

      Eu sempre soube da existência de bitolados e facínoras que compartilham de ideias como as de Amado Batista, mas me surpreende vê-los comentando aqui neste site.

    • Ronald Cosmo Postado em 19/Mar/2014 às 11:02

      E o que você sabe sobre Cuba? De certo, o que ouve na TV e jornais.

    • waldez Postado em 24/Mar/2014 às 11:26

      Como dialogar com uma criatura cuja mente preconceitosa e obtusa, tem como justificatifa essa estultíce de transformar o brasil em cuba? isso é de uma burrice capaz de ofender os pobres aznos, sujiro a esse tipo de criatura , estudar , ler , para se habilitar a darem opiniões minimamente fundamentadas

      • Iolanda Dos Anjos Chini Postado em 21/Mar/2015 às 21:40

        "Sugiro" que o senhor estude mais, principalmente a Língua Portuguesa.

    • Laura Postado em 19/Mar/2015 às 09:01

      Quem dera tivéssemos os culhões dos cubanos, a saúde de Cuba, a educação de Cuba.

  2. Gabriel Postado em 28/May/2013 às 13:37

    Vander, seu comentário foi monstruoso. Não tente revisar a História com essas suas certezas confortantes. E supera esse macartismo.

  3. Vander Postado em 28/May/2013 às 13:52

    Ana, releia o que eu escrevi e perceberá que eu em nenhum momento elogiei ou justifiquei a tortura. É crime e ponto final. O que eu critiquei é essa falacia de que os grupos de esquerda queriam a liberdade. Todos sabem que os grupos de esquerda existentes na epoca lutavam pela implantação de um regime comunista aos moldes de Cuba. Basta ler qualquer manifesto da epoca. Você é da turma que elogia assassinos ditadores psicopatas como Fidel Castro, Che Guevarra e Stalin? Como a esquerda pode criticar a ditadura brasileira se batem palmas pra ditaduras comunistas? É muita incoerencia. Deixando claro que sou contra TODA e qualquer ditadura.

    • José Evaristo Postado em 23/Mar/2014 às 14:43

      O que é cuba, para TU ou imbecil.?

    • José Evaristo Postado em 23/Mar/2014 às 14:53

      Alguém de bom senso, que não tem a cabeça apenas para separar as orelhas dá para perceber que o analfabeto político é uma desgraça, a qualquer ser humano. Vai estudar ou estupido, e saber o significado da palavra (comunista) Vais ler a algo verdadeiro sobre Cuba não ficas com jumento sem mãe de cara pra cima apenas lendo e vendo avaliações de bandidos corruptos travestidos de jornalista que vendem seu caráter, sua imparcialidade , por muito dinheiro para dá informações moldadas de acordo com as ideias de seus patrões. Ou se não podes compreender tais significados, por preguiça de pensar, ou por burrice mesmo, não falas tantas besteira.

      • Marilda Postado em 21/Mar/2015 às 11:34

        Muito bem!

    • Iolanda dos Anjos Chini Postado em 21/Mar/2015 às 21:41

      Não adianta explicar para quem não está disposto a entender.

  4. Ernesto Postado em 28/May/2013 às 13:57

    Antes Cuba do que uma Colombia da vida...com todos os tipos de crimes que temos,só que a níveis bem mais altos

  5. Vander Postado em 28/May/2013 às 14:18

    E a Colombia é uma ditadura????? Se você esta se referindo aos crimes e violencia que acontecem na Colombia, fique sabendo que 90% deles é decorrente das FARC que é uma organização de inspiração comunista, autoproclamada guerrilha revolucionária marxista-leninista, que opera mediante táticas de guerrilha. Lutam pela implantação do socialismo na Colômbia. Vamos dizer que as FARCS e os diversos grupos "revolucionários" brasileiros como VAR, Colina, etc... tiveram o mesmo pai.

  6. Pedro Postado em 28/May/2013 às 14:48

    "Em bibliotecas públicas ou pegando livros emprestados lia tudo: Rousseau, Marx, Mao, Lênin, Gorki, Aristóteles." A reaça deveria fazer isso.

  7. David Postado em 28/May/2013 às 15:44

    Vander vá estudar ou se já o faz reveja seus teóricos ou então abra mão desta tua índole. Cuba é uma lição de democracia mas, como vc adora a Veja fica difícil de colocar isso na sua cabeça

  8. Vander Postado em 29/May/2013 às 01:24

    "Cuba é uma lição de democracia"............... sem mais

  9. Bel. Adalberto Duarte da Silva Postado em 29/May/2013 às 07:06

    Tenho recorrido desde 14.06.95 a toda autoridades nacionais e internacionais possíveis visando denunciar estas atrocidades, ou seja, perseguições insanas e sem trégua patrocinadas com o uso de metodologia, procedimentos e instrumentos que se encaixam as denúncias formuladas por diversas autoridades nos últimos tempos pela mídia, pelas próprias vítimas como no meu presente caso e até dentre estas inclusive diversas autoridades que como nós pobres cidadãos temos sidos submetidos também aos maus profissionais destas sagradas instituições incumbidas da prestação jurisdicional, ou seja, Polícia Civil inibido pelos promotores, Polícia Federal e Militar, além do MP e Judiciário que admite ser também inibido/constrangido também pelas arbitrariedades dos maus promotores e procuradores, chegando até a confessar para nós as vítimas destas situações constrangedora que vem ocorrendo de maneira vertiginosa deste o advento do desrespeito a autonomia da polícia Judiciária; OUÇA ESTE PEDIDO DESEPERADO DE UM INOCENTE VÍTIMA DE PROMOTORES NAZISTAS E DE BANDIDOS DE TOGA DO JUDICIÁRIO EM PLENO REGIME DEMOCRÁTICO DE DIREITO E QUE ESTÁ LUTANDO PARA AMPLIAR TAMBÉM AS FUNÇÕES DA COMISSÃO DA VERDADE PARA CASOS SEMELHANTES AO MEU E DE CENTENAS DE CASOS QUE NÃOTEM A QUEM RECORRER A NÃO SER AS NEFASTOS CORREGEDORIAS DAS INSTITUIÇÕES INCUMBIDAS DA PRESTAÇÃO JURISDICIONAL QUE ANALISAM AS DENÚNCIAS DE NÓS AS VÍTIMAS DE MANEIRA PROTECIONISTA E CORPORATIVISTA HAVENDO NECESIDADE DE SE APROVAR AS DISCUSSÕES DAS PECS 33 E 37/11 TAMBÉM CONOSCO NAS AUDIÊNCIAS PÚBLICAS NAS COMISSÕES E MINISTÉRIOS INERENTES AOS FATOS.... http://asagadeadalbertoduarte.blogspot.com; http://www.memoriasdeadalbertoduarte.blogspot.com; http://mpjudiciariodestroemvidas.blogspot.com; http://vitimasdeerrosjudiciario.blogspot.com;

  10. Gabriel Postado em 29/May/2013 às 11:19

    Vander, antes de mais nada: http://g1.globo.com/politica/noticia/2013/05/comissao-aponta-que-tortura-no-pais-comecou-antes-da-luta-armada.html Por favor, se possível, gostaria de ver a fonte de onde vc tirou a informação de que TODOS os grupos de resistência queriam criar uma ditadura comunista no Brasil. Não adianta querer pintar os generais como heróis de uma resistência anticomunista, por que não foi isso que aconteceu. Pessoas que jamais estiveram ligadas à grupos armados foram presas, torturadas, desapareceram e você sabe disso, você tem acesso a internet e não parece ser burro. Mas que caiu em uma falácia, isso sim. Eu conheci pessoalmente um senhor, sindicalista na época da ditadura, que até hoje apresenta as sequelas do que passou naquela época, tida como "necessária" por alguns. Só me deixa com a certeza de que o país foi governado por bandidos, criminosos violentos e corruptos como nunca.

  11. Guerreiro Postado em 29/May/2013 às 12:23

    Um doce de flor,uma guerrilheira que não quer julgar seus atos, mas os do inimigo. Muitos dos que ao mereciam foram dedurados por essas pessoas que agora são anjos, apenas para dar tempo a corja para se evadirem!Hoje sim, o brejouil eh governado por bandidos, criminosos violentos e corruptos como nunca dantes! Quem não compartilhou do comunismo nunca sofreu nada!

  12. Vander Postado em 29/May/2013 às 12:50

    Gabriel, Por favor releia os meus posts e me diga onde eu pintei general como heroi ou defendi a tortura? Pra mim a tortura é algo abominavel. Assim como a ditadura, seja militar ou de esquerda. Não vamos ser hipocritas em dizer que os grupos de esquerda queriam a liberdade. Isso sim é uma falácia. Basta me apresentarem um país onde haja comunismo em um ambiente plenamente democratico. Somente um já basta. E não façam como o David em falar que "Cuba é uma lição de democracia" que aí já é cair no ridiculo.

  13. Gabriel Postado em 29/May/2013 às 13:33

    Vander, em momento algum o acusei de defender a tortura; no entanto, ao dizer "todos sabem que os grupos de esquerda existentes na epoca lutavam pela implantação de um regime comunista" você está sendo reducionista, pintando uma diversos grupos de esquerda (que, inclusive, discordavam entre si em muitos pontos) como uma coisa homogênea. E uma rápida pesquisa na historiografia da Ditadura prova isso que estou afirmando. A esquerda brasileira tampouco se resume a defensores do regime cubano e comunistas stalinistas. Volto a dizer: pessoas foram torturadas e mortas sem ter qualquer envolvimento com luta armada, com grupos organizados ou com o comunismo que tanto o preocupa, que aliás acabou junto com a Guerra Fria. Em qualquer país com uma democracia sólida a existência da esquerda não é apenas importante; é fundamental. Pensar o contrário é puro maniqueísmo.

  14. Gabriel Postado em 29/May/2013 às 13:34

    *Onde se lê: "pintando uma diversos grupos de esquerda" Leia se: "pintando uma diversidade de grupos de esquerda"

  15. Vander Postado em 29/May/2013 às 14:16

    Gabriel, Concordo que em qualquer democracia tanto a direita quanto a esquerda são importantes e até mesmo indispensaveis para o processo democratico. Concordo que nem todos tinham a mesma visão/objetivo. Alguns grupo realmente buscavam o debate e tinham uma visão diferente de como atingir os objetivos de mudança de ideologia vigente na epoca. No entando a maioria lutava ou buscava atingir estes objetivos de forma mais radical sendo inclusive financiados por Cuba. Posso citar aqui: MR-8, ALN, MNR, VPR, AP, MOLIPO, Colina. Somente para citar alguns.

  16. Guilherme Postado em 29/May/2013 às 18:27

    Se Cuba é ruim imagina o Brasil. Cuba não tem quase analfabetos, tem uma saúde que está sendo exportada. Tem problemas, claro. Dizer que o Brasil poderia virar uma Cuba não é algo ruim. Talvez fosse, mas atualmente não é. Falar em democracia como se EUA e o capitalismo selvagem favorecessem-na é piada. Eu não sei, mas gostaria de saber, existe alguma revolução sem revolução? Vander e sua Veja kkkkkk.

  17. Humberto Mauro Postado em 30/May/2013 às 14:30

    Prazada Beth Mendes , sempre fui seu digamos admirador desde uma cena em que a Sra deswcia um lance de escada em" Divinas e Maravilhosas". Mas ao sabe-la participante de grupos terroristas como o MR-8 fez-me perder toda admiração . Não concebo alguem da sua beleza e doçura, participando de ações como explodiir bombas matando tb inocentes, roubar bancos, sequestrar pessoas. O fato de ter lido Marx, Mao, Lênin, Gorki, pioram mais ainda a situação. Está mais que provado ,que o comunismo é um câncer que deve com suas metástases ser extirpado da sociedade. MNoste-me um só pais do antigo bloco socialista onde seu povo viva bem , com conforto equanimidade de poder aquisitivo, e acesso a bens de consumo e conforto !. O FATO de ter sido uma das fundadoras do PT só depõe contra a Sra uma excelente atriz que não rteconheceu outro "colega " de profissão ao ajudar a elege-lo. O PT que a SRa fundou , seus colegas de luta ( que nem torturados foram ) estão hoje por ai vendendo a Nação, desarmando os cidadãos de bem , DANDO o nisso suado dinheiro arrecadado com os impostos mais altos do planeta a paises Socialistas. como se no Brasil não houvesse miséria , fome , sede, desmatamento todos tem acesso a trabalho e renda ( trabalho e não esmolas ) Lamento profundamente 2 vz: Uma por tudo o corrido com a Sra e a segunda por ter acreditado por anos que foi perseguição e não a prisão de uma guerrilheira. ( acredito mais que tenha sido uma inocente útil ) O Socialismo é uma utopia irrealizável, pois todos sempre irão querer o melhor para si e os seus. Do contrario o Chico Buarque deveria socializar sua fortuna , bem como Jorge Amado, Lula e outros Comunistas de Boutique. Espero que tenha se recuperado totalmente, mas passando pelo que a Sra passou SABE que alguem que tenha sido torturado por dias não sairia sem seqüelas como umas e outras dizem que foram .

  18. Humberto Mauro Postado em 30/May/2013 às 14:32

    Pedro, em 28 de maio de 2013 às 14:48 disse: “Em bibliotecas públicas ou pegando livros emprestados lia tudo: Rousseau, Marx, Mao, Lênin, Gorki, Aristóteles.” A reaça deveria fazer isso. Só se fosse para primwiro vomitar e depois incendiar os livros

  19. Humberto Mauro Postado em 30/May/2013 às 14:41

    Vander, em 29 de maio de 2013 às 1:24 disse: “Cuba é uma lição de democracia”…………… sem mais huahuahuahuahuahua Esse cara não viveu a Historia o que conhece aprendeu em livros do tipo : Feliz Ano Velho , Os Carbonários . O que é isso companheiro : A infância dos mortos. E SE Leu realmente Marx e Mao , ele leu mas não os compreendeu ,do contrario seria de direita radical Sou pelo Fechamento das Faculdades de Filosofia e sociologia , antros de comunistas. No minimo destruiria os livros de Marx , Angels , Mao e Gramsci. Quem enfrenta as Forças Armadas não pode esperar nada menos que a morte . a tortura era um modo eficaz de se conseguir informações de forma rápida e "estourar " outro aparelho. ( antes que digam que fui torturador em 75 eu tinha só 18 anos, mas não era idiota a ponto de ter amizades envolvidas com terrorismo )

    • Ana Cordeiro Postado em 01/Apr/2016 às 23:49

      Muitos nazistas pensavam assim. E ai, vc talvez egoísta? Acomodado? Ou ate mesmo... medroso? Isso pra não falar um adjetivo pior começado com cov e terminada com de. Em 75 meninos de 16 anos morreram lutando por democracia, por liberdade, por justiça social. É hoje, porque é tão corajoso de gritar na rua contra quem lutou para te dar o direito de "ser idiota" como vc mesmo diz e quem sabe atacar em bando qualquer um que esteja sozinho e usando camisa vermelha? Ora, vá se catar.

  20. Humberto Mauro Postado em 30/May/2013 às 14:55

    Acabaram de postar isso em uma comunidade . E sabe tendo em vista sua fama já crescente na época tewndo a acreditar nele : Marcos Pontes Moura Conheço o oficial que a guardou e há 30 anos ele me fala da raiva que tomou por ela ter saído do quartel contando mentiras. Segundo ele, ela sequer ficou numa cela, mas num apartamento de oficial, com cama, lençóis limpos, três alimentações por dia... quase uma pensão. A diferença estava no guarda à porta. Por ser bonitinha e bastante conhecida, os soldados a tratavam com rapapés. Repito, ele não me disse essas coisas agora, que saiu sua entrevista na Folha, mas há 30 anos ele me conta isso. A última vez foi há 3 anos, quando se hospedou em minha casa.

    • Mauro de Souza Lima Postado em 20/Mar/2014 às 17:43

      Há 30 anos que ele vem mentindo para você.

    • Ana Cordeiro Postado em 01/Apr/2016 às 23:56

      Belas amizades. Certamente vc é da mesma espécie. Cada um com sua turma. Até parece que por ser bonitinha era bem tratada, quem acredita nisso não viveu aquela época. Seu amigo é mentiroso ou você. Por estar começando carreira ia ter rapapé O que faziam era estuprar e matar e jogar no mar pra ninguém saber.

  21. Marcos Postado em 31/May/2013 às 09:40

    Soldados brasileiros malvados, guerrilheiros corruptos com mansões de 3 andares heróis e bonzinhos, sei.............

  22. argonauta Postado em 07/Jun/2013 às 19:56

    Toda ditadura, de direita ou de esquerda, é abominável! Nos meus 62 anos de vida, só conheci a DITADURA DE DIREITA, a do Brasil. E foi uma m....! Tempos ruins de viver no Brasil, onde os milicos e policiais mandavam e desmandavam! O Brasil daquela época foi ótimo prá eles e seus cupinchas financiadores, os esmpresários! São tempos de minha juventude de que não tenho saudades! Hoje, não, graças a Deus estou bem!

  23. Luis Postado em 10/Nov/2013 às 11:41

    Linda, Bete Mendes.

  24. Carlos Augusto Normann Postado em 29/Jan/2016 às 09:53

    Já admirava o trabalho da atriz. As lágrimas brotam diante do relato emocionado. A atriz, militante, agente de transformação, tem no seu depoimento um duro retrato de uma ditadura que jamais deveria sonhar em sair dos livros de História. Só quem não tem sensibilidade, cérebro ou coração para desejar a volta dos gorilas ao poder... Parabéns, Beth/Rosa!