Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 02/Aug/2010 às 18:35
0
Comentários

PT é o partido de maior preferência dos brasileiros, apontam pesquisas

O PT é o partido preferido dos brasileiros, segundo sondagens divulgadas nesta semana por três institutos de pesquisa. De acordo com o Ibope, a legenda conta com a preferência de 29% dos eleitores. O DataFolha indica que 25% da população vota no PT. Segundo o Vox Populi, o partido tem a simpatia de 18% do eleitorado.

O jornal Folha de S.Paulo reconhece que o PT é o “partido mais popular do país desde o ano 2000“. De acordo com a publicação, a preferência pela legenda pode resultar em aumento da bancada petista na Câmara. “Há 20 anos existe grande correlação entre o índice de preferência do PT e o total de votos que o partido obtém para seus candidatos a deputado federal. Se a correlação se mantiver na disputa deste ano, o PT poderá eleger mais de cem deputados federais”, aponta a matéria “Aprovação mais alta do PT projeta bancada recorde”, veiculada nesta segunda-feira.

As legendas de oposição – PSDB e DEM (ex-PFL) – estão bem atrás na preferência do eleitorado. De acordo com números do Ibope, os tucanos contam com 7%, enquanto os demos somam apenas 1%. A mesma tendência é verificada na sondagem do Vox Populi: o PSDB aparece com 4%, enquanto o DEM nem chega a ser mencionado pelos eleitores.

O PT lidera nas cinco regiões do País. Segundo o Ibope, o melhor desempenho é no Nordeste, onde a legenda tem a simpatia de 33% da população. Nas regiões Norte, Centro Oeste e Sudeste, o partido aparece com 29%. No Sul, com 18%. De acordo com o Vox Populi, o partido também prevalece no Nordeste, com 21%. No Centro Oeste e no Sudeste, a legenda soma 18%. No Sul e no Norte, o partido tem 16% e 14%, respectivamente.

O secretário nacional de Comunicação do PT, deputado André Vargas (PR), destaca que o partido tem “uma força eleitoral e política reconhecida pela população”. “As pessoas ligam o governo do presidente Lula ao nosso partido. A oposição nos ataca porque sabe desta força do PT”, afirmou.

Folha de S.Paulo e PT na Câmara

Comentários

O e-mail não será publicado.