Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Política 28/Aug/2010 às 17:21
0
Comentários

Pesquisa Ibope dá 24 pontos de vantagem para Dilma sobre Serra

Pesquisa Ibope divulgada neste sábado mostra que a candidata do PT àPresidência, Dilma Rousseff, abriu 24 pontos de vantagem sobre JoséSerra, candidato do PSDB.
A petista tem 51% das intenções de voto contra 27% do tucano. Amargem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.
No último levantamento, os índices eram de 43% e 32%, respectivamente.A enquete anterior foi feita antes do início do horário eleitoral na TVe no rádio. A vantagem de 24 pontos, portanto, reflete os dez dias deexposição dos candidatos nos meios eletrônicos.
A candidata do PV, Marina Silva, caiu para 7%, ante os 8% averiguados na última pesquisa.
Somados, todos os adversários de Dilma tem 35% das intenções devoto, 16 pontos percentuais a menos do que ela. Se a eleição fossehoje, a ex-ministra venceria no primeiro turno com 59% dos votosválidos.
A performance de Dilma já pode ser comparada à do presidente LuizInácio Lula da Silva na campanha de 2006. Na época, no primeiro turno,Lula teve 59% dos votos válidos como teto nas pesquisas.
 
Estados
A candidata petista passou Serra em São Paulo, Estado que o tucanogovernou até o início do ano. Entre os paulistas, 42% declararam votoem Dilma, e 35% em Serra.
Em Minas Gerais, a ex-ministra tem o dobro de votos do adversário: 51% contra 25%.
São Paulo e Minas são os dois maiores colégios eleitorais do país.
No Rio de Janeiro a pesquisa mostra um cenário ainda pior para a campanha tucana. Dilma abriu 41 pontos de vantagem: 57% a 16%.
 
Regiões
No Nordeste, a petista tem mais do que o triplo de intenções de voto, chegando a 66% contra 20% de Serra.
No Sudeste, vence por 44% a 30%, e no combinado Norte/Centro-Oeste, por 56% a 24%.
No Sul, há um empate técnico: 40% a 35%, com vantagem para Dilma. Éa única região onde a margem de erro é de 5 pontos percentuais. Nacomparação com o último levantamento, a petista subiu cinco pontos, eSerra caiu nove.
 
Renda
Entre os eleitores que têm renda familiar de até um salário mínimo, 58% manifestam a intenção de votar em Dilma, e 22% em Serra.
Há um empate no eleitorado com renda superior a cinco salários: a ex-ministra tem 39%, e o ex-governador, 38%.
 
Rejeição
A taxa de rejeição à candidata petista caiu dois pontos e ficou nacasa dos 17%. Já em relação a Serra, 27% dos entrevistados afirmaramque não votariam nele.
Segundo o Ibope, 88% sabem que Dilma é a candidata de Lula.
 
Votos válidos
De acordo com o Ibope, considerando-se apenas os votos válidos,excluindo brancos, nulos e indecisos, Dilma tem hoje 59% das intençõesde voto, Serra, 32%, e Marina, 8%. Outros candidatos não atingiram 1%.O candidato do PCO, Rui Costa Pimenta, não foi citado pelosentrevistados. Nesse cenário, se as eleições fossem hoje, Dilma poderiaser eleita no primeiro turno.
 
Segundo turno 
Em um eventual segundo turnoentre Dilma e Serra, o Ibope apurou que a petista teria 56% e Serra,32%. Brancos e nulos seriam 6%, e indecisos, 7% (a primeira versão deste texto apontava, erradamente, que Dilma teria 55% no segundo turno). Na pesquisa anterior, as taxas de Dilma e Serra eram de 48% e 37%, respectivamente.
 
Avaliação do governo 
O levantamento tambémmostrou como os eleitores avaliam o governo Lula. Para 78%, o governo éótimo ou bom; para 17%, regular; para 4%, ruim ou péssimo.
 
Registro
A pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, realizada entre os dias 24 e 26 deagosto, ouviu 2.506 eleitores em todo o país. Ela está registrada noTSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número 26139/2010.

Comentários