Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Esquecer Para Lembrar 11/Nov/2010 às 17:08
3
Comentários

Esquecer Para Lembrar: África

A África foi centro do sistema global por pelo menos quatro séculos. O principal fator da cobiça e exploração secular do território agora já está sedimentado, tudo dominado. Não existe preocupação com as pessoas, mas interesse pelo que o continente possui: a abundância dos recursos minerais.

Uma imagem, ou uma sequência delas, vale mais que mil palavras. Esquecer para lembrar é o espaço que este site destina a partir de hoje para retratar acontecimentos históricos em fotos emblemáticas. São fotos que revelam o poder que poderemos ter em aproveitar e documentar o nosso tempo. Toda semana, uma nova postagem com diferentes imagens.

Os amigos também poderão participar ativamente enviando sugestões de fotos para publicações futuras. Envie o link da imagem sugerida seguido de alguma referência para dar luz ao que ela representa, no seguinte endereço: [email protected]

Esquecer para lembrar

As duas imagens selecionadas para iniciar o quadro simbolizam a miséria que assola o continente africano. A África foi centro do sistema global por pelo menos quatro séculos. O continente detém: 80% das jazidas de diamante conhecidas; 60% do ouro do mundo ocidental; 30% do alumínio mundial; 35% das reservas de zinco do Ocidente; maiores reservas de cobre do Planeta encontram-se na Zâmbia e na República Democrática do Congo; 50% dos depósitos de fosfato encontra-se no Marrocos.

O principal fator da cobiça e exploração secular do território agora já está sedimentado, tudo dominado. Não existe preocupação com as pessoas, mas interesse pelo que o continente possui: a abundância dos recursos minerais.

1) 1980. Uma criança (foto abaixo) em Uganda perto de morrer de fome e um missionário.

africa fome miseria

2) Em 1994, o fotógrafo Sudanês Kevin Carter ganhou o prêmio Pulitzer de fotojornalismo com uma fotografia tomada na região de Ayod (uma pequena aldeia em Suam), que percorreu o mundo inteiro. (foto abaixo)

africa fome miseria

A figura esquelética de uma pequena menina, totalmente desnutrida, recostando-se sobre a terra, esgotada pela fome, e a ponto de morrer, enquanto num segundo plano, a figura negra expectante de um abutre se encontra espreitando e esperando o momento preciso da morte da garota. Quatro meses depois, abrumado pela culpa e conduzido por uma forte dependência às drogas, Kevin Carter suicidou-se.

Luis Soares, Pragmatismo Politico

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários

  1. Katarina Postado em 11/Nov/2010 às 17:49

    A maior parte da responsabilidade pela miséria da Africa se deve ao colonialismo e nada é feito para reduzir esse abismo historico, a não ser as esmolas internacionais que vem sempre com interesses. Um continente rico, com imensa maioria dos recursos na mao de uma minoria, e a maioria da população devastada pela fome, doenças e guerras. As fotos são de partir o coração

  2. tininha Postado em 22/Jul/2011 às 01:05

    O pior é que muitas pessoas, "cultas", com nível superior, ainda são capazes de acusar os próprios africanos por essas atrocidades.Como se com esse discurso fosse possível aliviar suas consciências, afastando o fantasma do racismo e da desumanidade com que foi tratado este continente. Ignoram completamente a história, as mazelas trazidas por séculos de escravidão e colonialismo.