Luis Soares
Colunista
Compartilhar
São Paulo 15/Apr/2013 às 17:37
11
Comentários

Maioria petista aprova projeto tucano de homenagem à ROTA

Vereadores do PT assinam projeto que homenageia a Rota por atuação na ditadura militar. A troco de quê?

rota-telhada-ditadura

Maioria dos vereadores do PT votou a favor do projeto que homenageia a ROTA, de autoria do Coronel Paulo Telhada (PSDB)

A maioria dos vereadores petistas da Câmara Municipal de São Paulo votou a favor do projeto de lei que irá homenagear a Rota (Ronda Ostensiva Tobias de Aguiar) com uma salva de prata. De autoria do ex-coronel do batalhão e vereador pelo PSDB Paulo Telhada, o objetivo é, segundo o tucano, “homenagear o Batalhão pelos relevantes serviços prestados a sociedade brasileira e, em especial, ao povo do Estado de São Paulo”.

No texto do projeto, Telhada destaca a atuação da Rota durante a ditadura civil-militar, que perseguiu guerrilheiros como Carlos Lamarca e Carlos Marighella. “Mais uma vez dentro da história, o Primeiro Batalhão Policial Militar ‘TOBIAS DE AGUIAR’, sob o comando do Ten Cel SALVADOR D’AQUINO [fundador da Rota], é chamado a dar sequência no seu passado heróico, desta vez no combate à Guerrilha Urbana que atormentava o povo paulista (sic)”, diz trecho do texto.

Leia também

Dos 55 vereadores da casa, 34 deram o aval ao projeto. Como era de se esperar, dois integrantes da chamada “bancada da bala”: Conte Lopes (PTB) e o coronel Camilo (PSD).

Na lista, também figuram vereadores do PSDB (Andrea Matarazzo e Mário Covas Neto, por exemplo), PV (Gilberto Natalini), PPS (Ricardo Young), PMDB (Rubens Calvo), PSB (Noemi Nonato e Ota) e PRB (Jean Madeira).

Nenhuma surpresa.

O espantoso é que sete dos 11 vereadores do PT são signatários (veja lista abaixo).

A proposta de Telhada tramita na Comissão de Educação, Cultura e Esporte, que vai julgar o mérito nos próximos dias.

Os vereadores do PT que assinaram:

Alessandro Guedes
Alfredo Alves Cavalcante (Alfredinho)
Arselino Tatto
Jair Tatto,
Paulo Batista dos Reis (Reis)
Senival Moura
Valdemar da Silva (Vavá)

Os vereadores do PT que NÃO assinaram:

Juliana Cardoso
Nabil Bonduki
Paulo Fiorillo
José Américo

Brasil de Fato

Recomendados para você

Comentários

  1. Thiago Postado em 15/Apr/2013 às 19:30

    Sem cabimento.

  2. Thiago Teixeira Postado em 15/Apr/2013 às 19:34

    Acho que esta categoria sofre de um preconceito odioso implantado pela grande mídia. Não acho nada de mais eles serem homenagiados. Criticar é facil, quero ver vestir a farda e sair na rua arriscando a vida a troco de R$ 3.000,00 mensais.

  3. Oscar Postado em 15/Apr/2013 às 21:55

    Espero que os eleitores se lembrem destes nomes nas próximas eleições!

  4. Rafael Postado em 15/Apr/2013 às 23:28

    Thiago Teixeira,você está analisando dentro de um parâmetro diferente do que foi citado.A questão é uma homenagem a ROTA por atuações durante a ditadura e contra a oposição de esquerdista e não por atuações nos dias de hoje e com um salário baixo,saiba interpretar a situação

  5. Rudi Postado em 16/Apr/2013 às 09:53

    Noto o preconceito do site para com a ROTA. O objetivo está bastante claro “homenagear o Batalhão pelos relevantes serviços prestados a sociedade brasileira e, em especial, ao povo do Estado de São Paulo”. Os senhores não acham que a ROTA presta um bom serviço a sociedade, com seu componentes arriscando a vida diariamente em nome da nossa segurança? Ou o preconceito é porque em tempos idos a ROTA combateu a guerrilha urbana?

  6. João Postado em 16/Apr/2013 às 22:44

    Mário Covas Neto?! Vovô deve estar muito orgulhoso agora.

  7. Vinicius Martins Postado em 17/Apr/2013 às 12:10

    É triste ver como o PT se vendeu. Não é mais o mesmo partido.

  8. Cacique Postado em 17/Apr/2013 às 14:32

    Caros Rudi, Thiago Teixeira e demais pessoas com dificuldade em enxergar as coisas de fato, a crítica não é aos policiais. Não é sequer à atuação atual da polícia. A crítica é à homenagem ao órgão que prendeu, espancou, torturou e matou pessoas que lutaram contra a ditadura. Os policiais que arriscam suas vidas por um salário indecente merecem ser homenageados. Os que cometem ou cometeram crimes, não. E a homenagem claramente dá ênfase aos crimes cometidos pela ROTA na ditadura. Já não basta que esses crimes fiquem impunes, eles também precisam ser HOMENAGEADOS? E, pior, com o aval do partido que surgiu das lutas contra a ditadura, o PT?

  9. Mr.mad Postado em 27/May/2013 às 19:27

    putz existem pessoas que não tem o mínimo de intelecto para entender uma simples matéria como essa ... ou seria a falta de conhecimentos basicos de história, politica enfim ... lamentável !!!

  10. Fabio goudet Postado em 04/Jun/2013 às 14:55

    Leiam ROTA 66 E PARA DE DEFECAR PELA BOCA....... A Rota fede a putrefação,matou mais gente que todas as guerras internas do Brasil. Que vergonha PT , nao reconheço mais você!!!

  11. Fabiana Postado em 14/Jun/2013 às 07:29

    Partido é tudo igual! Conduzem ao mesmo lugar! Isso é ilusão!