Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Direitos Humanos 27/Mar/2013 às 15:35
14
Comentários

Feliciano manda segurança prender manifestante que o chamou de 'racista'

Marco Feliciano ordena a prisão de um manifestante que o teria chamado de ‘racista’. Tumulto levou à suspensão da reunião da Comissão de Direitos Humanos. Manifestantes tentaram conter seguranças, mas ativista foi para delegacia

O presidente da Comissão de Direitos Humanos, deputado Marco Feliciano (PSC-SP), determinou à segurança que levasse preso um manifestante que o chamou de “racista” durante reunião da comissão, na tarde desta quarta (27). Em razão do tumulto, ele suspendeu a sessão e transferiu a reunião da comissão para outro plenário

A sessão começou às 14h20 sob o barulho de apitos. Marco Feliciano tentou falar, mas foi interrompido por palavras de ordem: “Não, não me representa, não”; “Não respeita negros, não respeita homossexuais, não respeita mulheres, não vou te respeitar não”. Depois, um parlamentar iniciou uma explanação sobre a situação dos corintianos na Bolívia e foi interrompido por um manifestante: “Você está ao lado de um racista, não aceite não”. Feliciano, então, apontou para um manifestante e determinou a prisão.

“Aquele senhor de barba, chama a segurança. Ele me chamou de racista. Racismo é crime. Ele vai sair preso daqui”, afirmou Feliciano, alvo de protestos pelo país por declarações consideradas racistas e homofóbicas.

Assista abaixo:

Os seguranças imediatamente se dirigiram para o fundo da sala da comissão, onde se encontravam os manifestantes e tentaram deter o rapaz. Outros jovens que protestavam contra a permanência de Feliciano na comissão tentaram evitar, sem sucesso, que ele fosse retirado da comissão.

Leia também

O jovem, que se identificou como Marcelo Régis Pereira, começou a gritar: “Isso é porque sou negro. Eu sou negro.” Os seguranças informaram que o rapaz seria levado para a Delegacia da Polícia Legislativa para prestar depoimento.

Depois que os seguranças retiraram o rapaz, Feliciano disse: “podem espernear, fui eleito com o voto do povo”.

Feliciano suspendeu a sessão por cinco minutos e transferiu a reunião para outra sala, onde entrada de manifestantes tanto contrários a ele quanto a favor foi proibida.

Antes de a reunião se iniciar, seguranças da Câmara dos Deputados limitaram a entrada de manifestantes na reunião da Comissão de Direitos Humanos.

Senhas para acompanhar a sessão

Eles entregaram senhas e só autorizaram a entrada de 20 manifestantes contrários ao parlamentar e outros 20 a favor.

Na noite desta terça (26), líderes partidários se reuniram e programaram para a próxima terça (2), às 11h, um encontro para alertar o deputado de que ele não tem apoio para continuar na comissão e pedir que ele renuncie. A bancada do PSC, partido de Feliciano, anunciou apoio à decisão dele de não renunciar.

feliciano direitos humanos racista

Pastor Marco Feliciano, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, ordenou a prisão de um manifestante que o teria chamado de racista (Foto: aBr)

No plenário da comissão formou-se uma batalha de protestos. Grupo de evangélicos gritava “Jesus, Jesus” e “fica, Feliciano”, enquanto manifestantes contrários a Feliciano bradavam “Estado laico já” e “Fica na sua igreja”.

Segundo os seguranças, a limitação da entrada foi para “evitar a bagunça” ocorrida nas últimas duas reuniões da comissão. Nesta terça (26), Feliciano havia anunciado que “tomaria cautelas” para que não houvesse tumulto.

“Família sadia, homem e mulher procriando”

A estudante Júlia Maria Soares criticou a entrega de senhas. “Isso é a casa do povo, todos deviam poder entrar. O limite deveria ser o do espaço físico, não entrega de senhas e divisão de grupos”, afirmou. Ela disse que a mobilização contra Feliciano continuará enquanto ele não renunciar.

Já a comerciante Antônia dos Santos Carneiro, da igreja Assembleia de Deus, afirmou que foi dar apoio a Feliciano para que ele permaneça na comissão e “defenda a família”.

“Eu vim aqui para apoiar o pastor Feliciano. Queremos dar apoio à família. Defendemos uma família sadia, homem e mulher procriando. Queremos Feliciano na presidência porque ele vai defender a família”, disse.

Agência Brasil, com informações do G1

Recomendados para você

Comentários

  1. Betina Postado em 27/Mar/2013 às 16:36

    Absurdo! Esse homem é um absurdo.

  2. Pablo Vieira de Mendonça Postado em 27/Mar/2013 às 17:02

    Meu Deus, eu vejo tragédia próxima.Infelizmente! Por que esse homem não renuncia? Usou exegese e apologética em redes sociais tocando num assunto pífio de teologia e voltando isso para as massas! Isto não é postura de parlamentar. Faltou sabedoria demais! Será que ele não tem pena dos seus familiares, da própria pele? A que ponto chegamos? O que esse PSC virou? Seria caso de "Neo-Entrismo Sui Generis"? Que retrocesso! Que absurdo!

  3. Oscar Postado em 27/Mar/2013 às 17:20

    Essa (in)feliciana está ficando cada vez atrevidinha! Em vez de ficar quietinha lá na casa dela, olhando os "sites" de homens pelados, virou pastora e subiu no salto. Só porque não pode mais assumir a homossexualidade dela, morre de inveja das bichas que estão curtindo a vida adoidado. Não se pode assobiar e chupar cana ao mesmo tempo: como pastora, ela tem que colocar aquele terninho horroroso e aquela gravatinha medonha e ficar fingindo ser macho. Como pastora ela ganha muito mais do que ficar rodando bolsinha na rua. Mas ainda vai chegar a hora dela, não perde por esperar... A pastora vai pastar, kkkkk!

  4. Jc Postado em 27/Mar/2013 às 20:23

    Este lamentável episódio, nos mostra o quanto estamos distante de um sistema democrática. A 'vossa excelência', usarei esta forma, pois não sei com quem estou falando. Típico da elite brasileira, símbolos do 'panteão da liberdade', ao ponto de visitar o país dos outros (Venezuela), questionar se de fato este é um pais democrático. Enquanto aqui , agem de forma arbitrária,eis o exemplo do vosso parlamentar que impõe voz de prisão a um protestante por chama-lhe de racista. O seu sinismo foi tão além, que ele mandou que o protestante provasse tal comportamento. Negando, as suas palavras proferidas em rede social. Onde o seu Deus seletista, reservou um papel secundário ao homem negro, pois este seria originária de uma linhagem amaldiçoada. Como se isto não fosse o suficiente para provar o quanto este figurão fomenta um discurso racista,onde substima a dignidade do homem negro. No entanto, vivemos em um país em queas regras sociais de funcionamento são ordenadas desta maneira, ' manda quem pode, obdece quem tem juízo', este princípios norteadores de nossa' Democracia à La Tupiniquim'.

  5. Salomão Carvalho Postado em 27/Mar/2013 às 20:36

    Pragmatismo Político, leia a matéria: "Rachel Sheherazade e a demoniocracia do PT" http://wp.me/p1uBiQ-p3 "A maior trama criminosa de todos os tempos", por Olavo de Carvalho! Você que não sabe quem é o PT, leia este artigo e fique estarrecido!

  6. Gustavo Beckmann Postado em 27/Mar/2013 às 23:44

    Ninguém estaria contrário à "família", pelo amor de Deus! (Ênfase para a foto: uma mão negra servindo Feliciano).

  7. olympio Postado em 28/Mar/2013 às 00:03

    Esse homem é a maior demonstração de como os direitos humanos são levados a sério no Brasil. Com tantas manifestações contrárias a sua presença o mesmo foi colocado e continua na comissão de Direitos Humanos mesmo contrariando os interesses de grupos que "verdadeiramente" limitam em prol dos direitos humanos.

  8. val araujo Postado em 28/Mar/2013 às 00:57

    como pode o cara ser racista se ele não é branco?não que ser loiro olhos claros e tal justifique qualquer ato racista,mais pô,o cara é o tipico brasileiro como a maioria de nós,vai entender...tem que chamar ele de racista e ridiculo!

  9. Rodrigo Teixeira Postado em 28/Mar/2013 às 07:16

    Salomão Carvalho. Olavetes podem ser equiparados em nível de sanidade mental e credibilidade do grupo de defensores do "Elvis não morreu" e o homem nunca foi a Lua. Resumindo você acabou de colocar em cheque a sua sanidade mental, citando Olavo de Carvalho

  10. Abdo Souza Postado em 28/Mar/2013 às 07:28

    Na verdade, ele teve razão em mandar prender. Qual é gente? Racista? Ele (Feliciano) foi muito infeliz nas declarações dele, e acredito que todos concordem que ele é um sem noção. Mas acusar ele de racismo e homofobia é ser tão sem noção quanto, não precisa disso. O cara assumiu a comissão de DH e não merece estar lá, entendo a revolta! Eu também me revolto, mas atrapalhar sessões e ficar gritando como um pirralho mimado(ofensas) não vai ajudar. Deixem que o cara presida a comissão, acompanhem, cobrem o que for necessário e discutam ideias! Vai que no diaologo o cara muda? E se não mudar, pela democracia ele pode sair de lá, afinal foi democraticamente que colocaram ele lá em primeiro lugar.

  11. Cristiane Postado em 28/Mar/2013 às 09:02

    Absurdo demais. "Meu" ponto de vista a respeito disse é que seja somente uma jogada para encobrir outras atrocidades que estão acontecendo la dentro do plenário. Colocaram um homofóbico racista para assumir a CDH pra provocar toda essa comoção que esta havendo, por ser algo intolerável e absurdo, fazendo assim com que os holofotes estejam voltados para o tal Feliciano enquanto Renan "Calhorda" esta ficando em segundo plano junto de José Genuíno.

  12. Abdo Souza Postado em 28/Mar/2013 às 09:07

    Cristiane, é verdade que todo esse "barulho" existe para encobrir os reais problemas e as falcatruas por ai a fora.

  13. José de S.B.Sobrinho Postado em 29/Mar/2013 às 08:17

    Gente, em que ponto chegamos? Os homossexuais não reconhecem os direitos dos heteros? Não querem, de jeito nenhum que Marco Feliciano, eleito democraticamente como Jean Wyllys e congêneres, exerça o mandato simplesmente por intolerância ao mesmo? Que país queres esses baderneiros criarem? Marco está corretíssimo ao mandar prender não só esse mas todos os que o desrespeitarem! Experimentem, senhores extremistas e intolerantes, fazerem a bagunça contra a Presidente ou qualquer outro líder e vejam a reação! Se vocês querem direitos, lembrem-se que há um caminho de deveres para se andar! Infelizmente, parece que esse bando não entende nada de democracia e só de anarquia. Deveriam ir para Cuba, Coréia do Norte, Arábia Saudita e/ou outro "paraíso" qualquer, para eles verem o que é bom para a tosse! Mal criados!

  14. Blayz Postado em 08/Jun/2013 às 08:58

    Cara, ninguém pode sair chamando o outro de racista assim não. Isso é errado.