Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Palestina 03/Sep/2012 às 09:11
3
Comentários

Jovem americana perde o olho após repressão sofrida em protesto anti-Israel

Uma mulher norte-americana ficou cega durante uma manifestação em Jerusalém contra as incursões de Israel que impedem a entrada de donativos e mantimentos para a população de Gaza. Um hospital local confirmou, na última semana, que a moça perdeu seu olho esquerdo

emily olho israel

Mulher palestina pede socorro e tenta estancar o sangramento de Emily. Foto: AFP.

Emily Henochowicz, 21, é natural de Maryland (EUA). A jovem passou por processo cirúrgico horas após sofrer a lesão, revelou o porta-voz do hospital Yael Bossem-Levy.

Testemunhas afirmam que Emily foi atingida no rosto por um tiro disparado pela polícia de Israel. A arma, de acordo com oficiais israelenses, não é letal e as cápsulas disparam gás quente contra as vítimas.

Jonathan Polak, testemunha do incidente, lembra que jovens palestinos estavam munidos de pedras, mas Emily não participava de nenhum ato violento e observava tudo a certa distância.

Mark Tonen, representante do departamento de Estado norte-americano, afirmou, “Confirmamos que uma cidadã estadunidense, Emily Henochowicz, sofreu um ferimento grave ao ser atingida por um tiro na face, enquanto acompanhava um protesto em West Bank nas proximidades de Israel”.

Nenhum responsável pelas forças militares de Israel quis comentar o assunto.

Em uma mensagem no Facebook para a agência de notícias The Associated Press, Sarah Henochowicz, irmã de Emily, disse que a família preferia não comentar o incidente, e que se tratava de tema privado.

Consta na página do Facebook de Emily que sua cidade atual é Ramallah, West Bank. Segunda-feira ela escreveu seu último post, que dizia: “Gaza on my Mind”. Ainda de acordo com sua página na rede social, Emily é estudante da Cooper Union, uma faculdade de Nova York, e da Bezalel Academy of Arts and Design.

Um post encontrado em outra página diz: “Mensagem de Sarah Henochowicz, irmã de Emily: A todos que estão preocupados com a saúde de minha irmã, informo que a cirurgia foi um sucesso e agora ela encontra-se em recuperação no Hospital Hadassah. Eu e minha família agradecemos pelas palavras gentis e pelo apoio. O pai de Emily já está ao lado dela e irá trazê-la para casa assim que ela estiver apta para viajar”.

Agências Internacionais. Tradução para o português: Pragmatismo Politico

Recomendados para você

Comentários

  1. Leandro Coelho Postado em 03/Sep/2012 às 10:20

    O soldado certamente ficou frustrado em não ter arrancado os dois olhos da moça. Assim ela não veria o que eles fazem. Aliás, os israelenses nem precisam se da a esse trabalho. A mídia mundial já vem cegando as pessoas com muito mais eficiência.