Redação Pragmatismo
Compartilhar
Mundo 09/Apr/2013 às 14:39
23
Comentários

Os brasileiros no corredor da morte na Indonésia

Itamaraty teme por brasileiros no corredor da morte na Indonésia. Somente uma clemência presidencial poderá salvá-los do fuzilamento

A retomada das execuções de prisioneiros condenados à pena capital na Indonésia na semana passada levou o Ministério das Relações Exteriores a intensificar a atenção dada a dois brasileiros que estão no corredor da morte.

Marco Archer Cardoso Moreira e Rodrigo Muxfeldt Gularte foram condenados em última instância à pena de morte por tráfico de drogas e somente uma clemência presidencial poderá salvá-los do fuzilamento.

brasileiro condenado morte indonésia

Marco Archer Cardoso é um dos brasileiros que estão no corredor da morte na Indonésia (Foto: Agência Brasil)

“O governo brasileiro acompanha com atenção a situação dos presos brasileiros na Indonésia e, respeitando as leis do país e as diferenças culturais existentes, procura prestar toda a assistência consular possível, tendo em vista o caráter humanitário da questão”, afirmou a assessoria do Ministério das Relações Exteriores.

A preocupação se deve ao fato de o procurador-geral do país, Basrif Arief, ter afirmado à imprensa que o país irá fuzilar outros nove condenados até o final do ano e que até 20 presos poderiam vir a ter suas penas executadas antes de 2014.

Na quinta-feira da semana passada o africano do Malauí Adami Wilson foi fuzilado por tráfico drogas. Ele tentou entrar no país com um quilo de heroína em 2004 e foi acusado de coordenar uma gangue internacional de dentro da prisão.

Até então, a última vez que a Indonésia havia executado um condenado fora em 2008, quando os terroristas responsáveis pelo ataque a bomba à praia de Kuta, em Bali, foram fuzilados.

Leia também

“Estamos preocupados com os comentários do procurador-geral, de que pelo menos outras nove pessoas serão executadas”, disse  Josef Benedict, da ONG de Direitos Humanos Anistia Internacional.

Tecnicamente, os brasileiros ainda não poderiam ser fuzilados, pois o pedido de clemência presidencial ainda está sob avaliação, mas falta transparência quanto à situação dos presos que aguardam no corredor da morte.

“Nós estamos incertos sobre quem será o próximo a ser executado e quando. Pedimos ao governo da Indonésia que seja transparente e disponibilize qualquer informação à respeito das próximas execuções”, disse Benedict.

Execução

Em junho de 2012, a imprensa indonésia chegou a noticiar que Marco Archer Cardoso seria executado em julho, mas a informação foi desmentida pelo embaixador brasileiro após uma reunião pessoal com o procurador-geral Basrief Arief.

O carioca Marco Archer Cardoso Moreira foi preso em flagrante ao tentar passar a fronteira com 13 quilos de cocaína escondidos dentro dos tubos estruturais de uma asa-delta, em 2004.

Igualmente esportista, o surfista catarinense Rodrigo Muxfeldt Gularte foi pego ao tentar trazer cocaína dentro da prancha.

O advogado indonésio que defende os dois brasileiros, Riak Akbar, disse em janeiro à BBC Brasil que o processo de pedido de clemência não foi concluído e que havia esperança de que a pena de morte pudesse ser convertida em prisão perpétua.

“Eu espero que ambos sejam perdoados pelo presidente Susilo Bam-bang Yudhoyono e tenham a pena alterada”, disse Akbar.

Em dezembro de 2012, 113 presos aguardavam no corredor da morte na Indonésia – deste, 71 condenados por tráfico de drogas e muitos deles estrangeiros.

BBC

Recomendados para você

Comentários

  1. Rafael Postado em 09/Apr/2013 às 15:33

    Pode fuzilar!!!

  2. Juliana Postado em 09/Apr/2013 às 15:41

    Se foram dar uma de espertinhos lá fora, que pelo menos tivessem tomado ciência da lei local. Lá não é como o Brasil, que quanto mais bandido for, mais regalias tem. Bem feito e uma pena que a legislação deles não se aplica aqui.

  3. Cláudia Postado em 09/Apr/2013 às 15:55

    Fuzila logo. Traficante só traz dor de cabeça.

  4. lilian Postado em 09/Apr/2013 às 17:27

    Muito triste! O mundo está todo de cabeça pra baixo há muito tempo. Aqui você estupra, mata, rouba uma montanha de dinheiro público e sai livre; lá você corre o risco de ser fuzilado ou pegar pena perpétua por traficar 1K de pó! Absurdo!

  5. Julio Postado em 09/Apr/2013 às 17:48

    É moçada, lá o bicho pega pra malandro!

  6. Roberto Postado em 09/Apr/2013 às 17:57

    Putz!! É foda!! O que eu como brasileiro numa hora dessas vou dizer? Espero que ele não seja condenado à morte.

  7. Joaquim Dias Postado em 09/Apr/2013 às 21:59

    Se Realmente estava ciente que estava levava drogas,nesse caso Não deve ter Clemência

  8. Ricardo Postado em 10/Apr/2013 às 08:41

    Dura Lex, Sed Lex! Vão receber o que merecem por querer fazer algo errado em um país que não tem uma lei frouxa como o Brasil. Se aqui tb fosse assim, reduziria muito o tráfico. Mas sabemos que isto não vai acontecer pq a corrupção está entranhada em todas as esferas. Se eu fosse religioso, pediria a deus que os perdosse e recebe a alma deles. Como sou ateu... bye, bye trouxas.

  9. endrigo Postado em 10/Apr/2013 às 12:47

    Espero que todos que aqui postam tenham a mesma opinião sobre os 12 presos na bolivia... rs Chega de hipocrisia.

  10. Itamar Postado em 10/Apr/2013 às 13:05

    A questão é que com todo esse rigor o sistema lá e tão corrupto e tão falho quanto o Brasil...

  11. Veronica Postado em 10/Apr/2013 às 13:12

    Muito me entristece ler comentários que demonstram uma total falta de empatia e solidariedade em relação a um outro ser humano, ainda por cima nosso comparriota. As pessoas clamam por morte, têm um gozo em saber da possível execução de uma pessoa. Lamentável.

    • Vinicius Postado em 24/Jan/2015 às 17:23

      Essas pessoas que você descreveu são hipócritas pois se uma pessoa condenada fosse amiga ou familiar deles duvido que teriam a mesma postura.Na cabeça deles é pena de morte para todos menos familiares e amigos.

  12. Will Postado em 10/Apr/2013 às 14:25

    Acho que quem deveria decidir o final seriam as famílias que tiveram filhos perdidos para as drogas, pessoas que perderam parentes por serem vitimas de assaltos por drogados loucos por dinheiro para manter o vício. Mães que choram a morte de filhos jovens usados por traficantes como estes. Filhos de policiais que passam miséria depois do pai perder a vida em enfreamento com traficantes. Se estes aceitarem o perdão, tudo bem!

  13. Marcelo Sales Postado em 10/Apr/2013 às 14:32

    Sejamos coerentes... os brasileiros estão presos em um outro país e sujeitos a legislação local. Eles foram presos comentendo um crime. Não importa se o crime foi roubar uma galinha ou assassinar alguém ou tentar entrar em outro país com 13kg de cocaína. Trata-se de crime e o autor deve ser punido. Daí, podemos entrar na discussão da relevância do crime. O que é relavante pra você? Será que é o mesmo pra mim? Com certeza não. Logo, cada país sabe (ou deveria saber) o que impacta diretamente a ordem e seus costumes. Se vocês me perguntarem a MINHA OPINIÃO, eu diria que eles deveriam ser condenados sim, mas pelo crime cometido a pena de morte não seria algo a ser levado em consideração. Em se tratando de ex-esportistas da-se a entender que não eram traficantes profissionais e que provavelmente (não fui a fundo na questão) eles não eram reincidentes. Talvez fosse a primeira tentativa de cada um deles. E esse talvez, tenha chegado a esse ponto por desespero em algum momento da vida e por achar que isso seria a solução dos problemas. Enfim... percebam que há N hipóteses a serem levadas em consideração. Vamos deixar de ser passionais e passar a ser mais racionais... :)

  14. Anon Postado em 12/Apr/2013 às 18:01

    ainda estão esse tempo todo alimentando eles?

  15. Cesar Pereira Postado em 23/Apr/2013 às 22:02

    Fuzila logo. Traficante é uma praga.

  16. JOSÉ MARIA DO SANTOS Postado em 26/Apr/2013 às 17:38

    Esses IDIOTAS deve serem executados, sim. Até para servir de exemplo a outros que estão com a mesma intenção. Quem não tem pai em casa encontra na rua. Estavam tão acostumados no Brasil, onde é tão fácil matar, roubar, estuprar, traficar e ainda sair ileso. Mas lá fora é diferente. Eu só lamento é a demora para a execução. J. M. SANTOS/AP

  17. Marcos Postado em 03/May/2013 às 11:54

    Cambada de comentaristas ignorantes... Só existe tráfico porque existe proibição.

    • Vinicius Postado em 24/Jan/2015 às 17:24

      Pois é, parece que estou na página da Veja ou Folha de São Paulo.

  18. Leandro Coelho Postado em 13/May/2013 às 17:41

    Sou contra a pena de morte, mas já fui à Indonésia, e antes mesmo de chegar lá já sabia que eles são severos com traficantes, e sempre aplicam a pena de morte. A ilha de Bali (que o rapaz condenado já havia estado mais de uma vez) é CHEIA DE PLACAS COM AVISO DE PENA DE MORTE PARA O TRÁFICO, e também são escritas em letras maiúsculas, e têm, inclusive, o desenho de caveiras. Ou seja, o sujeito estava careca de saber que a pena de morte vigorava, mas mesmo assim achou que seria esperto e decidiu colocar a vida em risco, apostando-a numa roleta de cassino. Seu destino foi o mesmo dos jogadores: ganhou por um tempo, mas um dia acabou perdendo. Agora, não vejo motivo para choro....Lamento por ele, e se pudesse ajudar até pediria pelo rapaz, mas a culpa é inteiramente dele por ter sido leviano e irresponsável, além de egoísta, pois ele mesmo já deve ter matado alguém com as drogas que vendia...

  19. sergio Postado em 13/May/2013 às 20:33

    E ainda existem pessoas querendo livrar a cara desses dois MARGINAS...

  20. Sergio Postado em 14/May/2013 às 15:03

    Vamos levar uns "puliticus" para lá!!!!!!!!!!!!!

  21. lourdes nenen Postado em 19/Jan/2015 às 18:13

    cada pais tem os gonvernates que merecem;moro em bh minas gerais e não temos mais as mesma liberdades que antes!podemos ver que a cada dia o nosso comercio esta tomado por estrangeiros de modo geral!grandes comerciantes tiveram que fechar as portas dos comecios pra os estrangeiros tomar posse é muita coisa que ta errado no nosso pais;podemos ver a china tomando conta do brasil ,sem nem um constrangimento,isso é repugninante ,intragavel,pior nós não temos direitos nem de reclamar nada ;quando compramos mercadorias em sua lojas,não temos direitos de torcas ,abuso ao consumidor,eles não respeita as nossas leis!chinga os consumidores na liguagem deles,e temos que nos calar.!os ningerianos ocupando os espaços que poderia ser pra nossa geração;não me conformo com tanta bondade da nossa prasidente dilma;penso que 2020o proximo presidente sera um chineis ,angoliano,boliviano,ou qualquer um outro estrangeiro;sabe porque?é muito facil entrar e morar no brasil! náo se preocupe !!isso que aconteceu na indonesia;não serve ´so pros traficantes não;vai um brasileiro morar la inlegal pra ver!!fica ai meus desbafos;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;