Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 11/Nov/2011 às 18:19
2
Comentários

Racismo: Insultado e arrastado por carro em movimento, jovem negro sofre sequelas

Abaixo, reproduzimos o texto de Rízia Rocha, irmã da vitima, que clama por atenção e justiça
Meu irmão, Dualsey da Rocha Silva, é estudante do curso de Ciência da Computação da Universidade Federal de Goiás (UFG) na cidade de Jataí- Goiás.

O fato ocorreu no dia 02 de novembro de 2011 por volta das 04 horas, na avenida Brasil em frente ao número 881 setor central em Jataí-GO, em uma festa organizada pelos alunos do curso de Biomedicina. A princípio ocorreu uma discussão gerada por um certo grupo de estudantes da UFG não identificado, que começaram a insultá-lo com termos injuriosos raciais como “macaco“, “neguinho“, “você devia usar o cabelo que nem homem” e a partir daí iniciou-se uma briga e em certo momento Dualsey foi puxado até um determinado veículo em que se direcionaram os estudantes envolvidos na discussão; estes deram partida no veículo e arrancaram com uma das portas abertas, enquanto seguravam meu irmão com o carro a toda velocidade.

Leia também:
Ele bateu a cabeça , está com traumatismo craniano, sofreu várias escoriações pelo rosto, braços,ouvido e está sem osmovimentos da mão esquerda. Foi internado no Centro Médico de Jataí-GO e no momento se encontra em Brasília. Os médicos estão o avaliando e provavelmente terá de passar por uma cirurgia na cabeça. A família está muito abalada e revoltada com o ato de discriminação e violência. Sabemos que muita gente que esteve na festa viu tudo e sabem quem são os agressores; principalmente o “amigo” Túlio Barbosa Gomes que acionou o corpo de bombeiros no dia.”

Pedido de Rízia Rocha

Por favor nos ajude a divulgar esse crime, alguém sabe quem são os agressores, e eles têm de ser localizados para essa história ser resolvida dentro da lei. Fizemos ocorrência na delegacia de Jataí, o delegado Marcos Rogério Ferreira Batista, disse que vai investigar o caso, para saber se foi racismo ou injúria racial, vai investigar as pessoas que estiveram na festa e o que for preciso para encontrar os agressores. Peço que nos ajude, fazendo cobranças ao delegado para que esse caso não seja engavetado como muitos outros. 

Leia mais:
Os contatos da Delegacia Regional de Jataí- GO são: (64)3620-0940/3621-0942/3632-0701 fica na Rua Dom Pedro II nº729 no centro.

Comentários

  1. Jaque Postado em 14/Nov/2011 às 14:03

    só o ser humano é capaz de uma brutalidade dessas; ele esquece que sob a pele, seja ela de que tom for, o sangue de qualquer um é igualmente vermelho
    desejo que o rapaz se recupere e que esses monstros sejam capturados e punidos.

  2. Mariana Postado em 16/Nov/2011 às 13:47

    123 anos e nada mudou. Revoltante!

O e-mail não será publicado.