Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Homofobia 07/Feb/2013 às 19:01
42
Comentários

Conselho Federal de Psicologia repudia Silas Malafaia

Conselho Federal de Psicologia se posiciona contrariamente às declarações do pastor Silas Malafaia. Líder da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo foi entrevistado durante programa exibido pelo SBT no último domingo

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) manifesta publicamente seu repúdio às declarações do líder da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, Silas Malafaia, feitas no último domingo (3/2), durante um programa de entrevistas exibido pelo SBT. Em sua participação, o pastor evangélico agrediu a perspectiva dos Direitos Humanos a uma cultura de paz e de uma sociedade que contemple a diversidade e o respeito à livre orientação – objetos da atuação da Psicologia, que se pauta na defesa da subjetividade das identidades.

malafaia assembleia deus vitória cristo

Pastor Silas Malafaia durante pregação na Assembleia de Deus Vitória em Cristo (Foto: Reprodução)

As declarações de Malafaia, que é graduado em Psicologia, afrontam a construção das lutas da categoria ao longo dos anos pela defesa da diversidade. É lamentável que exista um profissional que defenda uma posição de retrocesso que chega a ser quase inquisitório, colocando como vertentes do seu pensamento a exclusão e o preconceito na leitura dos Direitos Humanos.

Ao alegar que a homossexualidade é uma questão de comportamento, o pastor se mostra contrário às bandeiras levantadas pela Psicologia, especialmente no que tange a Resolução CFP nº 001/99, estabelece normas de conduta profissional para o psicólogo na abordagem da orientação sexual, visando garantir um posicionamento de acordo com os preceitos éticos da profissão e a fiel observância à promoção dos direitos humanos. Considera que a homossexualidade não constitui doença, desvio ou perversão, posto que diferentes modos de exercício da sexualidade fazem parte das possibilidades de existência humana.

Leia também

O dispositivo busca contribuir para o desaparecimento das discriminações em torno de práticas homoeróticas e proíbe as psicólogas (os) de proporem qualquer tratamento ou ação a favor de uma ‘cura’, ou seja, práticas de patologização da homossexualidade. Infelizmente, nada disso soa em consonância com o discurso de Silas Malafaia.

A Resolução declara, ainda, que é um princípio da (o) psicóloga (o) o respeito à livre orientação sexual dos indivíduos e o apoio à elaboração de formas de enfrentamento no lidar com as realidades sociais de maneira integrada. É dever do profissional de Psicologia fornecer subsídios que levem à felicidade e o bem-estar das pessoas considerando sua orientação sexual.

Esse tipo de manifestação da homofobia na sociedade brasileira contribui para a violação dos direitos humanos de parcela significativa da população. Vale lembrar que esses tipos de casos resultaram, no ano de 2011, em 278 assassinatos motivados por orientação sexual, de acordo com o Disque Direitos Humanos (Disque 100).

Dessa forma, podemos entender que a construção sócio-histórica da figura do homossexual como anormal que precisa ser corrigido e, por vezes, exterminado para a manutenção dos valores e do bem estar social, ainda se faz presente em nossa sociedade. Entretanto, a violência destinada a sujeitos que têm suas sexualidades consideradas como ‘desviantes’ não se resume a agressões e assassinatos. De fato, tais manifestações só se tornam possíveis a partir de uma rede de discursos que os colocam como inferiores, vítimas de sua própria existência. Esses discursos e práticas são, então, ações de extermínios de subjetividades indesejadas.

Com base nessa realidade, é também uma tarefa da Psicologia contribuir para o enfrentamento da homofobia e suas repercussões sociais. A importância dessa ação é tanta, que em novembro de 2012 o CFP assinou um termo de cooperação com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) para tratar do tema por meio de Comitês de Enfrentamento à Homofobia e da Campanha Faça do Brasil um Território Livre da Homofobia.

A atitude desrespeitosa de Malafaia com homossexuais ressalta um tipo de comportamento preconceituoso que não se insere, em hipótese alguma, no tipo de sociedade que a Psicologia vem trabalhando para construir com outros atores sociais igualmente sensíveis e defensores dos Direitos Humanos. O Brasil só será um país democrático, de fato, se incorporar valores e práticas para uma cidadania plena, sem nenhum tipo de discriminação. Exatamente o oposto do que prega o referido pastor.

CFP

Recomendados para você

Comentários

  1. Jackson Postado em 07/Feb/2013 às 19:17

    Psicologia é apenas uma filosofia do comportamento. Neurologia e psiquiatria é ciência.

  2. Postado em 07/Feb/2013 às 20:19

    Fanatismo religioso deveria ser qualificado como doença.

  3. Edgard Postado em 07/Feb/2013 às 22:53

    Ele,acima de ser pscicólogo,ele segue uma filosofia..uma doutrina,um pensamento: BÍBLICO. E a psicologia está paltada principalmente em teses,pensamentos,filosofias e metoos tipicamente "Ateus" e evolucionistas.Evidentemente por ele lá no programa agir como um "cristão" ele digamso que..."quebrou a promessa que todo formando faz quando ganha o diploma" kkkk São as consequencias "materiais" de lutar a favor do evangelho. Não estou no lado dele,a saber, defendo o evenagelho ^^ Silas sabe que isso certamente iria acontecer. Naturalmente isto ocorreu.

  4. cecindo da silva Postado em 07/Feb/2013 às 23:07

    o mundo so sera melhor quando as pessoas deixar de julgar aos outros isso compete somente a Deus no meu modo de ver esses paator tão tudo perdido quem tem fé Deus não deve temer o inimigo as vezes eu me pergunto sera que os envangelico vão a igreja por amor a Deus ou pelo medo do diabo e complicado na biblia eu me espelho muito no JÓ por tudo que êle passou e sofreu e sempre agradecendo a Deus coisa que muito religiosos não fazem o que eu aprendi que a maior dignidade que se deve ter a agradecer a Deus em qualquer circuntancia esses pastores não pregão sem por cento a palavra de Deus mais falam no Diabo que no salvador Jesus Cristo o que eu sei é que o homem depende de seu pensamento nós somos aquilo que nossos penstos quer que sege coração agradecido comunica-se com Deus o quissoso e lamurioso com satanas poriço quem vive agradeçando caminha para felicidade quem vive lamuriando caminha para infelicidade alegrem-se que coisas boas virão.

  5. Camila Postado em 08/Feb/2013 às 00:06

    O conselho só fez CONFIRMAR o que o Silas diz a todo o momento, que se trata de COMPORTAMENTO, jamais doença, e sim comportamento, ninguém TEM QUE deixar de ser gay, mas o que assim desejarem também tem o DIREITO DE! Sou psicóloga e concordo em gênero, número e grau com o pastor.

  6. Robson Silva Postado em 08/Feb/2013 às 05:41

    Todo discurso que segrega, discrimina, demoniza, abomina, diminui o outro em sua inerente dignidade humana; que não aceita que o seu semelhante humano detenha direitos iguais, sob qualquer desculpa, e, em especial, por argumentos fanático-ideológico-religiosos; não é em absoluto “liberdade de expressão”, é, isso sim, apenas a mera prática oportunista, abjeta e odiosa de uma afoita e pretensa “liberdade de oprimir”, se arvorando a um “direito” de vilipendiar de modo covarde, cínico e cruel, via discurso religioso falacioso, apedeuta e hipócrita; o direito do outro ser diferente e viver de modo livre. Fanatismo religioso não combina com liberdade, nem com democracia, é apenas nazifascismo tosca e porcamente maquiado de fé cega e credulidade burra.

  7. celso nascimento Postado em 08/Feb/2013 às 10:20

    maluco,demente,tarado mental

  8. Jonathan Julião Postado em 08/Feb/2013 às 11:14

    Não se trata de julgar as pessoas. O próprio apóstolo Paulo, no capítulo 1 da Carta aos Romanos, fala que a homossexualidade (ou homossexualismo, como queiram) é decorrente da depravação moral e da corrupção espiritual em que se encontram os homens, e que é apenas uma, entre tantas coisas, que Satanás deixou de legado aos homens. Fala que os que praticam tais coisas serão condenados. A Bíblia diz que Sodoma e Gomorra foram destruídas por causa de suas práticas sexuais abomináveis (homossexualidade e outras práticas equiparadas). Numa de suas cartas pastorais à Timóteo, em que Paulo lhe dá instruções de como proceder no ofício de sacerdote/pastor, Paulo é incisivo: "Sabemos que a lei é boa, se alguém a usa de maneira adequada. Também sabemos que ela não é feita para os justos, mas para os transgressores e insubordinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreverentes, para os que matam pai e mãe, para os homicidas, para os que praticam imoralidade sexual e os HOMOSSEXUAIS, para os seqüestradores, para os mentirosos e os que juram falsamente; e para todo aquele que se opõe à sã doutrina." 1 Timóteo 1:8-10 Para os irmãos de Corinto, ele escreveu: "Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem HOMOSSEXUAIS passivos ou ativos, nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus." 1 Coríntios 6:9-11 A jornalista Marília Gabriela indignou-se quando Silas disse que amava "os homossexuais sim, assim como amava os ladrões, assassinos", etc, como se ele houvesse equiparado as condutas de todos. Silas não fez isso, não disse que a conduta do assassino e do homossexual tinham a mesma gravidade, o mesmo grau de reprovabilidade, mas ele quis dizer, assim como o ap. Paulo o fez em suas cartas, que tanto uns como outros teriam o mesmo fim eterno: seriam condenados, e pela desobediência a Deus! Como Paulo fez, Silas apenas os estava advertindo acerca do final trágico dessas pessoas que seguem na vida ignorando o Evangelho de Cristo. Graça e Paz.

  9. Sergio Pioli Postado em 08/Feb/2013 às 11:28

    "Ao alegar que a homossexualidade é uma questão de comportamento, o pastor se mostra contrário às bandeiras levantadas pela Psicologia, especialmente no que tange a Resolução CFP nº 001/99, estabelece normas de conduta profissional para o psicólogo na abordagem da orientação sexual,visando garantir um posicionamento de acordo com os preceitos éticos da profissão e a fiel observância à promoção dos direitos humanos. Considera que a homossexualidade não constitui doença, desvio ou perversão, posto que diferentes modos de exercício da sexualidade fazem parte das possibilidades de existência humana." Conforme o dicionário Aulete: Desvio: 1. Ação ou resultado de desviar(-se) do caminho ou posição inicial: Houve um desvio na rota do avião: desvio do septo nasal. 2. Caminho ou passagem alternativos (em estrada, ferrovia etc.): Entrou com o carro em um desvio. 3. Chave que permite ao trem passar de uma linha da ferrovia a outra 4. Sinuosidade, curva: Cuidado com o desvio na estrada 5. Lugar afastado, escondido; RECANTO: Construiu a cabana num desvio em plena mata 6. Jur. O mesmo que concussão (4). 7. Subtração fraudulenta de valores; DESCAMINHO; DESFALQUE; EXTRAVIO: A empresa descobriu um desvio de milhões em seus cofres. 8. Afastamento de um padrão de conduta, de normas etc. (desvio de comportamento) 9. Erro, diferença (desvio de cálculo) [F.: Dev. de desviar. Hom./Par.: desvio (sm.), desvio (fl. de desviar)] Ora, fica claro que, não aceitando a hipótese de orientação sexual formada pelo meio (comportamento, ainda que adquirido de maneira inconsciente e não optativa), pressupõe-se que o CFP trabalha com a linha da Psicologia Evolutiva (Sociobiologia), que prega que a orientação sexual tem forte influência da genética. Muito bem, considerando-se que "nascemos com nossa orientação PROGRAMADA" (ainda que admita-se que fatores externos possam modificá-la), está o CPF admitindo também que a homossexualidade é, sim, um desvio, pois trata-se de comportamento DESVIANTE do "padrão" (como cita o dicionário: Afastamento de um padrão de conduta, de normas, etc.). Vocês não acham isso um tanto quanto contraditório? Por outro lado, se admitíssemos (embora não seja verdade) que toda orientação sexual é ESCOLHIDA CONSCIENTEMENTE, não seria o caso de toda a sociedade respeitar o direito do indivíduo de fazer o que quiser com aquilo que só lhe pertence?

  10. Roseli Oliveira Postado em 08/Feb/2013 às 11:45

    Acho que além do repúdio caberia a instauração de um procedimento disciplinar. Eu assisti a entrevista e, ele, além de responder à Gabi que era formado em psicologia, tb usou os "conhecimentos" que adquiriu nos 5 anos de estudo para defender suas teses.

  11. VBorg Postado em 08/Feb/2013 às 12:55

    O maior problema de toda reliigião, é quando as pessoas deturpam tudo o que a mesma prega e viram FANÁTICOS e LADRÕES !!

  12. ERNANDES Postado em 08/Feb/2013 às 16:10

    APENAS UM CONSELHO: DEZ MINUTOS QUE SE FALA EM SILAS MALAFAIA SÃO DEZ MINUTOS DE ATRASO INTELECTUAL.

  13. Ismael Postado em 08/Feb/2013 às 17:28

    Na minha opinião, preconceito não é opinião nem sofismas de debatedores profissionais significa muita coisa. Só há uma lógica para o comportamento desse viado enrustido: cadeia por homofobia e estelionato, e por insuflação à violência e ao ódio.

  14. Werner Postado em 08/Feb/2013 às 18:29

    As pessoas não entendem que não há nada que demonstre ser a homossexualidade algo genético. Achar isso é ter uma opinião a respeito, mas ter uma opinião sobre alguma coisa está longe de se ter conhecimento sobre ela. Devemos nos permitir questionar tudo, e não querer calar os outros com acusações de homofobia. Se esse pastor está errado, que se demonstre cientificamente que sim. Agora ficar nessa ladainha da CPF que me faz pensar que a psicologia não tem por objetivo a verdade, mas sim fazer as pessoas ficarem contentes lhes dizendo o que querem ouvir, só faz com que se dê mais crédito a esse pastor.

  15. George William Postado em 08/Feb/2013 às 20:08

    Tenho uma questão em dúvida: o transtorno de Hitler era comportamental, ou uma opção para a constituição de uma nova raça? Ou eram os judeus que o respeitava e a opinião nazista? Não vejo nada de absurdo alguém dar opinião sobre diversos assuntos...bom seria observarmos ao nosso redor quantos morrem...mergulhados nas drogas, no caus social...Eu tenho feito algo para ajuda-los e VOCÊ????? Agora é fácil meter o dedo nos olhos dos que fazem. Eu não assisti a entrevista. Mas o cara chegou até onde esta por mérito próprio!!! E VOCÊ, onde está...num programa de alguma das redes de televisão????...rsrsr...deixem de hipocrisia e infantilidades...FAÇA SUA PARTE...

  16. Wilson B M Postado em 08/Feb/2013 às 22:14

    Malafaia é um exímio adestrador de cordeiros. O pior de tudo é que nem a Receita Federal incomoda esse patife, já que são imunes de todo o tipode imposto. Vergonha uma cara desses ter voz nas redes de TV, que são concessões públicas.

  17. alzira Postado em 09/Feb/2013 às 11:19

    Não precisamos "seguir" Malafaia como "adestrador" de cordeiros ou acreditar em tudo que "é" filosofia ou psicologia. É bastante ler a Bíblia que é o maior manual de comportamento.

  18. marcelo Postado em 09/Feb/2013 às 11:56

    e outra coisa RESPEITO é muito bom pra todo mundo inclusive para homossexuais. nós temos que respeitar todos e aprender os limites de uma sociedade. se cada um pensar em respeitar o seu próximo você vive a vida que quiser, sendo respeitado e respeitando. simples assim

  19. Paulo Postado em 09/Feb/2013 às 14:48

    “Um movimento semelhante ao nazista, que perfeitamente se enquadra na postura discriminatória às minorias (…), tal como ocorreu em todos os fenômenos históricos de ‘caça às bruxas’. A bruxa, de fato, representa a voz que condena, embora, cínica e venal, diga-se apiedada. Piedade não se mostra em palavras, mas sim em atos.” Benjamin Teixeira de Aguiar pelo Espírito Gustavo Henrique

  20. Marcos Postado em 09/Feb/2013 às 14:51

    Olhe só aquele mané!!! Ele acha que pode atacar gays, porque está dito na Bíblia. Também está escrito, no Apocalipse, que só homens (e nenhuma mulher), e virgens, entrarão no Reino dos Céus! Abra o olho, mané! A Bíblia é para ser interpretada com zelo e amor, e não ao pé da letra, como crianças e doentes mentais fazem. Quem pensa que a entende, sendo preconceituoso, age como os fariseus ao tempo de Jesus.

  21. zico Postado em 09/Feb/2013 às 20:41

    Na minha opinião, preconceito não é opinião nem sofismas de debatedores profissionais significa muita coisa. Só há uma lógica para o comportamento desse viado enrustido: cadeia por homofobia e estelionato, e por insuflação à violência e ao ódio.

  22. JORGE BATISTA DE SOUZA Postado em 10/Feb/2013 às 09:02

    Não existem cromossomos que definam ORIENTAÇÃO SEXUAL GAY, como não existem genes que definam ORIENTAÇÃO SEXUAL HETERO. Os gens definem apenas o sexo GENÉTICO masculino ou feminino. Se o bebê vai virar GAY DO SEXO MASCULINO ou HETERO DO SEXO MASCULINO não depende do sexo biológico de nascimento. Isso é o sexo PSICOLÓGICO que vem depois. Isso é um conceito tão rudimentar da PSICOLOGIA que o Malafaia propositalmente evitou... e o olha que ele tem grau em psicologia (o que só agrava a situação, pois ele poderia ter o discurso de ódio que tem por IGNORÂNCIA, mas sendo tendo cursado psicologia, então não tem desculpa).

  23. Regirlandio Postado em 11/Feb/2013 às 11:59

    É a livre manifestação do pensamento, ele foi como pastor e não como psicólogo. E como psicólogo ele afirmou os dados feitos por instituições sobre o comportamento homossexual. E como Pastor evangélico ou de como qualquer pessoa que possui religião praticante, ele se posiciona contra "o qual é um direito de todos" mas respeita quem pratica. Ele em nenhum momento citou isto como doença como diz a resolução que proíbe o comportamento do psicólogo, apenas afirmou o que a próprio psicologia afirma, que é uma escolha e não é genético ou doença quando cita os cromossomos! Infelizmente a reportagem foi tendenciosa contra um grupo que a milênios se detém nestes valores. O terceiro parágrafo dessa própria reportagem entra contradição: 1º quando ela fala sobre diversidade o que isto quer dizer? todos devem pensar iguais ou porque ele é homossexual eu tenho que aprovar também? Não posso ser contra como eu sou palmeirense e respeito os corintianos? E o erro mais grave dessa matéria esta onde é citada a resolução onde no resumo diz RES: "homossexualidade não constitui doença, desvio ou perversão"" se a próprio jornal pragmatismo cita que ele afirmou como COMPORTAMENTO: ""Ao alegar que a homossexualidade é uma questão de comportamento..."" Ele não falou que era doença e sim escolha, como a própria resolução defende. Agora não é porque ele seja pastor que não vai citar o ponto de vista Cristão. E se fala de diversidade, mas não pode ser evangélico tem que ser o modismo ou o que mídia manda. É assim???

  24. Larissa Postado em 11/Feb/2013 às 14:13

    O CFP precisou de 7 dias para escrever isto?! Não é à toa que o CFP é um conselho formado somente por marxistas culturais. Sou totalmente contra a religião como se estabelece hoje e esses pastores charlatões, porém o Silas, pelo que demonstrou, é contra o fato dos homossexuais buscarem direitos exclusivos e não somente por eles serem homossexuais. Subjetividade de identidades? Pelo que pude ver o CFP que é contra isso, não o Silas. Pragmatismo às vezes dá corda a muito trololó.

  25. Marina Postado em 14/Feb/2013 às 14:48

    Resolução CFP nº 001/99 foi criada recentemente e a bíblia há milhares de anos... E é bem perceptível que a resolução não está fundada nela. O que mais revolta os seguidores de Cristo, é uma sociedade impositora que ao mesmo tempo que possui uma classe que deseja uma auto aceitação incessante, também quer que os cristãos não só aceitem uma aberração, como também compactuem com ela. ISSO NUNCA!!!

  26. Carlos Postado em 14/Feb/2013 às 22:49

    Eu Creio em um Deus que supostamente esse tal de Silas Malafaia se diz crer. Os próprios homens é que deturpam a palavra de Deus e esquecem o que Ele deixou de melhor pra gente, que é amar o próximo como a ti mesmo. E esse amor se extende ao respeito, dignidade e direitos de cada um ser o que quiser, desde que não façam nenhum mal ao próximo. Estas atitudes grotescas acontecem em diversas esferas dentro da igreja, e que infelizmente, em minha sã consciência, atitudes desrespeitosas como a do Pr. Silas devem ser repudiadas pela sociedade e demais instituições religiosas. Acredito que muitos que se dizem 'crentes" e que se escondem em um manto de hipocrisia, queimarão no inferno.

  27. Aristokles Postado em 16/Feb/2013 às 20:35

    Infelizmente o Conselho Federal de Psicologia mais uma vez está cego, pois o maior psicólogo que já existiu Jesus Cristo, disse que ele veio cumprir a lei, e está cego o que a própria lógica da natureza humana nos fala pois a propria natureza o predeterminou a ser homem ou mulher no momento da fecundação, visto que o dito conselho está esquecendo que os homossexuais necessitam de ajuda de pastores, psicologos, médicos, professores e outros professores, pois so se tratam com os psicologos os homossexuais que querem ser curados como diz o nobre Pastor e Psicólogo Silas Malafaia, mais uma vez o dito conselho federal está ferindo um princípio básico da constituição federal que a liberdade de expressão religiosa ao profissional psicologo pois o dito psicologo somente trata e trataria os homossexuais que queriam ser curados, pois muitos psicologos cristão irão tratar os homossexuais no contrabando e na ilegalidade, pois o dito conselho está indo contra 80% da população cristã no Brasil que necessita de um conselho sem dar apoio político, religioso ou social a qualquer que seja o paciente, mas dar autonomia ao psicologo e o doente que quer ser tratado independente da doença em que este queira receber. Mais uma vez o brasil está caminhando para uma ditadura de poucos que querem mandar em muitos.

  28. JULIO FERNANDES Postado em 17/Feb/2013 às 18:26

    SIM, NESTA REPORTAGEM TEMOS A POSIÇÃO DO CONSELHO DE PSCOLOGIA, E COM RELAÇÃO AS PENALIDADES PREVISTAS PARA ESTES CASOS? OU SIMPLESMENTE ESTA SERIE DE AFRONTAS A UM CONSELHO DE CLASSE E A UMA GRANDE PARCELA DA POPULAÇAO VÃO FICAR SOMENTE NUMA REPRIMENDA MATERNA?

  29. JAQUELINE Postado em 18/Feb/2013 às 15:51

    Ninguem sabe o que existe para além dos mistério divino esse paladino que fomenta o ódio ainda diz que esta a serviço de deus quem ele é na humanidade para sustentar que o que ele diz é verdade a verdade é que essa sociedade suja e hipocrita que queima indio assassina mendigo estupra criança tortura idosas joga criança da janela que eu saiba não eram homossexuais a criança que foi pega pelo montro que estuprou com 1 ano de idade depois rasgou a criança ao meio tem mais a que tinha 6 anos foi estpadra e teve os ossos do corpo todo quebrado e jogada na lixeira na india 6 estruparam bateram depois jogaram pela janela a desgraça quando se abate em nossa casa não escolhe cor raça credo nem que sexo pertence é lamentável ver pessoas que seguem esse pseudo-cientista pseudo-teologo o que é pior pseudo psicólogo nada ele é nada ele tem estamos nessa vida de passagem o que conta para deus é seu valor humano e não nossas convicções falidas e ifundadas deus quer saber quando a humanidade vai se humanizar que lástia

  30. Aristheu Postado em 20/Feb/2013 às 11:27

    o pior de tudo é que patifes dessa espécie ainda ganham passaporte diplomático!!

  31. paulo roberto machado Postado em 26/Feb/2013 às 16:33

    Este psicótico só pensa em lascar,destruir e magoar as pessoas.Que raio de pastor é este? de satanás?Eu não sou simpatizante de homosexuais mas respeito esta gente como seres humanos, acho que o governo tem que tomar providências com estes lideres religiosos que enriquecem sem contribuir com a sociedade.Impostos neles deputados e senadores...

  32. paulo roberto machado Postado em 26/Feb/2013 às 16:35

    EU GOSTARIA QUE O SENHOR SILAS MALAFAIA ME ESCLARECESSE UMA DÚVIDA, POR FAVOR.SE ELE É PSICOPATA, PSICÓTICO OU PSICAN ALHA??

  33. cristamomesmo# Postado em 01/Mar/2013 às 17:45

    Uma pergunta: quem escreveu o artigo é gay?

  34. Rafael Postado em 16/Mar/2013 às 10:33

    Vocês falam tanto hein, direitos humanos, direitos iguais... eu gostaria de saber: - o que é direito humano no ponto de vista filosófico? Lembrem dos pensamentos!, daquilo que realmente tem mais valor diante de uma sociedade. Cada vez mais nossa sociedade caminha rumo ao fim, veja os acontecimentos de hoje nos noticiários é só desgraça que acontece todo dia, agora vocês ficam lutando por direitos de igualdade, ofendendo a religião dos outros? Você que está lendo isso pode pensar o que quiser, afinal de contas ninguém pensa como o outro, você pode me chamar de homofóbico do que você quiser, pois é a sua opinião, agora do que eu deveria chamar você, quando vejo acima várias acusações contra um Pastor, várias ofensas, contra um cidadão que tem diretos assim como você. O Brasil tem tantos problemas verdadeiros para ser resolvidos e vocês ficam fazendo inferninho... olha ai a copa do mundo, está estimado um gasto de 74 Bilhões na construção de estádios, mais de 70 Bilhões na construção de uma barragem no xingu que vai funcionar apenas a metade do ano, e em vários hospitais, tem pessoas morrendo por descaso, e numa favela tem gente passando fome e muitas vezes é obrigada a entrar para o tráfico para sobreviver e no nordeste tem famílias inteiras sem água em casa para beber, olha a transposição do Rio São Fransico quantos anos essa transposição está sendo feita e até agora não chegou no ponto final, você já se perguntou quanto foi gasto nesta transposição? Pois é, vocês ficam dando atenção pra coisas que não vai trazer benefício para toda a sociedade apenas um grupinho de pessoas, veja somos mais de 190 milhões de habitantes, em quantos números são o grupo LGBT sei lá se é isso mesmo, mais pare e pense, será que o Brasil merece dar atenção pra isso no momento, enquanto coisas obscuras acontece dentro do governo? Como cada um acima deste comentário teve sua oportunidade de deixar o seu pensamento, eu deixo o meu aqui. "O Brasil precisa de pessoas unidas que tenham interesse em combater a corrupção, que tenham interesse em dar mais educação nas escolas, que tenham interesse em combater a desigualdade social, que tenham interesse em valorizar o trabalhador que é o maior patrimônio que esse país tem... enfim pessoas que se preocupem de verdade com o povo desse país".

  35. lian Postado em 18/Mar/2013 às 13:16

    Da mesma forma que os antinaturalistas são a favor da libertinagem, algus até tentando trazer de volta a pedofilia como umadoutrina de iniciação sexual para as crianças, ele é contra,po acaso não pode sê-lo?

  36. faga Postado em 18/Mar/2013 às 13:24

    Orientação sexual.é a casuística da falida psicologia que não evolui espiritualmente condicionando a alienar-se em conceitos que lhe atormentarão para sempre na via do sexo, como liberdade na explicação de sua penosa existência

  37. Caio Postado em 22/Mar/2013 às 20:25

    Psicologia é muito mais do que uma filosofia , Psicologia É uma Ciência . Apenas quem estuda sabe o quão valiosa se é . Psiquiatria e Neurologia são importantíssimas tanto quanto a Psicologia , cada uma tem a sua prioridade em sua área , que muitas vezes se cruzam , como no caso das três ;D

  38. Marcio Postado em 12/Apr/2013 às 11:43

    Perseguem o cara só por ter a opinião contra homossexuais