Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 24/Nov/2010 às 12:02
0
Comentários

Imprensa antiga ainda crê que povo é massa de manobra, diz Lula a blogueiros

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu entrevista a blogueiros nesta quarta-feira, na qual falou sobre sua relação com as empresas de comunicação ao longo de seus oito anos no governo. Lula criticou o que chamou de “imprensa antiga”, por pensar que o povo é massa de manobra. “Eles se enganam, o povo está mais inteligente, sabido”, afirmou.
Para Lula, o crescimento da internet como meio de informação dos brasileiros obriga a mídia tradicional a mudar o seu comportamento. “Ela (mídia) é desmentida em tempo real, tem que se explicar. Acho isso extraordinário”, disse o presidente, que declarou seu desejo de estender a informação a toda a população.

A íntegra da entrevista aos blogueiros

“Acho que vamos trabalhar para democratizar a mídia eletrônica e vamos trabalhar para que o leitor brasileiro fique cada vez mais sabido, inteligente, eu diria. Controlador da sua própria vontade, e isso está acontecendo no Brasil agora”, afirmou.
Segundo o presidente, os principais veículos da mídia tradicional não reproduzem a realidade brasileira. “Eu fico com medo que daqui a cem anos, quando (alguém for) pegar um jornal ou uma revista para conhecer a história, a impressão vai ser a pior possível. Vai ter que comprar uma revista americana, inglesa, ou pegar informações da internet. Se você pegar uma parte do noticiário da imprensa brasileira, você não conhece o que acontece no Brasil”, criticou.
Lula ainda se disse orgulhoso de nunca ter precisado cortejar a imprensa para manter a estabilidade de seu governo. “Você sabe que eu tenho problema público com a chamada ‘mídia antiga’. Eu tenho orgulho de terminar meu mandado sem ter almoçado ou jantado em revista ou jornal”, disse. Apesar das críticas, o presidente reafirmou o compromisso de defender a liberdade de imprensa. “Sei que distorceram informações. 
Mas eu dizia que, para mim, eu sou o resultado da liberdade de imprensa desse País, com todos os defeitos que ela tem”, afirmou.
Regulação da mídia
Questionado por blogueiros, Lula voltou a comentar a polêmica envolvendo a 1ª Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), que traçou metas de regulação da mídia e foi boicotado pelas entidades que representam os principais grupos empresariais do setor. Segundo o presidente, a acusação de que o governo pretende censurar a imprensa é infundada.
“O (ministro da Comunicação Social) Franklin Martins, quando convocou a conferência internacional, trouxe Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha, Espanha, Portugal e França, e todo mundo disse que lá tem regulação, sim, e não é crime. É crime ter censura. Mas ter regulação não é crime”, afirmou.
Para Lula, a participação da sociedade nas discussões da Confecom dão respaldo ao governo para levar adiante as propostas debatidas no encontro. “Nós agora temos uma coisa dita pela sociedade brasileira que nos dá garantia de que nós não somos um governo maluco que inventou uma discussão porque quis investir”, disse.
Lula disse ainda que pretende apresentar até o fim de seu mandato um esboço do projeto de lei que regula a atuação da imprensa. A responsabilidade de encaminhar o texto ao Congresso, entretanto, será de sua sucessora, a presidente eleita Dilma Rousseff. “Espero ter condições de apresentar um texto antes de terminar meu mandato e passar para Dilma. Ela certamente vai fazer o debate e levar para o Congresso Nacional”, afirmou.
Entrevista
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu nesta quarta-feira uma entrevista coletiva para dez blogueiros independentes. Este foi o seu primeiro encontro formal com a chamada blogosfera. A iniciativa surgiu de organizadores do primeiro Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, realizado em agosto, em São Paulo.
Um fórum de internautas escolheu os dez participantes da coletiva. Recentemente, o presidente se declarou um entusiasta desta plataforma de comunicação. Também em agosto, entrou no ar o Blog do Planalto.
Nesta manhã, durante a transmissão no Blog do Planalto, a entrevista teve grande repercussão no Twitter. A hashtag #lulablogs chegou a ficar em primeiro lugar nos Trending Topics mundiais.
Com informações do Terra

Comentários