Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 20/Sep/2011 às 23:26
0
Comentários

Fim da lei do silêncio encoraja soldado revelar homossexualidade ao pai, via youtube

No vídeo, o soldado conta ao pai que é gay e pergunta se eleainda o ama

Um soldado norte-americano assumiu ao pai nesta terça-feira(20/09) sua homossexualidade e transmitiu a conversa ao mundo por meio de um vídeono Youtube. O militar decidiu fazer a revelação no dia em que foidefinitivamente revogada a política que proibia os membros das Forças Armadas nosEstados Unidos de “saírem do armário”, e também impedia que eles fossemquestionados ou discriminados por isso —o chamado “Don’t Ask, don’t tell” (nãopergunte, não conte).
Leia também:
O soldado já tinha uma página bastante acessada no Youtube,além de uma conta no Twitter, em que discutia o tabu da homossexualidade entreos militares. No entanto, ele nunca havia mostrado seu rosto. Sabe-se queatualmente o militar está servindo em uma base dos EUA na Alemanha, mas ele aindanão teve seu nome divulgado.
Leia mais:
 
No vídeo, o soldado conta ao pai que é gay e pergunta se eleainda o ama. A resposta é positiva. Em sua conta no Twitter, ele disse que areação do pai, que mora no estado do Alabama, foi “melhor do que imaginava“. Jásobre sua mãe, ele diz não ter certeza.
A política do “Don’t Ask Don’t Tell” nos EUA foi estabelecidapor uma lei federal em 1993, e proibia qualquer um que demonstrasse “propensão ou intenção de se envolver em atoshomossexuais” de servir nas Forças Armadas. A justificativa era queisso poderia criar um “risco inaceitável para os altos padrões de moral,ordem, disciplina e coesão das unidades que são a essência das capacidadesmilitares”. 
Leia mais:
A revogação dessa lei foi uma das promessas de campanha dopresidente Barack Obama.

_

Opera Mundi

Comentários