Luis Soares
Colunista
Compartilhar
Mídia desonesta 20/Nov/2009 às 16:29
0
Comentários

Desperdício: o rancor das velhas raposas!

desperdicio rancor mídia desonesta jornalista pt esquerda

O tema do programa CANAL LIVRE, da TV BANDEIRANTES, no dia 15 de novembro último, era o que mudou na política brasileira nos últimos vinte anos, a partir da eleição presidencial de 1989, quando Lula e Collor chegaram ao segundo turno e o petista acabou perdendo na reta final.

O povo brasileiro voltou a escolher seu presidente através do voto direto depois de, praticamente, trinta anos de jejum, que começou após a vitória de Jânio Quadros e seu vice João Goulart, em 1960, passando pelos vinte anos da ditadura militar e terminando no último ano do governo Sarney. Portanto, existia um fortíssimo material para análises comparativas e até especulativas, que seriam de grande valia tanto para os estudiosos como para o público em geral e, notadamente, para os mais jovens. O que se viu, no entanto, foi a ocupação do precioso espaço com o propósito indisfarçável de descaracterizar por completo a era Lula.

Os jornalistas Boris Casoy, Joelmir Betting, Antônio Teles e Fernando Mitre não se portaram com a isenção que era de se esperar partindo de suas conceituadas imagens no cenário jornalístico do país. O rancor dirigido ao atual presidente foi digno de nota na medida do constrangimento sentido pelos telespectadores mais articulados e sensíveis.

O objetivo do programa, pois, foi malhar o governo Lula em todos os aspectos e ignorar seus méritos. Comportamento desse tipo representa um desalento para os que almejam que a política profissional no Brasil atinja um grau de maturidade que permita se vislumbrar tempos mais prósperos para a nação brasileira.

*Luis Soares é escritor, colunista e editor de Pragmatismo Político

Acompanhe Pragmatismo Político no Twitter e no Facebook

Recomendados para você

Comentários