Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Racismo não 08/Aug/2012 às 02:52
1
Comentário

Primeira negra a ganhar ouro na ginástica refuta polêmica sobre cabelo: 'eu fiz história'

Gabby Douglas recebeu mensagens agressivas nas Redes Sociais, e respondeu que as pessoas deveriam parar de se preocupar com coisas como a aparência do cabelo e avisou que não vai mudar nada por conta das mensagens

gabby douglas ouro

Gabby Douglas foi a primeira ginasta negra a ganhar medalha de ouro no individual geral.

A polêmica em torno do cabelo da americana Gabby Douglas após a conquista do individual geral da ginástica artística nos Jogos Olímpicos de Londres não afetou a atleta. Ao invés de se ater às críticas que recebeu por parte das americanas, principalmente mulheres, nas redes sociais, ela preferiu exaltar seu feito: o de primeira negra na história das Olimpíadas a levar a medalha dourada no individual geral da ginástica artística.

Em entrevista ao jornal americano USA Today, Douglas disse desconhecer de onde vem toda essa polêmica. Sem ligar para o que dizem de sua aparência, afirmou que simplesmente colocou um pouco de gel, prendeu o cabelo e o jogou para trás. A atleta ainda perguntou se estavam brincando com ela, já que acabou de fazer história e a discussão gira em torno do seu cabelo.

Os comentários sobre o cabelo de Gabby Douglas ganharam o Twitter e o Facebook logo após o ouro da ginasta, na última quinta-feira. Nos Estados Unidos, a aparência do cabelo costuma ter grande importância para as mulheres negras, sendo seu estado uma questão racial importante. Em postagens, algumas pessoas reclamavam que, com o cabelo supostamente feio, a atleta não representou bem o país nem a comunidade afro-americana.

Leia mais

Sem medo de ser julgada, a ginasta disse que todos são lindos de dentro para fora. Ela ainda complementou que as pessoas deveriam parar de se preocupar com coisas como a aparência do cabelo e avisou que não vai mudar nada por causa das mensagens.

Em transmissão da Olimpíada, NBC é acusada de racismo e se desculpa

A emissora norte-americana NBC se complicou nesta semana durante a transmissão dos Jogos Olímpicos de Londres. Depois de exibir a performance da atleta negra Gabby Douglas, primeira afroamericana a ganhar uma medalha de ouro em all-around, a soma de todas as quatro rotinas da ginástica rítmica, o canal colocou imagens de um macaco fazendo piruetas, algo que irritou o público.

Em redes sociais como o Twitter, vários usuários classificaram como racismo a maneira como a empresa colocou as imagens. A NBC, então, viu-se forçada a se desculpar publicamente. “Não era nossa intenção ofender”, escreveu a companhia em um comunicado.

A controvérsia aconteceu quando Bob Costas, jornalista esportivo, analisou o desempenho de Gabby logo depois de ela ganhar o ouro em Londres. “Há algumas garotas afroamericanas nesta noite que estão dizendo a si mesmas: ‘ei, eu gostaria de fazer isso’. Mais sobre Londres em um momento”, disse antes de chamar os comerciais.

Em seguida, o primeiro comercial mostrou um macaquinho vestindo o uniforme das ginastas e pulando em anéis similares aos usados pelas atletas nos Jogos. Trata-se de uma propaganda de “Prática Animal”, sitcom que a NBC está prestes a lançar nos Estados Unidos.

Agências

Recomendados para você

Comentários

  1. Alana Postado em 08/Aug/2012 às 10:52

    Eita mundo de futilidade e superficialidade...tudo é aparência hoje em dia, as outras questões essenciais são jogadas ao vento. Deplorável essa geração da inutilidade.